Requião só decide sobre alianças em junho de 2010 | Fábio Campana

Requião só decide
sobre alianças em
junho de 2010

cavalgada10

Os deputados e aliados que insistem com Requião para que decida sobre a política de alianças para a sua sucessão podem tirar o cavalo da chuva. Requião decidiu que não tem pressa e vai aguardar a época da escolha dos candidatos a presidente e a governador, que só acontecerá nas convenções de junho de 2010.

Até lá, o processo econômico poderá mudar. Imagine se a previsão de Delfim Netto de que estaremos crescendo 4% ao ano no mês das eleições em 2010 se confirmar. Lula estará nos céus. Mas se acontecer o inverso, estará nos infernos.

E o PMDB? Sarney, que é pró-PT, sobreviverá ao achincalhe publico? Ora, pois, tudo pode acontecer. Alem do que, Requião quer continuar no comando e por enquanto vai se dedicar a um intenso roteiro de inaugurções em todo o Estado, o que ele acredita que lhe devolverá índices de popularidade e o transformará em forte candidato a senador e forte eleitor para a sua própria sucessão.

Por essas e outras, Requião pede que não tenham pressa.


19 comentários

  1. ronaldo
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 15:26 hs

    Perguntar não ofende, essa cavalgada em final de semana com o proletário e sua turma foi pago pela venda do cafezal da viúva ou pelo Povo do Paraná.

  2. segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 15:33 hs

    É isso ai requião. Vc já escolheu é o Pessutão e fim de papo. O resto vamos deixar para junho de 2010. Saudações

  3. Ricardo
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 15:40 hs

    Inaugura o que? AS obras que ele já prometera pra 2006? Ou então vai lançar mais um programa megalomaníaco de obras que nunca vai dar em nada?
    Vai viajar de avião pra inaugurar ou vai pegar um carro pra andar nas estradas esburaqueadas que seu governo criou?

  4. Jose Carlos
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 16:03 hs

    Mello e Silva passará à história (se é que será notado pela história) como o primeiro governante da quinta comarca paulista a manter uma guarda pretoriana em sua permanente companhia, dia e noite, sete dias por semana, temendo ser atacado ou xingado pela populaça, pela ralé ignara, incapaz de compreender sua grandeza e glória… sic tranist gloria mundi, ou como diria um zé qualquer, te cuida jacaré, a lagoa vai secar, os peixes vão morrer e você há de se arrepender…

  5. segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 16:27 hs

    Requião está certo, aí em junho de 2010 unimos com o PT e o PDT do senador Osmar Dias e não tem pra ninguém. Li num boletim eletrônico de pedetistas, chamado Rede PDT, o seguinte editorial: “Nesta segunda-feira (15) haverá o encontro de prefeitos do PDT com o senador Osmar Dias, que poderá ser decisivo para selar a aliança com os petistas, preferência já manifestada por boa parte deles em recente reunião na cidade de Cascavel. Há quem aposte, porém, na continuidade do diálogo com todas as frentes políticas e dos encontros suprapartidários, até que se esgotem dois prazos fundamentais para a celebração das alianças, o das renúncias (abril) e o das convenções (em junho). Que rolem as especulações”. Está dito, em junho de 2010 o encontro com a verdade.

  6. PURO SANGUE!
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 16:41 hs

    Esse CAVALO DO REQUIÃO ESTA MEIO TRISTE….

  7. Almirante Tamandaré
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 16:59 hs

    Se ele quiser decidir em 2011, tanto faz, não ìra mudar nada. Ninguem aguenta mais esse cara, nem o cavalo dele aguenta, por isso que esta triste na foto.

  8. jango
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 17:01 hs

    Acredite quem quiser …

  9. V.Lemainski-Cascavel
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 17:20 hs

    Se eu fosse o Requião começaria a rezar para o Osmar sair candidato a governador, quem sabe até se unido a ele. Caso o Osmar saia a senador, bai bai governador.
    Dá Gustavo Fruet e Osmar ou Gleici.

  10. O Povo
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 17:23 hs

    Será que o Requião imagina que os outros sejam trouxas e ele o único experto do Paraná, seu tempo já passou Nepote Mor, agora sua iminente aposendaoria está chegando e com ela virá sua não eleição e consequente a avalanche de Processos que vão pipocar em todos os lugares!
    Quem viver verá!

