Serra converte microblog em vitrine carnavalesca | Fábio Campana

Serra converte microblog em vitrine carnavalesca

Nas últimas 48 horas, o microblog de José Serra foi convertido em vitrine da maratona carnavalesca do governador. O presidenciável tucano, que se diz um não-candidato, cruzara a semana atormentado por um pseudodilema.

Dizia hesitar entre a atenção aos alagados e os convites para sacudir a não-candidatura no Carnaval de Recife, Salvador e Rio. Se chovesse, Serra afirmava, não arredaria o pé de São Paulo. Em algumas localidades, choveu. Porém…

Porém, a água não caiu em quantidade suficiente para afogar o candidato que se esconde dentro do governador. Na madrugada de domingo, Serra começou a expor aos seus “seguidores” no twitter os resultados da opção que fizera.

Escreveu: “Folga de Carnaval. Estou em Salvador. Mais cedo, acompanhei o Circuito Barra-Ondina, no camarote da Daniela Mercury”.

Como que preocupado em não melindrar o eleitor de seu Estado, Serra informou sobre o compromisso da véspera:

“Ontem à noite, em São Paulo, assisti ao primeiro dia do desfile das escolas. Saí de lá direto para Recife”.

Na capital pernambucana, foi “ver o Galo da Madrugada”. Em verdade, mais do que ver, o não-candidato queria ser visto:

“Estava no camarote do bloco, mas não resisti e desci pra avenida”, anotou Serra no microblog. Teve o cuidado de prover o link para um vídeo.

Extraídas por Serra do blog do repórter Jamildo, as imagens mostram a calva do não-candidato, luzidia, movendo-se no meio dos foliões (assista lá no alto).

Um leitor perguntou a Serra se mesmo ao Carnaval do Rio. E ele: “Ainda não decidi”. A etapa de Salvador mal começara: “Vou dormir agora …, daqui a pouco tem mais”.

Na madrugada desta segunda, Serra voltou ao computador. Discorreu sobre o “perigo” a que foi exposto: “Quase caio mesmo na pegadinha do Rebolation”.

Tentou dançar?, um curioso perguntou. E o não-candidato: “Sou tímido e não me atreveria”.

A passagem pela capital baiana rendeu a Serra um segundo vídeo, que o “tímido” governador fez questão de realçar:

“Desta vez, fui zoado (by meu neto…) pela Ivete Sangalo, que me mandou tomar energético pra não perder o pique”. Serra remete os seguidores para a fita.

Para desassossego do não-candidato da oposição, Ivete Sangalo, versada nas artes da política, zoaria também a candidatíssima do governo.

“Vai buscar Dilminha”, entoaria Ivete, substituindo, na abertura da canção, a “Dalila” da letra original pelo nome da rival de Serra.

Esse pedaço da performance de Ivete, que Serra, obviamente, não levou ao twitter, foi à rede no sítio “O Recôncavo” (assista lá no rodapé).

De Salvador, Serra retornou para São Paulo. Diferentemente de Dilma, privou-se de esticar a aventura até o Rio. Perdeu o samba da rival com um gari.

Ao se despedir, Serra deixou sua platéia virtual em boa companhia: “Deixo a vocês esta maravilha: Foi um rio que passou em minha vida, Paulinho da Viola”.

A súbita conversão do “tímido” governador às extroversões do Carnaval indicam que Serra se lançou, agora de modo mais desabrido, à correnteza da sucessão.

O tucanato aposta: o governador está na bica de rever aquele plano de esperar pelo término das águas de março para, só então, emergir sem a máscara de não-candidato que usou no Carnaval.

Resta saber como o Tietê, rio que passa pela candidatura de Serra, inundando-a, vai se comportar nas próximas semanas.


11 comentários

  1. salete cesconeto de arruda
    segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010 – 11:15 hs

    A ONDA MULHER JÁ PEGOU!
    Gosta de MULHER?
    EXPERIMENTE!

  2. joão
    segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010 – 11:34 hs

    Caro Redator. Há necessidade de dar conhecimento da vida da mulher candidata. É de conhecimento público apenas a ficha do DOPS apresentando toda a sua atividade politica na decada de 1.970. Depois disso apresentada como Ministra do governo PT. Os cursos superiores e de Pós graduação por ela anunciados não foram confirmados pelas instituições. Existe um espaço de 30 anos totalmente obscuros. Onde andou essa mulher, fazendo cursos de atualização em qual atividade. Atenciosamente.

  3. Reinoldo Hey
    segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010 – 12:14 hs

    Já começou a puxação de saco ( sem saco, é claro!).
    Musiquinha tipicamente baba ovo , desprovida de lógica: “vai buscar dilminha…”. quer dizer exatamente…?????
    Só lembrando: no carnaval baiano ninguém canta de graça ou por pouco dinheiro.
    Lembrando também: normalmente quem financia é o erário público.
    É claro que eu sei que Salvador é uma cidade turísitica, que milhões de dólares são despejados por turistas estrangeiros, que é um dos melhores carnavais do Brasil etc e tal.
    Mas …”vá buscar dilminha ” realmente forçou a amizade!
    Vem aí ” vai buscar serrinha”, “vai buscar cirinho”, vai buscar marininha”…
    O negócio é atirar no bando. Se acertar uma ave é lucro!
    ( evidentemente que estou usando uma metáfora, já que sou ecológico.)

