"Sem diálogo, o Paraná não avança", afirma Richa no Sudoeste | Fábio Campana

“Sem diálogo, o Paraná não avança”, afirma Richa no Sudoeste

Diálogo, parceria e respeito. As três palavras têm sido freqüentes nas reuniões que o pré-candidato do PSDB ao Governo do Paraná, Beto Richa, está fazendo em municípios do Sudoeste para discutir seu Plano de Governo.

Até sexta-feira (28), Richa percorrerá 20 cidades da região. “O Paraná e, mais especificamente, o Sudoeste precisa de um Governo aberto ao diálogo, disposto a atender e apoiar os municípios”, afirmou o prefeito de Realeza, Eduardo Gaievski (PT), que também é presidente da Associação dos Municípios do Sudoeste (Amsop). Realeza foi a primeira parada, nesta quarta-feira (26) pela manhã, do roteiro de Richa na região.

“Sem diálogo, o Paraná não avança. Em pouco mais de cinco anos na Prefeitura de Curitiba, promovi mais de 300 audiências públicas nos bairros e vilas da cidade”, disse Richa. “Essa experiência reforçou minha convicção de que um programa de governo só se mantém de pé quando submetido ao duro teste da realidade socioeconômica, se for 100% legitimado pela vontade popular.” O prefeito Maievski lembrou a parceria com a Prefeitura de Curitiba, que em 2007 cedeu um ônibus biarticulado para Realeza. O veículo foi o ponto de partida para uma nova linha que atende estudantes da região.

Depois de Realeza, Richa foi a Bela Vista da Caroba, Pérola do Oeste, Planalto, Capanema, Santa Izabel do Oeste e Santo do Lontra. Nesta quinta-feira, vai a Ampére, Pinhal de São Bento, Pranchita, Santo Antônio do Sudoeste, Bom Jesus do Sul e Barracão. Na sexta-feira (28), os encontros serão em Verê, São Jorge do Oeste, Cruzeiro do Iguaçú, Nova Prata do Iguaçú, Nova Esperança do Sudoeste e Francisco Beltrão.

Prefeitos de municípios do Sudoeste entregarão a Richa um documento com propostas para o desenvolvimento sustentável da região. Uma das reivindicações da região é um curso de Medicina. Com falta de profissionais, o Hospital Regional em Francisco Beltrão funciona parcialmente.

A violência é outra preocupação. A região, próxima da fronteira com a Argentina, é corredor de tráfico e de contrabando e quer a instalação de um batalhão da Polícia Militar. “A ampliação dos efetivos, absolutamente necessária, fortalecerá o policiamento ostensivo e facilitará a realização de operações conjuntas com participação da Polícia Federal, em ações incisivas capazes de desarticular as gangues do tráfico”, afirmou Richa.

Aula magna

Richa dará a aula magna para a primeira turma do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Paranaense (Unipar), do campus de Francisco Beltrão, na quinta-feira (27) à noite. Richa falará sobre “Planejamento Urbano: A experiência de Curitiba”. Acompanham Richa na viagem ao Sudoeste os deputados estaduais Valdir Rossoni, presidente do PSDB do Paraná, Ademar Traiano e Luiz Fernandes “Litro” e o prefeito de Castro, Moacir Fadel.


12 comentários

  1. antonio oliveira
    quarta-feira, 26 de maio de 2010 – 16:17 hs

    Essa coisa do dialogo é importante, mas depende com quem. Com as concessionárias de pedágio, por exemplo, a unica coisa que elas querem é sugar ainda mais os paranaenses. No caso delas, o dialogo foi um desastre. O Lerner dialogou demais, prometeu demais e hoje pagamos um alto preço. E, agora, o que elas querem é “mamar” mais, não há nenhum compromisso com o Paraná. Só com o bolso deles. Espero que o Beto tenha uma solução, que não seja uma parceria do tipo: eles entram com a bota e nós com a bunda…

  2. Mudança já
    quarta-feira, 26 de maio de 2010 – 16:29 hs

    Esse é o Governador que o Paraná quer!
    O Beto é a prova de que a politica pode ser mudada, de que o povo que elege o candidato é o mesmo que irá se beneficiar. Beto no Governo é igualdade e respeito. É oportunidade para todos.
    Foi assim em Curitiba e vai ser assim no Paraná!!
    Sou BETO!!

  3. VLemainski-Cascavel-PR
    quarta-feira, 26 de maio de 2010 – 17:04 hs

    Quem fala ensina. Quem escuta aprende…
    Quando há diálogo, todos acabam ganhando, uns ensinando, outros aprendendo, gerando consenso e entusiasmo.
    Já fui a muitos encontros onde prevaleceu o monólogo. Todos gostam de participar, serem construtores de uma nova realidade. Adiante Beto…

  4. quarta-feira, 26 de maio de 2010 – 18:06 hs

    Dá-lhe BETO !!!!

    Deixa os gevernistas espernearem pois é o que lhes resta.

  5. PEDROCA DE GUARAPUAVA
    quarta-feira, 26 de maio de 2010 – 18:34 hs

    Que discurso bonito do BETO, lindinho, mas não compare Curitiba com o interior. Vá devagar.

  6. j.k.lott
    quarta-feira, 26 de maio de 2010 – 19:08 hs

    Com diálogo e trabalho, trabalho, trabalho, …por falar em trabalho…

  7. TUKU NARE
    quarta-feira, 26 de maio de 2010 – 19:54 hs

    oi beto, quando e que vc vai retornar, com o Alexandre, aqui no Reino Unido
    de Pitanga.

  8. luccacwb@hotmail.com
    quarta-feira, 26 de maio de 2010 – 23:00 hs

    Quem é vc Sr Ex prefeito para falar em dialogo….o mesmo q nao recebe o funcionalismo, que nas audiencias publicas nao deixa o povo falar (so por escrito), vem falar agora em dialogo!!!!! me poupe.

  9. João
    quinta-feira, 27 de maio de 2010 – 9:05 hs

    Que meigo…

  10. Noroeste
    quinta-feira, 27 de maio de 2010 – 14:24 hs

    Fazer audiência pública é fácil, difícil é colocar a questão exigida pela sociedade em prática!
    Nem do trânsito de Curitiba vc cuidou, agora vem falar o q vc não sabe!
    Vai na câmara artificial se bronzear!

  11. quinta-feira, 27 de maio de 2010 – 17:41 hs

    Olha essa foto ai foi na Câmara de vereadores de Bela Vista da Caroba. la no centro da imagem de blusa preta e boné preto tirando foto do Beto, este sou eu. sou Assessor de imprensa da prefeitura. Reunião infeliz, pelas falas do Deputado Ademar Traiano que esqueceu a eleição do estado e lembrou as picuinhas da política no âmbito regional. inclusive querendo disputar voto com o deputado Litro. e o Beto? bom o Beto é gente boa! mas não cola, os agricultores não entendem o que ele fala, e ele não entende os agricultores…um agricultor falou:”esse ai não sabe nem quando se deve plantar feijão. vai fazer o que por nós?” infelizmente o interio do estado é Osmar, infelizmente eu digo para os pró Beto…

  12. Rock
    quinta-feira, 27 de maio de 2010 – 18:45 hs

    Pelo amor de Deus, poupe o nosso Sudoeste dessa conversa para boi dormir.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*