Apenas troca de diretora não elimina tensão no Colégio Estadual | Fábio Campana

Apenas troca de diretora não elimina tensão no Colégio Estadual

O Colégio Estado do Paraná (CEP) está sob nova direção. Maria Madselva Ferreira Feiges entregou o cargo nesta segunda-feira (3). Em seu lugar assume a professora Sheila Toledo Pereira, chefe do Núcleo Regional de Educação, órgão ao qual o CEP é vinculado.

Atualmente, a diretoria da instituição é composta conforme indicação da Secretaria de Educação, processo que exclui alunos, professores e demais funcionários do colégio. “Para corrigir essa injustiça é preciso restabeler as eleições diretas no CEP”, defendeu Mauro Moraes, autor da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) em trâmite na Assembleia Legislativa que prevê a inclusão da comunidade escolar no processo de escolha dos diretores através da realização de eleições.

A PEC já tramitou por todas as comissões competentes da Casa, restando apenas sua discussão no Plenário. “A troca de diretores ainda não resolve a tensão provocada pela falta de democracia no processo de escolha. É preciso que seja aprovada o quanto antes a PEC que estalebele a eleição direta”, defendeu.


18 comentários

  1. duda
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 11:31 hs

    Por que é que a PEC proposta por Mauro Moraes não vai a votação? Mauro, o CEP precisa do seu apoio. Vamos pressionar a Assembleia pela aprovação da PEC.

  2. keluc
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 11:40 hs

    Será que o projeto não está na mão de algum fantasma, por isso não é colocado nunca em votação?

  3. Prof em estado de graça
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 12:20 hs

    EQuantas conquistas em tão pouco tempo!

    Saiu o Ricardo Bezerra da SEED, agora a MAD pula fora. Só falta a Yvelise entrar na linha ou pular fora.

    Cadê os programas educacionais para os laboratórios de informática?
    Cadê o suporte para as tvs com problemas?

    Meu Deus, qta coisa ainda falta o Pessuti resolver.

    Mas pode ter certeza, se ele continuar assim nós, professores, lhe daremos mais 4 anos de governo.

  4. Pedro Cunha
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 13:33 hs

    espero que se estenda à instituições particulares!

  5. EXÔDO 21:24...
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 14:38 hs

    ATENÇÃO “CAÇA-FANTASMAS” VAMOS A LUTA, NÃO VAMOS DEIXAR ESSES PARLAMENTARES FICAREM SÓ ESQUENTANDO CADEIRAS EM SEUS GABINETES, NÃO É PORQUE O MAURO MORAES ESTA DESTITUIDO É QUE VAMOS BAIXAR NOSSAS CABEÇAS, VAMOS A LUTA, VAMOS FAZER UM MOVIMENTO EM PROL A VOTAÇÃO DA EMENDA…
    A HORA É AGORA, QUEREMOS A VOTAÇÃO!!!

  6. Rubens Tavares
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 14:39 hs

    com a saida da interventora, se estabelece em principio um dialogo, que pode culminar com as eleições diretas, que são um primeiro passo para as modificações que necessita o cep. ante havia um dialogo de surdos, a direção geral foi perdendo pouco a pouco o que lhe restava de compromisso com a gestão democrática, a qual tanto defendeu nos anos 80/90 e que tanto deve a sua projeção. o balanço final de sua trágica “gestão” vários professores processados, que em outros tempos seriam presos de consciência, outros deixaram o cep, alunos pressionados, funcionários humilhados, prisão de alunos, alunos sendo imobilizados por novas “técnicas pedagogicas” aplicados por diretores que em outros tempos seriam chamados de truculentos ou como diria gaspari a “tigrada”, “professores” cinegrafistas, filmando colegas, para exercer a intimidação e a punição que em outros tempos poderiam trabalhar para o doi/codi.sua lamentavel passagem ficara para sempre na memória do cep e em tantos outras memórias . e que aos poucos será apagada e espero que nunca mais lembrada. as eleições diretas são um direito de todos da comunidade do cep, exercitar seu direito de escolha, seu direito de decidir o seu destino, e creio que iremos caminhar par isto, se as eleições diretas não são certamente um “remédio” para os males que atingem o cep certamente seram um “antidopo” para futuros despotás……………

  7. curioso
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 16:33 hs

    Não seria mais interessante eliminar as eleições das outras escolas, voltando a prática de reconhecimento de mérito e carreira. Com isso, não quero dizer que pais, alunos e professores não possa participar da escolha do diretor, mas que a eleição direta não é solução para problemas escolares.

  8. Marcia Antonielli
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 16:56 hs

    Esse Mauro MOraes é perseguido mesmo. Apresenta projeto para acabar com aposentadorias de EX_Governadores é engavetado. Apresenta projeto para reduzir a taxa de esgoto é engavetado. Essa assembléia é uma coisa maluca.

  9. Carlos Matiolli
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 17:01 hs

    Se não colocarem em votação o projeto do deputado vamos até a Assembléia numa grande passeata cobrar desse Presidente Neson juatus.Vc.. não viu ainda a força dos estudantes Presidente. Vamos lotar as galerias.

