Alvaro usa twitter para debochar da Oposição | Fábio Campana

Alvaro usa twitter para debochar da Oposição

alvaro2

O senador Álvaro Dias (PSDB-PR) declarou por meio do twitter o êxito da manobra oposicionista que conseguiu aprovar convite para que a ex-secretária da Receita Federal, Lina Vieira, compareça ao plenário da CCJ do Senado.

“A manobra planejada ontem deu certo. Aprovamos convite para que Lina Vieira fale na CCJ do Senado na próxima terça feira”, disse o tucano pelo micro-blog.

Logo em seguida, Álvaro Dias postou um comentário irônico: “A minoria finalmente pode exercer o seu complexo de maioria (rs)”.


5 comentários

  1. quarta-feira, 12 de agosto de 2009 – 16:18 hs

    Sempre tive a certeza de que a minoria de que infelizmente faz Parte Álvaro Dias é a maioria, se formos procurar como aliás deve ser feito, Homens de Bem, de Honra de Dignidade e Transparência.

    Aguardem Ele e a sua minoria vai conseguir trazer à tona toda a Sujeira que a maioria desqualificada tenta esconder.

  2. Alerta
    quarta-feira, 12 de agosto de 2009 – 16:21 hs

    Ele é um grande debochador e cara de pau mesmo.
    Peça uma CPI para investigar a origem dos R$ 6.000.000,00.

  3. O Povo
    quarta-feira, 12 de agosto de 2009 – 16:57 hs

    Inteligente posição Álvaro Dias, por essas razões é que o Senado não pode perder sua presença por lá, continue em Brasília onde você é muito mais útil e respeitado do que sendo Governador do Paraná!

  4. Adalberto
    quinta-feira, 13 de agosto de 2009 – 9:32 hs

    Acho que nao seja prudente do Senador Alvaro Dias Fazer consultas pessoais na frente de tantas pessoas, poderia contratar a ex-secetária para defende-lo do seu furo, que nao é pequeno afinal sao R$ 6.000.000,00. Alvaro voce não articular nem no estado do Paraná para sua campanha de 2010 a governo do estado e ainda esta sorrindo!!!!!! Poderia também contratar e convocar a ir ao senado o “dr. Castanho” da novela, ai sim, acho que valeria a pena, Muito poucos sobreveriam também sobre essa sabatina.

  5. Anônimo
    quinta-feira, 13 de agosto de 2009 – 13:51 hs

    Estes 6.000.000,00 não eram obrigados a serem declarados ao TRE como no Imposto de renda.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*