O decreto de Requião que Pessuti não perdoa | Fábio Campana

O decreto de Requião que Pessuti não perdoa

Há um decreto assinado por Requião no inicio de 2007 que o vice Orlando Pessuti, humilhado e desautorizado, jamais esqueceu. Consta que Pessuti carrega cópia do decreto na carteira e não espera a hora de assumir para torná-lo nulo. É o que segue:

DECRETO Nº 68 – 12/02/2007
Publicado no Diário Oficial Nº 7409 de 12/02/2007

Súmula: Nomeação de Valter Bianchini, para o cargo de Secretário de Estado da Agricultura e do Abastecimento-SEAB, e Exoneração de Newton Pohl Ribas…
.
O GOVERNADOR DO ESTADO DO PARANÁ

Resolve nomear, de acordo com o art. 24, inciso III, da Lei nº 6.174, de 16 de novembro de 1970, VALTER BIANCHINI, RG nº 1.784.692, para exercer, em comissão, o cargo de Secretário de Estado da Agricultura e do Abastecimento, ficando exonerado, a pedido, NEWTON POHL RIBAS, RG n° 677.570.

Curitiba, em 12 de fevereiro de 2007, 186º da Independência e 119º da República.

ROBERTO REQUIÃO,
Governador do Estado,

RAFAEL IATAURO,
Chefe da Casa Civil


9 comentários

  1. ELEITOR DE OLHO
    terça-feira, 19 de janeiro de 2010 – 13:33 hs

    O Pessuti que se cuide. Se o Requião resolver engrossar a denúncia de que o Pessuti usou o dinheiro público pro bem próprio daí ele perderá as “gordurinhas”. Porisso o Pessuti mais uma vez se calará. (pois deve e se esconde). Deveria devolver os R$ 5.000.00 pros cofres públicos.
    Veja o linke…
    http://www.gestaodinheiropublico.pr.gov.br/Gestao/gastos/ConsultaPagamentos_Detalhes_Resp.jsp?Num=110000009024451&Ordem=88

  2. tata
    terça-feira, 19 de janeiro de 2010 – 16:35 hs

    bem que o secretario poderia consultar uma fonoaudióloga, assim ele aprende a não falar pelo nariz, ou melhor, nunca mais dar entrevistas.

  3. FILET MIGNON
    terça-feira, 19 de janeiro de 2010 – 18:30 hs

    Esta é para o Jo~çao Feio…
    João Feio, certa vez em Matinhos, bradava alto em bom tom… Quem conhece REQUIÃO, vota em Requião…
    E agora João, como fica? O primeiro que ele trai em seu próprio Governo foi o Pessutti… Seu amigo, seu patrão, um homem de bem que todos conhecem…
    E agora Pessutão, faltam 74 dias…
    Mete o pé em tudo e manda pra ASTORGA!

  4. FILET MIGNON
    terça-feira, 19 de janeiro de 2010 – 18:33 hs

    Não completei…
    Eu retruquei João Feio por várias vezes, dizendo: QUEM CONHECE BEM REIQUIÃO NÃO FICA PERTO DELE NUNCA….Mil metros de distência é vizinhança de PAREDE/MEIA!
    TAÍ JOÃO SEU PRÊMIO E TAMBÉM PARA O PESSUTTI.

  5. Informante
    terça-feira, 19 de janeiro de 2010 – 21:22 hs

    A informação dada é a mais pura verdade…
    Assim que o Pessuti assumir o Governo Valter Bianchini estará fora da pasta, mas engana-se redondamente quem pensa que o Newton Pohl irá reassumir o posto…
    A Secretaria já tem outro dono para abril

  6. QUE SACO !!!
    terça-feira, 19 de janeiro de 2010 – 21:45 hs

    PERGUNTAR NÃO OFENDE:-
    Quem é o responsável pela “exploração” dos “areiais” existentes em Pontal do Paranà ???
    Há quem diga ser o Irmão do Pessuti e conluio com o Prefeito local, os quais NUNCA se largam (lógico que usam os “laranjas”).
    É interessante também que essa chamada “Força Verde” (ou coisa parecida), NUNCA procura investigar as “negociatas” comuns que ocorrem com tais “areiais”.
    PORQUE ?????????

  7. Anésia
    quarta-feira, 20 de janeiro de 2010 – 0:24 hs

    Esse Decreto está certíssimo, pois esse Newton Pohl é uma tranqueira mesmo. É só fazer um levantamento do que esse sujeito já causou despesa em viagem (passagem e diárias) é só fazer um levantamento.

  8. Nostravamus
    quarta-feira, 20 de janeiro de 2010 – 0:34 hs

    Justiça seja feita com o Bianchine, ele pode ter dificuldades de locução ou entonação na voz, mas honestidade e trabalho não lhe faltam. Esse não deveria ser substituído pelo Pessutão que é gente boa. Não tem melhor que ele para a agricultura.

  9. quarta-feira, 20 de janeiro de 2010 – 23:41 hs

    Penso que o exercício da política deve ser feito de forma respeitosa, principalmente aos eleitores e nós eleitores temos o dever e o direito de escolher e cobrar os resultados eleitos. Vejo que o Vice Governador é uma pessoa com histórico raro e dígno de se candidatar ao Governo, pois acumulou experiência e uma ficha limpa, do contrário, os tribunais já o teria processado e isto nunca ocorreu, afinal são 40 anos de vida públçica dedicada ao Estado. Com todo o respeito aos opositores, procure conhecer o Pessutão e verão que trata-se de um remanescente dos poucos políticos de bem deste país. Inclusive é respeitado na oposição além de ser um homem sábio e paciente, a prova é ter sido por duas vezes vice do requião e agora chegou a vez dele mostrar ao Paraná o “Jeitão Pessutão de Governar”, todos ficarão surpresos com os bons resultados. sucesso Pessutti.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*