Na TV, PT vende Dilma e reforça ideia do plebiscito | Fábio Campana

Na TV, PT vende Dilma e reforça ideia do plebiscito

Via blog do Josias de Souza

Foi ao ar na noite passada o programa institucional do PT na televisão. Dez minutos, em horário nobre. Na peça, o partido reforçou sua tática para a sucessão presidencial de 2010. Está escorada em três estacas:

1. Grudou-se a imagem de Dilma Rousseff à de Lula.

2. Vendeu-se a ministra como coordenadora de todo o ministério, responsável pelos principais programas do governo.

3. Carregou-se na comparação da era Lula –voltada para os “mais pobres”— com o ciclo FHC –“elistista”.

O petismo adotou integralmente a tática plebistária idealizada por Lula –O “nosso governo” versus o “governo deles”. O programa foi permeado por uma espécie de ping-pong entre Lula e Dilma. O presidente dizia algo e a ministra o segundava.

“Presidente, eu penso igual ao senhor”, diz Dilma num trecho. “Tem governo que fez pouco e acha que fez muito. Nós não. A gente fez muito, mas sabe que é preciso fazer muito mais.” Na comparação, fez-se questão de associar o PSDB a FHC, citado nominalmente. Um expectador desavisado poderia supor que Dilma vai às urnas contra o ex-presidente.

Na comparação com o programa do PSDB, exibido na semana passada (assista aqui), o PT levou nítida vantagem. Fechado com Dilma, o partido de Lula levou à prateleira a única “mercadoria” de que dispõe,

Ainda às voltas com uma disputa interna, o PSDB viu-se compelido a dividir o seu tempo igualitariamente entre José Serra e Aécio Neves. Pouco antes de o PT levar o rosto de Dilma à telinha, saiu do forno a última pesquisa do Vox Populi.

Serra ainda em primeiro, com 39%. Dilma em segundo, com 17%. Ciro Gomes na terceira posição, com 13%. A novidade dessa pesquisa chama-se Aécio Neves. Num cenário em que substitui Serra, Aécio amealha 25%. Ciro Gomes, 19%. Dilma, apenas 15%.

Noutro cenário, sem Ciro, Aécio volta figurar adiante de Dilma: 29% dele contra 21% dela. O PT acha que, depois do programa desta quinta, sua candidata vai tomar o elevador. O tempo se encarrerá de demonstrar se o prestígio de Lula basta para converter desejo em fato.


30 comentários

  1. claudemir
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 11:36 hs

    O PT SÓ ESQUECEU DE FALAR COMO ACABAR COM TANTOS IMPOSTOS COMO DA COMIDA, RAMEDIOS, QUE O PROPRIO MENISTRO MATEIGA FALOU ONTEM QUE PARA O REMEDIO NÃO TEM NADA O QUE É MAIS IMPORTANTE O IMPOSTO DOS CARROS OU DOS REMEDIOS, NÃO QUE QUEREM DE VOLTA A CPMF. QUE O PT DE HOJE ESTA IGUAL O DEM ATOLADO EM ROUBO DO DINHEIRO PUBLICOS.

  2. lgringo
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 13:17 hs

    Claudemir, nada do que esta no video e mentira e a mais pura e absoluta verdade.
    Qaunto aos REMEDIOS ou medicamentos tu tem a FARMACIA POPULAR onde os podes comprar a preço de custo.
    Mais este governo fez tanto pelo país que não cabe e tudo em 10 minutos.

  3. Renata
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 13:29 hs

    Qualquer dia o PT vai comparar o século XXI com o tempo dos jesuítas. Este retorno ao passado é coisa de marqueteiro sem saída!

    O que me interessa é o que me prometem para o proximo ano, a próxima década. O passado fica pra galera que estuda história…
    A boneca assassina não tem a menor cara de que vai melhorar nada, tem cara de que vai fu.. com tudo!!!

    Xô monstro!!!

