Em Palmeira, Beto Richa promete gestão moderna e democrática | Fábio Campana

Em Palmeira, Beto Richa promete gestão moderna e democrática

Uma visão moderna e democrática de gestão pública, com um governo mais próximo das pessoas. Assim, o pré-candidato ao Governo do Paraná, Beto Richa, sintetizou o estilo de administração que o PSDB apresentará à população paranaense na campanha eleitoral deste ano.

“A exemplo do que fizemos em Curitiba, com um estilo diferente, uma visão moderna e democrática de gestão pública, com um governo mais próximo das pessoas, ouvindo mais do que falando, sensível às dificuldades que as pessoas enfrentam no dia a dia, com transparência, ética e respeito ao cidadão. Esse é um caminho possível para o Paraná”, propôs Richa.

A declaração foi dada na manhã desta quarta-feira (7), logo após o desfile cívico em comemoração aos 191 anos de Palmeira, município da região dos Campos Gerais com 33 mil habitantes.

“Fico muito feliz em poder participar desta festa, ao lado de amigos e companheiros desta cidade, que sempre me recebeu muito bem, de forma cordial e carinhosa”, afirmou Richa, acompanhado pelo prefeito de Palmeira, Altamir Sanson (PSC).

“O Beto é um companheiro nosso e estaremos com ele nesta caminhada”, disse Sanson. “Além do grupo do prefeito, vários vereadores e lideranças de Palmeira manifestaram a simpatia e o desejo de apoiar o nosso projeto nesta eleição. Fico muito feliz em receber o apoio de tantos políticos daqui, tendo a certeza que os nossos compromissos com a cidade de Palmeira cada dia crescem mais”, afirmou Richa.

Os compromissos, destacou o pré-candidato, envolvem a injeção de investimentos em infraestrutura e no aspecto humano. “No sentido de criar mais oportunidades para as pessoas”, explicou. “Se for governador, estarei aqui muitas vezes para conversar a respeito do futuro desta cidade e possibilitar, através das ações governamentais, os avanços necessários que o povo de Palmeira espera”, garantiu Richa.

Participaram do evento os deputados estaduais Valdir Rossoni – presidente do PSDB Paraná, Luiz Fernandes Litro (PSDB) e Edson Strapasson (PMDB), além do vice-prefeito de Palmeira, Domingos Everaldo Kuhn (PSC) e do vereador de Palmeira, Sérgio Belich (DEM).


24 comentários

  1. Divanir
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 16:56 hs

    Parabéns Beto, acho que serás um dos melhores governadores que nosso estado vai ter. Enquanto muitos discutem apoio Beto corre na frente, pois sua campanha independe de apoio de larápios. E se Osmar dias for inteligente se alia a ele.

  2. Vai Beto!!!
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 16:57 hs

    Com muita humildade, respeito, trabalho e pé no chão, é exatamente isso que queremos ver nessa caminhada, muita forca para vc Beto Richa. Trabalho serio e consciente sempre sera bem recompensado!!!

    Vai Beto!!!

  3. bimbo
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 17:05 hs

    O carequinha alí em baixo na foto não é o Roubaneli ???

  4. asshi
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 17:05 hs

    O que é gestão moderna?
    Seria o contrário de gestão ultrapassada?
    Por exemplo, ser pobre, morar na perferia de uma cidade que exclui, seria coisas da modernidade ou do passado?
    Seria moderno se estas pessoas deixassem a pobreza classe e e ezinho se tornando classe C e B. Particpando dos círculos da cidade. Deve-se louvar a ação do R$ 1,00. Mas e o resto que não seja imitação de outros governos. Volto a falar:
    – O que é gestão moderna Sr. Beto Richa???
    Privatização? Falta de concursos públicos? Salários irrisórios?
    Nos fale suas propostas sobre os diversos temas.

  5. injuriado
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 17:21 hs

    Exatamente, igual a que implantou em Curitiba, modelo copiado do Arruda em Brasilia, se esqueceram?????????

  6. Sensato
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 17:21 hs

    Parabéns ao Beto Richa!
    A foto só não ficou perfeita por causa do prefeito cassado pelo TRE e TSE, Altamir. Uma vergonha pra nossa população.
    O grupo limpo é o do Giovatan!!!!

  7. José da Silva
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 17:29 hs

    Kd o TRE do Paraná????????????????????????????????????????

    Campanha eleitoral antecipada senhores juizes!!!!!!!

    ACORDA TRE!

