PSDB e DEM fecham chapa Alckmin-Afif para governo de SP | Fábio Campana

PSDB e DEM fecham chapa Alckmin-Afif para governo de SP

De Fábio Zambelli para a Folha de S. Paulo

PSDB e DEM avançaram na costura do acordo para a eleição ao governo do Estado de São Paulo e estão prestes a anunciar que o candidato a vice-governador na chapa de Geraldo Alckmin ao Palácio dos Bandeirantes será Guilherme Afif Domingos. Os dois ocupam secretarias do governo e devem deixar os cargos para a disputa.

O último nó para o acordo foi desatado ontem: o chefe da Casa Civil, Aloysio Nunes Ferreira, avisou aos aliados que concorrerá ao Senado. Atendendo ao pedido do governador e presidenciável José Serra, Aloysio desistiu de desafiar Alckmin para as prévias. Há duas semanas, a Folha adiantou que ele tendia a concorrer ao Senado.

Mas só ontem, depois de conversa com Serra, informou oficialmente a seus aliados.

O ex-governador de São Paulo Orestes Quércia (PMDB) já avisou a seus apoiadores que será “companheiro de chapa” de Aloysio, concorrendo à outra vaga ao Senado.

Com o PMDB, a aliança projeta arrebatar 60% do horário eleitoral: 10 minutos dos 18 minutos de programa a ser veiculado a partir de 17 de agosto.

Alckmin (Desenvolvimento), Afif (Emprego e Relações do Trabalho) e Aloysio se afastam do governo do Estado na semana que vem. Alckmin e Afif já traçam agenda paralela a partir do próximo mês.

O anúncio da chapa só deverá acontecer após o lançamento da candidatura de Serra à Presidência, no dia 10 de abril. “A aliança com o DEM está resolvida. Devemos fazer um evento em abril”, disse o presidente estadual Mendes Thame.

Despedida

No dia 31, como antecipou o “Painel” ontem, Serra oficializará sua renúncia ao governo no auditório Ulysses Guimarães, no Palácio dos Bandeirantes. Diante de 2.000 convidados, o tucano fará uma prestação de contas de seu mandato.

Segundo roteiro discutido com aliados, Serra enviará, no dia da cerimônia, carta de renúncia à Assembleia Legislativa, com a data de 2 de abril. Ele quer ficar no cargo até a Sexta-Feira da Paixão. Na véspera, terá inaugurado o Rodoanel.

Para garantir visibilidade a Serra, o rito acontecerá em capítulos. A transmissão de cargo para o vice, Alberto Goldman, deverá acontecer na terça.

O lançamento da candidatura à Presidência será no dia 10. Só depois, a coalizão estadual deverá ser anunciada. Ontem, ainda que em tom de brincadeira, Serra revelou a preocupação com o deserto que atravessará até as convenções de junho.

“Vocês vão se livrar de mim. Vamos ter que suplicar para que venham me cobrir no futuro”, disse Serra aos jornalistas.

Caberá a Alckmin demover o deputado José Aníbal da disposição de disputar prévias para o Senado. O PSDB tentará ainda convencer os secretários Paulo Renato Souza (Educação) e Xico Graziano (Meio Ambiente) a concorrer à Câmara.

Como o PTB também reivindicava seu espaço na aliança, o problema com o partido também deverá ser solucionado.


6 comentários

  1. LUIS GRINGO
    quarta-feira, 24 de março de 2010 – 12:00 hs

    Eles se merecem, ja o povo Paulista….
    Esse Sr. foi secretário de Agricultura e Abastecimento do estado de São Paulo na gestão do então governador Paulo Maluf.
    Foi secretário municipal do Planejamento (“supersecretário”) de São Paulo na gestão do prefeito Celso Pitta.
    Da para ver que o moço sempre teve boas companhias e otimos professores.
    Pitta denunciado pela propia mulher, as denuncias envolviam vereadores, subsecretários e secretários.
    Maluf adepto ao “rouba, mais faz” e procurado ate pela propia Intepol.

  2. BARRA MANÇA
    quarta-feira, 24 de março de 2010 – 12:07 hs

    NAO INTERESAMOS COM ELEIÇAO AO GOVERNO DE SAO PAULO, QUEREMOS E VER FOTOS DO PESSUTAO, QUETAO, COM O SEU GEITAO, DE BISPO EMERITO, DE PASTOR DESSAS IGREJAS COMPROMETIDAS COM CRISTO,
    O CARA TEM TIPO DE UNGIDO, DAQUELES QUE FAZ I INFERNO TREMER.
    SEI NAO, PARECE QUE O homem E O ENVIADO, PARA COMO MOSES, LEVAR O POVAO PARA A TERRA PROMETIDA. nos parece que o homem e igual carrapicho e vai grudar no povao. ESPERA PRA VER.

  3. Lela
    quarta-feira, 24 de março de 2010 – 13:12 hs

    Teve uma época que o vice do Serra era o Arruda…lembram? Deixe quieto não é nada bom lembrar…Esses tucanos já tem problemas demais!

  4. Borduna
    quarta-feira, 24 de março de 2010 – 14:00 hs

    Alkimim e Afif, haaaaaaaaaaarrrrrrre Baba. Se quiserem nós do paraná podemos empresatar mais um “brimo”, muito bom, Bibinho.

  5. ildo baldo
    quarta-feira, 24 de março de 2010 – 16:27 hs

    esta fechada a quadrilha PSDB E DEM POR SI SÓ JA SÂO SUSPEITO E COM O AFIF DOMINGUES JUNTOS E IGUAL O ARUDA SÓ É MAIS CARECA DOQUE O AFIF
    MAS NO CARACTER NÂO SEI O QUAL É PIOR
    DEM TEM DE RUIM RONALDO CAIADO ARUDA ALCENI GUERRA
    JOSÉ AGRIPINO E TANTOS OUTROS CORJA DAS PIORES QUALIDADES ARENISTA E PDS E O PSDB NÂO VAMOS NEM PERDER TEMPO POIS NÂO EXISTEM ARGUMENTOS A FAVOR DOS PRIVATIZADORES DO BRASIL VENDEDORES SEM CREDITO E O POVO VOTA DILMA E ACABOU

  6. ATRASO
    quarta-feira, 24 de março de 2010 – 21:48 hs

    Caraca!!!!! Que dupla mais sem sal. Trata-se de mais uma piada pronta da dupla Dem/PSDB. Esquerda nesses dois para aprenderem a se situar melhor no tempo em que supostamente pensam que vivem. Essa dupla significa o atraso para São Paulo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*