  4. ildo baldo
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 13:59 hs

    O CLAUDEMIR esse governo nâo consegue acabar com os impostos criados pelo PSDB mas já caiu alguns a CPMF reduçâo nas linhas BRANCAS nos AUTOMOVEIS e o PT nâo conta mentiras e LULA deve por a DILMA sim para aparecer pois é ela quem cordena a equipe MINISTERIAL HA sabe porque o FERNANDO LUGO CARDOSO nâo fes quando o SERRA foi adversario do LULA porque ele nâo TINHA PROGRAMA PARA MOSTRAR só se mostrasse as privatizaçoes que deram de presente para empresarios americanos HA nâo entendeu igual o LERNER feis com o BANESTADO AS RODOVIAS deram de presente e ainda amararam bem para que ninguem tirem a teta deles entendeu agora porque o LULA aoresenta DILMA nos seus programas abraços CLAUDEMIR

  5. MALEDETOS COMUNISTAS
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 14:01 hs

    O comunista Lula da Silva somente esqueceu de agradecer ao Fernando Henrique Carodos pelo sucesso do Plano Real mas, egoista e prepotente do jeito que é, não faria isso mesmo.

    A guerrilheira Dilma, não consegue esconder seu facínio pelo comunismo um segun do sequer e não abandono o vermelho.

    Agora Igriondo, começou o fetival de mentriras do molusco e os ataques ao FHC mas, de nada vai adiantar, a guerrilheira com esta cara de traveco mal amada não se elege a vereadora.

    O Ditador Zelaya levou da população a resposta em tentar mudar a Constituição que Lulla da Silva deveria levar também no Brasil, se não fosse este povo de intelectualidade pobre.

    FORA COMUNISTAS LULA E DILMA GUERRILHEIRA
    FORA CHAVES, EVO MORALES, ZELAYA – FIDEL, E DEMAIS GUERRIHEIROS.

  6. MALEDETOS COMUNISTAS
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 14:01 hs

    O comunista Lula da Silva somente esqueceu de agradecer ao Fernando Henrique Cardoso e ao PSDB pelo sucesso do Plano Real mas, egoista e prepotente do jeito que é, não faria isso mesmo.

    A guerrilheira Dilma, não consegue esconder seu facínio pelo comunismo um segun do sequer e não abandono o vermelho.

    Agora Igriondo, começou o fetival de mentriras do molusco e os ataques ao FHC mas, de nada vai adiantar, a guerrilheira com esta cara de traveco mal amada não se elege a vereadora.

    O Ditador Zelaya levou da população a resposta em tentar mudar a Constituição que Lulla da Silva deveria levar também no Brasil, se não fosse este povo de intelectualidade pobre.

    FORA COMUNISTAS LULA E DILMA GUERRILHEIRA
    FORA CHAVES, EVO MORALES, ZELAYA – FIDEL, E DEMAIS GUERRIHEIROS.

  7. bimbo
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 14:50 hs

    Igringo, tu esqueces que na farmácia popular, só tem aspirina e camisinha, tu me entendes “tchê” ??

  8. Raquel
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 15:02 hs

    faltou falar que ele disse tirar o povo da merda…..
    merda é o que sai da boca do ébrio ignorante…..

  9. wcd
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 15:20 hs

    É VERGONHO O QUE O LULA TA FAZENDO, QUER QUE O ELEITOR BRASILEIRO ENGULA A DILMA DE QUALQUER JEITO, NÃO IMPORTA SE FOI GUERRILHEIRA, SE TROCOU DE NOME SE ASSALTOU BANCO, SE SEQUESTROU EMBAIXADOR, ISSO TUDO EM NOME DA DEMOCRACIA, NÃO ME FAÇA RIR.

  10. Diego
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 16:03 hs

    Faltou dizer que toda essa coisarada que eles fizeram, está em cima dos pilares erguidos no governo FHC.

  11. lgringo
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 16:58 hs

    Bimbo, isso já e muito bom para tu não ficar com dor de cabeça ne de cotovelo pelo bom governo que temos em beneficio dos trabalhadores, já a camisinha serve para não proliferar a tua raça.
    Esse cara que fala de comunismo ficou atrassado em duas decadas, ainda esta vendo os seriados da época da guerra fria.
    Já a Raquel essa ne vale a pena responder, esse filhote da ditadura se diz “educada”.

  12. MOSCA NA SOPA
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 16:58 hs

    Sugiro ao pessoal que está enfurecido com o Metalúrgico que mudou a maneira do Brasil ser visto pelo resto do Mundo , que venham morar aqui no Brasil . Imagino que devam morar em qualquer outro País , menos aqui . Aliás , caso estejam na Europa , o El País da Espanha, acaba de escolher nosso Presidente o PERSONAGEM DO ANO . Que chato hem ?!
    Tem mais , palavras de Zapatero : “Não me estranha que este homem impressione o Mundo.”

