Requião e Osmar apostam na amnésia dos eleitores | Fábio Campana

Requião e Osmar apostam na amnésia
dos eleitores

Será que o eleitor paranaense está pronto para ver o senador Osmar Dias, do PDT, e o ex-governador Roberto Requião, do PMDB, no mesmo palanque? A pergunta começou a ser formulada nos meios políticos e acadêmicos depois que se levantou a possibilidade de uma aproximação dos dois políticos, que implicaria inclusive na cristianização da candidatura de Orlando Pessuti ao governo do estado pelo PMDB.

Para que o eleitor paranaense aceite um eventual encontro em palanque entre Requião e Osmar, com direito a aquelas cenas tocantes em que os políticos elevam os braços de mãos dadas, simbolizando o quanto pretendem trabalhar juntos pelo bem comum, seria preciso um bocado de amnésia. Em 2006 Osmar e Requião se enfrentaram em uma duríssima disputa pelo governo do Paraná, decidida, no segundo turno, por uma diferença milimétrica. Requião fez 2.668.611 votos (50,10%) e Osmar 2.658.132 (49,90%), uma diferença de 10.479 votos.

Essa diferença ínfima parece ter sido obtida a partir de uma série de ataques contra a honra do senador pedetista patrocinados por Requião. Um exemplo: em agosto de 2006 Requião anunciou que entrou com um pedido de investigação judicial contra Osmar por causa do valor declarado pelo pedetista na compra da fazenda Lagoa da Prata, em Formoso do Araguaia, no Tocantins. Osmar disse, em sua declaração de bens, que o preço do imóvel de 8.325 hectares, foi R$ 2,5 milhões. Requião alegava que o imóvel valia R$ 30 milhões e queria que Osmar explicasse como havia conseguido comprar uma fazendo do Bradesco que valeria muito mais do que foi declarado.

Osmar retrucou com outro processo, este por calúnia. Declarou que Requião era um caluniador contumaz que responde a mais de 30 processos por esse tipo de crime. Quanto à fazenda, afirmou que foi vendida pelo Bradesco, em 1995, e que ele a comprou de um terceiro proprietário, com dinheiro honesto. E aproveitou para espicaçar Requião. “Sou filho de agricultor, e esta será a minha ocupação quando deixar a política. Já com o Requião será diferente, pois ele sequer tem profissão definida e como pendurou a família no serviço público, terá dificuldades para viver”, declarou. O senador aproveitou para rememorar os custos da ‘grande família’ teriam para o estado. Segundo Osmar, Requião e seus familiares teriam recebido aproximadamente R$ 6 milhões nos quatro anos de mandato. “É por isso que ele deseja permanecer mais quatro anos no governo, mas os eleitores não vão permitir que ocorra tal infelicidade”, afirmou.


23 comentários

  1. Reinaldo
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 14:25 hs

    O Requião já pediu desculpas para o Osmar. Tá limpo.

  2. alessandro nascimento
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 14:32 hs

    Ah meu amigo, se for levar por esse lado qualquer aliança ficará comprometida. Não sobra ninguém. Agora é que isso está mudando um pouco por imposição da fidelidade partidária. O Requião, por exemplo, cooptou os prefeitos da se filiarem no PMDB, o mesmo PMDB que agora cobra o mandato de deputados que mudaram para outras siglas

  3. Luiz Honório
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 14:37 hs

    Acorda Reinaldo!!!
    Requião pediu desculpas pro Osmar….ha ha ha!!
    O Osmar depende de Deus e o Mundo para tentar lançar a candidatura rumo ao Palácio.
    Quem precisa do Requião é ele!!!
    Afinal de contas, esta lenga lenga não vale de nada, pois todos sabemos que ele logo logo desiste desta loucura de candidatura ao Governo e sai abraçado com o Beto Richa.
    Ai sim, briga novamente com o Requião, seu adversário para o Senado…fato este que será vergonhoso, pois levará uma surra histórica nas urnas, e aí sim acabou!!!

  4. Everaldo
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 14:47 hs

    Vocês estão tentando criminalizar as denúncias do Requião que sempre foram feitas com intenção puramente pedagógica.

  5. Borduna
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 14:52 hs

    Não amnésia do eleitor. Eleitor não tem memória, caso contrário na reelegeriam.

  6. Ermenciano
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 14:59 hs

    Não entendo essa marcação de setores da mídia com o Osmar. O Lula fez aliança com o Maluf, ninguém falou nada. O Lula fez acerto com o Collor, todo mundo ficou na moita. O Requião se acertou com o Quércia, ninguém achou ruim. Quando o Osmar resolve fazer um acordo com o Requião, tendo em vista os melhores interesses do estado, desaba o mundo. São dois pesos e duas medidas.

  7. Polêmico
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 15:35 hs

    O povo esta acordando e do jeito que estão fazendo politica estes dois nem Osmar e nem Requião serão eleitos e muito menos o Beto que já faz campanha para governador a pelo menos 1 ano.
    Fora Osmar, Requião e Beto.
    Fora PSDB e DEM.
    Pesuti Governador.

  8. Capitão Gancho
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 15:49 hs

    Que ambos não tem um pingo de vergonha na cara, nós já sabíamos.

