Requião manda deputados do PT desobedientes para o inferno e Moraes ao purgatório | Fábio Campana

Requião manda deputados do PT desobedientes para o inferno e Moraes ao purgatório

painel

O governador Requião, antes de viajar a Campo Mourão e depois sair de férias em Salta, na Argentina, decretou para o círculo mais íntimo que não quer mais em sua base de apoio os deputados do PT que foram desobedientes e mantiveram emendas ao projeto de aumento salarial do funcionalismo.

Quem tentou dar mais que 6% de aumento para os servidores ficará no inferno. São eles do PT: Luciana Rafagnin, Péricles de Mello, Professor Lemos, Tadeu Veneri e Elton Welter.

Mauro Moraes, que retirou as suas emendas, escapou do inferno mas fica no purgatório por conta da insubordinação.

Já o deputado Pedro Ivo, do PT, Requião o recebe a partir de agora no Paraíso, com direito a tratamento de irmão, ou seja, pode tudo, ou quase tudo.


28 comentários

  1. bimbo
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:14 hs

    Um verdadeiro circo.

  2. ronaldo
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:18 hs

    Perguntar não ofende, o cidadão de plantão no Palácio das Araucárias ao mandar os deputados para o inferno e purgatório está convidando os mesmos para ir ao seu local de trabalho e residência oficial respectivamente ?

  3. Nelson Almeida
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:29 hs

    Pedro Ivo, mais um peixinho limpa fundo no aquario requianista, bem como o stica, samek, mauro moraes e outros……..

  4. jango
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:30 hs

    O Bacamarte das Araucárias vai é conduzi-los á Casa Verde em face da loucura de não seguirem a sua “recomendação” …

    Obs.: Bacamarte é o “herói” do genial conto “O Alienista” de Machado de Assis

  5. Richa
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:46 hs

    Que comédia. Ele vai trabalhar na escolinha da record depois do governo.

  6. Antonio W
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:48 hs

    Como pode um indivíduo desses ser governador e pretender continuar na política? Um indivíduo que menospreza a todos, que brinca de ser governante, Que trata o Estado como se fosse uma propriedade sua? Por que os brasileiros – e por extensão – paranaenses -somos assim? Elegemos um desqualificado, mentiroso, dissimulado, neurótico e psicótico? Talvez Freud…

  7. O Povo
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:54 hs

    Vamos anotar os nomes para as próximas eleições, quem está com Requião está contra o povo, e não serão reeleitos!

  8. Julio Cesar
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:58 hs

    (cópia de denuncia feita à Corregedoria do Estado do Paraná)

    Tráfico de Influência, Obstrução de Justiça, Abuso de Poder e Prevaricação

    Solicito à essa Corregedoria a análise de todas as denúncias contra o Sr. SANTIAGO MARTIN GALLO protocoladas no Palácio do Governo, nessa Corregedoria e na Secretaria de Segurança, nos anos de 2005, 2006, 2007, 2008 e 2009. Informo que todas as acusações, dentre elas os Crimes de Quebra de Sigilo, Fraude e Falsa Identidade além da Queixa-Crime por Injúria Qualificada – Preconceito aos Cidadãos Curitibanos, foram comprovadas através de documentos, testemunhas, em alguns casos pela confissão do próprio acusado (e que estão registradas), bem como através de investigação policial e por investigação do Ministério Público Estadual.

    Recomendo especial atenção à denúncia protocolada no Palácio do Governo sob nº. 07.541.645-8, de 27 FEV 2009, endereçada diretamente ao Excelentíssimo Senhor Governador do Estado, que versa sobre a comprovação pelo Ministério Público, e com vasta documentação anexa, dos crimes de Tráfico de Influência e Obstrução de Justiça.

    Contudo, inacreditavelmente e contra todas as normas e frontalmente contra a ética na representação pública, o referido Assessor da Casa Civil e Secretário do CODESUL, Sr. Santiago Martin Gallo, continua impune e tendo seus rendimentos, vantagens e benefícios pagos pelos próprios cidadãos curitibanos e paranaenses ao quais demonstrou total desprezo e preconceito. Em nenhum governo, em nenhum lugar do mundo, tal situação seria admitida ou tolerada. Isto demonstra claramente que a atual administração do estado do Paraná não possui zelo e respeito aos seus representados.

  9. Caiçara
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:59 hs

    Inclusive o candidato ao senado, O POVO!

  10. Zé Carlinhos
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 16:59 hs

    São todos laranjas aproveitadores do governo. Agora no apagar das luzes querem dar de bonzinho!!!

  11. quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 17:09 hs

    É isso ai bagual. Pau nos infiéis. Como dizia o guru Anibal Khouri ” Não pode servir a dois senhores ao mesmo tempo”. Eles que vão fazer demagogia lá no inferno, lá é o lugar de demagogos.