  8. quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 17:32 hs

    Esse prefeito é um traira, esses dias estava la no gabinete do Pessutão cheio de amor para dar. Os municipes não podem pagar pelo o Trairão, vamos ajudar Pessutão o povo mas pau no Trairão.

  9. Calunga
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 17:54 hs

    É a BETOMANIA que vai se implantando em todo o Estado. Essa eleição ninguém ganha do Beto Richa.

  10. Chuvisco
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 17:55 hs

    E o Osmar heim? Fica esperando a vontade da Gleisi e o tempo vai passando. Acorda rapaz.

  11. Curitibano
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 18:30 hs

    Ei! povo cuidado com as promesas desse ai, ele custuma não cumprir deixou Curitiba na mão e com metade por fazer.

  12. quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 18:46 hs

    Outro tomate podre na campanha do Beto? O quase ex-prefeito de Palmeira, já cassado pelo TRE do Paraná e prestes a ser cassado pelo em definitivo pelo TSE? O Beto não precisa carregar esses tipos…

  13. BETO ENGANAÇÃO
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 18:54 hs

    As promessas do Beto ficaram para tras e apenas no papel, o tão sonhado metrô e simbolo de campanha quando se reelegeu prefeito, não será realidade para Curitiba.
    Portanto, acreditar em suas propostas é o mesmo que dizer: papai noel existe, saci pererê… etc.
    A verdade é que não tem recursos suficientes para concretizar a implantação do Metrô, além do mais, estamos concorrendo com Belo horizonte e Porto alegre, com certeza Brasília não iria dar preferência para Curitiba em detritemento dos nossos concorrentes.
    ENTÃO SR. BETO, ANTES DE PROMETER, ANALISE BEM AS CONDIÇÕES, POIS, PODE ENGANAR POR ALGUM TEMPO NÃO POR TODA VIDA.

  14. Rock
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 19:05 hs

    Se ele for implantar, buracos e falta de vagas nas creches, de todo o Paraná então estamos ralados.

  15. Murisoca
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 20:04 hs

    O Curitibano tem razão. Ele prometeu ficar até o fim do mandato e não cumprio e ainda deixou a cidade na mão do seu vice.
    Um caso a se pensar. Betomania tô fora desta fria.

  16. Observador
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 21:48 hs

    Beto Richa é como todo tucano: ” muito bico e pouco peito “

  17. Lucas
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 22:08 hs

    Democratica? onde? nunca recebeu funcionários e disfarçou com reuniões em bairros, enganou curitiba e agora quer enganar o Paraná. Fora Lerner Taniguchi e Richa, tudo farinha do mesmo saco e podre!!!!!

  18. Igual ao Serra não, por favor!
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 22:10 hs

    segunda-feira, 5 de abril de 2010
    O que você precisa saber sobre os pedágios mais caros do mundo em SP

    Por Douglas Yamagata

    Veja abaixo, os pedágios no Estado de São Paulo em números:

    – Número de pedágios no estado de SP: passou de 40 para 163 postos de pedágios nos governos tucanos;

    – Novas praças de pedágios no estado de SP: Governo Serra promete a instalação de mais 60 novas praças de pedágios;

    – Faturamento das praças de pedágios no estado de SP: R$126,00 por segundo;

    – Lucro Líquido da Autoban (Anhanguera e Bandeirantes): entre 1998 e 2008 acumulou lucro líquido de R$812,1 milhões;

    – Lucro Líquido da Ecovias (Imigrantes e Anchieta): entre 1998 e 2008 acumulou lucro líquido de R$657 milhões;

    – Tarifas de pedágio no mundo: entre R$0,02 e 0,04 (por km rodado);

    – Tarifas de pedágio no estado de SP: entre R$0,07 a R$0,16 (por km rodado);

    – Tarifa de pedágio das concessionárias do Governo Federal: para andar 562 km na Fernão Dias (São Paulo à Belo Horizonte), paga-se apenas R$8,80 (R$0,015 por km rodado). Ou seja, a menor tarifa cobrada pelas concessionárias do Governo de São Paulo é 10 vezes maior que a cobrada pelas concessionárias do Governo Federal.