  13. jose
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 17:30 hs

    luis gringo teve uma recaída…este governo não fez nada de novo, a política fiscal é a mesma, a política monetária é a mesma, a política cambial é a mesma e por aí vai…aliás até os caras são os mesmos, tá lá o ministro da agricultura, o das minas e energia e outros mais conhecids há décadas…

    Quanto a Saúde, o pt não só não queria derrubar a CPMF, como em seguida propôs um novo imposto, a CSS, lembra ildo baldo?

    O lula também privatizou e criou pedágios nas BRs, aliás, vendeu para um grupo estrangeiro chamado OHL, lembra ildo baldo?

    O lula mudou a lei para beneficiar a Oi, quem são os donos da Oi? Pesquisa ildo baldo!!!!

    E a famigerada CIDE? Se são lula descobriu o pré sal (que já era cohnecido em 76), tornou o Brasil auto suficiente em petróleo (?), inventol o etanol (o pró alcool nunca existiu), porque continuamos pagando esta m…?

    Tem mais: e as obras? Cadê o trem bala? Cadê o novo aeroporto em SP? Cadê a reforma agrária?

    Todos os prjetso em andamento das hidrelétricas são dos anos 80 e 90, não tem nada novo!!!!

    Sabe o que o pt fez: mensalão, dólares na cueca, dossie aloprados, falso doutorado da dilma, falso doutorado do mercadante, quebra do sigigl bacário do francenildo, dinheiros desviado para o mst, dinheiro desviado para as ongs petistas, depósito na conta do sato e por aí vai…

    Aliás, continua o desafio: me mostrem um único petista punido por qualquer um dos escândalos acima…a resposta será aquela, célebre: “não sei de nada”…

    O Brasil já existia antes de são lula e graças a Deus resistirá à passagem delle…

  14. Papai Noel
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 17:49 hs

    Tem gente que acredita que o Plano Real é do FHC. Foi o Itamar o pai da criança.

  15. OSSOBUCO
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 17:58 hs

    Olha o que diz o primeiro ministro espanhol sobre o LULA:

    ” Este es un hombre cabal y tenaz, por el que siento una profunda admiración. Lo conocí en septiembre de 2004, tras la incorporación de España a la Alianza contra el Hambre que él lideraba, en una cumbre organizada por Naciones Unidas en Nueva York. No podía haber sido mejor la ocasión.

    Luiz Inácio Lula da Silva es el séptimo de los ocho hijos de una pareja de labradores analfabetos, que vivieron el hambre y la miseria en la zona más pobre del Estado brasileño nororiental de Pernambuco.

    Tuvo que simultanear sus estudios con el desempeño de los más variopintos trabajos y se vio obligado a dejar la escuela, con tan sólo 14 años, para trabajar en la planta de una empresa siderometalúrgica dedicada a la producción de tornillos. En 1968, en plena dictadura militar, dio un paso que marcó su vida: afiliarse al Sindicato de Metalúrgicos de São Bernardo do Campo y Diadema.

    De la mano de este hombre, siguiendo el sendero abierto por su predecesor en la Presidencia, Fernando Henrique Cardoso, Brasil, en apenas 16 años, ha dejado de ser el país de un futuro que nunca llegaba para convertirse en una formidable realidad, con un brillante porvenir y una proyección global y regional cada vez más relevante. Por fin, el mundo se ha dado cuenta de que Brasil es muchísimo más que carnaval, fútbol y playas. Es uno de los países emergentes que cuenta con una democracia consolidada, y está llamado a desempeñar en las décadas siguientes un creciente liderazgo político y económico en el mundo, tal y como ya viene haciendo en América Latina con notable acierto.

    Lula tiene el inmenso mérito de haber unido a la sociedad brasileña en torno a una reforma tan ambiciosa como tranquila. Está sabiendo, sobre todo, afrontar, con determinación y eficacia, los retos de la desigualdad, la pobreza y la violencia, que tanto han lastrado la historia reciente del país. Como consecuencia de ello, su liderazgo goza hoy en Brasil del respaldo y del aprecio mayoritarios, pero mucho más importante aún es la irreversible aceptación social de que todos los brasileños tienen derecho a la dignidad y la autoestima, por medio del trabajo, la educación y la salud.