  12. Anônimo
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 17:44 hs

    Dentre aqueles que foram encaminhados ao Inferno, um deles não se importará, pois é emissário das profundezas: O Dep. Veneri, ao defender os criminosos do MST (vide incêndios dos canaviais de Porecatu e pressão feita contra delegados de polícias, promotores, juízes e até Prefeitos) estará no seu habitat, sentado ao lado esquerdo do Demônio.
    PS.: O problema é que ele já estava desacostumado com o calor, com a sede, com a fome, com os gritos do condenados!

  13. ESSE É O GOVERNO.
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 17:50 hs

    REPUGNANTE O TRATAMENTO DO REQUIÃO COM OS DEPUTADOS E ALIÁS, TODOS AQUELES QUE DIVERGEM DE SEU PENSAMENTO.
    ESPERO QUE O POVO LHE DÊ O TRATAMENTO NECESSÁRIO NAS URNAS ANO QUE VEM.

  14. Rock
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 18:25 hs

    Ate agora tiveram o que queriam do Governo, e depois querem dar uma de indepenente. com esses caras tem que ser no cacete mesmo, correto o Governador, ou é ou não é companheiro.

  15. Silva 2
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 20:00 hs

    Os deputados estaduais (PT), abaixo merecem nosso respeito e solidariedade:

    Luciana Rafagnin, Péricles de Mello, Professor Lemos, Tadeu Veneri e Elton Welter.

    São cônscios de seus deveres como parlamentares: propor e aprovar leis e fiscalizar o Poder Executivo.

    Parabéns a todos vocês e fiquem certos de que dignificaram o mandato, a casa de leis, os princípios republicanos e demarcaram a independência entre os poderes legislativo e executivo.

    Que seus atos sirvam de exemplo para todos os demais !

  16. Gerson Martins
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 20:22 hs

    Será que não tem ninguem com “aquilo roxo” na AL que possa dizer as verdades ao Sr. Requião, ou fingem que são contra e por baixo dos panos, aceitam as “esmolas” e ficam fazendo caras de paisagens – Que vergonha, os nossos representantes são uma lástima.

  17. wilma dib
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 20:50 hs

    O PARANA ESTA VOLTANDO À EPOCA DO CORONELISMO, O GOVERNADOR BRUCUTU TEM OS DEPUTADOS NO CABRESTO, E O PIOR ELES PERDERAM TOTALMENTE A VERGONHA NA CARA, TO CERTA MAURO MORAES? EM 2010 VO FAZER CAMPANHA PELO VOTO NULO.

  18. Jaferrer
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 21:44 hs

    Para o Silva2. É bom que se diga que os únicos deputados do PT que votaram contra o projeto do governo foram, Professor Lemos e Tadeu Veneri. Os deputados Luciana Rafagnin, Péricles de Mello e Elton Welter se abstiveram, ou seja, ficaram com medo e não se manifestaram. Esses são piores do que aqueles que votaram a favor.

  19. CASTRO
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 22:14 hs

    AGORA O REQUIÃO TÁ CERTO….TEM QUE MANDAR SIM OS “OPORTUNISTAS” PARA O INFERNO! ELES MAMARAM NAS TETAS DO GOVERNO ATÉ AGORA! PINTARAM E BORDARAM COM O POVO! VOTARAM A FAVOR DO NEPOTISMO, AJUDANDO A NOMEAR O IRMÃO DO GOVERNADOR AO CARGO DE CONSELHEIRO DO TRIBUNAL DE CONTAS: VOTARAM A FAVOR DO AUMENTO DOS IMPOSTOS DE CONSUMO DIÁRIO; NÃO CONSEGUIRAM APROVAR NENHUM PROJETO QUE VIESSE BENEFICIAR ALGUMA CLASSE OU O POVO…ENFIM…OS BOBOCAS FICARAM DEPENDURADOS ATÉ AGORA…ENTÃO AGORA VAMOS VER A MÁQUINA REQUINIANA PASSAR POR CIMA DELES E DEIXÁ-LOS ESTICANDINHOS NO CHÃO! TUDO QUE VIER DESSA GENTE É DEMAGOGIA BARATA! É SÓ APROXIMAR AS ELEIÇÕES, E ELES ESTÃO AÍ NOVAMENTE COM AQUELE VENHO DISCURSO! EU SOU FUNCIONÁRIO PÚBLICO E SEI QUE ELES NÃO CONSEGUIRAM FAZER NADA PELA GENTE…DEPOIS QUE PERDERAM O RESPEITO DE TODOS, SÓ ALGUNS AINDA ACREDITAM NELES.QUE VÃO PARA MEIO DO INFERNO MESMO…E EU VOU FICANDO POR AQUI PENSANDO ONDE VOU INVISTIR MEUS 6%….

