Morreu Ernâni | Fábio Campana

Morreu Ernâni

tn_620_600_ernani

Morreu hoje Ernani Ribas do Valle, que durante 43 anos foi garçom e maître do restaurante Madalosso, um dos maiores do país. Nesse período foi testemunha de todos os acontecimentos políticos que tradicionalmente aconteciam na casa. Tornou-se muito conhecido, figura requisitada e homenageada.


23 comentários

  1. Julio
    quinta-feira, 5 de novembro de 2009 – 20:49 hs

    Ernani fazia parte da história do Madalosso, de Santa Felicidade de Curitiba! É uma personalidade que ficará na lembrança de todos que o conheceram pela sua enorme simpatia.

  2. quinta-feira, 5 de novembro de 2009 – 21:16 hs

    Eu não sabia,………….. amigo leal, bom profissional,,,tive a satisfação de conviver com ele na profissão…..eu éra garçon do Pote chopp , no centro e ele me ligava,,pedrinho guarde uma feijoada pra mim com bastante pésinho e costelinha ( éra o que o Errnani Gostava))) e sempre estava disposto á conversar com á gente ;;;;uma vez eu pedi uma opinião ao Ernani, eu queria montar uma casa de snooker em santa felicidade…e perguntei á ele se seria viável?//// ele me respondeu de pronto Pedrinho se fosse bom eu com trinta anos de santa já teria montado;;;;;;;;;dai eu desisti e ele tinha razão…..seria montar e quebrar;;;;;;;;;;;;;;;;fique com Deus Ernani por tudo de bom que voçe fez pelos companheiros de profissão;

  3. Geraldo
    quinta-feira, 5 de novembro de 2009 – 21:22 hs

    Que Deus o tenha Grande Ernani!!!

  4. Sidnei Belizário de Melo
    quinta-feira, 5 de novembro de 2009 – 21:59 hs

    O Ernani sempre sorridente e atencioso, o tratamento com os clientes era sempre cordial e alegre. Com certeza sentiremos falta do maître do restaurante Madalosso que atendeu inumeros politicos, e jovens formandos, casamentos, e festa felizes de aniversário.

  5. SERGIO
    quinta-feira, 5 de novembro de 2009 – 22:01 hs

    Este sim, é perda irreparával, mas morreu de barriga cheia.

  6. Reinoldo Hey
    quinta-feira, 5 de novembro de 2009 – 22:18 hs

    A gigantesca nação coxa-branca lamenta a partida desse grande torcedor.
    Que Deus o conduza.

  7. GERSON PAULO DE OLIVEIRA
    quinta-feira, 5 de novembro de 2009 – 22:48 hs

    ADEUS, GORDO VAMOS SENTIR MUITO SUA FALTA,
    VC FOI UM MESTRE PARA TODOS NOS

  8. Carlos Homero Giacomini
    quinta-feira, 5 de novembro de 2009 – 22:59 hs

    Lembrar o Ernani é lembrar de horas boas. Que permaneça na memória de apenas uns poucos que atendeu…e serão milhares.

  9. Heráclito
    quinta-feira, 5 de novembro de 2009 – 23:48 hs

    Grande figura. Grande personalidade. Publiquei uma vez que se Santa Felicidade fosse um município, o Ernâni seria o eterno prefeito. O conheci há 40 anos. Bom amigo e um Relações Públicas de primeira linha, agora, a serviço no celestial. Vá em paz!

  10. Mahmud
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 7:16 hs

    O que morreu foi apena a matéria física daquele espírito chamado por nó Ernani, que renasce a uma nova vida. Obedecendo assim a lei da natureza divina, pois,nascidos carecemos,evoluímos. A única certeza que temos é que todos morrermos, Deus fez tudo tão perfeito que ao partimos levaremos apena nossas boas ações, a qual segue com você Ernani.

  11. sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 8:47 hs

    grande gordinho….grande figura…estou realmente triste. ele fará falta…..sentimentos a família..

  12. GEONISIO MARINHO
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 9:23 hs

    Sentiremos muito sua falta. Grande amigo!!! Vai preparando aí no céu um um lugar para nós em sua mesa em seu restaurante, mas quero ser servido por voce.
    Saudades

  13. José
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 9:25 hs

    Que DEUS dê muita força e conforto para sua família!

  14. ofaxineiro
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 9:32 hs

    Descanse em paz, e aonde você esteja que tenha polenta, frango, risoto……

  15. ANTONIO CARLOS
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 9:41 hs

    DIFICIL CONHECER UM BOM CURITIBANO QUE NÃO CONHECESSE O ERNANI OU PELO MENOS TENHA OUVIDO FALAR DE FIGURA TÃO BOA.JÁ ESTAMOS COM SAUDADES DELE.DEUS É SABIO E SÓ LEVA GENTE BOA.O PALCO CAIU E O VASO ……NÃO QUEBROU

  16. hiranzinho
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 10:07 hs

    uma perda muito sentida mesmo. tanto pelo povo curitibano, q sempre foi muito bem atendido por ele qto pelo povo q, como eu, passava suas férias em itapoá-sc, e comia no seu restaurante de lá… q vá em paz!!!

  17. Thaís Scarpellini
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 10:33 hs

    Atendimento impecável, que será difícil encontrar igual. Meus sentimentos.

  18. Cleongue
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 13:19 hs

    Palmense de nascimento adotado por Curitiba, por onde passou so deixou amigos.

  19. DARU
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 13:58 hs

    Grande amigo, faz parte da história de Santa Felicidade, muito dedicado a profissão, a família e aos amigos, meus sentimentos a esposa e filhos.

  20. Jefferson S Leite
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 16:10 hs

    Um amigo formidável que se foi. Que Deus o tenha. A todos os familiares meus sentimentos.

  21. Zé do Coco
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 16:16 hs

    Ernani deixou para os filhos um exemplo de dignidade a ser seguido à risca.
    E vai deixar saudades a quantos o conheciam como pessoa e profissional.

  22. Reginaldo Pardim
    sexta-feira, 6 de novembro de 2009 – 16:45 hs

    Ernani não vou dizer Adeus, mais direi até logo. Em breve estaremos juntos novamente (contando piadas), comendo aquela bela polenta com frango, e degustando daquele saboroso vinho. que Deus lhe ilumine….

  23. Herivelton Valle
    sábado, 7 de novembro de 2009 – 0:04 hs

    Agradeço a todos pelas mensagens de carinho, e pelas historias e peripécias que contam dele. Sei de festas de casamentos que ele organizou de duas, três gerações de uma mesma família.
    Ele dizia que sua maior qualidade era ser coxa branca, e quando encontrava um amigo que não partilhasse de sua paixão, dizia que era o seu maior defeito. hehehehehe.
    Sempre pronto ajudar os outros de alguma forma.
    Tratava a todos da mesma maneira, sem distinção de classe social, de um “desconhecido”,que logo seria conhecido e ele não esqueceria mais (ele tinha um memória prodigiosa), até o Presidente da República, e foram vários que ele conheceu ou será que eles o conheceram.
    Ernani, Gordo, Pai Saudade!!
    Ass filho.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*