Forbes elege Curitiba a terceira cidade mais "esperta" do mundo | Fábio Campana

Forbes elege Curitiba a terceira cidade mais “esperta” do mundo

curitiba1

Da Gazeta do Povo:

O portal da revista Forbes realizou um estudo que listou as cidades mais “espertas” do mundo. Curitiba aparece na terceira posição atrás apenas de Cingapura e Hong Kong. A publicação ressalta que uma cidade “esperta” tem preocupação com o meio ambiente, qualidade de vida, planejamento urbano, boa infraestrutura e uma economia consolidada.

A capital paranaense recebe destaque pelo inovador sistema de transporte coletivo e os faróis do saber que funcionam como biblioteca para os mais pobres e serviram de modelo para outras cidades no mundo. A publicação ainda destaca que a cidade possui estratégias equilibradas de desenvolvimento.

Segundo o autor da pesquisa, Joel Kotkin, Curitiba conseguiu superar alguns dos problemas que atingem grande parte do Brasil como a violência e os problemas no transporte. Com isso, ele cita outra pesquisa que avaliou Curitiba como a melhor cidade brasileira para se morar.

Para Kotkin, os critérios utilizados no estudo excluem as maiores cidades como Nova Iorque, Cidade do México, Tóquio e São Paulo que apresentam problemas típicos de megalópoles como grandes desigualdades sociais.

As 10 mais “espertas”

1.ª Cingapura, Cingapura
2.ª Hong Kong, China
3.ª Curitiba, Brasil
4.ª Monterrey, México
5.ª Amsterdã, Holanda
6.ª Seattle, Estados Unidos
7.ª Houston, Estados Unidos
8.ª Charleston, Estados Unidos
9.ª Huntsville, Estados Unidos
10.ª Calgary, Canadá


22 comentários

  1. Alguém
    terça-feira, 22 de dezembro de 2009 – 21:23 hs

    Concordo. Mas temos muito o que melhorar. E não é tão dificil como em outras cidades. Não podemos piorar e sim melhorar sempre.

  2. EU SOU A MOSCA
    terça-feira, 22 de dezembro de 2009 – 22:22 hs

    E o prefeito atual , sempre cochilando , não conseguiu evoluir em nada ! tst , tst , tst , tst , tst ….

  3. quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 0:03 hs

    Maravilha !!!! Parabéns Curitiba !

  4. Curitibano
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 0:22 hs

    Como alguém que ja morou em Paris e visitou Amsterdam algumas vezes, digo que para sermos “smart” como os holandeses ou franceses falta ainda muito e muito QI.

    Solucionados problemas de transporte e Farois do Saber? Essa pesquisa é de quando? 1995?

  5. Carlos Alberto
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 0:42 hs

    Rios esgotos, esse é o nosso problema. O próximo prefeito tem que começar a resolver isso.

  6. Mutuka
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 6:21 hs

    Isso pq na “Linha Verde” não há um viaduto sequer.
    O transito está caótico, enchentes em varios lugares, etc.
    Esperto mesmo são os “administradores”

  7. ´Tina
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 6:25 hs

    Parabéns ao Jaime Lerner!

  8. Jaiminho, o Carteiro
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 9:03 hs

    puts… ficar atras de Cingapura é dose…. hahahaha

    mas brincadeiras a parte… A Londres Brasileira dá muito orgulho ao nosso estado !!

  9. Alberto Matias
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 9:58 hs

    Não sei porque manés querem tanto que a linha verde tenha viadutos.
    Basta olhar em qualquer cidade do mundo onde viadutos se proliferam. São verdadeiros entraves às pessoas. Se os carros tivessem consciência, ficariam felizes, mas as pessoas? tsc tsc tsc.

    Um viaduto inutiliza um enorme espaço à sua volta. Veja nas imagens de LosAngeles ou de São Paulo, quando aparecem na TV. É um deserto total em volta das estradas com tanto viaduto. Sé se vê veículos e mais veículos.

    Não adianta, o futuro é do transporte coletivo.

  10. ÁULICO
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 10:13 hs

    Dá para contar outra! Só rindo ou chorando. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK. uauauauauauauauauauauauauauauauauauauau!!!!!!!!!!!
    Quanta esperteza de nossos administradores. Resta-nos saber que tipo de esperteza é. Alguém aí sabe dizer?

  11. BC
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 10:18 hs

    Hahaha, isso é uma piada não? Quem já morou em qualquer cidade grande na Europa ou America do Norte sabe que isso não é verdade.

