Está no ar o Portal da Transparência | Fábio Campana

Está no ar o Portal da Transparência

portal

A novidade entrou no ar hoje de manhã. Agora, qualquer pessoa pode saber como e em que os 54 deputados estaduais gastam o dinheiro público.

Todos os deputados devem divulgar mensalmente os gastos da verba de ressarcimento de R$ 27,5 mil a que cada um tem direito.

Algumas informações ainda não estão disponíveis. O site passa por ajustes e a assessoria de imprensa da Casa afirmou que até o final da tarde todos os recursos do portal devem estar acessíveis.


11 comentários

  1. marcondes
    quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 14:38 hs

    ALGUEM VAI ACREDITAR NOS DADOS COLOCADOS PELOS PROPRIOS DEPUTADOS E SEUS ASSESSORES,NOS ACREDITAMOS EM PAPAI NOEL E COELINHO DA PASCOA.I

  2. Cacá
    quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 14:52 hs

    Crédito?/ pq esse foi cópia na cara dura do Abraão!! Inclusive a foto que é do portal da Assembleia do RS!! Nem isso você percebeu, copiou de cara!

  3. EDUARDO TEIXEIRA
    quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 14:57 hs

    Parabéns para o Deputado Nelson Justus e para o Deputado Durval Amaral, pelo brilhante desempenho para que os seus eleitores, saibam como os Deputados gastam as verbas de gabinete.

  4. EDUARDO TEIXEIRA
    quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 15:03 hs

    A RPC, deveria fazer o mesmo, deveria seguir o exemplo da Assembléia Legislativa, porque eles cobram tanta transparencia dos deputados, que eu acho que eles tambem poderiam dar esse exemplo para o Paraná, começando a divulgar a lista de todos os funcionários da RPC, e os salários também, após isso deveriam também divugar quanto eles gastam por mês, eu estou muito curioso pra saber! Qualquer coisa chamem o Deputado Durval Amaral e o Deputado Nelson Justus, que eles ajudam vcs da RPC, a criarem o Portal de Transparência da RPC.

  5. Beto
    quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 15:09 hs

    Busquei,olhei, olhei e constatei que…

    é tanta, mais tanta transparência; que nada enxerguei!!!

  6. estagiário
    quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 15:43 hs

    Muito ruim, devia se chamar portal da obscuridade.
    cade o nome dos funcionários e o gabinete que estão lotados? E os funcionários fantasmas? Pelo menos o nome deles poderia constar.

  7. quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 16:17 hs

    Pergunto: Será permitido colocar no Portal publicidade ?
    Se for já tenho cliente – Motel Três Estrelas…
    Suite com cafe da manhã na base do Tropeiro…..

  8. quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 17:58 hs

    Transparência é Lei no serviço público – Mas no Brasil tudo o que é lei não atinge esses meliantes, então vamos ver o que acontece.

  9. SYLVIO SEBASTIANI
    quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 18:47 hs

    Tem uns “CARAS”, que gostam , ou são pagos para agradar, ou até Fantasmas, não “gafanhotos”, pois estes os nomes são fictícios e “outros” que receberam seus salários, até deputados e ex-deputados. é só ler os jornais do ano passado.Eu tenho bastante deles.Eu quero ver a relação dos funcionários, aposentados, efetivos que prestaram concurso,comissionados e de Gabinetes. estes são trocados mensalmente.Se tudo estiver correto eu serei o primeiro a falar a favor deles, os deputados que fizeram a “TRANSPARÊNCIA”, transparente.

  10. politico jovem
    quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 19:04 hs

    Dalhe Nelson Justus, pode contar comigo meu deputado é isso que nos paranaenses queremos, ver onde vai nosso dinheiro…isso que voce fez é um modelo de gestao publica…MEUS PARABENS, DALHE NELSON JUSTUS

  11. Josiane
    quinta-feira, 27 de agosto de 2009 – 19:38 hs

    não entendi nada??????????????????

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*