PSDB vê irregularidade e vai ao TSE contra pesquisa da Sensus | Fábio Campana

PSDB vê irregularidade
e vai ao TSE contra pesquisa da Sensus

Do G1

O PSDB entrou com representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nesta quarta-feira (14) pedindo a aplicação de multa de até R$ 100 mil ao Instituto Sensus pela suposta divulgação irregular da pesquisa de intenção de votos para a Presidência da República. A pesquisa apontou empate técnico entre o pré-candidato tucano José Serra (32,7%) e a petista Dilma Rousseff (32,4%).

O partido alega que a publicação do resultado, ocorrida nesta terça-feira (13), fere regra eleitoral que estipula o prazo de cinco dias para a divulgação, a contar do registro das informações no TSE. A pesquisa foi registrada pelo instituto no dia 5 de abril, em nome do Sindicato de Trabalhadores em Concessionárias de Rodovias (Sindecrep).

A entidade negou à imprensa que tivesse encomendado o levantamento ao Sensus, o que fez o instituto realizar um segundo registro, desta vez em nome do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Construção Pesada de São Paulo (Sintrapav), no dia 9.

A contar desse dia, a pesquisa só poderia ter sido revelada nesta quarta, quando completaria os cinco dias exigidos pela norma, argumentam os advogados do PSDB. De acordo com os dados apresentados ao TSE, o levantamento foi feito entre os dias 5 e 9 de abril em 24 Estados, com duas mil entrevistas. Além dos resultados de Serra e Dilma, a pesquisa mostrou o deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE) com 10,1%, e a senadora Marina Silva (PV-AC) com 8,1%. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.

A representação do PSDB ainda não tem relator definido no TSE e deve ser analisada depois que o Instituto Sensus apresentar defesa ao tribunal.

Outro lado

O diretor do Instituto Sensus, Ricardo Guedes, defendeu a validade da pesquisa. “O questionamento à pesquisa tem origem política, não técnica”, disse Guedes à Agência Estado . “Não sei por que cismaram com a gente.” O diretor ainda não foi comunicado formalmente pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre a representação.

A alteração do nome do contratante foi feita dentro do prazo da pesquisa de campo e, por isso, não traz prejuízo à data de divulgação da pesquisa”

“A alteração do nome do contratante foi feita dentro do prazo da pesquisa de campo e, por isso, não traz prejuízo à data de divulgação da pesquisa”, afirmou Guedes. Segundo ele houve “erro material” na hora de registrar o levantamento na Justiça Eleitoral, pois os dois sindicatos funcionam no mesmo escritório. A resolução 23.190 do TSE, que disciplina as pesquisas eleitorais, não trata dessa situação específica. Apenas determina o prazo de cinco dias entre o registro e a divulgação.

Para o advogado especialista em Direito Eleitoral, Alberto Rollo, de forma geral prazos começam a contar quando constam do processo os dados corretos. “A princípio, o dado errado não vale”, disse. “Se há uma informação errada, é preciso aperfeiçoá-la e, só assim, retomar a contagem dos prazos.”

(Com informações da Agência Estado)


18 comentários

  1. Silvano Andrade
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 20:03 hs

    A agua esta batendo na bunda do careca privatizante.

  2. salete cesconeto de arruda
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 20:11 hs

    VÃO QUERER GANHAR NO TAPETÃO OUTRA VEZ!

  3. eloy
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 20:29 hs

    $en$us… so poderia mesmo… coisa de PeTralhas
    Pior que nao conseguiram nem ao menos colocar a Dilmula um pontinho a frente. Ta desesperador ….kkkkkk

  4. rst
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 20:38 hs

    É o desespero da tucanada é grande. O Datafraude que é favoravel ao Serra eles não veem irregularidade nenhuma. E a querra suja dos tucanos já começou, estão atacando o Site do PT.

  5. Polêmico
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 21:00 hs

    Que diferença faz divulgar um dia antes?
    O empate existe de qualquer forma até a próxima pesquisa que ai a Dilma estará na Frente!
    Fora Serra.
    Fora PSDB e seus aliados.

  6. Borduna
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 21:22 hs

    Pesquisas dedeveriam ser proibidas. Ora são fraudadas e quando não tendenciam o voto popular o que é atidemocrático. Abaixo todas as pesquisas….

  7. Xiiii!
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 21:24 hs

    Xiiiii! começo o chororô. Mas ainda não é cedo para começar? A senhora nem bem chegou perto e já ameaça passar o Zé. Desse jeito na hora que ultrapassar o cara e sua turma vão ter acessos tais que a campanha ficará prejudicada. Calma tucanos, a pancada maior ainda está por vir. E não tenham muita esperança pois será no PRIMEIRO TURNO. Aguardem.

