Policiais dizem que bobagens de Requião só fortalecem a categoria | Fábio Campana

Policiais dizem que bobagens de Requião só fortalecem a categoria

Policiais civis e agentes penitenciários do Paraná não estão nem um pouco preocupados com as declarações do governador Requião, que ameaçou demitir todos.

A bravata de Requião não fez o efeito esperado pelo governador. Os policiais garantem que esse tipo de atitude do governante atrabiliário só fortalece a categoria e sua disposição de luta. Ouça o que os policiais disseram para Denise Mello em entrevista na rádio Banda B.


16 comentários

  1. Policial de base
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 11:27 hs

    Grande parte da Polícia Civil acreditou na Palavra do Governador e votou nele, assim como Eu e minha Família, agora somos ameaçados e tratados como se fossemos vagabundos, nesse país criminoso é tratado com mais respeito. Na maioria dos casos o custo de um detento no regime penitenciário é maior que de um Policial, se for menor infrator este custo praticamente dobra; Agora nas delegacias este custo é muito menor pois normalmente só há um plantonista, administrando condições desumanas de encarceramento.
    Eu sou Policial Civil e o sonho do meu Filho é ser Policial, meu conselho à ele… seja Policial Federal.

  2. MÃOS A OBRA.
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 11:34 hs

    Sou amplamente favoravel a esta revendicação do setor de segurança publica no Paraná.Poderiamos sugerir uma greve padrão ao quadro, é comecarmos o trabalho prendendo gente do governo.
    A policia poderia colocar as fitas do MESTRE BURGO, no caso do palmito, e guarda-lo numa cela com forragens de folhas verdes, mas não aquela feita nos EUA, mas sim de pinus, da uma coçeira.

  3. Polícia
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 13:21 hs

    Parabéns, requião! Após as declarações de vossa insolência, aqueles (poucos) policiais que relutavam em se mobilizar por ainda acreditar que você cumpriria sua palavra de implantar o tal PCCS agora engrossarão as fileiras dos próximos protestos e da greve, agora inevitável. Os policiais não são como o seu secretário anão que foge desesperado quando se depara com um assalto (pergunte a ele). Tu vai aprender a não ameaçar polícia…

  4. R.Silva
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 13:32 hs

    Ôps! Acho que não serão policiais que ficarão sem emprego em breve… Perdeu uma ótima oportunidade de sair do governo deixando satisfeito um grupo de funcionários que ficarão ainda, durante muitos anos, revoltados e loucos para acharem podres ou “porem as mãos” em qualquer “chegado” seu. É o fim das “carteiradas” dos “amigos do rei”; imaginem, num futuro breve pós-mamonófago, um sujeito sendo abordado pela polícia e dizendo: “Sou amigo do requião”… adivinhem o resto! Quando o poder acabar, vai ser uma verdadeira caçada…
    REQUIÃO NÃO!!!!!!!

  5. CLOVIS PENA -
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 14:59 hs

    Na administração pública, há casos em que as crises decorrentes da incompetência levam ao caos.
    O Brasil deveria estar judicialmente mais bem estruturado para impor limites de proteção na gestão pública.
    Quanto custa ao governo do Estado, por exemplo, ter criado instituições de ensino superior, e assumido as despesas de pessoal, quando esta responsabilidade é do governo federal ?
    Agora, de pires na mão pede dinheiro para suportar as despesas do filho alheio que levou para casa.
    E, é óbvio, não dá conta do que lhe compete na segurança pública.
    A ameaça, neste caso parece uma derradeira tentativa de defesa.

  6. Toni PR
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 16:07 hs

    Jà sei – todos vocês são polícias aqui metendo a lenha no Requejão né…, mais vc´s já tentaram pensar no que irá dar se os policiais entrarem em greve..
    Vc´s são todos egoístas…
    Ass. Vagabundo Alado…

  7. Miro
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 16:15 hs

    Pra variar o governador Mello e Silva fala o que quer. E agora acho que ele passou do ponto, e mexeu com pessoas sérias e dedicadas ao serviço que representam.
    E o governador não vai poder voltar atrás.
    Ficou feio para ele.

  8. JUSTICEIRO
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 17:46 hs

    Estou de pleno acôrdo com o que diz CLOVIS PENA. Realmente, é de competência do Governo Federal e do setor privado e não do Governo Estadual, a criação de cursos de Ensino Superior para onde imigram estudantes de outros Estados os quais aqui são mantidos pelos impostos paranaense. Resta descobrir em que ano e qual foi o Governador que teve essa brilhante idéia de criar faculdades a nossa custa.
    Quanto a greves no serviço público, por serem atividades de segurança nacional totalmente proibido, como sempre foi desde o período do ditador Getulio vargas em 1930 até a data da constituição federal de 1988. Com essa postura, Rei-quião espera ganhar muitos pontos com o eleitorado na sua campanha a Presidente. Quem gosta de exercer o seu sagrado direito de fazer greve deveria empregar-se em empresas privadas.
    Assim como nas Forças Armadas, onde greves nem pensar, os aumentos salariais dos servidores públicos, dos policiais civis, principalmente, deveriam ser submetidos, julgados e decididos por um Conselho cuja aprovação seria referendado pelo Governante Chefe.

