Martins pergunta: o pacto entre irmãos vale se o candidato for o Osmar? | Fábio Campana

Martins pergunta: o pacto entre irmãos vale se o candidato for o Osmar?

O deputado Luiz Carlos Martins, líder do PDT na Assembléia, quer saber se o pacto entre os irmãos Alvaro e Osmar Dias tão propalado por Alvaro, vai valer se o candidato da família for o Osmar?

Traduzindo: se Alvaro for rifado no PSDB e Osmar confirmar sua candidatura pelo PDT, Alvaro Dias vai apoiar o irmão?

Há muita gente interessada na resposta, inclusive o tucanato nativo. Aguarda-se a resposta de Alvaro Dias.


20 comentários

  1. Zé Carlinhos
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 16:45 hs

    Luiz Carlos Martins, o Osmar está inferiorizado nas pesquisas.Não pode exigir nada. Venha com o PSDB que o ajudaremos a ser Senador!.

  2. Pé Vermelho
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 16:45 hs

    O PSDB vai DIVIDIR se o Beto “Racha” sair!!!! E quem terá a VITÓRIA será o OSMAR DIAS!!!! Parabéns para a Arrogância do Rossoni!!!

  3. ▄▀▄†Ψ REQUEIJÃOΨ†▄▀▄™
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 16:54 hs

    Eu acredito que tanto o Osmar quanto o PT não tem nenhum crédito hoje no Paraná.

  4. Resposta
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 17:04 hs

    Deputado Luiz Carlos Martins o PDT é tão a favor que o A lvaro Dias saia candidato que está esperando o PSDB nacional convocar o Alvaro Dias a ser o Candidato Oficial do PSDB.
    No PDT não tem um problema de racha.
    Ja o Beto Richa mesmo sabendo que o interesse é nacional e pra isso não pode ter um palanque para a quadrilha do PT no Paraná, pede chupeta todo dia, se o Beto Richa é o todo poderoso porque não se lança,ai vamos para convenção em Junho.

  5. Resposta
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 17:05 hs

    Alvaro Dias eleito no priemiro turno com 77% dos votos, os mesmos do Beto richa.

    Outra pergunta o Alvaro dias sendo Candidato ao Governo o Beto Richa vai apoiar o Serra.

  6. JOSILIANO DE MELLO MURBACH
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 17:14 hs

    Como diz a propaganda “boa pergunta”…deputado, mas a gente que conhece as grandes lideranças da política paranaense sabe que o sonho dourado de Alvaro Dias é voltar a governar o Paraná, com o irmão no Senado e um amigo na outra vaga. Só falta ele convencer os líderes de todas as pesquisas a desistir de sonhar com o Palácio Iguaçu…

  7. Paula
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 17:26 hs

    Só se Álvaro também estiver fora do juízo!!!

  8. salete cesconeto de arruda
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 17:28 hs

    Álvaro é raposa velha na política.
    Seu silêncio e sua fala tem demonstrado que não cai em blefe de qualquer jogo. Não adianta cutucá-lo antes do tempo. Enquanto estiver jogando – com chances – esqueçam: Álvaro não vai entregar o ouro.

  9. CLOVIS PENA : A CHAVE
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 17:34 hs

    Luiz C. Martins aplicou uma “chave” nos Dias.
    O PDT pode deliberar que terá candidato ao governo e que Osmar será o indicado na convenção.
    Beto estará livre.
    Fim.

  10. Wilson
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 17:49 hs

    Boa pergunta!

  11. Paulo Vigner
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 18:07 hs

    Toda essa armação e confunsão na politica paranaense, visa a retirada da candidatura do Beto Richa ao governo, facilitando para o Osmar Dias ao governo do estado, com isso, nem Alvaro e Beto serão canditados ao governo.

  12. CLOVIS PENA : -No alvo !
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 18:15 hs

    É simples. Se Álvaro confirmar que desiste, é só o PDT fechar questão com Osmar.
    Beto estará livre.
    Vejamos entretanto o resultado do encontro dos irmãos com Guerra.
    Conforme o caso, poderemos ter Osmar, Gleisi, Requião para o Senado.
    Emocionante !

