Lula, FHC, o Senado e as diferenças que os igualam | Fábio Campana

Lula, FHC, o Senado
e as diferenças que
os igualam

A semana da UOL


Um comentário

  1. sábado, 11 de julho de 2009 – 16:11 hs

    Eles não vão se entender porque há o Executivo contra o entendimento, já que, num organismo Maior o Legislativo Mor – Não há crise, há desvio de BILHÕES, há Neto de presidente Omisso e incompetente metido a “agiota”, há 10.000 (Dez mil Funcionários) para atender 81 Senadores, pior mais da metade destes dez mil provávelmente nunca ninguém viu, e nunca fizeram nada a não ser receber o dinheiro do contribuinte. (Isso não é crise, é SEM VERGONHICE da GROSSA LULA.
    O presidente, pivô de todo o acontecimento lamentável, Sarney diz que não sabe de nada, começo a imaginar se o velhinho não está gágá, foi interditado através de ato secreto e ninguém ficou sabendo. E claro não há crise.

    Há, isso sim, a instalação de um desmando total e absoluto, instalado através de manobras do Executivo, para enfraquecer a instituição, ( e este ainda, estúpida e impunemente quer arranjar um culpado, a oposição CANALHA) e assim poder continuar livremente a exercer todo o tipo de desmandos, até iniciar uma campanha eleitoral declarada quase um ano antes da data legal para tal.

    Claro que não há crise. Há isso sim, os interesses do Lula viajando da Silva correndo exatamente como ele pediu.

    Não fosse o Senador Álvaro Dias conseguir instalar a CPI estaria tudo uma maravilha. Assim, deixa a imprensa colaborar e vamos ver o castelo de areia dessa corja Desmoronar.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*