    Superando adversidades de todo orden, Lula ha recorrido con éxito ese largo y difícil camino que va desde el interés particular, en defensa de los derechos sindicales de los trabajadores, al interés general del país más poblado y extenso del continente suramericano. Sin dejar de ser Lula, en esa larga marcha ha conseguido, además, ilusionar a muchos millones de sus conciudadanos, en especial aquellos más humillados y ofendidos por el azote secular de la miseria, proporcionándoles los medios materiales para empezar a escapar de las secuelas de ese círculo vicioso.

    Al mismo tiempo, en los siete años de su presidencia, Brasil se ha ganado la confianza de los mercados financieros internacionales, que valoran la solvencia de su gestión, la capacidad creciente de atraer inversiones directas, como las efectuadas por varias compañías españolas, y el rigor con que ha gestionado las cuentas públicas. El resultado es una economía que crece a un ritmo del 5% anual, que ha resistido los embates de la recesión mundial y está saliendo más fortalecida de la crisis.

    Tras convertirse en el presidente que accedía al cargo con un mayor respaldo electoral, en su cuarto intento por lograrlo, Lula manifestó que es inaceptable un orden económico en el que pocos pueden comer cinco veces al día y muchos quedan sin saber si lograrán comer al menos una. Y apostilló: “Si al final de mi mandato los brasileños pueden desayunar, almorzar y cenar cada día, entonces habré realizado la misión de mi vida”.

    En ese empeño sigue este hombre honesto, íntegro, voluntarioso y admirable, convertido en una referencia inexcusable para la izquierda del continente americano al sur de Río Grande. Tiene una visión del socialismo democrático que pone el acento en la inclusión social y en la justicia medioambiental para hacer posible una sociedad más justa, decente, fraterna y solidaria.

    Brasil ocupará pronto un lugar en el Consejo de Seguridad de Naciones Unidas, está a punto de convertirse en toda una potencia energética y en 2014 albergará el Campeonato Mundial de Fútbol. Cuando nos vimos en octubre en Copenhague, Lula lloraba de felicidad, como un niño grande, porque Río de Janeiro acababa de ser elegida ciudad organizadora de los Juegos Olímpicos de 2016. La euforia que le inundaba no le impidió tener el temple necesario para venir a consolarme porque Madrid no había sido elegida y fundirnos en un abrazo.

    A mí no me extraña nada que este hombre asombre al mundo. ”

    José Luis Rodríguez Zapatero es presidente del Gobierno español.

  16. ildo baldo
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 18:06 hs

    MALEDETO CUMUNISTA POIS VOCE NÂO SABE QUE O PLANO REAL FOI NO GOVERNO DO ITAMAR FRANCO E O PT NÂO PRESISA VENDER A DILMA QUE POR SI PROPRIO O TRABALHO DE LULA E DILMA É RECONHECIDO NO MUNDO INTEIRO LEIA OS JORNAIS LULA ESTÁ ENTRE AS 100 PESOAS MAIS RESPEITADAS DO MUNDO OUVIU DO MUNDO ENTÂO A DILMA VEM DE TIRACOL QUE NÂO TEM PROBLEMA NEMUM E O FHC DA MACONHA CONSEGUIU DEIXAR ALGUNS FILHOS ESPALHADOS E NEM RECONHECER QUER ESSE FOI O MAIOR FEITO QUE FERNADO LUGO CARDOSO DEIXOU

  17. Lino
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 18:49 hs

    Programinha de doer. Dizer que o Governo Lula dominou a inflação é demais. Qualquer pessoa que não seja imbecil sabe que foi FHC que controlou a inflação. Acontece que a maioria do povão é imbecil e vai acabar acreditando que foi o Lula. Aliás, Lula e o PT se alimentam e sobrevivem às custas desta imbecilidade nacional. Aquela história de contrapor pobres e ricos é estelionato intelectual, também para ser digerida por imbecis. O Lula sabe que se não fosse a atuação dos ricos, segurando os empregos e derramando crédito fácil, seu governinho já teria acabado. Mas a esquerda brasileira, que já foi boa, parece que está cada vez mais burra, foi contaminada pela corrupção e se tornou uma esquerda rica, burguesa.

