Lula mostra o muque e esquenta a discussão | Fábio Campana

Lula mostra o muque
e esquenta a discussão

Na charge desta semana da UOL, o debate entre Brasil e Estados Unidos sobre o acordo nuclear com o Irã. Eleições 2010: Dilma Rousseff (PT) cresce nas pesquisas, e José Serra (PSDB) eleva o tom das críticas ao governo do presidente Lula. O tucano dispara até contra a Bolívia. Ele, Dilma e Marina Silva (PV) se encontraram em uma sabatina. Aécio Neves (PSDB) reapareceu e disse que não será vice na chapa tucana.


29 comentários

  1. sábado, 29 de maio de 2010 – 13:41 hs

    Quero ver até onde vai esta postura seu LULA,analise bem seu imbecil,das fábricas que existem no Brasil quantas tem capital exclusivamente nosso?????Então,você vai ser o próximo Chavez,Fidel,Evo,notaram que todos eles só tem discursos e são uns falidos??????Seus paises não são de bost…alguma,até os Argentinos,Chilenos,etc… se beneficiaram da grana brasileira mas ficam bem quietinhos em seus lugares.Este sr. está achando que está phodendo….
    Você e uma garrafa de 51 a garrafa tem mais conteúdo….
    São mais sete meses fazendo gestos,você e a galega ganham pra isso mesmo…

  2. CAÇADOR DE PETISTAS
    sábado, 29 de maio de 2010 – 17:29 hs

    Este senhor, há 08 anos vem nos envergonhando com seus atos, gestos e atitudes.

    Lula da Silla, em um pais desenvolvido jamais seria chefe de Estado; Isto é uma vergonha. Lula é o exemplo de um “péssimo exemplo ” a ser seguido. O Chefe da nação que não tem moral nenhuma para cobrar ou coibir pois, anda contra a mão das normas jurídicas e morais. E desta mesmaforma podemos estender a sua cândidata, bandida e mentirosa Dilma.

    Lula, querendo aparecer, esta colocando em resico a democracia brasileira, quando mete o nariz onde não é chamado no caso do Irân, criando com esta ato irresponsáv el e inoportuno inimizade com os paises desenvolvidos que estão contra o Irân pois sabem que podem criar uma bomba atômica a qualquer momento colocando os demais paises em risco de Guerra.

    A opo0sição tem que jogar pesado contra esta gangue petista caso contrário a Democracia que as duras penas foi conquistada, será depositada em uma lata de lixo.

    O Brasil esta adormecido e anestiziado pelas mentiras deste canastrão.

    JOSÉ SERRA,L nos confiamos em voce.

  3. ▄▀▄†Ψ REQUEIJÃOΨ†▄▀▄™
    sábado, 29 de maio de 2010 – 18:11 hs

    Sr. Negro Idoso,
    As fábricas com capital exterior aqui no brasil já tem MUITOS incentivos, até demais como o caso do Lerner e da Renaut, onde além da fábrica deixar de pagar vários impostos está em área de mananciais. Porque a Cohab não vai despejar a fábrica da Renaut?
    As fábricas tem muitos incentivos, agora os negros e idosos quase não possui.

  4. Grande negociador
    sábado, 29 de maio de 2010 – 18:15 hs

    Tem gente que ao sentar numa mesa… Haja mesa. No máximo senta-se à mesa para negociar. Só se estiver num boteco, o que pode ser o caso. Negociou com seus amigos das Farc a libertação dos mais de 500 prisioneiros? Negociou a liberdade em Cuba? Negociou a doação da Petrobrás? Negociou os US$ 300 milhões para pavimentarem a transcocaleira? Negociou com o Paraguai, Itaipu? Que negociação estranha é essa que envolve urânio? Grande negociador que é esse porta-voz do Hugo Chaves. Que grande negociador e que benefícios está trazendo ao Brasil.

  5. Curitiboka
    sábado, 29 de maio de 2010 – 18:23 hs

    Ou dá ou desce !! Que é isso?? É uma pena que os “não leitores” deste blog, são os que elegem gente desse nível. É preciso cautela com quem detém o domínio mundial e avisar ao incauto* presidente Lula que ele governa para milhões de brasileiros. Eu amo o meu país e não quero ver esta terra abençoada ser desgraçada por um governante desses. É sempre bom lembrar que o mesmo está apoiando uma guerrilheira para substituí-lo e aí??