    – Valor pago pelos paulistas em tarifas à Concessionárias em 2008: R$3,920 bilhões;

    – Quantidade de veículos (automóveis, caminhões e ônibus que pagam pedágios: 21,6 milhões;
    ————————————————–

    Outros dados importantes:

    – Motocicletas passarão a pagar pedágio. Com inclusão de 4,2 milhões de motos o número de pagantes aumentará em 20%;

    – Quem não usa carro também paga pedágio, uma vez que a tarifa está embutido no valor das passagens;

    – Quem fica em casa também paga pedágio, uma vez que 93% das mercadorias são transportadas por caminhão;

    – As rodovias federais mantém o mesmo padrão de qualidade em serviços como atendimento ao usuário, socorro médico, recuperação de asfalto e instalação de radares. No entanto, as tarifas são 10 vezes menores do que as concessionárias no estado de SP – como já foi citado.

  19. TO LIGADO
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 23:01 hs

    CONTA OUTRA BETO.

    DESDE QUANDO TUCANO SABE O QUE É MODERNO E DEMOCRÁTICO? RS…RS…RS…

  20. TUKU NARE
    quarta-feira, 7 de abril de 2010 – 23:15 hs

    O BETO FEZ MUITO POR CURITIBA================================

    ===========================DEIXOU DE PRESENTE UM CURITIBANO

    NATO. COMO SEU BURGO MESTRE, esse sim vai trabalhar e fazer Curitiba==

    perder o soriso amarelo da periferia==

    e correndo o trecho, vai demostrar que o PARANA TEM GEITO============

    ===========================COM O PESSUTAO NA DIREÇAO=====

  21. Polêmico
    quinta-feira, 8 de abril de 2010 – 8:32 hs

    Que bom que o Beto deixou a Prefeitura para quem realmente quer trabalhar como Prefeito.
    O Beto vai perder e estara desempregado.
    Fora Beto.
    Fora PSDB.
    Pesuti Governador.

  22. INDIGNADO
    quinta-feira, 8 de abril de 2010 – 9:15 hs

    O TRE vai ficar só assistindo isso. (pormessa de gestão) não é campanha antecipada.
    Depois o escandalo é na assembleia olha povo do PR é cortina de fumaça ein.

  23. A.
    quinta-feira, 8 de abril de 2010 – 10:18 hs

    Ninguém falou do evento que ocorreu em março na praia, com o Manassés e o Gardolinski ? ? ?

  24. OSSOBUCO
    quinta-feira, 8 de abril de 2010 – 10:25 hs

    Se for igual a gestão TUCANA do Serra estaremos todos ferrados!

    O que você precisa saber sobre os pedágios mais caros do mundo em SP

    Por Douglas Yamagata

    Veja abaixo, os pedágios no Estado de São Paulo em números:

    – Número de pedágios no estado de SP: passou de 40 para 163 postos de pedágios nos governos tucanos;

    – Novas praças de pedágios no estado de SP: Governo Serra promete a instalação de mais 60 novas praças de pedágios;

    – Faturamento das praças de pedágios no estado de SP: R$126,00 por segundo;

    – Lucro Líquido da Autoban (Anhanguera e Bandeirantes): entre 1998 e 2008 acumulou lucro líquido de R$812,1 milhões;

    – Lucro Líquido da Ecovias (Imigrantes e Anchieta): entre 1998 e 2008 acumulou lucro líquido de R$657 milhões;

    – Tarifas de pedágio no mundo: entre R$0,02 e 0,04 (por km rodado);

    – Tarifas de pedágio no estado de SP: entre R$0,07 a R$0,16 (por km rodado);

    – Tarifa de pedágio das concessionárias do Governo Federal: para andar 562 km na Fernão Dias (São Paulo à Belo Horizonte), paga-se apenas R$8,80 (R$0,015 por km rodado). Ou seja, a menor tarifa cobrada pelas concessionárias do Governo de São Paulo é 10 vezes maior que a cobrada pelas concessionárias do Governo Federal.

    – Valor pago pelos paulistas em tarifas à Concessionárias em 2008: R$3,920 bilhões;

    – Quantidade de veículos (automóveis, caminhões e ônibus que pagam pedágios: 21,6 milhões;
    ————————————————–

    Outros dados importantes:

    – Motocicletas passarão a pagar pedágio. Com inclusão de 4,2 milhões de motos o número de pagantes aumentará em 20%;

    – Quem não usa carro também paga pedágio, uma vez que a tarifa está embutido no valor das passagens;

    – Quem fica em casa também paga pedágio, uma vez que 93% das mercadorias são transportadas por caminhão;

    – As rodovias federais mantém o mesmo padrão de qualidade em serviços como atendimento ao usuário, socorro médico, recuperação de asfalto e instalação de radares. No entanto, as tarifas são 10 vezes menores do que as concessionárias no estado de SP – como já foi citado.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*