Suspeita de fraude suspende 2ª fase do Exame de Ordem da OAB | Fábio Campana

Suspeita de fraude suspende 2ª fase do Exame de Ordem da OAB

Bem Parana

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) anunciou nesta terça-feira (02) que deve suspender a segunda fase da primeira edição do Exame da Ordem de 2010, por suspeita de fraudel. Um candidato que fazia a prova em Osasco, na Grande São Paulo, foi flagrado com um papel que continha cinco respostas de questões de direito penal, antes da distribuição das provas.

Clique aqui para seguir o blog no Twitter.

A decisão pela anulação ou não do exame será tomada pelo Colégio de Presidentes da OAB que se reunirá no próximo domingo. A segunda fase foi realizada no último domingo (28), para 18.720 candidatos de 155 cidades de todo o Brasil.

É primeira vez que o exame foi feito de maneira unificada no país. Antes, cada estado elaborava sua prova. O processo de unificação teve inicio em 2006, com a participação de 11 estados. Em 2010, todas as seccionais da OAB participaram.


8 comentários

  1. bimbo
    quarta-feira, 3 de março de 2010 – 9:02 hs

    Quantos já não passaram por fraude??

    É melhor acabar com o exame e cada um que escolha o seu advogado, assim funciona a seleção natural, só os melhores é que sobrevivem.

  2. Raul Maleatto
    quarta-feira, 3 de março de 2010 – 9:05 hs

    Sou contra anularem…..e quem estudou? conheço mta gnt que ralou pra essa prova e foi preparadíssimo….pq de um animal q além de ter as respostas, não conseguiu decorá-la e ainda levou para sala da prova, 18 mil candidatos que passaram pra segunda fase serão prejudicados

    se a fraude foi em uma cidade, tinha que anular só lá….até onde fou esse vazamento…um absurdo

    e se ele está fazendo penal, anula só´para penal…

    e caso anulem, que seja só a segunda fase, e não a primeira tb…

    abraço a todos

  3. ▄▀▄†Ψ REQUEIJÃOΨ†▄▀▄™
    quarta-feira, 3 de março de 2010 – 10:16 hs

    Apeas 5 Questões de Direito Penal? E os que tinham 20, 30 questões já prontas no papel e não foram pegos?
    hahaahah. Exame da “ordem”…

  4. Roberto
    quarta-feira, 3 de março de 2010 – 11:25 hs

    Até na OAB que fica dando de dedo em todo mundo? Tá tudo dominado meeeeesmo. È a treva total, nada mais nos resta, pobres cidadões indefesos…

  5. Tô de olho!!!!
    quarta-feira, 3 de março de 2010 – 11:32 hs

    Só um comentário sobre a OAB: Até tu Brutus…já não sei mais em quem confiar. Salve-se quem puder…

  6. FRANCISCO CARLOS MOREIRA
    quarta-feira, 3 de março de 2010 – 11:43 hs

    Este tal Exame da ordem da OAB é a maior palhaçada e a melhor maneira de arrecadar recursos para uma meia duzia de espertalhões . Porque só o curso de Direito tem essa exigência ?
    Já que durante o período em que o aluno está cursando passa por estágios. Até nos cursos de Medicina, Odonto e outros ligados diretamente ao corpo humano não é necessário tal exame (prova). Cada pessoa que necessitar de um operador do Direito tem a livre escolha de escolher um Advogadol, pois existe bons e maus profissionais em todas áreas.

    FRANCISCO
    Curitiba PR

  7. Mãe Diná
    quarta-feira, 3 de março de 2010 – 17:28 hs

    O maior problema que a população enfrenta em relação aos advogados não diz respeito a profissionais ineptos ou despreparados. O problema reside nos advogados desonestos, anti-éticos, que não raras vezes se apropriam indevidamente do dinheiro dos seus clientes. Esse tipo de gente o exame de ordem não pega. Se tiverem dúvidas, questionem o Tribunal de Ética e Disciplina da OAB e procurem informações de quantos advogados respondem a processos disciplinares por inépcia e quantos por atos de desonestidade. O exame, portanto e na minha opinião, não passa de conversa pra boi dormir. Reserva de mercado!

  8. quarta-feira, 3 de março de 2010 – 23:03 hs

    Não escapa nada,metem a mão em tudo,cadê a justiça,a organização deste país,que merd….não dá pra esperar mais nada mesmo…
    Lembrem-se,este é o ano da revanche,vamos dar o troco no voto…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*