Justiça proíbe greve da Guarda Municipal | Fábio Campana

Justiça proíbe greve da Guarda Municipal

A Justiça proibiu a greve da Guarda Municipal, que havia sido anunciada pelo Sismuc para ter início na segunda-feira (22). Em seu despacho, o juiz Roger Vinicius Pires de Camargo Oliveira, da 3ª Vara da Fazenda Pública, considerou o serviço essencial e determinou a manutenção integral das atividades de todos os guardas municipais.

Em caso de descumprimento, o juiz estipulou multa diária de R$ 10 mil ao Sismuc e autorizou o desconto de salários e vantagens funcionais relativos aos dias em que houver paralisação.


27 comentários

  1. Raphael Junqueira
    sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 – 19:22 hs

    Quem sabe agora cai a ficha pros guardas e eles largam desse Sindicato que só quer tumultuar.
    Eles não querem conseguir aumento pros guardas, o que eles querem é confusão, é palanque eleitoral!
    Não estão nem aí pra corporação; se for preciso expô-la ao ridículo mais ainda, podem ter certeza que farão…!!!!

  2. O Patrulheiro
    sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 – 19:59 hs

    Até que enfim!!!!!
    Os homens querem nos dar aumento e alguns ficam embaçando???
    Vamos pegar isso agora e descutir o resto depois, oras!!!!

  3. R.Silva
    sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 – 21:14 hs

    Os Guardas Municipais, assim como a Polícia, deveriam ganhar melhor! Pelo menos, a Prefeitura parece estar aberta ao diálogo e à negociação, até mesmo apresentando uma contraproposta, embora pouca, ao contrário do que acontece com o governo estadual. De qualquer forma, diante do atual quadro de sistemática desvalorização dos servidores da áres, em especial nos níveis Estadual e Municipal, está longe de termos uma segurança pública de qualidade.
    Apesar de estar difícil achar alguém em quem confiar, uma coisa é certa:
    REQUIÃO NÃO!!!!!!!!!

  4. justiceiro
    sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 – 21:20 hs

    A Guarda Municipal não serve para cuidar da segurança dos cidadãos porque são também vítimas de assaltos. Só servem para cuidar dos serviços de portaria de prédios públicos e passear pela praças. Reclamam muito e tem medo de trabalharem sozinhos. Sairia bem mais barato e comodo se a Prefeitura terceirizasse tais serviços.

  5. Eduardo moreno
    sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 – 21:34 hs

    Eles não aguentam mais esses Guardas coitados tem que aguentar um Diretor que esta lá a anos um Secretario da Defesa Social que não fazem nada por eles eles tem mais e que parar mesmo a população ta vendo esses coitados só se F…….. e la em cima na direção ganhando um monte de dinheiro vcs tem meu apoio Guardas municipais só não votem no Beto pra Governador senão vcs vão continuar fu………

  6. STORM
    sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 – 21:46 hs

    Conversando com alguns guardas municipais me disseram que aguardam a aprovação do PEC 3…confesso que não entendi. Gostaria de ser melhor esclarecido.
    Na realidade, os guardas querem ser POLICIA. Correr atrás de bandidos, é função da policia civil, militar e federal. Devem se limitar a proteger o patrimônio público municipal e, para isso, foi criada a Guarda Municipal, por força de Lei.

  7. Camundongo Junior
    sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 – 22:09 hs

    O PT quiz partir pro desgaste do Beto e se deu mal e atrapalhou a Guarda Municipal das conquistas.

  8. sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010 – 22:14 hs

    Multa de só R$10 mil pro sindicato dos come e dorme de Curitiba…tão de brincadeira……agora que a GM não perca a noção do ridiculo, pois são concursados..não sabiam do salário antes???reinvidicar é justo e todos aceitam, agora greve politica fica difícil de qualquer um engolir. A GM corre o risco de perder completamente a credibilidade que tem…

  9. Eri
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 3:59 hs

    Noticia mentirosa em nenhuma linha esta escrito que esta proibdo fazer greve. Ela está confirmada segunda feira os guardas param as 7 da manhã em frente a praça tiradentes.