    Transporte coletivo e Farois do Saber inovadores? Curitiba superou a violência???

    Faz tempo que não dão manutenção no que já foi bom mas que mesmo assim sempre esteve longe de qualquer coisa semelhante que existe em cidades do primeiro mundo. Nos ultimos anos só vejo a violência aumentar e o transporte piorar nessa cidade.

    Por que sempre nos nivelamos pelas outras cidades do Brasil e terceiro mundo, ou seja, por baixo?

    Mais uma pesquisa mal feita e inútil, que não contribui em nada para a cidade melhorar. Só alegra os bairristas de plantão, orgulhosos por serem ignorantes, sem saber o que realmente é viver com qualidade de vida.

  12. Notus Ferrão
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 10:37 hs

    Amigos, impressionante a falta de alegria nas pessoas que estão à criticar o fabuloso e honroso terceiro lugar que nossa Curitiba obteve nesta pesquisa.
    Acredito que este momento deva ser comemorado. E muito!!
    VIVA CURITIBA!!
    abaixo e cetecismo.

  13. Gibraltar O. Neves
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 11:13 hs

    Concordo com o Alberto Matias e complemento dizendo que não podemos esquecer que agora a antiga BR-116 é uma AVENIDA e não mais uma rodovia! Portanto, sinaleiros são necessários para que se atrevesse a via.
    Viadutas e passarelas são importantes? Até podem ser, mas custam caríssimo (uma pasarela custa quase 2 milhões de reais!) e o benefício não é tão grande.

  14. Nostravamus
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 11:15 hs

    Não se trata de má vontade, mas de inverdade. No caso de nossos rios, temos que tomar alguma providência urgente. É muito maior prioridade que o metrô, por exemplo, e deve custar menos salvá-los.

  15. Marcelo
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 11:46 hs

    Não sei de onde surgiu essa pesquisa, mas ela não é verdadeira, basta ver o paragrafo em que falam da violência e dos transportes…
    Hilário publicar alguma coisa assim… logo vemos que a pessoa não conhece a cidade real em que vivemos… temos muitos problemas para resolvermos e estamos longe de termos qualidade de vida ou soluções para o mundo… Como disse alguém la no passado: ” a propaganda é a alma do negócio”… Curitiba vide de propaganda e o problema é que os curitibanos acreditam nessa propaganda rsrsrsrsrssr

  16. FILET MIGNON
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 12:51 hs

    Maravilha!
    Pelo menos nossa cidade alcança um lugar de destaque, e, por sinal, no foco mais importante sobre administração pública: “QUALIDADE DE VIDA”!
    Interessante é que a questão do transporte coletivo teve em JAYME LERNER, a sensibilidade de amparar os estudos efetuados pelo IPUC, implantando modernamente o nosso transporte…
    Quando a pesquisa enfoca a importância do “FARÓL DO SABER”, nos reportamos à administração de RAFAEL GRECA DE MACEDO…
    Infelizmente, o nosso ESTADO DO PARANÁ, não consegue resultados em qualquer tipo de pesquisa pela nulidade administrativa que se aportou nas araucárias nos últimos anos…
    Exceto, conseguimos algum IBOPE na questão das mamonas comestíveis, nos destemperos insuportáveis do INSANO, nos desmandos nos portos, do nepotismo desvairado, além da comicidade da presidencialidade do INSANO REIQUIÃO, SENÃO COMICO, RISÍVEL!
    Já que nada podemos comemorar em relação à ADMINISTRAÇÃO ESTADUAL, VAMOS TODOS JUNTOS, DE MÃO DADAS, LUTAR PELA DERROTA DO INSANO NO SENADO E ASSISTIRMOS, COMENDO PIPOCA, ELE FICAR SEM MANDATO E ACABAR PRESO ELE E SUA CATERVA DE IRMÃOS….
    Alo… Alô! Poliça, não esqueça de levar para o cárcere também o Roubanelli Pula-Catracas e o Doático! – Incomunicáveis para não ensinarem besteiras para o nosso povo!

  17. Jango
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 12:55 hs

    No Brasil, sem dúvida, Curitiba ressalta-se, embora com seus problemas mais salientes não resolvidos, devido à ambição pessoal de governantes que nem bem assumem cargos já estão pensando no subsequente, num carreirismo político que deixa para trás abandonados os fundamentos da administração pública municipal, que estão se desmilinguindo a olhos vistos. E assim “espertos” são os carreiristas enquanto a cidade fica mais para “otária”.

