Pessuti reafirma a candidatura | Fábio Campana

Pessuti reafirma a candidatura

Da versão impresa do Hora H

O governador Orlando Pessuti reafirmou que é candidato à reeleição no jantar que ofereceu aos deputados, terça-feira, no Palácio das Araucárias.

Mostrou pesquisa que aponta que já chegou a dois dígitos.

A mesma pesquisa mostra o tucano Beto Richa seis degraus à frente do pedetista Osmar Dias.


14 comentários

  1. ...
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 14:01 hs

    MAS O ZERO NA FRENTE CONTA COMO DÍGITO, NÃO?

  2. Duval Simões Araújo-Londrina
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 14:10 hs

    E SE TIVER O PT COMO ALIADO VAI PARA O 2º TURNO COM O BETO, COM CHANCES DO PMDB FICAR DOZE ANOS SEGUIDOS GOVERNANDO O PARANÁ.
    É MOLE?

  3. OLIVIR PEREIRA DE PAULA - PTB
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 14:21 hs

    no dia da posse do gioverandor pessuti, eu estava lá, cumprimentei e dei meus parabens a ele, pelo discurso que fez, cinceridade e honestidade é isso que os politicos precisam ter

  4. luis tormenta
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 14:27 hs

    PESSUTÃO SE O SNR, QUER GANHAR MUITOS VOTOS RESOLVA O PROBLEMA DA SEGURANÇA EM CURITIBA, CASO CONTRÁRIO ESQUEÇA AS ELEIÇÕES.

  5. ILDO BALDO
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 16:39 hs

    E EU ESTOU COM ELE E VAMOS GANHAR

  6. Lelo
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 18:12 hs

    Com todos os acontecidos na Assembléia, ainda são convidados para jantar com o dinheiro do povo? Esse Pessuti não tem vergonha na cara!

  7. Carlos Alberto
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 19:15 hs

    Essa sobre segurança é importante. No interior do interior, qualquer confusão é logo atendida pela polícia que é muito atuante. Aqui em Ctba, ontem, na praça de eucaliptos, nos fundos do Museu do portão, presenciei um motoqueiro assaltando carros. Avisada, a polícia apareceu 20 minutos depois. Tem que mapear os locais onde eles agem e colocar polícia na rua. É assim que o crime sera resolvido e a campanha do Pessutti poderá decolar aquí na Capital.

  8. Ari
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 20:44 hs

    O Stephanes Junior saiu fora no inicio da reuniao. Pessutao vai ficar sozinho. hehe

  9. Geraldo
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 20:50 hs

    Cinceridade com cê é de matar hein Olivir?…

  10. Marcos Pop
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 21:01 hs

    SE PELA PESQUISA DO PMDB BETO JÁ ESTÁ 6% NA FRENTE DE OSMAR, O QUE REPRESENTA MAIS DE 400 MIL VOTOS, QUANDO COMEÇAR A CAMPANHA DE BETO/SERRA, A DIFERENÇA VAI PASSAR DE 600 MIL VOTOS. AÍ NO 2º TURNO PODE SE REUNIR OSMAR E PESSUTI COM O PT, QUE NÃO PEGAM MAIS O BETO.

  11. Austragésilo
    sexta-feira, 7 de maio de 2010 – 22:39 hs

    Muito bom o comentário do Nilso Sguarezi, atingiu o ponto.
    Pessuti tem todo o direito de formar a sua equipe de trabalho, com gente de sua confiança e exercer o direito constitucional que lhe é outorgado nas urnas.

    Afinal, ser VICE não é uma função DECORATIVA – pode ser para alguns, quando não chegados ao trabalho e que gostam de ficar fazendo politicagem, ao invés de usar os neurônios para encontrar solução para os problemas que afetam a sociedade e, notadamente, os menos favorecidos.

    O QUE NÃO É o caso de Pessuti que na qualidade de vice-governador e Secretário de Estado sempre demonstrou competência ao dialogar com os paranaenses e demais autoridades locais e nacionais, na busca do entendimento.

    Correu o estado de ponta a ponta procurando melhorar a imagem do governo e promover os projetos em andamento e pedindo a integração de todos.

    Homem experiente na política, com traquejo suficiente para contornar situações difíceis, mostrou-se ser um excelente conciliador.

    Sem perder a firmeza, busca dar a recíproca do voto conquistado nas urnas. Quando necessário, levanta a voz, não para agredir, mas para mostrar que o Estado tem comando. Não corre solto, nem frouxo.

    Aliás, votos estes que ajudaram e muito, o ex-governador RR a se eleger para o governo do Estado. É sabido, porém, que o vice nem sempre pode corresponder à altura da necessidade ou das expectativas do eleitor.

    Pois, sua ação depende sobremaneira do espaço que lhe concede o mandatário do cargo que, dependendo de sua personalidade, pode senão bloquear a sua ação junto à população, mas truncar, prejudicar, amarrar para não dar visibilidade política ao vice e, dessa forma, depreciar a sua imagem junto ao seu eleitorado. Isso é comum nos quatro cantos do país. E aqui não foi diferente.

    Porém, Orlando Pessuti deu a volta por cima, mesmo nos momentos mais delicados, e soube exercer a paciência – de Jó! – e aguardar o momento propício para mostrar do que era realmente capaz.

    Como manda a lei, o governador em exercício se desincompatibiliza do cargo para concorrer a outro mandato eletivo e o vice assume. Ao assumir, é de direito montar a sua própria equipe e comandar, dali para frente, pelo tempo que lhe resta, e da melhor maneira possível, apesar do tempo exíguo: nove meses.

    Portanto, todas essas críticas são infundadas, desnecessárias e de puro casuísmo. Para o Estado, não acrescenta nada. Para Pessuti, basta não se deixar melindrar e fazer o que precisa ser feito.

    E o povo dará o veredicto nas urnas. O lugar sagrado da manifestação democrática.

    Austragésilo Penaforte

  12. sábado, 8 de maio de 2010 – 11:08 hs

    ACHO O PESSUTI TEM CHANCES DE CHEGAR AO SEG, TURNO ,MAS TEM QUE SE MOSTRAR FIRME,PRINCIPALMENTE EM FATOS COMO DA TELEVISAO EDUCATIVA ,ESCLARECER O QUE PRECISA SER ESCLARECIDO,COMO CASO DA DIRECAO DA CASA ,TOT. ILICITA A MANEIRA COMO ESTA SENDO CONDUZIDA,AFASTANDO O DIR, PRESIDENTE MARCOS BATISTA E SEUS AUX. DIRETOS,POIS SE COLOCAR O CARLOS PEDROSO DE JEITO QUE ESTA A TV NA PARTE ADM. E FINANCIRA,ELE SERA TOTALMENTE ENVOLVIDO E SUJAR SUA IMAGEM ,POIS ESTAS DENUNCIAS CERTAMENTE IRAO PARAR NO MINISTERIO PUBLICO.
    O CARLOS PEDROSO NAO MERECE ENTRAR DE LARANJA NISSO.

  13. Ralph Rabelo Andrade
    sábado, 8 de maio de 2010 – 12:54 hs

    Dois dígitos podem ser após a vírgula?

  14. Opa
    domingo, 9 de maio de 2010 – 0:54 hs

    Pessuti reafirmando sua candidatura, não sei porque, não tem
    a minima condição.
    Como vice do Osmar Dias, será possível

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*