FHC diz que não descarta chapa Serra-Aécio | Fábio Campana

FHC diz que não descarta chapa Serra-Aécio

Da Folha Online

Uma das maiores lideranças políticas do PSDB, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse que ainda não descarta a possibilidade de os tucanos José Serra (SP) e Aécio Neves (MG) fecharem uma chapa para concorrer ao Palácio do Planalto nas eleições deste ano. Todos os partidos têm até o dia 30 de junho para apresentar oficialmente os nomes que participarão da corrida eleitoral.

A declaração foi dada em entrevista a Kennedy Alencar, da Folha, no programa “É Notícia”, transmitido pela Rede TV, que vai ao ar esta noite. “A grande virada do PSDB foi esse momento de unidade. Aécio tem um papel muito importante nisso e terá um papel importante nas negociações das coligações. Não descarto o Aécio vice”, afirmou FHC.

Em dezembro do ano passado, o ex-governador de Minas Gerais anunciou que não concorreria à Presidência nessas eleições. Na época, Aécio e Serra disputavam dentro do PSDB quem encabeçaria a chapa do partido na corrida presidencial.

Mas no fim de 2009 o mineiro abriu mão da disputa, e disse que seria candidato ao Senado pelo seu estado, abrindo caminho para Serra. Desde então, Aécio nega que aceitará ser vice do tucano, embora pregue a unidade do partido e garanta apoio para que o ex-governador de São Paulo consiga a maioria dos votos no colégio eleitoral mineiro.

Durante a entrevista, Fernando Henrique disse ainda que sempre considerou o presidente Lula uma pessoa “excepcional”, mas que a biografia dele não poderá ser transferida para a candidata do PT à sucessão, Dilma Rousseff. “A biografia do Lula não se transfere. O Lula é o Lula e tem uma história. Eu tenho outra, o Serra tem outra e a Dilma tem outra. Não há transferência de biografia”, ressaltou.

O ex-presidente fez elogios a Serra, pré-candidato tucano. “O Serra tem luz própria. Para ele é mais fácil dizer ‘eu sou capaz, eu já fiz, eu sou um líder’. A outra não tem como dizer que liderou. Não é uma crítica pessoal, mas ela nunca esteve à frente. Liderar na burocracia é diferente, porque você tem o apoio do presidente”, explicou.

Ainda sobre a sucessão presidencial, Fernando Henrique disse que, na avaliação dele, a presença de Lula no palanque de Dilma Rousseff é prejudicial para a campanha da candidata petista. “Parece que sem ele ela não anda”, avaliou.

Nesse caso, o ex e o atual presidente parecem discordar. Na última sexta-feira, Lula disse que Dilma Rousseff ainda não cresceu nas pesquisas de intenção de voto porque ele ainda não pediu votos para ela.


15 comentários

  1. Daniel Pereira
    domingo, 9 de maio de 2010 – 21:05 hs

    O vice ideal para o Serra é o Senador Flávio Arns.
    Lembra um pouco a figura do Senador Marco Maciel e tido (este) como o vice ideal.

  2. TO LIGADO!
    domingo, 9 de maio de 2010 – 22:15 hs

    Já esta acertada! Vai ser na convenção.

  3. segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 0:25 hs

    VAI SER UMA DUPLA QUE VAI INCOMODAR;;;;;;;;;;;;;;;;;

  4. Agnigula Monraguave
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 9:32 hs

    Perguntar não ofende:
    O Serra ainda é “dono” do laboratório que produzia genéricos quando era ministro da saúde no governo FHC?

  5. CAÇADOR DE PETISTAS
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 9:48 hs

    Ouvi hoje pela manha na CBN uma entrevista com o Presidênciavel JOSÉ SERRA.

    JOSÉ SERRA, foi inteligente, coerente, esclarecedor e demonstrou conhecimento e resoluções para os problemas do Brasil.

    JOSÉ SERRA, dará uma surra em DILMA no momento dos debates em cadeia nacional tanto é que o próprio PT esta preocupado com o fato do horário eleitoral de Dilma ser superior ao de SERRA pois quanto maior o tempo mais MERDA fala Dilma, apresentando quadro de nervosismo, falta de conhecimento político e desprepara para administrar o Brasil, afinal, vive a sombra de Lula.

    O BRASIL PRECISA DE VOCÊ JOSÉ SERRA.

  6. RST
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 10:58 hs

    Aos paranaenses que tem intenção em votar em Serra. Acordem.Carrasco do Espírito Santo na constituinte, José Serra visita os demo-tucanos capixabas

    O carrasco do estado do Espírito Santo, na Constituinte, foi José Serra (PSDB/SP). Nesta segunda-feira, ele estará visitando os demo-tucanos capixabas, e fazendo sua ofensiva midiática no estado.

    Mas o que poucos capixabas sabem é que o então deputado José Serra (PSDB/SP) foi o relator da comissão que reformulou o sistema tributário durante a constituinte de 1988, e praticamente saqueou, do Espírito Santo, o ICMS do Petróleo.

    Todas as mercadorias produzidas no Brasil pagam ICMS no estado onde são produzidas, mas Serra mexeu seus pauzinhos durante a constituinte, para tratar dois produtos diferentes de todos os outros: petróleo e eletricidade.

    O Petróleo extraído no Espírito Santo, não gera um centavo de ICMS para os capixabas. Boa parte dele é levado para ser consumido em São Paulo, e é só lá que o ICMS é recolhido aos cofres do governo paulista.