  9. FILET MIGNON
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 18:10 hs

    O que se pode esperar de um INSANO?
    É claro que INSANIDADE!
    E de um ASNO?
    ASNICE!
    De quem mesmo estamos falando???

  10. Cidadão
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 19:00 hs

    Eu só não entendo o dirigente de sindicato dos Agentes Penitenciários querer falar da própria mãe é o que o Governo Requião foi para eles 70% contratados no governo, tem agente não tendo nem o 1º grau, ganhando 7.000,00.
    Meu apoio aos Policiais Civis e, se afatem dos Agentes Penitenciários que querem ser polícia sem ser.

  11. Policias Militares
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 19:08 hs

    Governo Requião tratar com desrespeito como trata os Policiais Miitares do Paraná, e ainda quer nos jogar contra os Policiais Civis e AP., isto é uma piada nos temos nossa missão constitucional, largue de ser ditador e querer usar a PM, e quem vai assumir nosso serviço quando nos pararmos estamos no limite, não é porque fabricou meia duzia de coronéis que vai conter a insatisfação da PM.

  12. PARANAENSE
    sexta-feira, 27 de novembro de 2009 – 22:03 hs

    É ISSO AÍ POLICIAIS, CIVIS E MILITARES. ESPERAMOS QUE ESTEJAM UNIDOS NESSA LUTA, QUE NÃO HAJA REPRESSÃO ENTRE AS CLASSES. VAMOS DAR UM BASTA NESSA POUCA VERGONHA QUE É O SALÁRIO E AS CONDIÇÕES DE TRABALHO DOS POLICIAIS. A SOCIEDADE ESTÁ COM VOCÊS. QUEREMOS POLICIAIS BEM PAGOS, BEM PREPARADOS E BEM EQUIPADOS PARA DEFENDER NOSSA FAMÍLIA. OS GOVERNANTES ESTÃO DE PASSAGEM, VOCÊS CONTINUAM. E VIVA A DEMOCRACIA CONTRA A DEMAGOGIA E ESTATÍSTICAS FURADAS DO DELAZARI.
    ACREDITAMOS NOS BONS POLICIAIS QUE SÃO A GRANDE MAIORIA

  13. na Ativa
    sábado, 28 de novembro de 2009 – 8:08 hs

    “TONI PR”
    ” Jà sei – todos vocês são polícias aqui metendo a lenha no Requejão né…, mais vc´s já tentaram pensar no que irá dar se os policiais entrarem em greve..
    Vc´s são todos egoístas…
    Ass. Vagabundo Alado… “…

    É ser egoista reinvidicar os seus direitos?
    Sabemos muito bem o que vai acontecer se os policiais pararem, mas será que vc conhece a realidade deste policiais dito por vc como “egoista”? Acredito que não.
    Não vamos falar dos riscos, pois eu escolhi esta profissão. Amo o que faço e procuro fazer da melhor maneira possível, apesar que entre a Justiça e a Lei, obrigatóriamente tenho que defender a “Lei”, mas e o senhor? Já entrou nas delegacias onde a quantidade de presos está além do limite? Já dobrou escalas de serviço por que o seu parceiro que iria substituí-lo ficou doente e não havia ninguem para vir ajudá-lo? Já levou um tiro em nome do dever, para depois o bandido sair primeiro da delegacia do que vc saiu do hospital? Já trabalhou em órgão onde não há o minimo de sustentabilidade operacional (armas, equipamentos, pessoal)?
    Já esteve em uma situação onde a pessoal chega correndo e te diz que foi assaltada e é seu dever pegar o bandido ( e ela está certa), mas vc está sozinha trabalhando e não pode largar o local pq é “babá de preso”?
    Há ainda muito “jás”, mas o senhor já testemunhou uma situação e quando a policia chegou o senhor também afirmou que nada tinha visto? Não? Parabéns, então o senhor não é egoista, pois nós trabalhamos em várias situações que encontramos todo os tipos de egoistas e entre elas estão os egoistas aproveitadores e covardes.
    Portanto, não somos egoistas, apenas queremos o nosso justo e merecido direito. Isto é lei e é justiça. E de lei, nós entendemos.

  14. PARANAENSE
    sábado, 28 de novembro de 2009 – 17:50 hs

    É isso aí, segurança pública de qualidade já.
    Fora requião, dellazari e nelson inJustus.
    A sociedade não aguenta mais ficar presa em casa enquanto os marginais estão soltos vilentando nossas famílias.
    VIVA A DEMOCRACIA

  15. NA ATIVA ..NOTA 10
    domingo, 29 de novembro de 2009 – 19:29 hs

    PARABENS NA ATIVA….VOCE MOSTROU QUE CONHECE AS DIFICULDADES QUE A POLICIA ENFRENTE… VAMOS CONTINUAR NOSSA LUTA …SENTI QUE POSSO CONTAR COM COLEGAS COMO VOCE …PARABENS.

  16. PARANAENSE
    domingo, 29 de novembro de 2009 – 20:27 hs

    TONI PR, POR ACASO VOCÊ NÃO É O TONI (ANTONIO E. CALDEIRA JR), EX PRES. DA CAMARA MUNICIPAL DE GUARATUBA, ATUAL FANTASMA DO GABINETE DO NELSON INJUSTUS DA ASSEMBLÉIA QUE NINGUÉM SABE ONDE TRABALHA? ESPERO QUE NÃO.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*