Duas presas envolvidas no escândalo da Assembleia são liberadas | Fábio Campana

Duas presas envolvidas no escândalo da Assembleia são liberadas

Deu no Bem Paraná

Duas pessoas presas no sábado dentro da Operação Ectoplasma I, que apura as denúncias contra a Assembleia Legislativa, foram soltas neste domingo.

Maria José da Silva e Nair Terezinha da Silva Schibicheski foram liberadas depois de deporem. Maria é sogra e Nair cunhada de João Leal de Mattos, auxiliar administrativo da Assembleia,que mantinha uma rede de parentes recebendo salários do Legislativo.

Segundo informações do Ministério Público, as duas alegaram que tiveram seus documentos utilizados por Mattos, de quem seriam “laranjas”, recebendo R$ 150,00 ao mês em troca do “empréstimo” de seus nomes.


14 comentários

  1. Dieter
    domingo, 25 de abril de 2010 – 22:06 hs

    Qual a finalidade do MP? É seriedade do trabalho ou os holofotes?Porque não deixam as investigações para quem sabe?Parece um bando de retardados que, depois de uma serie de ações estafurdias, corre para corrigí-las.Parece que não aprendem, toda hora a gente vê as cagadas que são cometidas, tudo para aparecer na mídia.

  2. PROFETA DO POVO
    domingo, 25 de abril de 2010 – 22:12 hs

    TEM GENTE GRAÚDA, QUE ASSINOU OS ATOS, SE PREPARANDO PARA A PRISÃO PREVENTIVA. HEHE

  3. Ectoplasmótico
    domingo, 25 de abril de 2010 – 22:38 hs

    Operação Ectoplasma ? esse termo vem do grego ektós (por fora + plasma) e diz respeito à parapsicologia. Acho que o MP está precisando criar mais um Centro de Apoio Operacional para nominar adequadamente as operações.

  4. José Pereira
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 0:13 hs

    NÃO SEI O QUE É PIOR: TER UM BANDO DE LADRÕES ACORBETADOS POR UMA ÚNICA PESSOA, QUE VAI SE FERRAR PARA PROTEGER PODEROSOS DO ESTADO INTEIRO; OU TER UM MINISTÉRIO PÚBLICO PAUTADO PELA REDE RPC, QUE ALÉM DE PASSAR INFORMAÇÕES CONFIDENCIAIS PARA SEUS REPÓRTERES, CRIA FACTÓIDES JURÍDICOS SOMENTE PARA MANTER A TODO CUSTO A MATÉRIA EM EVIDÊNCIA (INCRÍVEL COMO A REPORTAGEM ESTAVA NA CASA DE ABIB MIGUEL PARA REGISTRAR A SUA PRISÃO AS CINCO E MEIA DA MANHÃ).
    SE O QUE O CHEFE DO GAECO DIZ FOI REALMENTE O QUE FUNDAMENTOU A PRISÃO, É UM ATENTADO FLAGRANTE A UM DOS PRECEITOS CONSTITUCIONAIS BASILARES QUE GARANTE O DIREITO DO CIDADÃO: TER O DIREITO A FICAR EM SILÊNCIO E NÃO PRODUZIR PROVA CONTRA SI MESMO.
    AS ÚNICAS DUAS PESSOAS QUE FORAM SOLTAS, SEGUNDO A ENTREVISTA NOTURNA DO CHEFE DO GAECO, NUM EMPENHO FENOMENAL PARA ATENDER COM EXCLUSIVIDADE A REDE RPC, SOMENTE OBTIVERAM ALVARÁ DE SOLTURA APÓS ACUSAR, DA FORMA QUE OS INVESTIGADORES DO GAECO QUERIAM, OS EX DIRETORES DA ASSEMBLEIA.
    INDEPENDENTE DA VERDADE, O TEMOR DO APARELHAMENTO DAS INSTITUIÇÕES QUE EXISTEM PARA ASSEGURAR O CUMPRIMENTO DA APLICAÇÃO DA LEI, TRANSFORMANDO-AS EM OBJETOS DE TORTURA MORAL PARA SE EXTRAIR A INFORMAÇÃO DESEJADA, EM NADA SE AFASTA DA TORTURA PRATICADA NOS TEMPOS DA DITADURA. SÓ QUE DESTA FEITA PRATICADA PELOS OPORTUNISTAS INVESTIGADORES QUE NÃO QUEREM DEIXAR ESCAPAR A CHANCE DE FICAREM EM EVIDÊNCIA E, ASSIM, SE FORTALECEREM NA BRIGA INTERNA DO MINISTÉRIO PÚBLICO QUE CONTRAPÕEM O PROCURADOR-GERAL E SUA TURMA COM OS FALSOS VOCACIONADOS E OPORTUNISTAS.
    ME DESCULPEM. NÃO CONCORDO COM O QUE ACONTECEU NA ASSEMBLEIA, MAS SE REALMENTE NÃO CONSEGUIMOS COMPROVAR OS FATOS ATRAVÉS DOS INSTRUMENTOS LEGAIS SEM O AUXÍLIO DA IMPRENSA NOTADAMENTE RECALCADA E PARCIAL, ENTÃO TODOS OS CIDADÃOS, INCLUSIVES OS DE BEM, DEVEM TEMER, POIS PODEM SER OBJETOS DE PRISÃO POR NÃO QUERER “COLABORAR” COM A PRODUÇÃO DE PROVAS. É ASSUSTADOR!!!

  5. parabéns MP
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 8:21 hs

    O ministério público pode ter gerado gerado dúvidas com a prisão das senhoras, mas agora dá uma resposta a sociedade com a soltura e a confissão das senhoras que estavam em silêncio a mando de alguém. Fica, com esse depoimento, provado o crime e a utilização de laranjas. Parabéns MP.