  10. Vigilante do Portão
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 5:47 hs

    E a turma que estava acampada na frente da prefeitura?
    Usando os justos anseios de uma classe valorosa, para fazer política rasteira.
    Quanta coincidência, greve da Guarda Municipal, greve dos motoristas e cobradores (abortada), ambas programadas para serem deflagradas EXATAMENTE no mesmo dia em que o Beto Richa vai ser anunciado candidato ao governo do estado. Agora só falta aqueles maluquinhos do “passe livre” para estudantes, trancarem as estações de ônibus, como já fizeram, para completar a estratégia da oposição. Esperem o início das aulas, semana que vem vai ter.
    Os pilantras dos dirigentes da UPE, todos filhinhos de papai, querem passagem grátis para TODOS os alunos, em qualquer horário e para qualquer destino.
    Às vésperas da campanha para a prefeitura, a RPC deu o maior apoio, até entrevistou a Gleisi, “perguntando” o quê ela achava de conceder o benefício para TODOS os alunos. Claro que a loirinha achou ótimo, que a prefeitura deveria dar mesmo, etc. . Mais tarde, a Radio BandNews fez a mesma pergunta e obteve a mesma resposta, Só, que a rádio questionou: de onde sairiam os recursos para patrocinar a benesse? A candidata, mostrando seu despreparo, disse: “de uma rubrica qualquer do orçamento da prefeitura”.

  11. Curitiboka
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 7:52 hs

    Polícia bem preparada deve ganhar bem para proteger a população em geral. Extorsão não, despreparados não. Policiais sómente com nível superior completo e específico para a função.

  12. Magno
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 9:50 hs

    Esse é o presente do melhor prefeito do Brasil aos servidores da municipalidade, que buscam uma melhr condição de trabalho … não da satisfação pra ninguem, se acha “deus” na terra… e ainda quer ser governador!!!

  13. Linco
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 10:23 hs

    E agora? Acabou o Chimarrão, churrasco e sacanagem nas barracas do Sismuc? Acabou a festa petista que a ingenuidade de algumas pessoas da Guarda Municipal caiu na armadilha?

  14. Marcos Cordeiro
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 10:32 hs

    É ainda continuo achando que infelismente vivemos uma ditadura disfarçada em democracia. Os direitos das classes são descumpridas pelos algozes juizes do STJ em relação as ” greves “, que são sumáriamente proíbidas. Que democracia é essa? Os trabalhadores tem o direito de se manifestar democraticamente através das greves, paralizações. Mas quando é de interesse dos majistrados a coisa é diferente! quando o interesse é da minoria a justiça funciona!?!? O pobre assalariado tem seus direitos adquiridos pela constituição barrados. Mas os colarinhos brancos, podem tudo!?!?! É não entendo essa nossa tal ” Democracia “, criaram-se cotas para pardos, negros, indios, etc….mas com uma simples martelada meia dúzia de filhinhos de papai conseguiram suas vagas nas universidades através de liminares!?!?!?!?!? A prisão do Arruda é dentro de uma sala da Polícia Federal, com algumas regalias… ué.. mas tinham dito que as prisões seriam comum para todos sem o privilégio de serem diplomados ou de serem parlamentares…!?!?!? Cansei, acho que vou assistir um DVD do Tio Patinhas.. é melhor!

  15. Vigilante do Portão
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 12:26 hs

    Marcos cordeiro deve estudar um pouco mais.
    Um dos pilares da democracia é o respeito às Leis. Caso a Lei não seja boa, votem melhor e escolham representantes que mudem as leis. Querer ganhar no grito é coisa de ditadura.

    Polícia é atividade típica de Estado, não pode fazer greve. Protestar pode, reinvindicar, pressionar os políticos e os governantes, isso pode, prejudicar a população NÃO PODE.
    Claro que os salários dos policiais deve ser melhorado, entretanto, um guarda municipal ganha R$1.300,00 de salário base, mais a gratificação de 50%, dá R$2.000,00 p/mês. É pouco ainda, mais a negociação é o melhor caminho.

    O interessante é que todos reclamam dos salários baixos, Experimente abrir concurso para a guarda municipal, dá 50 candidatos por vaga, imaginem se o salário fosse bom.

  16. Atento do Portão
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 13:29 hs

    A administração petista de Londrina deixou 230 dias em greve todo o funcionalismo! Isso o sindicato petista daqui não fala. Esconde que o Ludimar, o advogado é petista! E que nas greves aparece a incompetente da vereadora Jozete e do deputado Veneri!
    Chega de Demagogia e Enganação petista. Vão explicar a morte do Celso Daniel e o Mensalão da deputada dançarina!
    Estamos Atentos, do Portão aos Cinco Conjuntos em Londrina!