  4. salete cesconeto de arruda
    segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010 – 12:52 hs

    João…João… João…
    Tudo o que buscares sobre a DILMA só vai aumentar a popularidade dela.
    Dilma não ESTEVE ENTRE OS DITADORES!
    Escreves nestes espaços – em parte pela coragem de DILMA que lutou contra a DITADURA melhor do que muito macho.
    Dilma é MELHOR DO QUE 90% dos homens que estão na política.
    O que queres mais?
    Lembre-se?
    FHC/PSDB e aliados RASGARAM A CONSTITUIÇÃO DO BRASIL EM NOME DE UM SEGUNDO MANDATO NEGOCIADO NO TAPETE VERDE AZUL DO CONGRESSO.
    Achas que aquele congresso deu de graça para o FHC e os seus?
    Não seja ingênuo!
    A ficha do príncipe ou de qualquer outro – se comparada com a da Dilma – é bem mais comprida.
    Todo mundo sabe disso.
    E o filho ilegitmo foi gerado no tempo do governo do PSDB.
    Ainda não sabias disso?
    Acorda!
    Experimente MULHER!
    Vais ver como é diferente.
    Ainda mais se a mulher tiver a coragem de uma STELLA!!!
    33% DOS LARES BRASILEIROS SÃO CUIDADOS – POR MULHERES/MÃES – SOZINHAS!!!
    Onde estão os homens – machos – que souberam fazer filhos mas se mandaram quando viram a responsabilidade?
    É tarde.
    A ONDA MULHER JÁ PEGOU e não há nada que DILMA possa ter feito que nos impeça – somos mais de 50% – de eleger a nossa representante.
    Se a briga for GUERRA DOS SEXOS – TÕ NESSA!
    E olha que respeito HOMENS!
    Foi graças a muitos deles que fizemos a nossa revolução e hoje estamos também na política. Não precisa ser política partidária. Pois política não é só coisa de partidos. PAR TIDOS!!!
    E toda vez que olhares para o céu lembre-se:
    É TEMPO DE SER FELIZ!
    SEM MEDO!
    A DITADURA já virou MOLE em parte o mérito é da Dilma!!!

  5. Uma Luz para o João.
    segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010 – 14:27 hs

    Caro João. Depois da ficha falsa da Dilma que foi mostrada na Folha e que até a Folha já desmentiu. Só voce que não viu, voce diz que a um espaço de 30anos na vida da Dilma que voce não conhece. Então conheça e não fique falando besteira.
    Quando PT foi fundado, Dilma estava engajada, ao lado de Leonel Brizola, no movimento que levou à criação do PDT

    Dilma, em 1993, no PDT. E em 2009, no PT. Um reencontro?

    Há 30 anos, quando foi fundado o PT, a hoje pré-candidata do partido à Presidência da República, ministra Dilma Rousseff, era brizolista e trabalhava pela criação do PDT. Dilma, que morava em Porto Alegre em 1980, militava ao lado de Leonel Brizola e outros líderes trabalhistas. Ela só entrou para o PT há dez anos.
    Vinda da luta armada contra a ditadura militar, ao lado do então marido, o advogado Carlos Araújo, Dilma integrava um grupo que atuava no Movimento Democrático Brasileiro (MDB), partido de oposição à ditadura e que depois virou PMDB. Ela e o marido, porém, optaram por outro caminho e aliaram-se à reconstrução do antigo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB).
    Tendo à frente Brizola, que voltara do exílio em setembro de 1979, o movimento para a reconstrução do PTB foi frustrado no ano seguinte, quando a sigla foi entregue, após uma disputa no Tribunal Superior Eleitoral, à ex-deputada Ivete Vargas, sobrinha de Getulio Vargas. A data de recriação do PTB, 17 de junho de 1979, tornou-se a data oficial de fundação do PDT.
    — Estávamos com o Brizola retornando do exílio, que tinha na sigla PTB sua principal ferramenta. Fizemos a resistência democrática no MDB. Éramos do grupo autêntico, e a Dilma vinha da luta armada.
    Quando Brizola retornou, nos reunimos no PTB. Quando foi para fazer a oficialização da sigla, o Golbery e a Ivete Vargas se anteciparam, ou melhor, nos tiraram a sigla. Foi o momento mais dramático do trabalhismo brasileiro autêntico — relembra o ex-deputado, ex-prefeito e ex-governador Alceu Colares.
    Em Porto Alegre, Dilma participou do Instituto de Estudos Políticos e Sociais (Ieps), núcleo de esquerda que apoiou, por exemplo, a candidatura a vereador de Marcos Klassmann, pelo MDB.
    — Era uma campanha muito progressista e corajosa. O slogan era “Vote contra o governo”. Foi a primeira vez que se politizou uma eleição em torno de um confronto direto com a ditadura — conta Carlos Alberto Teixeira de Ré, o “Minhoca”, que fazia parte do Ieps.
    Além de apoiar Klassmann, quarto mais votado de Porto Alegre, cassado dois anos depois, Dilma era do Movimento Feminino pela Anistia, precursor dos Comitês Brasileiros pela Anistia (CBAs) formados em todo o país.