  11. Marcos
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 17:39 hs

    tirano moderno…hehehehehe!

  12. sb
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 18:05 hs

    Você disse o cavalo do Requião?

  13. Cláudio
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 18:15 hs

    Se liga aí Pessutão. O Requião vai “esperar até junho de 2010”. Ou seja, tá ouvindo PROPOSTAS, hehehe. Quem for melhor para a dele e a do sobrinho. Acha mesmo que nessa negociação, em algum momento, o Requião fala para o interlocutor: “Eu ganho, o João Arruda ganha, mas não topo não porque não é bom para o Pessuti”? Ah, fala sério!!!

  14. Geraldo
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 18:53 hs

    E esse bobão do Caron, que o que mais gosta de fazer é aparecer em colunas sociais, continua fazendo companhia ao Bob Ternura em suas cavalgadas?

  15. Carlão
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 20:18 hs

    Ele vai aceitar o que o Serra e FHC negociar … hehehe, por isto que já esta largando o PT do Paraná, Requião pensa nele !

  16. Don Quixote.
    segunda-feira, 15 de junho de 2009 – 20:58 hs

    Para o Requião, dentro de sua cuca, só existe uma -doutrina política-, o requianismo.

    O objetivo máximo e unico desta doutrina é o de proteger exclusivamente os interesses dele, o Requião e da familia requião.

    E neste objetivo de proteção exclusiva dos interesses da familia, ele se baliza no sentido de que, no momento ainda não pintou um candidato com ótimas chances de ganhar as eleições de presidente ou governador.

    No momento certo e oportuno, ele vai decidir pelo que estiver na frente, com chances de ganhar. áí então ele decide e fecha com o quase vitorioso.

  17. Rudnei
    terça-feira, 16 de junho de 2009 – 8:13 hs

    Quantas lamentações e amarguras para com o governador, senhores ninguém é tri governador por acaso, se os senhores lembrarem o governador já passou por todas as esferas políticas, menos pela presidência é claro, os senhores questionam que o governador só protege a família dele, mas os irmãos Dias protegem quem? a população?, ja estiveram no governo do estado um como governador e o outro como secretário, Beto Richa filho de quem? de quem já foi governador do estado, José Richa então senhores mudança no meu ponto de vista é o novo e não esses que já estão nas entranhas do estado dizendo que são novos, não nos enganemos o novo está longe de ser no sentido real da palavra, e essa de que o PT quer coligar com PDT para um palanque forte para Dilma? Vamos nos poupar de tanta besteira, o PT não possui candidatos “fortes” no Paraná? o que esse povo quer é o poder nada mais do que o poder e tenho certeza que se lá chegarem vão fazer pior que o atual governador, pois o ditado é claro, faça o que eu mando mas não faça o que eu faço, essa frase serve para PT, PDT, PSDB entre outros que estão aguardando a chance de pegar uma fatia desse bolo chamado Paraná.

  18. Eliott
    terça-feira, 16 de junho de 2009 – 10:49 hs

    Um cavalo em cima de outro!

  19. Luciano
    terça-feira, 16 de junho de 2009 – 14:44 hs

    Minha opinião é que o Requião em 2010 será dono do seu próprio destino, assim como ocorreu em 2002 e 2006 quando ganhou as eleições; é sempre assim que acontece quando ele é o vencedor, os outros é que perdem para si próprios, como aconteceu com Álvaro e Osmar Dias respectivamente. Quando os outros se aliam a ele, como ocorreu com Lula e o PT em 2002 e 2006, Requião vence, mas quando Requião apoia alguém numa eleição, este alguém perde e feio. Por isso digo para infelicidade de alguns que ano que vem, se sair sozinho Requião leva uma das vagas ao senado, enquanto que a outra vaga será disputada a foice entre Osmar (talvez), Barros e Gleisi (também talvez). Mas como ocorreu em 2002 com Flávio Arns, cairá no colo de um 4º elemento, que arrisco dizer ser o Gustavo Fruet. É o Requião e o seu bloco do eu sozinho.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*