  18. BARNEYBÉ
    quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 15:00 hs

    ATÉ PODE SER MAIS TEM QUE MUDAR MUITA COISA , PRINCIPALMENTE A EDUCAÇÃO DO POVO SEJA NO TRÂNSITO OU NOS COLETIVOS , POIS VAI MAL PRA CARACAS.

  19. quarta-feira, 23 de dezembro de 2009 – 17:34 hs

    Parabéns a todos os que fizeram da nossa cidade um sucesso…como todo sistema vivo, precisamos melhorar ainda mais pois os problemas surgem aos montes.Muito trabalho ainda nos espera…

  20. Cássio
    quinta-feira, 24 de dezembro de 2009 – 19:35 hs

    não é bem assim tambem. nao superou a violencia, nao melhorou o transporte nem nada. qualquer cidade tem a tendencia de piorar, pelo aumento da populaçao. 53% da populaçao de curitiba, nao é curitibano nato, venho do nordeste e do sudeste pra procurar uma cidade melhor, e sempre acada se ferrando.. graças aquelas propagandas de 2001 , 2002.
    mais mesmo assim, curitiba é um exemplo para o brasil a melhor capital em infra estrutura, com maior area verde da america latina merece respeito!

  21. Felipe betim
    quinta-feira, 10 de junho de 2010 – 16:53 hs

    parabens curitiba essa é minha cidade amo ser nascido nela

  22. Lord Bhah
    terça-feira, 20 de março de 2012 – 15:42 hs

    Eu sou paranaense, nasci em Maringá, e morei durante 7 anos em Curitiba. Foram os piores anos da minha vida, pois de fato os “curitibocas” são misântropos, ignorantes, mal educados, antipáticos, têm aversão ao ser humano, e agem como se fossem os donos da razão, querendo impor seu modo de pensar. Raramente há alguma exceção!

    Dos 7 anos que fiquei em Curitiba, jamais fiz alguma amizade concreta, tive que me isolar, pois é um lugar sem calor humano, as pessoas não vivem, apenas sobrevivem, sem contar os inúmeros estelionatários que se disfarçam de pessoas “sérias” atrás de um terninho.

    Já fui assaltado a mão armada no centro! Segurança pública deixa muito a desejar! Raramente vi policiamento nas ruas, e se o centro já é caótico, imagine a periferia e as várias favelas “omitidas” da cidade!

    O curitiboca é extremamente atrasado, pois quando as pessoas são fechadas no próprio “mundinho”, deixam de absorver conhecimento, cultura, aceitação da diversidade, deixam de analisar os vários pontos-de-vista, não têm argumentos para entrar em um debate . São da época do “não conversar com estranhos”. Se não conversarmos com extranhos, jamais vamos conhecê-los e ampliar as nossas relações interpessoais, fazer amizades, conhecer melhor o outro!

    Dizem que a cidade é limpa… Claro! Tem garís 24 horas por dia! É difícil não ser limpa assim! Qualquer cidade com limpeza pública funcionando durante 24 horas seria “limpa”.

    Enquanto à “beleza”… é bonita apenas dos bairros centralizados para cima. Os bairros da zona sul são horríveis, cheios de favelas, alta criminalidade, péssima arborização ou praticamente nenhuma e sem planejamento. A beleza de Curitiba é localizada nos bairros mais “tradicionais” e centrais, e mesmo assim não é lá essa coisa!

    Enquanto ao transporte coletivo: HIPERLOTADO! Sem contar que as pessoas morrem derretidas de tanto calor dentro desses tubos, verdadeiros fornos e sem ventilação alguma! Os terminais de transporte urbano são construções baratas e descartáveis, e além de serem extremamente apertados não comportando os passageiros, quanto chove molha todo mundo que está dentro!

    De fato, o curitibano não sabe aceitar seus defeitos e os tratam como inexistentes. Mais uma vez, ressalto que são raríssimas as exceções! Não respeitar as diversas opiniões, é não ter capacidade inclusive de auto-compreensão, pois jamais nos auto-conhecemos sem que tenhamos referências ou comparações!

    Honestamente, vendi todos os imóveis que eu tinha investido nessa cidade “idealizada”, e que não tem absolutamente NADA a oferecer! Ideologia pura!

    Uma dica aos curitibocas: se libertem desse mundinho! Vivam intensamente, viagem, conheçam melhor o país que vocês vivem, o mundo, ampliem seus conhecimentos, agreguem um pouco do outro à vocês, sejam livres de preconceitos, não exaltem aquilo que vocês não aceitam comparar!
    Resumindo o curitiboca: “gente que se acha e nada tem!” Em todos os sentidos!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*