Ducci e ministro do Esporte discutem centro olímpico em Curitiba | Fábio Campana

Ducci e ministro do Esporte discutem centro olímpico em Curitiba

O prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, apresentou nesta segunda-feira (26) ao ministro do Esporte, Orlando Silva, uma série de projetos que serão avaliados pelo Ministério para que Curitiba seja escolhida como um centro regional de treinamento dos Jogos Olímpicos de 2016, que ocorrerão no Rio de Janeiro.

“O ministro nos deu a boa notícia de que, dentro dos investimentos previstos para as Olimpíadas, poderia destinar recursos para a construção de uma arena multiuso, que terá capacidade para um público de 12 a 15 mil pessoas”, disse Luciano Ducci. “A reunião foi positiva, pois pudemos apresentar vários projetos e sensibilizar o ministro. Temos muitas expectativas”.

Luciano Ducci apresentou os projetos de revitalização do Velódromo de Curitiba, no Jardim Botânico, e do Parque Náutico, no Boqueirão, a construção de uma pista de atletismo no Parque dos Peladeiros, no Cajuru, e da arena multiuso, em local ainda a ser definido.

O ministro afirmou que irá selecionar os projetos prioritários e incorporar a cidade no plano de investimento para as Olimpíadas. “Com melhor infraestrutura, Curitiba poderá mobilizar profissionais de alto nível e participar da preparação dos atletas dos Jogos Olímpicos”, disse Silva. “E tão importante quanto essa participação é ter um modelo sustentável para fortalecer a prática do esporte no Brasil depois de 2016”, afirmou o ministro.

O prefeito Luciano Ducci também informou ao ministro que Curitiba pretende atrair técnicos internacionais para preparar futuros atletas que possam disputar Olimpíadas. “Dentro das estratégias da Prefeitura, estão o investimento nas bases esportivas, que já acontecem nos programas municipais da cidade e serão aprimorados”, disse o secretário municipal do Esporte e Lazer, Rudimar Fedrigo.

“Curitiba tem um grande potencial na área esportiva. Com estes projetos, a cidade poderá ter uma papel de destaque nacional na preparação para as Olimpíadas”, disse o o assessor especial do Ministério do Esporte, Ricardo Gomyde.

As revitalizações planejadas pela Prefeitura vão atender as modalidades olímpicas de remo e ciclismo, além de uma área especial para atletismo, no Parque Peladeiro. Atualmente, a seleção brasileira de ciclismo treina no velódromo de Curitiba, orientada pelo professor Adir Romeo, funcionário de carreira da Prefeitura de Curitiba. As raias do Parque Náutico, consideradas uma das melhores da região Sul do Brasil, também são usadas por atletas de alto rendimento. O gestor de Curitiba para a Copa do Mundo de 2014, Luiz de Carvalho, também participou do encontro com o ministro.

Copa –
Na passagem por Curitiba, o ministro também teve encontro com o governado Orlando Pessuti, líder do Comitê Executivo para Assuntos da Copa do Mundo de 2014. Silva destacou que voltará a Brasília confiante de que Curitiba cumprirá as exigências da Fifa para ser uma das cidades-sede da Copa.

O Estádio Joaquim Américo, do Atlético Paranaense, é o local indicado em Curitiba para abrigar jogos da Copa. No mês de maio, a Seleção Brasileira fazer uma pré-temporada no CT do Atlético, como preparação para a Copa da África do Sul, que começa em junho.

“Saio seguro e com a palavra enfática do Governo do Estado, da Prefeitura de Curitiba e do Atlético Paranaense de que estão de mãos dadas para a realização da Copa”, disse Silva. “O Paraná terá que participar com destaque desse evento”, afirmou.


6 comentários

  1. salete cesconeto de arruda
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 17:42 hs

    Parabéns ao Luciano.
    Está indo muito bem. Facilita supera o Beto já no primeiro ano. Na periferia é o que todos estão falando.

  2. A A CASAGRANDE
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 18:26 hs

    FOI A REUNIAO DE LARANJINHA E ACEROLA
    SENHOR PREFEITO ESTE CARA É O MAIOR ENRROLÃO DO GOVERNO FEDERAL.O NEGOCIO DELE É FAZER ‘ACERTOS” COM O NUZMANN.O MINISTRO DO ESPORTE E SUA TURMA ULTIMAMENTE SÓ APARECEM EM DENUNCIAS DE DESVIO DE RECURSOS .MAS SE FOI ACENADO COM A POSSIBILIDADE DE SUPERFATURAR A OBRA TENHA A CERTEZA QUE TANTO ELE COMO SEU FIEL ESCUDEIRO O RICARDO GOMYDE FARÀO DE TUDO PARA QUE A “OBRA”ACONTEÇA , NEM QUE TENHA SEJA UMA DAS VARIAS OBRAS DESCARTAVEIS QUE EXECUTARAM.

  3. TUKU NARE
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 20:39 hs

    esse DUCCI, se nao contaminar-se vai LONGeeeeeeeeeeeeeeeeee,tai um verdadeiro paranaense nato.

  4. Silvano Andrade
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 21:37 hs

    Tampão e tampax!!!

  5. nepomuceno
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 22:52 hs

    o nelo é soda!

  6. terça-feira, 27 de abril de 2010 – 11:03 hs

    Senhores….um dos pontos que considero ruins em CTBA, senão o pior, é exatamente o esporte….não é adminssivel que uma cidade do porte de CTBA, com uma RMC com 3,3 milhões de pessoas, PIB de 65 bilhões de reais, não tenha um centro esportivo de destaque…não temos nada na cidade, tudo é provisório…um ginásio de esportes: o Ginasio do Tarumã, tem pouca capacidade e estava em ruinas, já que o governo estadual do desqulaficado resolveu “tocar” o Rexona de lá e deixou aquilo as moscas…não temos um complexo de piscinas olimpicas, falta uma pista de atletismo com tamanho olimpico, falta infra-estrutura pra todos os esportes…poucos ainda tem o que comemorar, como o ciclismo, o remo, a ginástica…mas ainda assim não há lugares pra promover as disputas…é lamentável essa carência toda na cidade….isso precisa mudar, esporte também é dinhiero, esporte trás promoção pra cidade, esporte tira as pessoas das drogas, esporte ocupa as pessoas…então em vez de ficar ai discutindo programas ineficientes de combate as drogas, tipo: assistencialismo, deem a cidade e aos jovens, canchas, times, disputas, lugares pra aperfeiçoamento fisico….o dia que pensarmos no esporte como parte da economia, a coisa vai melhorar….agora entendo também, que isso não é só problema do governo federal, o poder estadual e principalmente o municipal tem que dar o ar de sua graça no tema..espote é vida..vamos pensar pra frente……

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*