PT e PDT ainda discutem alianças | Fábio Campana

PT e PDT ainda discutem alianças

No entendimento do deputado André Vargas, a aliança com PT, PDT e PMDB ainda é possível

Apesar das inúmeras tratativas e das trocas de “farpas” entre as partes, o secretário nacional de Comunicação do PT, deputado federal André Vargas, ainda acredita nua aliança entre o PT e PDT para o governo do Paraná nas próximas eleições. “Temos pontos de vista diferentes. O senador ainda entende que a Gleisi (Hoffmann) deva ser candidata a vice na sua chapa, mas ela será ao Senado. Também achamos que ele deva concorrer ao governo do estado, se possível com o PMDB, se não for possível ele deva concorrer nesta frente política para fazer a diferença”, enfatizou.

O deputado ressalta que o Osmar dias tem hoje cerca de 33% das intenções de voto do eleitorado, podendo vencer as eleições no primeiro turno. Em havendo a candidatura de Orlando Pessuti, ele poderia ir para o segundo turno e vencer, avalia o deputado. “Ele quase venceu (Roberto) Requião na última eleição. Nós todos temos de ter calma. É preciso ver o Paraná e o Brasil que nós queremos. A Dilma Rousseff tem o mesmo número de intenção de votos que o Osmar tem aqui no estado. Essa soma faria muito bem ao Paraná”, ressalta o deputado.

Segundo ele, a hora não de usar o fígado e sim a cabeça para tomar as melhores decisões. Pois esta aliança “estratégica” poderia ajudar na eleição de Gleisi e Requião para o Senado. Vargas ressalta que o PMDB governa o Paraná e tem toda a legitimidade para se candidatar. Ele cita também os exemplos de Nedson Micheleti, que em 2000 venceu as eleições tendo apenas 0,8% das intenções e votos no início da campanha. O mesmo ocorreu com o ex-prefeito de Maringá, José Cláudio e de Ponta Grossa, Péricles Holleben, que tinham índices baixos nas pesquisas e venceram as eleições.

“Entendo que todos devam estar juntos. Senão no primeiro turno, no segundo turno, mas para isso é preciso um líder que enfrente de fato Beto Richa, que é candidato da elite curitibana. Se eventualmente Osmar não sair, o que seria lamentável, o Pessuti seria esse alguém para mostrar que não é possível eleger alguém que não tenha qualificação para ver o conjunto do Estado Paraná”, declarou.


8 comentários

  1. PIRATA
    sexta-feira, 4 de junho de 2010 – 16:22 hs

    http://www.youtube.com/watch?v=qp8pMmkHqU8&feature=topvideos
    mandem esses caras do PT a PQP

  2. Carlos Albertp
    sexta-feira, 4 de junho de 2010 – 16:32 hs

    Este andré vargas deve ter levado uma comida de r*bo do pudim de cachaça que voltou a falar mansinho do Osmar, do Pessutão…

    kakakakaka

    Estes petralhas não sabem a diferença entre HUMILDADE e SUBSERVIÊNCIA.

    O pudim-de-cachaça não quer parceiros humildes (umilde como ele mesmo escreveria). Os petralhas querem parceiros SUBSERVIENTES.
    Como a maioria dos militantes petralhas são.
    SUBSERVIENTES.

  3. PARANAGUÁ
    sexta-feira, 4 de junho de 2010 – 16:55 hs

    KKKKKKKKKKKKK ESTE GORDO É UMA PIADA DE MAU GOSTO PARA O PARANÁ. FORA SEU ESCROTO

  4. sexta-feira, 4 de junho de 2010 – 18:50 hs

    Esse AV ainda pensa que engana alguém ??
    Esse não engana nem os alopradinhos

  5. olho no olho
    sexta-feira, 4 de junho de 2010 – 21:12 hs

    Porque nao te calas, Bocão!

  6. PAULO ASSAD
    sábado, 5 de junho de 2010 – 7:40 hs

    O BLOG É SEU,EU SOU LEITOR,PENSEI QUE AQUI PUDESSE COLOCAR O QUE PENSO DOS POLITICOS EM GERAL COM ALGUMAS EXCEÇÕES, LEDO ENGANO MEU, AQUI TAMBEM TEM QUALQUER COISA DE ESQUISITO, NÃO PASSOU NO CRIVO, E MEUS COMENTARIOS A RESPEITO DO DEP. VARGAS NÃO FORAM OFENSIVOS,ELE JA ESCUTOU COISAS PIORES NA TRIBUNA DA CAMARA. O PT. PARECE QUE CONSEGUIU TRANCAR TUDO.

  7. Prof Luiz Gonzaga
    sábado, 5 de junho de 2010 – 16:19 hs

    Na plenária supra partdidária de hoje em Maringá, ficou claro que o Pessuti é a melhor opção para o PT. O minsitro paulo Bernado e o ênio verri evidenciou isto no discursso. que vença o PR.

  8. Luis
    sábado, 5 de junho de 2010 – 18:20 hs

    Este militonto acha que engana alguém,so seu aloprados.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*