Suspeito que confessou o crime do Morro do Boi é transferido para Curitiba | Fábio Campana

Suspeito que confessou o crime do Morro do Boi é transferido para Curitiba

paulo unfried.jpg

Paulo Delci Unfried (foto), 32 anos, que confessou ser o autor do crime do Morro do Boi, foi transferido hoje para Curitiba a pedido da Justiça. Ele estava preso desde o dia 23 em Matinhos e agora vai ficar no Centro de Triagem, em Piraquara.

Unfried será ouvido pelo juiz substituto da Comarca de Matinhos, Rafael Luís Brasileiro Kanayama, no próximo dia 23 de julho. O juiz determinou ainda que, na mesma audiência, Monik Pegorari, a vítima que sobreviveu ao crime, faça o reconhecimento de Unfried.

O outro suspeito, Juarez Ferreira Pinto, permanece preso na Casa de Custódia de Curitiba. Ontem, a Justiça negou o pedido de liberdade dele. Os advogados de defesa já entraram com um pedido de habeas corpus.


2 comentários

  1. indignada
    sábado, 4 de julho de 2009 – 0:22 hs

    OOO Q MAIS ESSAS PROMOTORAS QUEREM???????JÁ TE A CONFISÃO…A ARMA A BALISTICA….EU SEI Q ELAS QUEREM?????É NAUM PERDER O TITULO DE RAINHAS DA JUSTIÇA….

  2. sábado, 4 de julho de 2009 – 21:40 hs

    Em que pese a necessidade de cuidados extremos no caso de “confissões” de autoria de crimes aparentemente indecifráveis, penso que o perfil do primeiro indiciado não justifica a existencia de alguem pagar para outro assumir a sua culpa: Pobre, sem condições fisicas de subir o morro do Boi e aparentemente incapaz de manter relações sexuais, só uma coisa justitica a relutancia da justiça em liberá-lo: a sua pobreza. A proposito, o autor dos 190 km/hora está preso ou foi solto em função de seu poder ecomico?
    Se fosse ele no lugar no primeiro indiciado, certamente já estaria solto.

    vicente de paula

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*