    *incauto = Que ou quem não tem cautela; imprudente, desprevenido, crédulo, ingênuo.

  6. Zangado
    sábado, 29 de maio de 2010 – 18:27 hs

    Você conseguiu, Lula – a diplomacia brasileira chegou ao nível de discussão de bar da esquina. Parabens !

  7. CWB
    sábado, 29 de maio de 2010 – 19:07 hs

    ELE ACHA NÃO, ELE ESTÁ PODENDO!!!
    QUEM ACHAVA QUE ESTAVA PHODENDO (DEPOIS SE DESCOBRIU QUE ESTAVA MESMO) ERA O ANTECESSOR QUE ENCHEU DE FILHOS O PAIS, QUASE VENDEU TODO O PATRIMONIO BRASILEIRO E É VASSALO DO REINO DO MAL!

  8. Louise
    sábado, 29 de maio de 2010 – 19:34 hs

    Este lula é palhaço, ridículo.

  9. OSSOBUCO
    sábado, 29 de maio de 2010 – 20:02 hs

    Afinal FHC-Serra não formaram a dobradinha do entreguismo-desemprego-apagão?

  10. salete cesconeto de arruda
    sábado, 29 de maio de 2010 – 20:04 hs

    Fábio.
    Noutro dia – vários meios de comunicação divulgaram o ALERTA DIGITAL que explica aos que passam nos seus espaços – o PESO DO CRIME via internet. Sugiro que faças o mesmo. Tem gente ANALFABETA desse tipo de mídia e por ignorância – penso eu – não sabem que serão acusados por vários crimes.
    Coitados!

  11. OSSOBUCO
    sábado, 29 de maio de 2010 – 20:10 hs

    A direita, enfim, achou o seu candidato

    Depois do Mercosul, o novo alvo de Serra é a Bolívia. Para azar do pré-candidato tucano e sorte do Brasil e do mundo, a era Bush chegou ao fim. Algum assessor com um mínimo de lucidez e informação bem que poderia avisá-lo das mudanças que estão em curso no mundo. Mas se o ex-governador de São Paulo decidiu abraçar por inteiro a agenda da direita no Brasil, na América Latina e nos Estados Unidos, faz sentido ele lutar pela restauração da velha ordem. Pode-se dizer, então, que, enfim, a direita achou um candidato à presidência do Brasil.

    “A questão”, ponderou Alice, “é saber se o senhor pode fazer as palavras dizerem tantas coisas diferentes”.

    “A questão”, replicou Humpty Dumpty, “é saber quem é que manda. É só isso”.
    Lewis Carrol, Alice no País das Maravilhas (cap.6).

    As declarações do ex-governador de São Paulo e pré-candidato do PSDB à presidência da República, José Serra, acusando o governo boliviano de ser “cúmplice de traficantes”, além de levianas e irresponsáveis, podem acabar se voltando contra o próprio autor. Pela lógica da argumentação de Serra, não seria possível a exportação de cocaína a partir da Bolívia sem a conivência e/ou participação das autoridades daquele país. Bem, se é assim, alguém poderia dizer também que Serra é cúmplice do PCC (Primeiro Comando da Capital), da violência e do tráfico de drogas em São Paulo. “Você acha que toda violência e tráfico de drogas em São Paulo seria possível se o governo de lá não fosse cúmplice?” – poderia perguntar alguém, parafraseando Serra.

    Neste mesmo contexto, cabe lembrar ainda as declarações do traficante colombiano Juan Carlos Ramirez Abadia, preso em 2007 no Brasil, que, em um depoimento à Justiça Federal em São Paulo, disse: “Para acabar com o tráfico de drogas em São Paulo, basta fechar o Denarc (Departamento Estadual de Investigações sobre Narcóticos)”. As denúncias de um traficante valem o que ele vale. Neste caso valeram, ao menos, o interesse da Justiça Federal em investigar a possibilidade de ligação entre o tráfico de drogas e a corrupção policial, possibilidade esta que parece não habitar o horizonte de Serra. O pré-candidato foi governador de São Paulo, mas afirma não ter nada a ver com isso. A culpa é da Bolívia.

