Oposição tenta mas não consegue impedir votação da LDO | Fábio Campana

Oposição tenta mas não consegue impedir votação da LDO

A bancada da oposição na Câmara de Curitiba tentou de todas as formas barrar a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2010 hoje à tarde. Primeiro, a vereadora Professora Josete, do PT, tentou liminar na Justiça para barrar a votação, diante da desaprovação de seus projetos. Não conseguiu.

Depois, a oposição tentou obstruir a votação pedindo o fim da sessão extraordinária e o início da sessão ordinária. Como um ballet muito bem coreografado, os vereadores governistas deixaram o plenário na hora exata em que a sessão peliteada pela oposição começasse. Faltou quórum e a bancada de apoio ao prefeito voltou só depois que a sessão ordinária foi derrubada. Neste momento, segue a votação da LDO, como os governistas queriam.


5 comentários

  1. Carmem Sousa
    segunda-feira, 29 de junho de 2009 – 18:09 hs

    Que vergonha estes vereadores. Se fosse na Assembleia tava todo mundo detonando o Requião e seus cordeirinhos. E agora, o que falar do Beto e seus fantoches?
    É tudo farinha do mesmo saco.
    Quero meu voto de volta.

  2. Junior
    segunda-feira, 29 de junho de 2009 – 18:23 hs

    Qual o interesse dessa Josete em maquinar contra a prefeitura?????????????????????????????????????????????????????????????
    SERÁ QUE ESSA MULHER E TODA A CORJA É INCAPAZ DE FAZER ALGO PELO POVO SEM SER TENTAR ACABAR COM AS OBRAS DE BETO RICHA???
    ELEITORES…..VAMOS ANOTAR O NOME

  3. segunda-feira, 29 de junho de 2009 – 19:44 hs

    Fica claro qual é a real intensão do PT em Curitiba, essa cambada além de não fazer nada ainda tá lá atrapalhando…

  4. segunda-feira, 29 de junho de 2009 – 21:23 hs

    Sandro, deixe chamar sua atenção para um detalhe.
    O PT é um perigo NACIONAL há que nos livrarmos deles em todo o lugar, sob pela de o País ficar ingovernável.
    Daqui a pouco as edições dos novos dicionários aparecem com:
    Maracutaia = PT

  5. Justiça
    terça-feira, 30 de junho de 2009 – 9:42 hs

    O Presidente petista disse que a crise mundial seria somente uma marolinha. Na Bosch já foram demitidos 900 trabalhadores, será que este pessoal acha uma marolinha a crise mundial e agora familiar deles.
    Está vereadora Jorgete deveria era abrir uma frente de batalha para acabar com o seu próprio governo ao invés de ficar criando factóides na mídia para denegrir a imagem de um homem público que foi ao MP para que fosse investigado a sua vida.
    Porque a candidata do PT a prefeitura a Sra Gleisi não faz a mesma coisa. O PT jogou muito dinheiro aqui em Curitiba para só por três vereadores na CMC e não conseguir que sua candidata consegui-se nem 30% da intenções de voto.
    Isso significa que vocês não significam nada para os curitibanos.
    Se liguem que na próxima eleições nem presidente vocês vão conseguir eleger.
    Marolinha, só se for na casa do cacete, Presidente Lula na casa dos trabalhadores brasileiros é crise da brava mesmo.
    Vereadora Jorgete, vá lá na frente da Bosch dar uma apoio moral aos desempregados, assim você estará prestando um melhor serviçõ ao cidadão curitibano e leva junto o Deputado Dr. Rosinha que não apresenta proposta alguma no Congresso e quem sabe ele seja o porta voz destes trabalhadores desempregados para sensibilizar o Presidente que a marolinha dele virou um tsunami aqui em Curitiba.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*