Requião abusa do poder em campanha, diz Rusch | Fábio Campana

Requião abusa do poder em campanha, diz Rusch

grava

O líder da Oposição, deputado Élio Rusch (DEM), recriminou nesta segunda-feira (23) o uso, por parte do governador Roberto Requião, da “máquina pública” para fazer campanha antecipada. Rusch citou um evento oficial ocorrido em Cascavel, no último dia 19, quando o governador teria enaltecido a candidatura do vice-governador ao governo estadual.

“A legislação eleitoral não permite pedir voto para um pré-candidato. O governador Requião estava em um ato oficial, realizado pelo governo do Paraná, portanto, não pode agir desta maneira. É abuso de poder político”, criticou.

O deputado disse ainda que os partidos políticos ou os pré-candidatos ao governo devem tomar as medidas cabíveis para coibir a prática. “Quem estava lá era o governador e não a pessoa física Roberto Requião. Ele citou textualmente o nome do vice-governador, o que é terminantemente proibido. Aqueles que pretendem ser candidatos ou os partidos que os representam devem acionar a justiça eleitoral”, disse.

“O governador transformou em palanque eleitoral o palco que deveria ter sido utilizado para tratar da luta pela educação”, concluiu, acrescentando que a solenidade em questão era denominada Caravana da Alfabetização, do programa Paraná Alfabetizado.


9 comentários

  1. FILET MIGNON
    segunda-feira, 23 de novembro de 2009 – 23:16 hs

    Cadê a Justiça Eleitoral do Paraná?
    Cadê o Ministério Público?
    Cadê… Cadê… Cadê????

  2. EMPRÉSTIMO MILIONÁRIO DE CARLI
    segunda-feira, 23 de novembro de 2009 – 23:43 hs

    O governador Roberto Reqião calou a boca de um de seus maiores desafetos – o prefeito de Guarapuava, Fernando Ribas Carli – concedendo-lhe um “presente de Natal” de 12 milhões de reais, em forma de empréstimo através da Agência de Fomento do Paraná.
    Um “presente de Natal” para o Carli e um autêntico “presente de grego” para a população de Guarapuava, que terá de arcar com a dívida por muitos e longos anos.
    Um dos artigos do contrato, aprovado pelos vereadores sem qualquer discussão, prevê que, caso a mensalidade não seja paga, a cobrança será extraída automaticamente do repasse do ICMS e/ou Fundo de Participação dos Municípios,

  3. carlos
    segunda-feira, 23 de novembro de 2009 – 23:49 hs

    e o beto……o que o beto está fazendo, não é campanha?

  4. OBSERVADOR
    terça-feira, 24 de novembro de 2009 – 1:34 hs

    HELIO DUQUE cassou no TRE o mandato de senador do REIquião, exatamente por este abuso de poder politico por ter feito a sua campanha eleitoral no ano anterior a eleição. Reverteu a situação no TSE, porque a Procuradoria lhe deu Parecer favorável e porque não teria havido uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral, mas apenas um Recurso contra a Diplomação.
    Reicidente especifico e a oposição só não cassa desta vez, se forem covardes como a turma do Lerner que deixaram o Helio Duque sozinho na luta judicial.

    Mas estes caras do DEM não são de nada. Criticam e ficam no blabla blá, mas nada de uma ação efetiva para coletar as provas e chamar o abusante na justiça.
    Vai deitar e rolar até o final do governo e só fazendo campanha.
    Basta colar alguem na cola do bicho com camera e gravador que quando quizer registrar a candidatura, terá negado o registro e ainda declarado inelegível.

  5. APOSENTADO
    terça-feira, 24 de novembro de 2009 – 1:37 hs

    ESTE FILME EU JA VI ANTES….agora tem elicoptero e TV do governo para fazer antecipadamente sua campanha e depois tem a cara de pau de dizer que suas campanhas eleitorais são franciscanas…..

  6. Moisés
    terça-feira, 24 de novembro de 2009 – 6:37 hs

    O Deputado DEMOCRATA Élio Rusch tem razão. Tem politicos q usam a máquina pública para fazer campanha. Um deles é o Requião, o outro exemplo é o ¨ENGº RICHA¨ aliado dos DEMOS …do Deputado na Prefeitura.
    Porque sua Excelencia critica só o Governador?

  7. Vigilante do Portão
    terça-feira, 24 de novembro de 2009 – 6:49 hs

    Agora é que perceberam? O Requião está dando indiretas e até algumas diretas ao PT, para que saia dos cargos que ocupa no governo estadual. Ardiloso, quer que a iniciativa de romper parta do PT, assim pode se fazer de vítima.
    Um dos motivos para o rompimento é que a candidatura da Gleisi ao Senado vai tirar votos dele, Requião.
    É mulher, é jovem, é do PT, vai roubar votos preciosos do governador.

  8. ildo baldo
    terça-feira, 24 de novembro de 2009 – 9:16 hs

    O ELIO RUSCHE É CURTO DE MEMORIA POIS TEM O PIOR DESENPENHO NO MEU PONTO DE VISTA POIS O NEGOCIO DELE É DEFENDER O JAIME LERNER OS PEDAGIO A PRIVATIZAÇÂO DO BANESTADO PORTANTO NÂO FALA QUE BETO FAIS CAMPANHA DESCARADAMENTE A QUALQUER DIA DA SEMANA AONDE DEVERIA ESTAR TRABALHANDO EM CURITIBA E SE ELE DISER QUE É PARA O DUC TOMAR ESPERIENCIA POIS DEVERIAM PEDIR O IMPITIMA DOS DOIS UM SÓ FAIS POLITICA E O OUTRO QUE NÂO CUIDA DA SECRETARIA DELE PARA BRINCAR DE PREFEITO ELE SÓ SE REELEJE PORQUE LÁ EM RONDON VOCEIS SABEM BEM O QUE PREDOMINA POIS AFRODESENDENTE NÂO É O FORTE DELE NÉ SEU SECTARIO

  9. CAMPANHA A MIL
    terça-feira, 24 de novembro de 2009 – 11:36 hs

    O REQUIÃO ESTA FAZENDO ATÉ PRESIDIARIOS TRABALHAR PARA PROMOÇÃO PESSOAL.SEGUNDO CONSTA MAIS DE 50 PRESOS TRABALHAM INTENSIVAMENTE PARA DOBRAR E MONTAR OS JORNAIS DE DIVULGAÇÃO DA “EXCELENTE” GESTÃO.SE COLOCOU ATÉ PRESIDIARIO PARA TRABALHAR IMAGE O RESTO.
    OS CARGOS COMISSIONADOS QUE SE PREPAREM POIS A COISA VAI PEGAR, RSRSRSRSRS

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*