  17. Carlão
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 14:00 hs

    Senhor Justiceiro….nunca ví em tão poucas linhas, tanta besteira!
    Antes de criticar algo que não conhece, deveria ao menos estudar um pouco o assunto. Quando o senhor fala em que devemos apenas passear nas praças e cuidar de portaria, talvez tenha se baseado no salário de alguns guardas que depois de 18 anos ainda ganham R$800,00, salário realmente de um porteiro. Mesmo fazendo concurso, realizando curso técnico de policiamento, com inúmeros cursos de aperfeiçoamento quase que mensal, grande parte com nível superior. Tudo isso depois de jornadas de trabalho de 11 à 13 horas diárias e 24 horas no final de semana, isso quando não ficamos mofando nas delegacias para fazer registro de ocorrência, daí só Deus sabe quando estaremos ao lado de nossa família. O senhor também não sabe, que estamos integrados com o 190, onde atendemos perturbação de sossego, danos ao meio ambiente, trabalho de canil para apreensão de animais perigosos, invasões de terra, alagamentos, assaltos em tubos e terminais e muitas outras atribuições de outros setores. Eu e grande parte, não queremos ser policiais, porém a necessidade nos obriga a isso, pois estamos na rua 24 horas por dia, uniformizados, com armamento obsoleto, e jamais podemos negar socorro a população, pois caso o senhor Justiceiro não saiba, a vida é o patrimônio supremo. Agora eu acho incrível, depois de tudo isso, aparece um cidadão como o senhor, se julgando com moral o suficiente para criticar trabalhadores que estão tentando ganhar 2 salários mínimos!

  18. Marcos Cordeiro
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 15:47 hs

    Caro Vigilante do Portão, a questão não é discutirmos se a minha formação acadêmica é superior e/ou inferior à sua, ou se nossos estudos são maiores ou menores, aqui apenas fazemos comentários próprios sobre situações destintas. Agora que devemos escolher melhor nossos representantes, isso sem dúvida nenhuma, concordo em número genero e grau, pois nosso ” SISTEMA “, está falido e precisamos de reforma urgentemente! E não concordo que os policiais devam aceitar salários de miséria, acabando de ter que fezer outros ” bicos “, pondo em risco suas próprias vidas e de terceiros, quando nas suas horas de folga, que deveriam estarem descansando e curtindo suas famílias, estão fazendo serviço extra, escravos do capitalismo, para poderem dar o melhor para seus dependentes, q

  19. Marcos Cordeiro
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 15:56 hs

    Continuando, que quando voltam para cumprirem suas escalas de trabalho, voltam fadigados, estressados por falta de reconhecimento profissional e financeiro. Está certo o salário altíssimo dos Magistrados, Parlamentares, Governadores e/ ou das copeiras dessas intituições que chegam a ganhar R$8.500,00 por mês(Oque vc acha Sr. sabe tudo ” Vigilante do Portão “) Vc deve ser daqueles que acha certo mensalões, dinheiro na cueca, na meia, etc.. e pelo visto acha que a polícia deve ser mau remunerada para dar segurança a sua vida.!?!?

  20. Arphia
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 19:05 hs

    Quanta ingenuidade de alguns doutores que aqui demonstram toda a sua insatisfação e/ou pretensão política.
    É óbvio que vemos diversos comentários carregados de interesses obscuros, semelhantes ao que o governador de Brasília considera legitimo e legal.
    Os Guardas Municipais de Curitiba, ao contrário do que se pensa são na sua maioria pessoas sérias, instruídas e comprometidas com o bem estar da população, quando os mesmo buscam um pouco de respeito para o exercício de suas funções (lembram que quatro GMs foram assassinados) o motivo foi a falta de amparo da própria instituição, passam a ser publicamente massacrados e humilhados.
    Realmente o povo tem o governo que merece, a mais de sete anos os GMs tem direito ao seu porte de arma particular, mas a administração firmou convênio com a Polícia Federal e negou este direito, por sua vez, mandou a PM prender os Guardas que estivessem com armas particulares. Entendam a Defesa Social, não fornece EPI para os seus profissionais e ainda manda prender aqueles que querem se proteger e proteger o próximo. Agora com o Grito de GREVE, a mesma Defesa Social entrega os Portes de Arma depois de um ano e onze meses engavetados, a alguns dos seus Guardas, lembrando que na maioria o porte estará vencendo no dia 01 de abril de 2010.
    Prefiro MORRER com dignidade como um Homem a ter que viver como um covarde, ladrão e mentiroso.
    Dia 22 de Fevereiro a Greve da Guarda Municipal de Curitiba estará mantida, chega de sepultar amigos de serviço, EU posso ser a próxima vítima, e ganho somente R$ 800,00 para isso.

  21. Vigilante do Portão
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 19:50 hs

    Quando achei que o salário não compensava o risco, deixei o emprego e fui procurar outro.
    Não quer dizer que as pessoas não devam lutar por melhores condições de vida, é da natureza humana. Apenas não concordei com a frase de que “os juízes são algozes e estaão à serviço de uma ditadura disfarçada”
    Nas Democracias o poder é dividido e existem os “freios e contrapesos”.

