Justiça proíbe a Marcha da Maconha em Curitiba | Fábio Campana

Justiça proíbe a Marcha da Maconha em Curitiba

O juiz titular da Vara de inquérito do Tribunal de Justiça, Pedro Sanson, concedeu liminar ao Ministério Público proibindo a realização Marcha da Maconha em Curitiba, prevista para acontecer amanhã.

O MP entende que o ato faz apologia ao uso da droga, que é proibida em todo o território nacional. Os organizadores da Marcha da Maconha dizem que o movimento tem como objetivo pedir uma mudança nas leis de políticas públicas da droga no Brasil, assim como em outros usos, como o industrial e medicinal.

A organização da Marcha da Maconha Brasil afirma que não incentiva o uso da erva de forma alguma entre seus participantes.


34 comentários

  1. Carlão
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 17:43 hs

    Eles iriam machando e o povo podia sentar a borracha neles ?

  2. Gustavo
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 19:21 hs

    E o consumo de cigarro e alcool continua liberado.

  3. Neto
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 19:54 hs

    A maconha é o primeiro passo para atingir drogas mais pesadas como cocaína, heroína e crack. E é claro a “criminalidade”. MACONHA É A PORTA PARA O USO DE OUTRAS DROGAS, E O INDIVIDUO QUE EMBARCA NESSA, CONSEQUENTEMENTE IRÁ COMETER ALGUM OUTRO TIPO DE CRIME. NÃO EXISTE CRIME DE MENOR POTENCIAL. CRIME É CRIME. Maconheiro precisa de CADEIA e não pena socioeducativa, prestação de serviço a comunidade. Cadeia aos maconheiros porque todos os usuários traficam SIM. Da-lhe secretaria ANTIDROGAS. JÁ QUE NÃO TEM JEITO, QUE AS TREVAS CAIA EM CIMA DOS DELINQUENTES, NÃO SOU NINGUÉM PARA JULGAR O QUE É CERTO OU ERRADO, MAS SEI O QUE É CERTO, E NÃO COMPARTILHO COM O QUE ESTÁ ERRADO.

  4. Gabriel Borges
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 19:54 hs

    povo podia sentar a borracha? se conseguisse! falar assim eh facil escondido atrás de um PC

  5. Dom Quixote
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 20:29 hs

    Eu acho que a polícia deveria permitir a marcha, e devia também acompanhar a marcha, filmando os maconheiros e traficantes, tirando fotos, para um bonito al´bum.

    No final da passeata é só manter uns 20 camburões e prender toda a macacada.

    Simples não é ? Sai a passeata e tudo bem no final.

  6. Joel
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 20:56 hs

    Existe coisa pior do que esses deputados que manda as filhas e esposas viajarem com nosso dinheiro, isso pode e a justiça não faz nada

  7. gildo banzo
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 21:27 hs

    Já os “homens públicos” podem meter a mão no jarro à vontade, porque o MP e a justiça não fazem nada.

  8. Gustavo 1
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 21:32 hs

    Penso se o problema da criminalidade são às drogas. Por quê não liberá-las?
    O estado poderia vender os baseados em locais pré-determinados, como o fumódromo…ou ala para maconha, para cigarros etc…ficariam excluido o CRAQUE etc… isso não seria permitido…

  9. sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 21:41 hs

    Voltamos a ditadura. Daqui a pouco vão adotar o toque de recolher, censura à imprensa e outras atitudes autoritárias que os brasileiros já conhecem bem.

  10. Larissa Santin
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 22:10 hs

    Censura à imprensa já acontece, meu amigo. E o toque de recolher é a bossa-nova finalizando mais um capítulo da novela das 8…

  11. tarso de castro
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 22:11 hs

    A intenção do pessoal da passeata é boa, mas acho que a liberação da maconha vai demorar mais um tantinho. Precisa, em primeiro lugar, ser liberada nos EUA ou na maioria dos seus estados. Depois, precisa tirar de circulação os empresários, deputados e policiais que vivem desta boquinha. Pois é o velho esquema, neste e em outros setores do governo e da justica: cria-se dificuldades para se “vender” facilidades.

  12. carlos imperial
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 22:15 hs

    Para a faculdade, fiz estágio em delegacia e sei que a lei antitóxicos é uma tremenda hipocrisia. Eles pegam uns garotos que usaram alguma “droga” que, diz a leim lhes faria mal à saúde e fazem mais mal ainda, espancando, torturando, humilhando e, em alguns casos, matando mesmo. Veja só o absurdo. Os policiais, com o argumento de proteger a saúde das pessoas, detona com elas… E, é claro, fatura algum no meio deste terror.

  13. Teodoro Bonin
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 23:26 hs

    Fora a proibição da passeata, tem é que prender estes desocupados, para que realizem serviços comunitários em Hospitais que possuem dependentes químicos, vítimas desta maldição que destroem famílias e jovens fracos!

  14. Amanda
    sexta-feira, 8 de maio de 2009 – 23:35 hs

    Neto , em que mundo você vive?

  15. Encapetada
    sábado, 9 de maio de 2009 – 0:00 hs

    Tinha de ser na capital do Paraná!

  16. luis gringo
    sábado, 9 de maio de 2009 – 0:01 hs

    Aman da eu vivo num mundo sem drogas, e vocé?

  17. Royal leibol
    sábado, 9 de maio de 2009 – 0:47 hs

    A Holanda se arrepende amargamente pela liberação. Não resolveu coisa alguma e e, alguns lugares, parece uma comunidade de zumbis.