  18. COXA
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 19:07 hs

    Morre o verdadeiro autor da lei dos genéricos, Jamil Haddad

    Morreu na madrugada desta sexta-feira, aos 83 anos, o presidente de honra do Partido Socialista Brasileiro (PSB), Jamil Haddad. Ex-ministro da Saúde, Jamil morreu em casa, no bairro da Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro, vítima de enfarte.

    O velório será realizado na capela 2 do Cemitério São João Batista, no Rio de Janeiro, a partir das 12h. O sepultamento está previsto para as 17h.
    Biografia

    O médico Jamil Haddad nasceu no Rio de Janeiro, em 2 de abril de 1926. Formado em ortopedia na Universidade do Brasil, atual Universidade Federal do Rio de Janeiro, Haddad ingressou na vida política em 1962, quando foi eleito deputado estadual pelo então estado da Guanabara.

    Haddad foi um dos fundadores do Partido Socialista Brasileiro (PSB), em 1988. Ministro da Saúde no governo Itamar Franco, onde permaneceu até 1993, ele foi o autor do decreto dos medicamentos genéricos.

    Em 2003, já no governo Lula, assumiu a direção geral do INCA, cargo que ocupou durante cinco meses, sendo exonerado por pressões políticas.

    Em nota, o PSB diz que “Jamil Haddad dedicou toda sua vida pública às lutas democráticas em favor dos trabalhadores, contra a ditadura militar e combatendo as desigualdades sociais. Como militante, trabalhou pela reconstrução e afirmação do socialismo no Brasil”.

  19. OSSOBUCO
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 20:03 hs

    Ser imbecil é não saber que o Plano Real é do Itamar, que o Haddad é o verdadeiro pai dos genéricos! Isso é demais pra cabecinha dos leitores da Veja e da Folha!

  20. salete cesconeto de arruda
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 20:09 hs

    Renata é tão feminina!!!

  21. OSSOBUCO
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 20:30 hs

    Adeus, FHC
    por Leandro Fortes

    Fernando Henrique Cardoso foi um presidente da República limítrofe, transformado, quase sem luta, em uma marionete das elites mais violentas e atrasadas do país. Era uma vistosa autoridade entronizada no Palácio do Planalto, cheia de diplomas e títulos honoris causa, mas condenada a ser puxada nos arreios por Antonio Carlos Magalhães e aquela sua entourage sinistra, cruel e sorridente, colocada, bem colocada, nas engrenagens do Estado. Eleito nas asas do Plano Real – idealizado, elaborado e colocado em prática pelo presidente Itamar Franco –, FHC notabilizou-se, no fim das contas, por ter sido co-partícipe do desmonte aleatório e irrecuperável desse mesmo Estado brasileiro, ao qual tratou com desprezo intelectual, para não dizer vilania, a julgá-lo um empecilho aos planos da Nova Ordem, expedida pelos americanos, os patrões de sempre.

    Em nome de uma política nebulosa emanada do chamado Consenso de Washington, mas genericamente classificada, simplesmente, de “privatização”, Fernando Henrique promoveu uma ocupação privada no Estado, a tirar do estômago do doente o alimento que ainda lhe restava, em nome de uma eficiência a ser distribuída em enormes lucros, aos quais, por motivos óbvios, o eleitor nunca tem acesso.

    Das eleições de 1994 surgiu esse esboço de FHC que ainda vemos no noticiário, um antípoda do mítico “príncipe dos sociólogos” brotado de um ninho de oposição que prometia, para o futuro do Brasil, a voz de um homem formado na adversidade do AI-5 e de outras coturnadas de então. Sobrou-nos, porém, o homem que escolheu o PFL na hora de governar, sigla a quem recorreu, no velho estilo de república de bananas, para controlar a agenda do Congresso Nacional, ora com ACM, no Senado, ora com Luís Eduardo Magalhães, o filho do coronel, na Câmara dos Deputados. Dessa tristeza política resultou um processo de reeleição açodado e oportunista, gerido na bacia das almas dos votos comprados e sustentado numa fraude cambial que resultou na falência do País e no retorno humilhante ao patíbulo do FMI.