    Há método na aparente loucura do pré-candidato do PSDB. O fato de ter repetido as acusações levianas contra o governo de um país vizinho – e amigo, sim – do Brasil mostra que Serra acredita que pode ganhar votos com elas. Trata-se de um comportamento que revela traços interessantes da personalidade do pré-candidato e da estratégia de sua candidatura. Em primeiro lugar, mostra uma curiosa seletividade geográfica: em sua diatribe contra governos latino-americanos, Serra esqueceu de acusar a Colômbia como “cúmplice do narcotráfico”. Esquecimento, na verdade, que expõe mais ainda o caráter leviano da estratégia. Trata-se, simplesmente, de atacar governos considerados “amigos” do governo brasileiro.

    Em segundo lugar, mostra uma postura irresponsável do pré-candidato, tomando a palavra aí em seu sentido literal, a saber, aquele que não responde por seus atos. Antes de apontar o dedo acusador para o governo de um país vizinho, Serra poderia visitar algumas ruas localizadas no centro velho de São Paulo que foram tomadas por traficantes e dependentes de drogas. Serra já ouviu falar da Cracolândia? Junto com a administração Kassab, um governo amigo como gosta de dizer, fez alguma coisa para resolver o problema? Imagine, Sr. Serra, 200 pessoas sob o efeito do crack gritando sob a sua janela, numa madrugada interminável … Surreal? Na Cracolância é normal. E isso ocorre na sua cidade, não na Bolívia. Ocorre na capital do Estado onde o senhor foi eleito para governar e trabalhar para resolver, entre outros, esse tipo de problema. Mas é mais fácil, claro, acusar outro país pelo problema, ainda mais se esse outro país for governado por um índio.

    E aí aparece o terceiro e mais perverso traço da estratégia de Serra: um racismo mal dissimulado. Quem decide apostar na estratégia do vale-tudo para ganhar um voto não hesita em dialogar com toda sorte de preconceito existente em nossa sociedade. Acusar o governo de Evo Morales de ser cúmplice do tráfico, além de ignorar criminosamente os esforços feitos atualmente pelo governo boliviano para combater o tráfico, aposta na força do preconceito contra Evo Morales, que já se manifestou várias vezes na imprensa brasileira por ocasião das disputas envolvendo o gás boliviano. Apostando neste imaginário perverso, acusar um índio boliviano de ser cúmplice do tráfico de drogas parece ser “mais negócio” do que acusar um branco de classe média que sabe usar boas gravatas. Alguém com Álvaro Uribe, por exemplo…

    E, em quarto, mas não menos importante lugar, as declarações do pré-candidato tucano indicam um retrocesso de proporções gigantescas na política externa brasileira, caso fosse eleito presidente da República. Mais uma vez aqui, há método na loucura tucana. Não é por acaso que essas declarações surgem no exato momento em que o Brasil desponta como um ator de peso na política global, defendendo o caminho do diálogo e da negociação ao invés da via das armas, da destruição e da morte.

  12. OSSOBUCO
    sábado, 29 de maio de 2010 – 20:33 hs

    O Caçador de Petistas deve ter parado de tomar o Haldol

  13. OSSOBUCO
    sábado, 29 de maio de 2010 – 20:41 hs

    Artigo do americano Bill Quigley – Diretor Legal no Centro para os Direitos Constitucionais e professor de Direito na Loyola University New Orleans.

    Neste Memorial Day, lembremo-nos que, enquanto milhares de pessoas morreram e centenas de milhares ficaram feridas, os fornecedores de defesa militar privados estão a prosperar com o negócio da guerra.

    A lei dos EUA proclama oficialmente o Memorial Day1 “como um dia de oração pela paz permanente”.

    No entanto, os EUA estão muito mais próximos da guerra permanente do que da paz permanente. As empresas estão a obter lucros com as guerras e a fazer lóbi sobre os políticos para obter mais. Os EUA, e o resto do mundo, não têm dinheiro para arcar os crescentes custos humanos e financeiros da guerra permanente.

    Primeiro lugar na guerra

    Não há dúvidas de que os EUA são o número 1 da guerra. Neste próximo ano, os EUA irão gastar 708 mil milhões de dólares na guerra e outros 125 mil milhões de dólares com Assuntos de Veteranos de Guerra – mais de 830 mil milhões de dólares. Num distante segundo lugar está a China, que gastou cerca de 84 mil milhões de dólares com as suas forças armadas em 2008.

    Os EUA lideram também mundialmente a venda de armas letais ao exterior, vendendo cerca de uma em cada três armas a nível mundial. Os maiores clientes dos EUA? Coreia do Sul, Israel e os Emirados Árabes Unidos.