  8. quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 21:32 hs

    Pera aí…todos viram que a pesquisa foi encomendada por um sindicato…lembrem que existiam ai pesquisas do Álvaro que ele dava os “índices”..isso também vale pra esses baba-ovo da CUT…queriam por água no chopp do Serra, mas o tiro saiu pela culatra, pois mesmo maquiando números não conseguiram por a Dilmula na frente…na pesquisa deles mesmos…mas vem outra ai…e principalmente vem a de outubro..lá vamos por a ditadora, que prega a censura, acha que invasões de terras são pra ser verificadas por uma comissão..apoia o aborto, quer dar carteira de trabalho a prostitutas..aceita filhos de dois pais ou duas mães…é produto de uma lula adestrada…pra correr…Serra presidente…

  9. rst
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 22:43 hs

    Dilma supera José Serra no Sul

    Pesquisa divulgada ontem pelo instituto Sensus aponta empate técnico na corrida presidencial entre o tucano José Serra (33%) e a petista Dilma Rousseff (32%). Em relação ao levantamento anterior do mesmo instituto, feito no final de janeiro, Dilma subiu quatro pontos porcentuais e Serra permaneceu estável.

    O melhor desempenho da pré-candidata do PT é registrado no Nordeste, onde ela tem 44% das intenções de voto e uma vantagem de 19 pontos sobre o principal adversário. Pela primeira vez, Dilma aparece como líder também na região Sul (40% a 33%), onde subiu 14 pontos em pouco mais de dois meses. O pré-candidato do PSDB se mantém na liderança isolada na região Sudeste (38% a 22%), onde ampliou sua vantagem de 12 para 16 pontos. No Norte/Centro-Oeste, há empate técnico: Dilma tem 33% e Serra, 30%.

  10. rst
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 22:49 hs

    A IDADE DAS TREVAS

    CAPÍTULO V – DANIEL DANTAS COMO MODELO DE EMPREENDEDORISMO E DE COMO OS OLIGARCAS TUCANOS SAQUEARAM O ESTADO

    Recuando aos tormentosos anos 90, vislumbramos uma agitação febril nos bastidores do tucanato. Vivia-se a panacéia da privatização das empresas estatais e, exatamente como fora ordenado pelo Consenso de Washington, FHC preparava, álacre, o edital para vender as estatais brasileiras na bacia das almas.

    Dentre os empresários e proto-empresários que se destacavam na linha auxiliar do projeto tucano, um, em especial, se sobressaía: Daniel Valente Dantas. Cevado nas hostes baianas de Antônio Carlos Magalhães, pós-graduado na Fundação Getúlio Vargas e pós-doutorado pelo MIT, Dantas, logo cedo se revelaria um mago das finanças. Após vender sua cota societária no Banco Icatu e escapar, milagrosamente, do confisco do Plano Collor, Dantas funda o Banco Opportunity e se prepara para a grande jogada de sua vida: o programa de privatização das estatais brasileiras. Fernando Henrique Cardoso havia sido eleito na esteira do Plano Real de Itamar Franco. Corria então o ano da graça de 1994. Conforme prometido ao Consenso de Washington, FHC cumpre o acordado. Andando no limite da irresponsabilidade e da safadeza, FHC entrega as principais empresas estatais para a iniciativa privada, majoritariamente estrangeira. E o que é pior: não bastasse a venda das estatais subavaliadas, o Estado colocava o BNDES para emprestar dinheiro público para a camarilha comprar o patrimônio público! Obviamente que, com um jurinho camarada e carência a perder de vista! Daniel Dantas virou o que é hoje, aí, nesse espaço-tempo nebuloso das ruinosas privatizações tucanas; nesse locus institucionalizado da pilantragem tucana!

    Ancorado nos principais fundos de pensão (Previ, Petros, Funcef), que foram obrigados por FHC a, debaixo de vara, aportarem recursos bilionários em seus projetos, Dantas saiu de um cenário de sócio de um tamborete (o Icatu) para o controlador de um grande grupo da telefonia: a Brasil Telecom.

    Esse foi o modelo aplicado a outros empresários também. Nenhum com o sucesso de Dantas, porém. Assim, no período negro da primeira tetraetéride Fernandina, assistimos ao mais descarado roubo ao patrimônio nacional; assistimos, impassíveis, a um verdadeiro saque ao Estado, comandado a partir de dentro, do próprio Palácio do Planalto, criando os novos oligarcas que dariam as cartas na vida política e econômica brasileira por vinte anos, segundo vaticinava Sérgio Mota. A cena mais emblemática desse período foi o célebre jantar de Daniel Dantas com FHC, no palácio do Planalto (ou teria sido no Alvorada?). Segundo testemunhas, nesse jantar, Dantas reclamou com Fernando Henrique da recalcitrante diretoria da Previ, que se recusava a participar da pantomima. No dia seguinte, a diretoria da Previ estava demitida e Dantas conseguiu a parceria que queria.

    Não é à toa que FHC considera Daniel Dantas brilhante.