    Pode ver, os países que deram certo, TODOS tem um judiciário respeitado.
    Dá a chamada SEGURANÇA JURÍDICA”

  22. Vigilante do Portão
    sábado, 20 de fevereiro de 2010 – 20:08 hs

    Não foi minha intenção comparar grau de instrução, apenas comentei a frase infeliz de que o judiciário brasileiro, em que pese todos os seus defeitos, como a lentidão, por exemplo, sirva de “algoz dos direitos das classes trabalhadoras” . Obediência aos ditames da Constituição, livremente votada em Asembleia Constituinte, portanto, fruto da vontade do povo brasileiro, seja parecido comuma “ditadura disfarsada”.

    Os países que mais se desenvolveram, são exatamente aqueles em que as leis são cumpridas e que o judiciário é respeitado. Será coincidência?

    Experimente invadir propriedade alheia nos Estados Unidos, é cadeia na certa.
    Experimente dirigir bêbado nos Estados Unidos, não importa se é deputado, ator famoso de cinema ou um simples trabalhador, é cadeia e ponto.

    Falta muito para termos uma justiça mais célere e eficiente? FALTA, agora dizer que o fato da justiça proibir greve de policiais é ditadura, é forçar a amizade.

    Parece o Requião, quando a sentença lhe é favoravel, o juíz está certo, quando a sentença é contrária aos interesses do manganão, bem, daí o juíz é corrupto ou não entende nada de lei.

    O Juiz decidiu? A parte não concorda? Basta recorrer. É assim que funciona.

  23. quichiner
    segunda-feira, 1 de março de 2010 – 14:20 hs

    prefeitura coloca no site como entender o salario do guarda… veja a falcatrua… de a um contador para fazer os calculos a 90 horas extras mais adicional de 50% sobre isto de gratificação de segurança… E VEJA quanto é roubado… dos guardas e tantas horas extras escravas… entenda… como é feito este calculo… dificil vai ser explicar porque…

  24. quichiner
    segunda-feira, 1 de março de 2010 – 14:22 hs

    PS: bolsa formação não é salario também… beneficio do governo federal… que não é estendido a todos da GMC… então betinho lenner… deve bolsa… para aqueles que não recebem…

  25. quichiner
    segunda-feira, 1 de março de 2010 – 14:23 hs

    e deve contar com 50% de gratificação sobre a bolsa… devidos É CLARO PQ DIZ QUE É SALARIO…

  26. ADEJAIR
    terça-feira, 2 de março de 2010 – 20:13 hs

    LAMENTÁVEL QUE AINDA EXISTEM CALHORDAS QUE ACHAM QUE ENTENDEM DE SEGURANÇA. ANTES DE TUDO PERCEBAM QUE HÁ MUITOS ANOS ELEGEMOS PESSOAS QUE NÃO ENTENDEM DE ADMINISTRAÇÃO NEM NA CASA DA PQP. GESTORES MUNICIPAIS E ESTADUAIS QUE REGEM A CIDADE E O ESTADO COMO SE FOSSE UM PROSTÍBULO DA MAIS BAIXA CATEGORIA. É SEMPRE A MESMAS CARAS. ISSO JÁ TÁ ENCHENDO O SACO. CURITIBA SE TORNOU A CIDADE MAIS VIOLENTA NO MANDATO DO REQUIÃO E BETO. SALÁRIOS DEFASADOS DE POLICIAIS E GUARDAS, TORNA A CIDADE UM ANTRO DE LADRÕES E PSICOPATAS. QUE DEUS PROTEJA NOSSAS CRIANÇAS DESTES DOIS LOBOS DA POLÍTICA CASEIRA. ENQUANTO DISCUTIMOS O SALÁRIO DE FULANO E BELTRANO A CIDADE É UM PALCO DE VIOLÊNCIA E GREVES. ACORDEM SEUS IDIOTAS, O VOTO JÁ É ATESTADO DE BURROS.

  27. gildo
    quarta-feira, 8 de dezembro de 2010 – 19:02 hs

    EU ate agora n entendi o que que toda vezes que os guardas- se manifestam usam a policia militar como parametro, acho que tá na hora vcs, pararem d se compararem com os pm, civil, ou federal e até agora n~sei e ninguêm m falou onde tá o poder emado do poder soberano que s chama Estado dá a vcs, ai vcs querem pec 300
    a esqueçi vcs tbém tem Hierarquia militar/ tem Roram/ tem Goe/Rone
    fazem desocupação de sem terras, isso s chama poder de policia o qual o l estamo nos legitima e amparado pela C/F acho que tá na hora de vcs cuidarem d k realmente e vcs a faze r o K né bem até vigilante acha que é polica

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*