DEM decide pedir afastamento de Sarney | Fábio Campana

DEM decide pedir afastamento de Sarney

sarney

Os senadores DEM decidiram, há pouco, pedir que o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), se afaste do cargo, “a fim de assegurar sua isenção na investigação das suspeitas de irregularidades que pesam sobre a Casa”. A informação é da Agência Senado.

O líder do DEM, José Agripino (RN), afirmou que o pedido de afastamento é por prazo indeterminado. Nesta manhã, em sua página pessoal na internet, Agripino havia afirmado que ia sugerir o afastamento temporário do presidente da Casa.

Sarney é acusado de nepotismo e de envolvimento em outras irregularidades, incluindo o escândalo dos atos secretos do Senado, que foram utilizados para contratar servidores, autorizar a nomeação de parentes de senadores e o pagamento de horas extras.

Além disso, o neto dele, José Adriano Cordeiro Sarney, é acusado de fazer parte de um esquema irregular de crédito consignado pelo Senado e estaria sendo investigado pelo Polícia Federal.


5 comentários

  1. terça-feira, 30 de junho de 2009 – 15:16 hs

    Sr. Sarney, sabemos que o Sr. está aí ainda a mando do sócio o sr. da Silva, haja por si, Faça com que possamos respeitar pelo menos os seus cabelos brancos que praticamente nasceram nessa sua SUJA vida pública.

    LICENCIE-SE, seria o mais nobre ato de sua Carreira, agora sabido cheia de mazelas e irregularidades de toda a sorte.

    SARNEY VAI PARA CASA VAI. FICA LONGE DAÍ..

  2. Pelópidas
    terça-feira, 30 de junho de 2009 – 15:48 hs

    Nossa! Vejam só que coisa “terrível” está acontecendo com o Sarney. Tudo isso por conta dos auxiliares.
    Ainda bem que no Paraná não tem Agaciel nem Zogby, não é mesmo?
    Que bom que não tem. Ufa! A gente fica mais tranquilo.

  3. O Povo
    terça-feira, 30 de junho de 2009 – 15:59 hs

    Tanto Sarney quanto Lula relevaram da força da imprensa contra os atos levianos praticados no Senado e acobertados pelos senadores, dos quais o que mais despontou em irregularidades foi Sarney. Mas na verdade a grande imprensa nacional e principalmente as estaduais comem na mão do governo lulista, haja vista as organizações Globo – chega a ser vergonhosa – em todo o Brasil, com a TV e o jornal O GLOBO, com seus afiliados. Não são filhos do Cunha Pereira? Ora se a imprensa está divulgando tudo contra o Senado é com a autorização da Secretaria de Comunicação do governo federal. Ou então os jornais não alinhados – têm uns poucos – têm mais prestígio. E por que isso? Nada como prostituta nova no pedaço para fazer com que os “suadouros” aplicados pelas antigas sejam esquecidos. Aí se pergunta? Quem ainda, fora o Álvaro Dias, fala na CPI da Petrobrás?

  4. JAIMENATIVO
    terça-feira, 30 de junho de 2009 – 16:14 hs

    SARNEI PEDE PRA SAIR POR FAVOR, NAO SE HUMILHE MAIS AINDA VC DEVE E NAO NEGUE ISSO,ERROU E DEIXOU O RASTO DO SEU ERRO,AGORA VAI TER DE PAGAR,RESPEITO O SENHOR COMO EX PRESIDENTE MAS VC PISOU NA BOLA MESMO.XAU!!!!!

  5. PORRETE DE LAPACHO
    quarta-feira, 1 de julho de 2009 – 8:32 hs

    ESTÀ CHEGANDO A HORA DE DESMASCAR ESSES QUADRILHEIROS QUE QUEREM SE AGARRAR NA POPULARIDADE COMPRADA DO LULA. SERÀ O PRIMEIRO GRANDE GOLPE NO GOVERNO DO LULA, A CAÌDA DESSE APODRECIDO SARNEy, O PRÒXIMO SERÀ O LULA,ESTOU COMEÇANDO A VER UMA LUZ NA ESCURIDÃO DO SENADO, FORA SARNEY… FORA PT…FORA LULA E ASSECLAS..

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*