    O nosso país tem 5% da população mundial mas responde por mais de 40% dos gastos em todo o mundo com armamento.

  14. OSSOBUCO
    sábado, 29 de maio de 2010 – 20:45 hs

    Der Spiegel:Nova estratégia de segurança dos EUA admite peso do Brasil no mundo

    29 de maio de 2010

    A Nova Estratégia de Segurança dos Estados Unidos, anunciada nesta quinta-feira (27) pela Casa Branca, elogia as políticas econômicas e sociais do Brasil, reconhece o país como guardião de “patrimônio ambiental único” e dá as “boas-vindas” à influência de Brasília no mundo.

    O documento de 60 páginas é a primeira atualização do governo de Barack Obama sobre as linhas gerais da estratégia internacional dos EUA, sucedendo os relatórios de 2002 e 2006, assinados por George W. Bush, que consagraram a expressão “guerra ao terror”.

    Em contraste com os anteriores, que citavam o Brasil de modo direto apenas uma vez cada um, o relatório de Obama dedica mais atenção ao país, que aparece dentro do tópico “Ordem internacional”.

    “Nós estamos trabalhando para construir parcerias mais profundas e mais efetivas com outros centros de influência fundamentais – incluindo China, Índia e Rússia, assim como nações de crescente influência como Brasil, África do Sul e Indonésia – de modo que possamos cooperar em questões de preocupação bilateral e global, com o reconhecimento de que poder, em um mundo interconectado, não é mais um jogo de soma zero”, afirma o documento.

  15. marcio xaxim
    sábado, 29 de maio de 2010 – 21:35 hs

    lula duvido se a banana não é po povo brasileiros

  16. sábado, 29 de maio de 2010 – 21:39 hs

    Aos desafetos(Requeijão e CWB),analisem a situação de como devem ser respeitadas TODAS as indústrias instaladas no Brasil,e, fora dele,pois,vejam o que o Evo Morales fez com a Petrobras lá na Bolívia ,e, este sr. se borrou todo quando o cocaleiro bateu o pé. Lembrem-se srs. são as indústrias instaladas no BRASIL que GARANTEM o emprego de MILHÕES de brasileiros,e tem uns e outros que ainda criticam e não sabem disto.
    VEJAM O PUT… DO RESPEITO É NEGO VEIO E NÃO IDOSO SEUS PT DUMAS FIGA….

  17. walter
    sábado, 29 de maio de 2010 – 21:54 hs

    Parabéns Presidente, os invejosos é que metem o pau, mostre que agora o Brasil tem presidente. E com certeza vai eleger a primeira mulher presidenta deste país

  18. sulista
    sábado, 29 de maio de 2010 – 22:08 hs

    Se estamos em um Estado democrático de direito,e hoje temos liberdade de expressão, foi porque muitos brasileiros lutaram´por isso. Pensem bem!!! Tivemos muitos guerreiros e guerreiras em favor da democracia. E uma todos sabem!!!!!

  19. sábado, 29 de maio de 2010 – 22:43 hs

    VERGONHA na cara é o que mais falta a esse sujeito.

    Os brasileiros não merecem ter um representante tão baixo nível.

  20. Simone
    domingo, 30 de maio de 2010 – 3:40 hs

    todos os comentários anteriores, contra o melhor presidente que este país já teve, deixar claro Sr.LULA, são pessoas que adoram aqueles ASSASSINOS DE GRAVATA, aqueles que lançaram as bombas atômicas no Japão, os mesmos que aniquilaram o Iraque, (para ROUBAR) O PETRÓLEO DELES. (CADÊ AS ARMAS QUIMICAS DO IRAQUE)

    Esses que tanto criticam o nosso presidente, são da turma do PSDB-DEM, os entreguistas do patrimônio público, anti-patriotas FHC e sua quadrilha. O serra só falta se enrolar numa bandeira americana e sair pela rua pedindo voto. Por favor POLÍTICOS DO PSDB, vocês recebem seus salarios com o dinheiro dos nossos impostos, portanto defendam o BRASIL e não os estados unidos da america.
    Viva a DILMA.

  21. Ditão
    domingo, 30 de maio de 2010 – 8:49 hs

    Esse muque na verdade é uma banana para nós brasileiros. E ainda tem gente que quer a guerrilheira no poder. Infelizmente o Brasil não tem mais jeito. Eu era feliz e não sabia…

  22. domingo, 30 de maio de 2010 – 10:14 hs

    E aí macacada ? Vai engolir mais essa banana ?

