Fantasmas ganham no Senado sem trabalhar | Fábio Campana

Fantasmas ganham no Senado sem trabalhar

Reportagem do jornal Estado de S. Paulo investiga os 88 funcionários que não apareceram para fazer o “recadastramento caça-fantasmas” do Senado.

O jornal ainda apura as informações sobre uma funcionária do gabinete do senador Osmar Dias que também não se recadastrou. Confira:

Leandro Colon, BRASÍLIA

Dos 88 “desaparecidos”, 65 são de confiança e 23 de carreira. Entre os efetivos, está o deputado João Maia (PR-RN), irmão do ex-diretor-geral Agaciel Maia. O parlamentar, que entrou no Senado em 1972, informou à primeira secretaria que está afastado do cargo desde que virou deputado. O Portal da Transparência inclui seu nome na lista dos servidores licenciados. João foi pivô da queda de Agaciel, em março. A casa do ex-diretor do Senado estava em nome do irmão.

Na lista dos omissos estão mais dois assessores de Magno Malta, outro de João Claudino, dois do petista Augusto Botelho (RR), entre outros. Também aparece um servidor da presidência do Senado, que cumpre expediente no gabinete de Valter Pereira (PMDB-MS).

O Estado procurou os assessores de Augusto Botelho: Silvia Cantanhede de Oliveira e Telcimar de Oliveira. A assessoria disse que ambas trabalham no escritório de Roraima e alegou que o recadastramento não foi feito por falha técnica. Na liderança do PDT, a reportagem obteve informação de que Maria Haggi é assessora de Osmar Dias (PDT-PR), mas não conseguiu falar com ela até o fechamento da edição.

A relação dos funcionários que ignoraram o recadastramento “caça-fantasmas” do Senado confirma suspeita que paira sobre a Casa: servidores recebem salários sem trabalhar. O Estado teve acesso a nomes que não deram sinal de vida até agora e identificou casos de servidores desconhecidos nos gabinetes e que não cumprem expediente.

O jovem capixaba Lincoln Pereira Uzai Silva, 22 anos, é lotado na liderança do PR há quatro anos. Ele ganhou o emprego do senador Magno Malta (PR-ES), mas ninguém o conhece em Brasília nem no escritório político em Vitória. A funcionária Wanda de França Avelino foi nomeada em 15 de março de 2007 para trabalhar no gabinete do senador João Vicente Claudino (PTB-PI), da Mesa Diretora.

Ontem, em horário de expediente, a reportagem a localizou, trabalhando num restaurante de um shopping de Teresina. Por duas vezes, procurada no escritório do senador, a resposta dada ao Estado foi a mesma: ela não trabalha lá.

Os dois fazem parte da lista dos 88 servidores que tiveram salários bloqueados pela primeira secretaria do Senado porque nem começaram o recadastramento, iniciado há dois meses. Outros 415 só preencheram parcialmente os dados. Todos terão até semana que vem para regularizar a situação.

Esse levantamento decorre da onda de denúncias de irregularidades que tomou conta do Senado. O estopim foi reportagem do Estado, que revelou em junho existência de atos secretos para nomear parentes, amigos e criar privilégios a senadores e servidores.


6 comentários

  1. PABUFE
    sábado, 31 de outubro de 2009 – 9:23 hs

    PUNIÇÃO AO SENADO FEDERAL. QUE FECHEM ESTA CASA DE CORRUPÇÃO POR UNS 30 DIAS, MESMO QUE ISTO AMEACE A DEMOCRACIA. COMO ESTÁ, COM LADRÕES E CORRUPTOS DE CARTEIRINHA NO COMANDO DESTA CASA INÚTIL, A ÚNICA SOLUÇÃO É SUSPENDER SUAS ATIVIDADES E SANEAR AS POCILGA, COM DDT DE MORALIDADE. =DOIS CAIXAS DOIS=, É SÓ COM OS MESTRES E DOUTORES EM CORRUPÇÃO DO SENADO, NESTA PORCARIA DE PAÍS.

  2. SYLVIO SEBASTIANI
    sábado, 31 de outubro de 2009 – 9:29 hs

    Na Assembléia Legislativa do Paraná não é diferente.Tem funcionários que “nunca” trabalharam um só dia. Tem caso de efetivação de funcionários que ingressou num ano, em cargo em Comissão, dois anos após foi efetivado sem concurso público e ainda com nepotismo. O povo parananense precisa saber e vai sim, tomar conhecimento.

  3. BISTEKA
    sábado, 31 de outubro de 2009 – 18:54 hs

    Que novidade!
    Aqui no Paraná o Secretário de Segurança não segura nada!
    Tem um bando de deputados governistas que só servem de frequencia à ESCOLA INSANA DAS TERÇAS, para baterem palminhas e lamber-botas de seu Chefe, não fiscalizam NADA, nadica de nada…
    Tem um Tribunal de Contas que aprova contas com RESSALVAS!
    TEM NEPOTISMO PRA DAR E VENDER, ALIÁS, UMA FAMÍLIA INTEIRA PENDURADA NAS TETAS DO GOVERNO, e NIGUÉM FALA nada, NADICA DE NADA!
    Tem caso de LICITAÇÃO ILÍCITA – TVS LARANJAS, e nenhum deputado fala nada, nadica de nada!
    Tem a bancarrota do Porto de Paranaguá, e quem denunciou ganhou o olho da rua…
    Tem suspeita sob o dinheiro da PARANAPREVIDENCIA e ninguém fala nada, nadica de nada!
    Tem o imbrólio das negociações do Porto da Ponta do Félix, sob a égide de REIQUIÃO, e ninguém fala nada… nadica de nada!
    Tem outra licitação suspeita, a da compra da DRAGA, e ninguém fala nada, nadica de nada!
    Aqui no PARANÁ tudo está às mil maravilhas! Tudo funciona dentro da ética e dos bons costumes com um comportamento de gestão DOS MELHORES DO MUNDO….
    E, os deputados LAMBE-BOTAS APLAUDEM… APLAUDEM À EXAUSTÃO!
    Parabéns Paraná!

  4. Marco
    sábado, 31 de outubro de 2009 – 22:24 hs

    Não é só no Senado…na Assembleia não é diferente.
    Se todos os fantasmas fossem trabalhar faltaria sala….se todos os jornalistas contratados e que nunca paarecem fossem trabalhar faltaria notícia….infelizmente funcionários fantasmas estão por todo poder público.

  5. domingo, 1 de novembro de 2009 – 14:10 hs

    SABE O QUE ME DEIXA INDIGNADO E TRISTE,,,,,EU SOU O CARA…..FIZ TESTE,,PASSEI ME PROFISSIONALIZEI,,FIZ MAIS 3 CURSOS,,,ME PREPAREI E FUI A LUTA ,,,E SABEM O QUE ME OFERECERAM????????????????540.00 REAIS POR MES FALA SÉRIO;;;;;;;;;;;É QUE EU NÃO ESTOU NA PANELA ,,ENTÃO FICO NA BORDA SE QUISER….OU FORA DELA;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;

  6. BISTEKA
    segunda-feira, 2 de novembro de 2009 – 14:16 hs

    PARA O PEDRO GIRARDI…
    SE TIVESSE FEITO UM CURSO DE 800 HORAS NA ESCOLA DA TERÇA INSANA, tenha certeza, estaria contratado.
    Ainda mais se tivesse feito pós-graducação para LAMBE-BOTAS….
    E quem falou que incompetente quer competentes por perto??
    Santa inocência a sua!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*