PMDB de Curitiba lança comitê Osmar-Requião. Gleisi ficou fora | Fábio Campana

PMDB de Curitiba lança comitê Osmar-Requião. Gleisi ficou fora

O PMDB de Curitiba lança neste sábado seu primeiro comitê de campanha, intitulado “Paraná Social”. Segundo o presidente do partido na Capital, Doático Santos, a ideia é atrelar o esforço eleitoral ao programa da legenda, já que pela primeira vez em muito tempo os peemedebistas não terão um cabeça de chapa na eleição para o governo.

“Vamos nos concentrar na campanha do Osmar (Dias) e do Requião”, explica Doático, dando a entender que o partido não pretende fazer qualquer esforço em favor da petista Gleisi Hoffmann, que ao lado de Requião, disputa uma vaga no Senado pela coligação.


19 comentários

  1. anonimo
    sábado, 10 de julho de 2010 – 10:58 hs

    agredite se queser,os dois estao ou nao juntos é ou nao uma estrategia politica,eles vive emtre tapas e beijos, o osmar dia é mais amigo de requiao do que do proprio,irmao segundo o que se ve por ai a fora,juntos bem juntinhossssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss.vou de Beto richa

  2. Parreiras Rodrigues
    sábado, 10 de julho de 2010 – 11:57 hs

    É, Cada qual com o seu cada qual. Dos outros lados: Osmar, Gleisi e Gustavo e Beto Richa, Gleise e Gustavo. Tudo isso indica que um senador poderá ano que vem dedicar-se à agropecuária, um ex-prefeito partir para o exercício da engenharia civil. A menos que suas cabeças de chapa à presidência se elejam. Dai, pinta ministério ou coisa que o valha. Quando ao senado, um dep. federal será assessor da esposa e um ex-gov. começará a trabalhar ou num escritório de advocacia ou numa redação de jornal, Hora H, por exemplo.

  3. sábado, 10 de julho de 2010 – 12:48 hs

    Nem elles se entendem, não dá prá confiar nessa anarquia .

  4. O Povo
    sábado, 10 de julho de 2010 – 12:53 hs

    O Cachorro do dono reapareceu no cenário?
    Ele já cumpriu e foi localizado pelos oficiais de justiça que correm atrás dele pelos bares da cidade onde é achado sempre mais tonto do que é quando está sóbrio!

  5. Acordaram.....
    sábado, 10 de julho de 2010 – 13:15 hs

    Acordaram o bobo da corte, reapareceu o chupim do erário, capacho da maria louca, ventríloco…. agora o chefe mandou ele ser amiguinho do urtigão, antes, inimigo, latifundiário, agente do agronegócio……… é, vida de capacho é assim…

  6. Duval Simões Araújo-Londrina
    sábado, 10 de julho de 2010 – 16:02 hs

    Esse depende da vitória de Osmar para tentar se manter na teta do governo do estado. Tem muitos como ele do PMDB nativo que vão vestir a camisa do Osmar com a única finalidade: – Manter-se no poder e nos cargos comissionados que detém. Só precisa combinar com o Osmar antes. Ele não respeita nem o que assinou, imagine o que prometer apenas de bôca?
    Abra o olho fiel escudeirto de Requião. O esforço pode ser em vão..Também pode ser em vão, primeiro pode atrapalhar Requião em Curitiba, pois os índices de aprovação de Beto superaram até o Lula e ser contra ele declaradamente pode não ser bom negócio . E em segundo lugar, que a vitória de Osmar vai ser bem difícl de ocorrer.

  7. Mutuka
    sábado, 10 de julho de 2010 – 18:02 hs

    Esse Tal Don Ático deveria ser Coxa!

  8. PATO DONALD
    sábado, 10 de julho de 2010 – 19:20 hs

    SEMPRE FUI E SOU PMDB, É ISSO AI PMDB- REQUIÃO E NÃO TEM PARA A BARBIE, ACABOU, FORA GLEISE , E SE DER POR BAIXO DOS PANOS VAMOS DAR UMA MÃOZINHA PRO BETO TAMBÉ.

  9. paulo
    sábado, 10 de julho de 2010 – 20:01 hs

    o pt so quer eleger a gleise esses palhaços que se lasquen e gleise

  10. José Carlos Andrade
    sábado, 10 de julho de 2010 – 20:40 hs

    Doático no comando??? Agora a vaca foi para o brejo!

  11. sábado, 10 de julho de 2010 – 21:41 hs

    Esta é a turma da discórdia,Urtigão se você for inaugurar este comitê você vai estar mais ferrado do que já está…..