  23. Franco
    domingo, 30 de maio de 2010 – 10:56 hs

    Se por acaso o PSDB,voltar ä presidencia da república, todas as manhãs o serra vai telefonar pro Obama, para saber o quê (ele serra) deve vender ou dar de “presente”, igual o entreguista FHC.

    Um dia ele dará o BB, na outra semana, a Caixa Econômica e quando não restar mais nada, aí será o grande lance do PSDB, naquele discurso barato, de que o mundo globalizado é assim que as coisas tem que ser, e lá vai a PETROBRÁS, como tentaram fazer num passado recente.

    Aqui no Paraná o aliado do PSDB (Jaime Lerner) lamenta até hoje, não ter conseguido “dar” a Copel para os seus comparsas, como fizeram com os 2.520 KM das rodovias do Estado, Banestado, Sanepar, Telepar, lembram quem era o presidente da Telepar? curiosamente o álvaro dias (PSBD) e o pior disso tudo, é quê eles estão todos soltos…

  24. Rock
    domingo, 30 de maio de 2010 – 11:42 hs

    Era feliz porque mamava com os quadrilheiros né Ditão.

  25. LILICO DE PRANCHITA
    domingo, 30 de maio de 2010 – 12:00 hs

    Os brasileiros não merecem o qu eestá acontecendo. Um presidente fazendo gestos deste tipo……É lamentável, triste, deprimente, acho que vou votar no meu cachorrinho de estrimação este ano. Vai caçar borboleta presidente LULA.

  26. CAÇA FANTASMAS
    domingo, 30 de maio de 2010 – 13:59 hs

    Este esnobe do OSSOBUCO, num plágio só tem conseguido encher o saco mesmo. Confunde conceitos do que seja “cumplice”, conivencia e leniencia, para “formatar” sem compromisso com a coerencia ate uma hipoética discriminação racial contra o povo boliviano. Tenha dó, deixe de ser esnobe e petulante, senão seremos obrigados a fazer quirera do teu osso e sopa do teu buco. TE CALHES SEU SOPUCO.

  27. alemão
    domingo, 30 de maio de 2010 – 17:41 hs

    Ditão, procure conhecer bem a biografia da guerreira e voce vai ver que o que eles queriam era instalar uma republica socialista, tanto que a dilma, bandida e sequestradora, foi fazer diversos “cursos” na China, Cuba e outras republiquetas socialistas. Ela não queria democracia, ela não lutou contra a ditadura, então, ptistas de araque, parem de defender o continuismo do roubo, da corrupção, do desvio e do enriquecimento ílicito.

  28. Sandro
    domingo, 30 de maio de 2010 – 20:24 hs

    Não adianta a mídia tentar lançar mão de suas armadilhazinhas como as mensagens subliminares que estão implícitas nesta charge, principalmente querendo fazer relação entre o presidente Lula e tudo o que há de negativo, inclusive com o Dunga, que muitos não gostam e as fotos atrás do Dunga, com muita bunda bonita. Ora, esse desespero todo é loucura da direitona e da mídia, mas não adianta não e digo mais, que não ousem usar qualquer subterfúgio para evitar o normal transcurso da eleição e da democracia que poderá redundar em coisa muito feia no país e todo mundo tem muito a perder, sendo que não vale a pena por mera vaidade e arrogância, a direitona querer entornar o caldo, pois a elite econômica é que terá terríveis perdas de todas as formas e prejuízos terríveis com uma instabilidade do país que pudesse redundar em coisa pior. Acredito que ninguém quer isso, portanto, aproveitem o grande Brasil que está nascendo e, graças a Deus, continuará a se desenvolver com equilíbrio, prosperidade, nacionalismo e muita Justiça, coisa que sempre faltou e nunca na história desse país vi tantos investimentos em tantas áreas ao mesmo tempo, inclusive criando pedágios decentes, que dão lucro ao concessionário, sem ser um roubo ao usuário como é no Paraná e conservam a estrada adequadamente. Só esse governo mesmo poderia fazer isso, pois os tucanos já mostraram a sua cartilha em São Paulo, onde os pedágios também são muitíssimos e caríssimos, puro acordão!

  29. Ditão
    segunda-feira, 31 de maio de 2010 – 13:07 hs

    Acho que não me expressei direito. Dilma pra mim nem coberta de ouro e diamantes.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*