  20. Edson
    quinta-feira, 21 de maio de 2009 – 9:31 hs

    Férias!!! Novamente???

  21. Rafael
    quinta-feira, 21 de maio de 2009 – 9:54 hs

    é isso aí Requião… acaba com essa demagogia vigente em nossa sociedade!!! Você é um político que enche de orgulho o nosso Estado.

    Parabéns por não baixar a cabeça nunca e sempre defender o bem público acima de qualquer pessoa.

    Essa sociedade hipócrita e demagoga merece levar esporro sempre, cotinue assim. Nós o povo estasmos com você…. SEMPRE!!!

  22. Hélio
    quinta-feira, 21 de maio de 2009 – 9:56 hs

    Essa foi uma batalha na qual todos conseguiram perder.

    Os ilustres parlamentares propondo emendas em matéria cuja iniciativa é privativa do executivo, numa demonstração de ignorância ímpar.

    O governador e seus “aliados” (deste ou daquele partido), escancarando, mais uma vez a relação negocial que mantêm, OBVIAMENTE espúria, visto que não é de se esperar que alguém aceite tanta humilhação de graça.

    Nós, eleitores, que olhamos para todos os lados e não vemos uma única pessoa de bem a quem confiar nossa representação.

  23. ERNESTO
    quinta-feira, 21 de maio de 2009 – 10:32 hs

    ROCK ,VC CHEGA A ME DAR NAÚSEAS COM ESSA PUXAÇÃO DE SACO.

  24. Olho do Bagre
    quinta-feira, 21 de maio de 2009 – 11:37 hs

    O Paraná nunca deixou de ser um estado de coroneis. É só analisar a assembléia e a camara dos deputados. Dos 54 deputados estduais 30 são do agronegócio. Já nossos representantes na camara federal que somam 33, 26 são coroneis do agronegócio. É fato. è só pesquisar.

  25. drica
    quinta-feira, 21 de maio de 2009 – 13:35 hs

    como que ainda dao ibope para um desmiolado,ja se faz tarde o povo curitibano e paranaense tinham que pedir o afastamento deste louco das araucarias da ate vergonha de falar de um governador desgovernado nas suas atitude,fora já,antes que seja tarde,estou com os deputados que votaram contra ele.

  26. RELATÓRIO FINAL
    quinta-feira, 21 de maio de 2009 – 14:26 hs

    Pode ser recebido no paraíso, mas com certeza quem elege é o POVO. E isto não vamos esquecer.

  27. heloísa helena
    quinta-feira, 21 de maio de 2009 – 17:25 hs

    Como são hipócritas. Todo mundo esquece que foi o PT quem deu as duas vitórias ao governador Requião. Em 2002, o PT até poderia eleger o Vanhoni-Governador. Basta conferir as pesquisas da época. Por pouco o Padre Roque, mesmo com uma campanha turbulenta, não ganha de Requião no primeiro turno. Lembram? Em 2006, o PT, mais uma vez, se alinhou a Requião, que ganhou do Osmar por pouco mais de 10 mil votos. O Romanelli também esquece que ele foi um dos coordenadores da campanha do Vanhoni à Prefeitura de Curitiba em 2004. Com todos os poderes. E ponha poderes nisso…Os deputados do PT também erraram na votação do projeto sobre os salários do funcionalismo. Depois que derrubaram a emenda da bancada, que vinculava o aumento de 15% ao aumento de arrecadação, tinha que votar a favor do projeto do governo. Pelo menos o Péricles, o Elton, a Luciana e o Pedro Ivo deveriam ter sido coerentes. Quanto ao Veneri e o Lemos todos sabem que são manipulados pelos sindicatos. Como deputados continuam dirigentes sindicais. Não têm visão de Estado. Só das corporações que acham que o Estado é delas e não do público, cujos interesses nem sempre são os mesmos. Por favor, não confudam o iinteresse público com interesses corporativos. O próprio PT desde há muito já superou essa visão.

    Bem, o resto é misto de hipocrisia com os interesses do imediato. Tanto de um lado, quanto do outro.

  28. heloísa helena
    quinta-feira, 21 de maio de 2009 – 18:07 hs

    Prá completar: que não se confunda aliança com submissão. O aliado participa, discute, propõe, aponta erros e os rumos. O submisso se ajoelha, reza, foge quando dá e obedece sem contestar. O aliado é leal. O submisso é puxa-saco.

    Só mais uma lembrança, Romanelli: além do apoio do PT nas duas últimas eleições, Requião também surfou na onda Lula.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*