Agaciel diz que senadores sabiam de "atos secretos" | Fábio Campana

Agaciel diz que senadores sabiam de “atos secretos”

AgacielLMar230

De Josias de Souza, na Folha Online

Em entrevista à repórter Adriana Vasconcelos, Agaciel Maia, o ex-todo-poderoso diretor-geral, joga gasolina na fogueira que arde no Senado. Em timbre ameaçador e peremptório, Agaciel diz que “ninguém pode alegar que não sabia” dos atos secretos editados na Casa.

Contabilizaram-se, por ora, 500 decisões secretas. Muitas delas referem-se à efetivação de servidores –parentes e amigos de senadores e de altos funcionários. Segundo Agaciel, foram os próprios senadores que preencheram as vagas ocupadas secretamente, à margem do boletim diário do Senado.

Agaciel diz, de resto, que “as decisões foram referendadas por um colegiado”, a Mesa diretora do Senado. Durante os 14 anos do mandarinato de Agaciel, responderam pela presidência do Senado: José Sarney, ACM, Jader Barbalho, Renan Calheiros e Garibaldi Alves.

Diz Agaciel sobre as decisões tomadas por debaixo da mesa: “Não fui eu quem assinou nenhuma delas; não fui eu quem publicou, e eu sou responsável? Não vou aceitar!”

Vai abaixo um par de perguntas que, respondidas por Agaciel, resumem o drama que rói as entranhas do Senado:

– O sr. é mesmo responsável pela não publicação de mais de 500 atos administrativos no Senado?

O Senado publica por ano cerca de 60 mil atos e decisões administrativas. Pode acontecer alguma falha. Se houve mesnmo, uma comissão nomeada pelo senador Heráclito Fortes [DEM-PI, atual primeiro-secretário do Senado] deverá apontá-la. Posso apenas assegurar que nenhum ato ilegal foi baixado.

– Mas estão querendo responsabilizar o sr., já que era diretor geral…

Não sei por que essa perseguição implacável contra mim. Alguém precisa apresentar um papel, uma prova de que fiz algo errado. Até agora todas as denuncias feitas contra miim foram desmentidas, desde a mansão que alegaram que não estava em meu nome até as empresas das quais disseram que eu era sócio. Agora querem atribuir a mim esses ditos atos secretos. O fato é que as decisões foram referendadas por um colegiado. Não fui eu quem assinou nenhuma delas. Não fui eu quem publicou, e eu sou responsável? Não vou aceitar! Estou sendo bode expiatório! Não tenho escudo e nem espada, pois não tenho foro privilegiado e nem tribuna.

As declarações de Agaciel ajudam a explicar o silêncio ensurdecedor dos senadores que integram a Mesa diretora quanto à imperiosa necessidade de punir os responsáveis pelos novos malfeitos.

Em afronta ao bom senso, Agaciel conserva seu prestígio, por assim dizer, intacto. Na última quarta (10), ele casou uma filha.

Arrastou para a cerimônia, na condição de padrinho da noiva, ninguém menos que Sarney. Além dele, dois antecessores: Renan e Garibaldi Alves.

Só o temor reverencial despertado por Agaciel pode justificar tamanho silêncio e semelhante gentileza. Não há culpados no Senado. Ali, vigora uma atmosfera de inocente cumplicidade.


5 comentários

  1. newton gusso
    sábado, 13 de junho de 2009 – 17:20 hs

    Pobrezinho do Senador Sarney não sabia que o neto era funcionario do Senado. E logo no Gabinete do Cafeteira, até algum tempo seu inimigo politico. A dissimulação desses politicos, ou politicalhos deve acabar, temos que reagir, não é possivel continuarmos passar por idiotas, como quer essa corja.

  2. Don Quixote.
    sábado, 13 de junho de 2009 – 17:21 hs

    Está na hora deste malandro entregar o eterno mandão do Sarney, Jader Barbalho, Renan Calheiros e Garibaldi Alves.
    O ACM já foi.

    Este estelelionato tem que respingar nestes acusdados.

  3. Vigilante do Portão
    sábado, 13 de junho de 2009 – 19:04 hs

    Claro que os Senadores sabiam. O Agaciel pode contar tudo e acabar com a farsa.

  4. PAPAGAIO DE PIRATA
    sábado, 13 de junho de 2009 – 19:39 hs

    Bando se sangue suga- podridão, tem que fazer uma limpeza e uma CPI DO SENADO, viu seu ARVO DIAS, SEU URTIGÃO, tanto lá como cá o povo já não aguenta mais, vão cuidar de suas fazendas cambada

  5. ofaxineiro
    domingo, 14 de junho de 2009 – 9:35 hs

    Senadores, bando de chopim do dinheiro público….. Fim do Senado…..Parlamentarismo Já ……..

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*