    Como prêmio de consolação, por ter seu ICMS saqueado, os estados produtores de petróleo passaram a ter direito a uma parcela maior dos royalties. Mas o valor destes royalties sempre foram inferiores ao que os estados receberiam se recolhessem o ICMS, e que foi para as mãos do governo paulista.

    Serra operou na constituinte atendendo ao lobby da FIESP, do poder econômico e político paulista. São Paulo é o maior consumidor de eletricidade e petróleo produzidos em outros estados. Por isso, Serra operou para criar regras onde São Paulo sempre ganha e os demais estados sempre perdem.

    Para produtos que São Paulo exporta, a cobrança do imposto é na origem, ou seja, para os cofres do governo paulista.

    Para produtos que São Paulo importa muito, o petróleo e eletricidade, a cobrança é no destino, onde é consumido, ou seja, vai também para os cofres paulistas, em vez de ficar com os estados produtores.

    A corda arrebentou do lado mais fraco diante do poder de pressão paulista na constituinte. Perderam o Espírito Santo e o Rio de Janeiro.

    O Paraná também foi vítima do carrasco José Serra, pois o IMCS sobre a energia de ITAIPU consumida em São Paulo, só recolhe ICMS para os cofres do governo Paulista.

  7. salete cesconeto de arruda
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 11:26 hs

    Vejam o que disse Serra no CQC e o que diz hoje o OGLOBO.
    O homem está mais perdido do que biruta de aeroporto – c/disse Dilma.

  8. Duval Simões Araújo-Londrina
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 12:02 hs

    SERRA VAI INVESTIR NA SEGURANÇA DO POVO:
    TERRA E FOLHA ONLINE 10/05/2010:
    O tucano afirmou que, se eleito, irá criar o Ministério da Segurança. “É uma coisa indispensável no Brasil, o consumo de drogas e o tráfico de armas é alimentando no exterior. O governado federal tem que jogar, não pode se esquivar mais.”

    Serra destacou como suas prioridades a segurança, a saúde e a educação. Segundo ele, o Bolsa Família deve ser mantido. “Ele ajuda os necessitados, mas precisa ser fortalecido.”
    Vice
    O tucano evitou comentar sobre o nome que irá compor sua chapa como vice. “Não estou me metendo muito nesse assunto. Vai ser alguém da base aliada, mas qualquer coisa que eu disser aqui vai dar margem à fofoca.”

  9. ILDO BALDO
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 12:32 hs

    O VELHO GAGA SEMPRE FALANDO O QUE NÂO SABE É UM ZERO A ESQUERDA COMO ERA NA PRASIDENCIA O QUE OS OUTROS FALAM ELE ABSORVE
    AH O MAIOR TRUNFO DELE ESTA AFUNDANDO QUE É
    A LIBERAÇÂO DA MACONHA ONTEM LA NO RIO DE JANEIRO
    TINHA SÓ 200 MANIFESTANTE ATÉ ELE JA VIU QUE A CAUSA SÓ VAI A DIANTE SE O SERRA FOR PRESIDENTE ELE ESTA CONTANDO COM A VITORIA DO SERRA PARA LIBERAR DE VEIS A MACONHA NO BRASIL
    ENTÂO VEJAM BEM PESSOAL QUAL É PROJETO QUE SE CHAMA CARRO CHEFE DA TUCANADA

  10. OSSOBUCO
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 13:50 hs

    O Serra também dizia que ia dar um surra no Lula nos debates de 2002.
    O que foi que aconteceu mesmo?

  11. OSSOBUCO
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 13:51 hs

    E Duval, também vai criar o Ministério das Maquetes!

  12. Laertes
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 15:18 hs

    Serra dá esporro na Míriam e não responde à pergunta sobre o Banco Central

    Mostrando que faz o que quer com os jornalistas das Organizações Serra, o dito cujo deu um esporro na Míriam, na entrevista à Rádio CBN, quando ela perguntou simplesmente se ele era favorável à autonomia do Banco Central.

    Serra não deixou que ela concluísse a pergunta, e disse, literalmente que era uma grande besteira o que ela estava falando, quando na verdade não deixou que ela concluísse a pergunta.

    Após o último esporro, Serra disse “Vamos em frente?”

    Sei não mas penso que, daqui pra frente, a Míriam vai repensar se continua a fazer campanha contra a Dilma ou a favor.

    Se o Serra for Presidente, a Míriam não consegue emprego nem em jornal de sindicato.

    O Serra, como todos e todas sabem, não perdoa…

  13. tico
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 15:35 hs

    Nem que o laboratorio seja do Serra o importante e os remedios mais baratos.

  14. madalena
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 17:20 hs

    O FERNANDO HENRIQUE DEVERIA IR CUIDAR DOS NETOS. COM UM SUJEITO DESSES DE CONDOTIER DE CAMPANH, O SERRA TÁ É FUDIDO. DAR APÔIO EXPLÍCITO A ESSA CAMARILHA DO LERNER ATRAVÉS DO BETO RICHA AQUÍ NO PARAA, É TRIPUDIAR SOBRE OS ELEITORES DE NOSSO ESTADO.

  15. madalena
    segunda-feira, 10 de maio de 2010 – 17:20 hs

    O FERNANDO HENRIQUE DEVERIA IR CUIDAR DOS NETOS. COM UM SUJEITO DESSES DE CONDOTIER DE CAMPANH, O SERRA TÁ É FUDIDO. DAR APÔIO EXPLÍCITO A ESSA CAMARILHA DO LERNER ATRAVÉS DO BETO RICHA AQUÍ NO PARANA, É TRIPUDIAR SOBRE OS ELEITORES DE NOSSO ESTADO.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*