  13. MEMÓRIA VIVA
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 19:11 hs

    Vamos aos fatos:
    Álvaro quase perde eleição no senado para gleisi, mais uma semana de campanha e já era.
    Já Beto surrou a Gleisi de Chicote nas municipais.
    Osmar sai candidato ao governo contra requião e perde, e ainda deixa uma herança de guerra entre o Governador e o Prefeito Beto , que até então tinham relações pacíficas em prol da capital e do estado.
    Agora o quase ex-senador Alvaro Dias, que em nenhum momento apoiou seu irmão Osmar para o Governo, se diz somador de forças, e se ancora no irmão.
    Vejam como esses Dias fazem confusão. Colocaram o Requião contra o Beto, um perde a de governo e outro quase perde o senado:
    Bem agora veja um cenário onde todos ganham: A eleição acaba no primeiro turno assim:
    Beto Governador e Vice do PMDB
    Requião entra como senador mais votado da História do PR.
    Àlvaro Cumpre seu mandato e Osmar desiste de ser candidato ao Governo para assumir a 2 vaga do Senado.
    Ricardo Barros e Fruet saem Federal:
    Bem já em nível federal:
    Requião dá um basta no PT e apoia Serra.
    Beto e àlvaro Tbm.
    Se Osmar for junto nessa é capaz de ganhar um ministério do serra.
    e A GLEISI (BEM SAIA FEDERAL PARA NÃO PERDER TUDO)
    AO INVÉS DE FORTALECEREM O PARANÁ PERANTE AO GOVERNO FEDERAL, ELES INSISTEM EM SE MATAREM POR AQUI. SE LA VIE!
    SE O PMDB JÁ NÃO QUER MAIS O PT, QUEM HAVERIA DE QUERER.

  14. jonas rodirgues
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 20:00 hs

    pelo amor de Deus, chamar essa imundice de ‘emocionante’ é desconhecer o ‘pedigree’ dos envolvidos…………………………………

  15. APOSTEM
    terça-feira, 9 de fevereiro de 2010 – 20:48 hs

    Álvaro Dias sairá estrategicamente da eleição no Paraná depois do Carnaval, um a vez confirmada a candidatura de Beto Richa.
    Se tem, de fato, um acordo com o mano Osmar, Álvaro tornará sua presença insustentável.
    Álvaro não disse: TENHO UM COMPROMISSO COM O BETO.
    Vamos repetir, o que ele, Álvaro, já deixou claro: TENHO UM COMPROMISSO COM O OSMAR, com mais ninguém.
    Restará, portanto, sair pelas portas do fundo, centralizando-se em Brasília e anunciar que está assumindo um posto no comando da campanha de José Serra.
    Mais: a derrota de Álvaro Dias é, na prática, a derrota de Roberto Requião.
    Requião negocia com Álvaro, mas, por livre vontade, jamais entregaria o osso para o Beto.
    O Beto representa uma limpeza geral no velho e carcomido PMDB de guerra, um golpe fatal na arrogância e no atraso.

  16. Olho Vivo
    quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010 – 1:38 hs

    Josiliano, até você?

    Ué, o Helio não está com o Beto?

    Pedetista não gosta de tucano, pedetista é Trabalhista e, tucano vigarista!

  17. APOSTEM p/ GANHAR
    quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010 – 1:46 hs

    Osmar será o candidato ao governo, apoiado pelo PT e pelo Alvaro.

    Já ia esquecendo, pelo Helio, Luppion, Josiliano e Cia…

  18. Zé do povo
    quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010 – 9:48 hs

    Assim o Alvaro terá a chance de subir no palanque do irmão para atacar o PT e a Dilma face a face!

    Vai ser muito engraçado ver “cachorros, gatos e ratos” se pegando no mesmo palanque!

    Não perderei este espetáculo!

  19. salete cesconeto de arruda
    quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010 – 12:33 hs


    Álvaro nunca foi bobo!
    Achas que detonaria a própria familia?
    Pense nisso.

  20. Leonidas
    quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010 – 20:29 hs

    Cadê o Limpinho? Sumiu?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*