  12. Sandro
    domingo, 11 de julho de 2010 – 0:02 hs

    Quem escuta o doático?

  13. Carlos .
    domingo, 11 de julho de 2010 – 0:26 hs

    A esvaziada e pouco representativa inauguração do Comitê Paraná Social

    Rodrigo Rocha Loures, o peemedebista candidato a vice-governador do Estado do Paraná pela coligação, participou neste sábado da inauguração do Comitê Paraná Social. A inauguração se deu sob a direção da batuta torta do Doático. Ela ocorreu em um ambiente com poucas pessoas representativas e tão animado quanto o grau da cizânia interna na Frente, o que o torna diferente do que foi a semana da campanha realizada no interior, onde a companhia do Rodrigo nos trabalhos foram a Gleisi e o Osmar.

    Este Comitê tem por fim o objetivo mascarado de encaminhar em separado as candidaturas do Requião/Osmar, já que o PT do Paulo Bernardo tomou o mesmo caminho em relação à candidatura da Gleisi/Osmar.

    Para o Rodrigo restou a terrível missão de coordenar a majoritária na região metropolitana de Curitiba, terreno em que ocorrerá a principal disputa em relação a campanha e local onde o Beto Richa possui a hegemonia.

    Neste grandioso colégio eleitoral, que é a metropolitana, também ocorrerá a principal disputa em relação ao senado, já que em Curitiba e cidades arredores a Gleisi, o Gustavo e o Requião possuem historicamente as maiores penetrações e consolidações de votos, por aqui terem o seus domicílios eleitorais.

    É público e notório o fato de que as relações entre o Requião e a maior parte do comando do PT estão estremecidas, o que não difere do que ocorre entre ele e o agrupamento o qual o Pessuti capitaneia.

    O Rodrigo só se tornou candidato a vice pela vontade do Pessuti, do Temer e do Paulo Bernardo, todos desafetos do Requião, o que torna a sua missão em relação a unificação da campanha na metropolitana uma tarefa um tanto espinhosa e quase impossível de se tornar realidade.

    A presença do Rodrigo nesta reunião convocada pelo Doático é uma mostra de boa vontade, mas é apenas um passo pequeno para a sua tarefa se tornar realidade, pois a unificação depende de outros fatores e agentes, já que a discórdia entre os dirigentes partidários é antiga e está enraizada.

    O evento contou com a presença de poucas lideranças do PMDB, em sua maioria ligadas ao grupo do Requião, com o agravante da sentida ausência do grupo do Pessuti e dos dirigentes do PT e do PDT.

  14. Fred Mercury Prateado
    domingo, 11 de julho de 2010 – 0:29 hs

    O Doático tem emprego? Tem família? Tem voto? O Doático deveria ser enfermeiro… É, pois para luva cirúrgica ele tem vocação. As operações sangrentas ficam sempre a cargo dele. Coitado.

  15. claudemir
    domingo, 11 de julho de 2010 – 9:49 hs

    COM ESTE CHUPIM NESTE COMITE VAI DE MAL A PIOR, COITADO DO OSMAR VAI PARA O FUNDO DO POÇO JUNTOS DE MÃOS DADA ATE NUNCA MAIS, ORTIGÃO, REQUIÃO, DUATIÇÃO, E CLARO A BARBY ATE NUNCA MAIS

  16. bico doce
    domingo, 11 de julho de 2010 – 9:53 hs

    Doático, conta de onde virá a verba para este comite fajuto, da Cohapar? Como vai enrolar os representantes do Tribunal faz de Contas que lá estão investigando? Vai contratar mais parentes dos mesmos via terceirização? Essa estratégia já está bem manjada tenta outra.

  17. Jacarezinho
    domingo, 11 de julho de 2010 – 12:35 hs

    Doático: Olhe para o treinador, diga que está caghado e peça para sair de campo.

  18. Maria José
    domingo, 11 de julho de 2010 – 22:59 hs

    QUEM É ESTE TAL DOÁTICO NÓS PARANAENSES O CONHECEMOS!!!!!!!!!!!!!!????????????? OSMAR VC NÃO DEVE SER O OSMAR DIAS QUE SEMPRE VOTEIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII
    NÃO DÁ PARA ACREDITARRRRRRRRRR

  19. Maria José
    domingo, 11 de julho de 2010 – 23:00 hs

    DIANTE DE TUDO….TENHO QUE SER…. B E T O R I C H A…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*