  6. Borduna
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 8:53 hs

    Bem, já prenderam, o gerente, o mordomo, o jardineiro o motorista e as faxineiras. Os chefes serão preservados obviamente. Com isso, na casa dos chefes, o mordomo não serve o chá, o jardinerio não poda as plantas e o motrisata não lava a mercedes e tem poeira nos móvis pois a fachineira está em cana. Quanto transtorno pros chefes da quadrilha, não. Desculpem nós o povo por favor pelo mal que lhes causamos. Mil desculpas senhores chefes pelo incômodo e transtornos. E vai ficar assim? Acho que vai. Cade as algemas para os chefes dessas quadrilha que continuam em seus postos……pôôôôô.

  7. Marvio
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 11:35 hs

    Viu só? Elas sabiam que eram laranjas e se faziam de vítimas… sabiam e ganhavam para serem laranjas… Agora quem vai dizer que foram prisões injustas???

  8. Dagmar Servia
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 12:35 hs

    Não estou entendendo alguns comentários aqui.

    A pessoa empresta seu nome para que alguém receba dinheiro sujo, não importa se não sabia, perante a Lei é conivente e partícipe da tramoia.

    Liberados após prestar depoimento, nada mais justo, afinal colaboraram para esclarecer pontos obscuros de tanta sujeira.

    Quanto aos deputados, parece que o Gaeco ainda não chegou na disponibilidade do dinheiro, mas quando chegar vai ter gente fazendo mole o dia todo. Ai vamos ver quem era quem nesta história toda.

    Mas até agora acho que as coisas estão indo bem, precisamos dar um voto de confiança a quem está investigando, se pisarem no tomate, então PAU NELES.

  9. Anônimo
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 13:52 hs

    Os responsáveis pelo Tribunal de Contas do Paraná, que aprovaram todas as contas da Assembléia Legislativa do Paraná nos últimos anos, também não deveriam ser investigados.Como é que estas conmtas foram aprovadas, com tanta falcatrua ?

    E a Receita Federal, via o Imposto de Renda de toda essa curriola da Assembléia Legislativa do Paraná, já não deveria ter ter agido há muito tempo ?

    Vão penalizar somente os bagrinhos que recebiam R$ 150,00 por mês ?

    Cadê o Ministério Público ?

    Socorro !!! O Crime Organizado tomou conta.

    Tô de saco cheio.

    Não reeleja nenguém.

    Abraço.

  10. Pedro Vigário Neto
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 13:59 hs

    Cadê os nobres deputados da Assembléia Legislativa do Paraná ?

    Estão de férias ?

    O que é que eles estão esperando ?

    Será que eles concordam com tantas falcatruas ?

    Será que eles estão envolvidos ?

    Minha avó dizia que quem cala, consente.

    Tô de saco cheio.

    Não reeleja ninguém.

    Abraço.

  11. Paulinho
    segunda-feira, 26 de abril de 2010 – 18:58 hs

    Meu Deus! Até quando até quando eu vou aguentar a volupia desse bando, Cadeias lotadas, favela inchada hospitais de fachada até quando eu vou aguentar a volupia desse bando. Paraiso de mentiras é só enganação promessas aos montes e o povo na mão na mão do bandido de arma em punho na mão do bandido de terno e gravata de alto salrio o homem do povo que virou ladrão…….. Meu Deus até quando!!!!

  12. Sandro
    terça-feira, 27 de abril de 2010 – 1:12 hs

    Estranhamente, salvo engano, o ex-diretor da AL está detido no quartel da PM??? Porque? Está em sala de estado-maior??! Será?! Qual o motivo? É deputado? Ah, não, então porque essa deferência? E quem permitiu esse tratamento pouco republicano e com total falta de isonomia com os outros acusados?
    Bem, apesar de estar satisfeito com a soltura das senhoras agricultoras que também foram vítimas de toda essa trama, apesar de terem ganhado uma “cesta básica” como havia dito, fico impressionado com a forma de conduzir esta investigação. Terá o MP o objetivo de criar nulidades em tal processo, pois como já muito bem afirmou o comentarista José Pereira, não passa de uma tortura psicológica a prisão de uma pessoa simplesmente pelo fato de ela exercer seu direito constitucional ao silêncio. Mais uma pergunta: que valor jurídico tem uma confissão nestes termos? O valor de um grampo ilegal ou prova ilícita, tão ilícita quanto aquelas que a ditadura extraia no passado de seus paus de arara e eletrochoques. Ora, me perdoem, mas é completamente inadmissível tal atitude do MPE. Esperamos todo o empenho possível, bem como que usem de todos os meios LEGAIS para tanto, bem como a inteligência que possuem para chegar aos verdadeiros destinatários do dinheiro público desviado, mas não atuem como novos caudilhetes por favor, para não perderem a legitimidade perante o povo.

  13. CLOVIS PENA- Vai sobrar $$$
    terça-feira, 27 de abril de 2010 – 6:41 hs

    Um resultado é inevitável. Com as dezenas de demissões e bloqueio de bens de possíveis autores, vai sobrar muito dinheiro no caixa da assembléia. Qual o destino desta verba pública ????

  14. JOAO O BAO
    quinta-feira, 29 de abril de 2010 – 21:10 hs

    E BORDUNA…..,vai sobrar para as duas intelectas da foto acima….aposto que os tubaroes vao por a culpa do desvio de dinheiro NESSAS DUAS AI DE CIMA…..e acaba tudo em pizza…..fique atento ….a casa da duas e de por inveja…..acho que e irrrequecimento ilicito……..olha a pinta …as roupas deve ser da TNG….GREGORY…LACOSTE .E OUTRAS MARCAS ,FAMOSAS…..

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*