    Isso tudo já seria um legado e tanto, mas FHC ainda nos fez o favor de, antes de ir embora, designar Gilmar Mendes para o Supremo Tribunal Federal, o que, nas atuais circunstâncias, dispensa qualquer comentário.
    Em 1994, rodei uns bons rincões do Brasil atrás do candidato Fernando Henrique, como repórter do Jornal do Brasil. Lembro de ver FHC inaugurando uma bica (isso mesmo, uma bica!) de água em Canudos, na Bahia, ao lado de ACM, por quem tinha os braços levantados para o alto, a saudar a miséria, literalmente, pelas mãos daquele que se sagrou como mestre em perpetuá-la. Numa tarde sufocante, durante uma visita ao sertão pernambucano, ouvi FHC contar a uma platéia de camponeses, que, por causa da ditadura militar, havia sido expulso da USP e, assim, perdido a cátedra. Falou isso para um grupo de agricultores pobres, ignorantes e estupefatos, empurrados pelas lideranças pefelistas locais a um galpão a servir de tribuna ao grande sociólogo do Plano Real. Uns riram, outros se entreolharam, eu gargalhei: “perder a cátedra”, naquele momento, diante daquela gente simples, soou como uma espécie de abuso sexual recorrente nas cadeias brasileiras. Mas FHC não falava para aquela gente, mas para quem se supunha dono dela.

    Hoje, FHC virou uma espécie de ressentido profissional, a destilar o fel da inveja que tem do presidente Lula, já sem nenhum pudor, em entrevistas e artigos de jornal, justamente onde ainda encontra gente disposta a lhe dar espaço e ouvidos. Como em 1998, às vésperas da reeleição, quando foi flagrado em um grampo ilegal feito nos telefones do BNDES. Empavonado, comentava, em tom de galhofa, com o ex-ministro Luiz Carlos Mendonça de Barros, das Comunicações, da subserviência da mídia que o apoiava acriticamente, em meio a turbilhão de escândalos que se ensaiava durante as privatizações de então:

    Mendonça de Barros – A imprensa está muito favorável com editoriais.
    FHC – Está demais, né? Estão exagerando, até!

    A mesma mídia, capitaneada por um colunismo de viúvas, continua favorável a FHC. Exagerando, até. A diferença é que essa mesma mídia – e, em certos casos, os mesmos colunistas – não tem mais relevância alguma.

    Resta-nos este enredo de ópera-bufa no qual, no fim do último ato, o príncipe caído reconhece a existência do filho bastardo, 18 anos depois de tê-lo mandado ao desterro, no bucho da mãe, com a ajuda e a cumplicidade de uma emissora de tevê concessionária do Estado – de quem, portanto, passou dois mandatos presidenciais como refém e serviçal.

    Agora, às portas do esquecimento, escondido no quarto dos fundos pelos tucanos, como um parente esclerosado de quem a família passou do orgulho à vergonha, FHC decidiu recorrer à maconha.
    A meu ver, um pouco tarde demais.

  22. FILET MIGNON
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 20:41 hs

    Pois é…. Esse Governo LULA e do PT fez tanto, mas tanto rolo neste País, que há mais de três anos o primeiro deles não teve solução, ninguém foi preso, ninguém devolveu o dinheiro do MENSALÃO, e estão belos e faceiros, soltos por aí, por certo tramando osutras TRAQUITANAS para arrebatar mais algum dionheirinho, o rico dinheirinho daqueles que pagam impostos e não têm necessidade de bolsa, sacolas cotas, cargos comissionados, entre outras pendengas mais!
    Cadeia neles!
    Vai faltar cadeia!

  23. CAÇADOR DE COMUNISTAS
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 21:42 hs

    Quantos imbecísa ainda lula domina.
    O Plano Real foi de Itamar mas, quem deu seguimento foi o FHC e não adiante ter dor de cotovelos. Estas os comunistas vão ter que engolir.

    Quanto ao facinio do Ditador Lula da Silva pelo sitema Comunista é público e notório. “Diz com quem andas que te direi que és”.
    Amigos comunistas do Ditador Lula:
    Chaves
    Zelaia
    Morales
    Fidel e outros pórcos.

    SERRA PRESIDENTE:

    Serra é educado, inteligente, sério, não fala MERDA e tem condições de levar o pais adiante sem MENTIRAS.

    DILMA é mentirosa, prepotente, machona, arrogante, comunista, inexperiente pois jamais foi sequer vereadora e não tem condições de administrar um país do tamanho do Brasil.