  10. vence o diretor simpatia
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 18:05 hs

    Os critérios ideais à escolha de um dirigente de escola está na capacidade de aplicar e desenvolver o ensino de qualidade com austeridade inclusive ao corpo docente.
    O nosso cérebro já comprovado pelo meio científico tem maior capacidade de absorver informações quando faz associação das idéias. Além de absorver, assimilar o conhecimento também ter a capacidade crítica, caso contrário seremos mecânicos e manipulados pelo sistema.

  11. Orquídea
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 18:46 hs

    Apesar dos (ex)detentores do poder não gostarem da saída daquela senhora, que prefiro não dizer o nome, pra ver se é esquecida, a paz tenta voltar ao colégio.

    Este início de uma gestão mais dialogada, em conjunto e em função da educação pública, quero acreditar que esteja no caminho e, se realmente estiver, parte deste trajeto se deve a este blog e ao seu editor, é claro, que em todas as vezes que fomos “calados”, pudemos contar com este espaço, que para nós, foi muito importante e democrático.

    Obrigada Fábio!
    Obrigada Governador Pessuti!

  12. ORWELL
    terça-feira, 4 de maio de 2010 – 23:28 hs

    Quem leu a REVOLUÇÃO DOS BICHOS poderá em breve ter a oportunidade de assisti-la ao vivo.Façam eleição direta e vejam o barco afundar de vez graças ao populismo barato.

  13. Pedagogo
    quarta-feira, 5 de maio de 2010 – 0:09 hs

    Madselva pulou fora que nada! Colocaram ela prá correr, quem conhece sabe qu ela não largou osso… graças a Deus e ao novo governador. Valeu Pessuti. Tem o meu voto.

  14. Thianny
    quarta-feira, 5 de maio de 2010 – 7:27 hs

    Parabéns a comunidade do CEP por finalmente poderem ter um ambiente de tranquilidade resgatando o papel do Colégio na luta por cidadania e conhecimento. Infelizmente Madselva que foi um icone do discurso pela gestão democrática se transformou no maior exemplo de como uma pedagoga nunca deve agir e agora ela volta para a UFPR falar em gestão democrática… que ironia do destino , terá nas salas de aula da pedagogia muitos ex alunos do CEP, principalmente os que ela perseguiu. Espero que as pedagogas que ficaram no CEP tenham aprendido a lição e esqueçam rapidamente os ensinamentos da mestre da discordia: RESPEITO a todos!!! Parabéns e muito obrigada governador Pessuti por restabelecer a dignidade no maior colégio da América do SUL. Madselva já vai tarde!!!

  15. Marinheiro
    quarta-feira, 5 de maio de 2010 – 9:25 hs

    O dep. Mauro Moraes defende algo, sem conhecimento de causa, jamais estudou lá, defende algo vago, que vai sepultar de vez o Colegio estadual do paraná. Sou ex aluno do CEP, estudei por 6 anos, desde quando tinhamos 5ª á 8ª. series, e quando tentaram fazer eleições diretas, foi um verdadeiro fiasco, até que em 1991 entrou a melhor diretora que por lá um dia já passou. A professora Adélia Dias Castelã Ribeiro foi sem duvidas o marco no que tange a administração pública de escolas. De um colegio em decadencia, ela deu um choque, que fez com que o gigante adormecido fosse entao acordado.
    O Colégio Estadual do PR deve e muito a professora Adélia, e tenho a certeza de que as coisas só voltaram ao rumo certo, se a convidarem para que novamente possa salvar essa instituição de referencia para o Estado do Paraná.

  16. professor
    quinta-feira, 6 de maio de 2010 – 18:41 hs

    A ALEGRIA É TANTA, ESTAMOS CHEIOS DE ESPERANÇA NA NOVA DIREÇÃO DO CEP, …..
    o sorriso, a calma, um clima que a tempo não se via na sala dos professores retornou…. uma nuvem negra sumiu… … a vontade seria de soltar foguetes…
    porém estaremos nos reunindo este final de semana para COMEMORAR…. poderiamos convidar o nosso colega diretor cinegrafista para registrar este momento… o encontro de aproximadamente 70 amigos, ou seja, professores e funcionários do CEP, que amam este Colégio….

  17. ALUNA DO 3 ANO
    quinta-feira, 6 de maio de 2010 – 18:48 hs

    nas ultimas semanas assiti 3x o filme REVOLUÇÃO DOS BICHOS, porque na falta de professor, o EDUCA CEP só passa filme, hoje eu rezo para não faltar professores e não ter que assistir novamente um filme, … bom, acompanhei a direção da Prof. Madselva…. e tenho que concordar, que se alguém me conta-se eu não iria acreditar, em tamanha incapacidade, e não concordo em nada com o comentário do colega sobre a comparação do futuro do CEP, com o filme….

  18. tatiana
    sexta-feira, 4 de junho de 2010 – 10:49 hs

    falam da professora madselva mas esquecem que a indicacao de diretores no cep ja vem de tempos. acredito que as intencoes dela em buscar o melhor para o cep foram sinceras. No entanto eh dificil agradar a todos. tenho quase certeza que muitos alunos foram utilizados como massa de manobra. E vamos combinar que oposicao sempre eh oposicao. Veremos se a revolucao dos bichos acontece e quem serao os porquinhos da vez.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*