    O Osmar perdeu a eleição aos 47 do segundo tempo, o outro continuou atrapalhando o Estado e o Povo Paranaense.

    Agora, como duas cadelas no cio, tentam enganar o Povo Paranaense juntos…

  9. ILDO BALDO
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 15:55 hs

    FABIO ACHO QUE A NOTICIA NÂO ESTA BEM CLARO
    ELES ACHÂO QUE OS ELEITORES NÂO ESTÂO COM EMINESE
    POIS SE ASTIVEREM VOTARÂO NO PSDB E DEM DAS PRIVATIZAÇÔES

  10. Porecatu
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 15:56 hs

    Mas, vamos lembrar aos eleitores quem são os dois “artistas”.

  11. pedro
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 15:59 hs

    lembram das criticas feita ao jose richa em 90 aposentado cadeia nele e tantos outros isto sim não da pra esquecer.

  12. Não dá!
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 16:16 hs

    Não dá para acreditar que uns e outros cairão nessa. Chega dessa enrolação, dessas simulações e o escambau. Na verdade é a tal “Rede de Proteção” em ação. Não se preocupem pois nós mudaremos isso nas próxims eleições. Acabou prá essa turma.

  13. TO LIGADO!
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 16:29 hs

    E o Beto??? Vai topar???

  14. MARCIO COSTA...
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 16:46 hs

    É CLARO QUE O PMDB ESTA APOSTANDO NA AMINÉSIA DO POVO PARANAENSE, TANTO É PERCEPTÍVEL QUE ATÉ O ORLANDO PESSUTI VEIO COM A MESMA CONVERSA DE CAMPANHA DE QUE VAI BAIXAR O PEDÁGIO, É MOLE, SÓ VENDO PRA CRER, DIGO, SÓ PAGANDO PRA VER…

  15. FOSFOSOL
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 16:53 hs

    ELES ACHAM QUE O POVO É SAFADO COMO ELES????
    QUE ESQUECEMOS E PERDOAMOS TUDO, COMO A DIRETORA DO MON?????
    ESPEREM E AGUENTEM!!!

  16. Nakad
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 16:59 hs

    chega dos mesmos!

  17. NETTO
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 17:07 hs

    SE FOR ASSIM VOTO BETO RICHA !!!
    PMDB NUNCA.

  18. baixinho
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 17:25 hs

    O gente vcs se esquecem que mortos nao falao nao discutem o bola da vez agora e outro PESSUTAO, marcio o que PESSUTI esta fazendo pelo parana nem o ex governador nem os SENADORES fizeram

  19. ILDO BALDO
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 18:09 hs

    MARCIO COSTA
    ENQUANTO TIVER CONVERSA SOBRE PEDAGIO NÂO DA PARA ESQUECER QUE O BETO E& VOTARAM PARA PRIVATIZAR AS RODOVIAS ISSO NÂO DA ESQUECER

  20. antonio carlos
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 18:41 hs

    O senador e o candidato a senador de uma coisa tem certeza, o eleitor é trouxa mesmo. Confesso que já votei num destes canalhas, então também tenho culpa. E fiados na nossa estupidez e falta de memória, contam com o nosso voto para ficarem, ambos, em uma boa. De novo. Mas ano de eleição é assim mesmo, sempre as mesmas baixarias até as eleições. Depois delas, vencidos e vencedores fazem as pazes, porque é preciso repartir o botim. O chiqueiro é sempre o mesmo, agora vem aí uma porcada nova, e que precisa engordar. Só que as nossas custas. ACarlos

  21. alex ribeiro
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 18:43 hs

    duas trancas que até hoje só sugaram o nosso querido Parana,vamos de esperança,de gente capaz ,vamos de beto governador

  22. Ferreira Jr. (Ferreirinha)
    quarta-feira, 28 de abril de 2010 – 20:26 hs

    Fora do PR, as pessoas nao entendem o que acontece no Estado….Pensam que estamos cegos, pois como é que elegem uma pessoa assim para o governo? E como é que o consideram uma possibilidade para o Senado? Alguns estao refens desta insanidade ha algum tempo, e isto tem sido um pouco vergonhoso para todos os paranaenses. Ninguem entende isso… Como dizem os politicos, “ele é louco, mas não é bobo”, ou ainda “a loucura dele não é o problema, mas o caráter”. O que o Requiao quer agora é só isso: 8 anos de Senado para sua aposentadoria; enquanto isso, brincar de tiro ao alvo maluquete, como sempre… nosso quase-Ciro Gomes.
    Agora chega… é só ir pra casa. E tentar uma terapia para facilitar a vida dos familiares. Nao sera eleito. Espero que nao tente uma vaga de deputado, e aí continuaria incomodando um pouco mais.

  23. Daniel
    quinta-feira, 29 de abril de 2010 – 9:09 hs

    Na verdade é mais fácil o Corinthias ser campeão da Libertadores do que o Requião apoiar o Osmar Dias, ou é Pessuti ou acredito que seja o Beto Richa pode escrever, não gosto de nenhum dos dois (Osmar e Requião), meu voto é Richa porém se Requião apoiar Richa concerteza ganha e o Paraná terá um excelente administrador…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*