  24. Ricardo
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 22:10 hs

    Sei não, mas acho que Lulla vai dar um golpe no Brasil. O PT não vai largar o osso nem a pau. E o povo, maioria cegos, esta nem aí. Dae teremos um novo Hugo Chaves.Duvidam????????
    Esperem pra ver.
    A democracia deixou de existir neste país, assim que a quadrilha que aí esta, assumiu o poder.

  25. NOTA DEZ
    sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 – 22:45 hs

    O programa foi perfeito. Excelente peça publicitária.
    As coisas estão indo muito bem.
    E desse jeito não vai ter prá ninguém.
    Lula mora no coração do Povo e o Povo saberá acolher Dilma.
    Resta àTucanalha chorar e ao DEMO quem sabe cortar os pulsos.
    PRIVATARIA NUNCA MAIS, o prejuizo que vocês deram ao país foi muito grande, mas agora lhes resta um consolo: Se não tiverem mais o que fazer depois de perder mais uma eleição, vocês bem que poderiam pedir um emprego como “ASPONES” dos “empresários” aos quais entregaram nossas empresas estatais.

  26. Luis Gringo
    sábado, 12 de dezembro de 2009 – 4:19 hs

    José, acho que a recaida e de tua parte.
    Vejamos, nód dois condenamos os ílicitos por parte de ALGUNS petistase muitos de outros partido, no mal chamado mensalão.
    Mais na época do FHC era alguma coisa investigada?
    Para te lembrar só de uma das denuncias, foi sim o verdadeiro mensalão para aprovar a releição.
    Tu e tão ingenuo que acreditas que a unica coisa que començou com o geverno do PT foi a corrupção?, te acho mais inteligente que isso José.
    Agora da uma olhada de novo no video e veras ai que diz que ouve uma inversão de prioridades.
    Um governo que olha para os mais pobres.
    Vamos aos fatos.
    Moradia: Minha casa minha vida esta ajudando sim a muitas familias de baixa renda, posso te apresentar alguma.
    Além, tem por parte da Caixa uma outro programa chamado PAR que atende pessoas com um melhor poder aquicitivo de mais de 6 salarios minimos. Só aqui em Curitiba foram construidos varios conjuntos de apartamentos no Bairro Novo, posso te levar lá e te apresentar alguns amigos que foram benefiaciados.
    Tem mais o PAC veio para regularizar as favelas de Curtiba por exemplo, como a do Parolim e outras areas como o do Bolsão Formosa.
    Educação: o Prouni da oportunidade a filhos de trabalhadores como catadores de papel e empregadas domesticas a fazer uma universidade, tb posso te aprensentar muitos casos desses.
    O presal estava la, mais elmbra que os tucanos queriam privatizar a Petrobras, será que era por que ja sabiam da existebcia dele?
    Pensa nisso.
    José,eu te desafio a mostrar que não ouve corrupção no Brasil antes do Lula, por exemplo vamos pegar os ultimos 8 anos antes, na época do FHC.
    Quanto a politica cambial e CPMF, quem a criou não foi o PT, e te garanto somos muitos dentro do partido que somos contra as duas, eu sou um deles.
    Mais em uma coisa estavam errados, era quando deciam que o PT ia acabar com o País e com a economia, que o dolar ia disparar, então agora so resta dizer que e por causa do famigerado e agora maconheiro FHC.

  27. salete cesconeto de arruda
    sábado, 12 de dezembro de 2009 – 10:20 hs

    Tem gente soltando FEZES pela boca depois que o Lula disse que vai tirar o povo da MERDA – onde falta esgotos!!!

  28. bimbo
    sábado, 12 de dezembro de 2009 – 16:31 hs

    LGringo, vai – se – ca – tá

  29. sábado, 12 de dezembro de 2009 – 19:49 hs

    IIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII………..GOLPE Á VISTA;;;;;;;;;;;SAI VENEZUELA;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;

  30. João Gilberto
    sexta-feira, 15 de janeiro de 2010 – 8:58 hs

    Fui Petista e votei no LUla. Acreditei na promessa de mudança. Errar é humano. Mas, DILMA CARABINA? NEM A PAU! É a criatura mais arrogânte e prepotênte que ja vi em toda a minha vida. Desprezível e tem tanto carisma quanto um morcego de cara enrugada.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*