    — Depois vem a reorganização dos partidos, e a Dilma se engaja na luta, com o Carlos. Ajudamos a fundar a Associação de Debates e Estudos do PTB. Depois passamos a nos chamar de PDT — lembra “Minhoca”.

    Primeiro prefeito eleito de Porto Alegre após a redemocratização, governador de 1986 a 1988, Colares chamou Dilma para o primeiro escalão de sua administração.

    — Ela foi minha secretária da Fazenda no município de Porto Alegre. Ali, começou a ter participação efetiva e foi oficializada secretária da Fazenda — afirma Colares. — Era uma das mais preparadas.
    O meu programa de governo para Porto Alegre foi feito na casa dela e do Araújo — conta Colares, aos 82 anos.
    Depois de passar pela administração municipal do PDT, Dilma foi novamente secretária de Colares, eleito governador.
    Assumiu a Secretaria de Minas e Energia, comandando o setor de 1991 a 1998. O candidato do PDT à sucessão de Colares, Sereno Chaise, perdeu a eleição, mas o partido apoiou o petista Olívio Dutra no segundo turno e garantiu a permanência de Dilma no secretariado. Em 2000, o PDT de Porto Alegre rachou na eleição municipal e Dilma foi para o PT.

  6. Alessandro
    segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010 – 14:57 hs

    chora DEMO-TUCANALHAS, Dilma Presidente, fora PSDB!!!

  7. luis gringo
    segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010 – 20:38 hs

    João, a pergunta e onde vc estava na ditadura, de que lado,defendndo quem e quais interesses, onde estava o Serra?
    Não ter canudo ja ficou mais que provado que não importa muito para ser um estadista ou o Presidente mais bem avaliado na historia do Brasil, então os cursos que tu falas não fazem falta.
    Como alguem ja disse ai, da para ver que tu le a revista Veja e o que e pior, so aquilo que te interessa.

  8. Cris
    segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010 – 22:32 hs

    Vem pesquisa ai. parece que a mulher tá chegando.

  9. Ribero Cunha
    terça-feira, 16 de fevereiro de 2010 – 13:29 hs

    esta história de “buscar Dalila”, de acordo com alguns amigos baianos, é gíria de cheirador de pó.

  10. Antonio W
    terça-feira, 16 de fevereiro de 2010 – 21:20 hs

    Parece que a mulher do Jacson Wagner é a grande mulher por trás de um homem…

  11. jovem brasileiro
    quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010 – 11:11 hs

    JOÂO

    A HIPOCRESIA É MAIS BURRA QUANDO ESCREVES O QUE
    OS OUTROS FALAM VAIS TER QUE LER E APRENDER
    MUITO PARA PODER FALAR EM POLITICA E NÂO COMENTAR
    O QUE OS OUTROS DIZEM
    SÓ OS GUERILHEIROS VECEM NA VIDA VOCE NÂO
    VIU O FHC NÂO LUTOU FUJIU E NÂO TEM MORAL NEMUM RESPEITO POR PARTE DO POVO BRASILEIRO QUE NÂO ESQUECE QUE DESGOVERNOU O BRASIL VENDEU TUDO O QUE PODIA SUMIU COM O DINHEIRO DEIXOU O BRASIL A BEIRA DE UMA HIPER IMFLAÇÂO E SE NÂO FOSSE O LULA E A GUERILHEIRA QUE VOCEIS FALAM NÓS ESTARIAMOS NA SITUAÇÂO DA ARGENTINA E ISSO FOI FEITO PELO PT E SEUS ALIADOS CLARO QUE NÂO TINHA NINGUEM DO PSDB DEM PPS PP E PRTBQUE PARTICIPARO DESSE JOGO SUJO DAS PRIVATIZAÇOÊS E DOAÇÂO DO CAPITAL BRASILEIRO
    ENTÂO PORTANTO
    SEU JOÂO
    TUDO O QUE DISERES NÂO É VERDADE OU VOCE NÂO SABES O QUE DIZ
    E PROCURE OUTRO CAMINHO PARA FAZER CRITICAS QUE AS CRITICAS CRIATIVAS SÂO BEM ACEITAS PELA SOCIEDADE E LITORES TALVES VOCE CONSIGA CRESSER COM ISSO E VENHA CONOSCO PARA CONTINUAR COM O CRESCIMENTO DESSE PAIS E A NOSSA CONTIBUIÇÂO É O VOTO PARA DILMA

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*