    Alberto Bilac de Freitas

    Igor Romanov

  11. rst
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 22:55 hs

    arta-feira, 14 de abril de 2010
    O Brasil “poderá menos” se tiver um presidente que dorme até meio-dia em plena quarta-feira

    Hoje o noticiário divulgado pela campanha de José Serra (PSDB/SP) anuncia que o demo-tucano terá compromissos só pela tarde. De manhã, nada.

    No twitter dele há um “boa noite” às 3 horas da madrugada de hoje.

    Para piorar, a conversa termina com o demo-tucano se dedicando a passar dica de um video-clip de música dos Beatles.
    Um cargo de presidente tem responsabilidades demais, para ficar em plena quarta-feira procurando video clips dos Beatles, para passar dicas aos leitores, às 3 horas da madrugada.

    O Brasil ainda tem problemas o bastante para serem resolvidos e não pode se dar ao luxo de ter um presidente que dorme a manhã inteira em plena quarta-feira, e só trabalha de tarde, em meio expediente no horário comercial.

    Se quando é candidato e precisa “ralar” na campanha para pedir votos, já está assim com esse comportamento lerdo e sossegado de notívago, imaginem o que aconteceria depois de eleito, se fosse eleito, quando não precisasse mais correr atrás do eleitor.

    Em tempo: Hoje não é caso isolado. Desde sempre, Serra é conhecido por ser notívago e não acordar cedo, evitando compromissos pela manhã. Seus horários no twitter sempre foram de madrugada, como qualquer usuário do twitter que confira pode testemunhar.

    Enviar por e-mail: Por: Zé Augusto 6

  12. Osmar Santos
    quarta-feira, 14 de abril de 2010 – 23:41 hs

    E tucanada… a guasca vai comer no lombo…. Tem gente que vai ter pitiiiii daqui uns dias…heheheheheheheheh

  13. Juquinha
    quinta-feira, 15 de abril de 2010 – 0:22 hs

    pra cima deles Dilmaaaaaaaaaaaa….vamos subirrrr….

  14. Pé Vermelho
    quinta-feira, 15 de abril de 2010 – 4:57 hs

    ‘Tá fazendo água no PT que não sabe mais qual ‘laranja’ coloca prá pagar pesquisa mal feita…
    O problema do PT é que o Serra ‘tá no Paz e Amor, e a guerrilheira ‘tá começando a mostrar os dentes e perdendo as estribeiras….PARA QUEM entende de política e de história da política brasileira, espera-se um discurso desesperado da Dilma, abraçada ao LULLA. No entanto, o discurso do medo já não deu certo lá atrás, muito menos agora.
    Serra no primeiro turno, com 1% além do necessário.
    Abraços.

  15. quinta-feira, 15 de abril de 2010 – 9:16 hs

    Senhores…lendo os comentários acima, vejo que um Ptista de plantão escreveu que a tal pesquisa sensus apontou que a Dilma está na frente do Serra no Sul…quá,quá,quá…com 40% a 33%…a pergunta que fica…Será que ouve manipulação dos resultados..os dados que o Ptista apresentou dizem tudo…é o não desespero de causa..se bem que é melhor que a PTzada acredite nesses índices mesmo….será que vão cair do cavalo……..

  16. CAÇADOR DE PETISTAS
    quinta-feira, 15 de abril de 2010 – 9:26 hs

    Dona Salete.

    Em se tratando deste malandro chamado Lula da Silva, vale ganhar de qualquer forma. O importante é impedir esta corja de safados de dar continuidade a esta grande mentira, a este desgoverno populista.

    Aliás dona Salete, melhor ganhar no tapetão que ganhar a base de mentiras da forma que vem fazendo a candidata Dilmônio.

    Se liga Salete, ou você também concorda com as imoralidades do bebado molusco.

    Lula da Silva ofende as mulheres do Brasil ao falar em sexo, ponto “G” e outrqas pronografias, mulheres etas que ele acredita que irão depositar o voto de confiança em sua candidata machorra.

    ACORDA SALETE, ESTA GENTE NÃO PRESTA OU VOCÊ SE ENQUADRA NO MESMO GRUPO.?

    Há, antecipando, não me critique por não constar meu nome pois, me chame apensa caçador de petistas ou melhor, caçador de safados.

  17. ildo baldo
    quinta-feira, 15 de abril de 2010 – 12:58 hs

    O QUE QUE O SERRA QUER ?
    ELE VAI PEDIR PARA POR JUNTO NA PESQUISA O VICE DELE O OUTRO CARECA ARUDA DE BRASILIA AI ELE VAI DISPARAR KAKAKAKAKAKAKAKAKAKAK

  18. walter
    quinta-feira, 15 de abril de 2010 – 21:04 hs

    kkkkkkkkkkkk os demotucanos estão desesperados kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, eu coloco o despertador para tocar de meia em meia hora só pra rir kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*