  18. carlos imperial
    sábado, 9 de maio de 2009 – 1:43 hs

    Pelo tom de alguns comentaristas dá pra se ter uma noção daquilo que comentei, da hipocrisia. Para proteger a pessoa de si mesma (isso é, de fumar um mato que convencionou-se proibir) vale espancar, descer a borracha, matar, etc, etc. Melhor mesmo seria esse pessoal parar de usar esse argumento de “proteger a saúde”, pois, pode consultar qualquer médico, ser espancado é muito mais nocivo do que fumar um baseado.

  19. Leite Quente
    sábado, 9 de maio de 2009 – 7:34 hs

    Se liberar via morrer muinta gente de fome. Que vergonha saber que quem quer mesmo essa marcha nao e nem os viciados e sim a mafia que esta por tras disso onde incentivam essa palhacada. Liberar nao tem e sim que acabar com os traficantes.
    Agora quem esta por tras desse movimento ?
    Quem quer faturar com isso?

  20. Neto
    sábado, 9 de maio de 2009 – 9:07 hs

    Amanda !!! No mundo POLICIAL. E maconha é droga.

  21. Joel
    sábado, 9 de maio de 2009 – 12:34 hs

    A liberação acabaria com muitos dos agentes publicos corruptos, porque iria acabar com as propinas que os policiais desonestos pegam dos traficantes e politicos que são eleitos para defender traficantes.

  22. carlos imperial
    sábado, 9 de maio de 2009 – 15:12 hs

    Menos, Neto, bem menos. Maconha é uma planta, um arbusto ou um capim, um mato, como você preferir. Está proibida por mero convencionalismo social, religioso, político. Droga é outra coisa. Pode colocar aí no dicionário on line que te dá a definição bem correta. Ou você acha que maconha se compra em drogaria?

  23. LONDRINENSE
    sábado, 9 de maio de 2009 – 15:52 hs

    aiaiaiaiaiaiai…a juventude já considera fumar maconha “brega”, e os hipocritas ainda estão nessa.!!????? Quanto atraso…

  24. Ivan
    sábado, 9 de maio de 2009 – 18:13 hs

    No Brasil, antes de se fazer a marcha da maconha é necessário fazer a marcha da liberdade de expressão. Esta decisão de proibir a marcha demonstra como o preconceito é capaz de afetar o raciocínio. E no caso, o raciocínio de um juiz. Há incongruência entre o tipo penal da apologia e o direito fundamental de dizer o que pensa. Das duas uma, ou o crime de apologia não foi recepcionado pela Constituição de 1988 ou a liberdade de expressão não é um direito absoluto. De qualquer forma, apologia é enaltecer fato criminoso ou autor de crime. Não é o que acontece na marcha da maconha. Ninguém ali está dizendo que fumar maconha é lindo ou recomendando o uso para quem não conhece. O que fazem é somente questionar o tratamento legal em relação ao uso recreativo da maconha. Se isso fosse apologia, quem fala em legalização do aborto incorreria no mesmo crime e quem defende a pena de morte estaria fazendo apologia ao homicídio. Se a lei penal não puder ser questionada, nunca será aperfeiçoada. Quanto as drogas, sou contra o uso. Mas a favor da liberdade de usar.

  25. CRIS
    sábado, 9 de maio de 2009 – 18:53 hs

    Que uó.. como se proibir adiantasse alguma coisa… Era melhor liberar de vez e regularizar a venda, taxar o produto e tirar proveito deste comércio, já que ele existe, querendo nós ou não.
    E querido Rayal LEIBOL, estes dias assisti a um documentário no GNT, onde a polícia anti-toxicos da Holanda explicavas inúmeras vantagens da liberação da venda da maconha em coffee shops. Você deveria se informar melhor!

  26. Dom Quixote
    sábado, 9 de maio de 2009 – 21:09 hs

    Bhá, Tchê.
    Como tem manconheiro por aí.

  27. Thiago
    sábado, 9 de maio de 2009 – 21:11 hs

    Bem a cara da Curitiba reacionária mesmo, de vocês que não têm o que fazer e ficam em frente ao seus computadores vomitando um monte de asneira.
    Isso me lembra a Marcha da Família com Deus, vão em frente, a ditadura parece que não acabou por aqui.
    E ainda tem juiz que fala que a Marcha da Maconha estrapola a liberdade de expressão, não coloca ele que falou ao pé do ouvido em um julgamento da marcha por aqui, que se depender dele aqui nada que coloque maconha no meio não vai acontecer.
    Repreendem manifestações não só à respeito da Maconha, retiram dos servidores municipais o direito de greve também.
    Fora Leomir Batisti!
    Fora Gilmar Mendes!
    E toda essa catrefa que enfiam a justiça desse país no meio do buraco.

  28. Neto
    sábado, 9 de maio de 2009 – 23:13 hs

    CARLOS IMPEREAL !!! Todos sabemos que a “maconha” é droga SIM e como disse lá em cima (A maconha é o primeiro passo para atingir drogas mais pesadas como cocaína, heroína e crack e claro a CRIMINALIDADE). Elemento desempregado, viciado e p/ sustentar o vicio é só roubando. Procure no google e veja os principais efeitos, a fique devendo uma pontinha p/ algum traficante. EU NÃO quero saber o que está escrito (dicionário on line) o problema meu caro são OS EFEITOS que essa maldita DROGA causa no corpo humano. Os efeitos físicos mais freqüentes são avermelhamento dos olhos, ressecamento da boca e taquicardia (elevação dos batimentos cardíacos, que sobem de 60 – 80 para 120 – 140 batidas por minuto). Com o uso contínuo, alguns órgãos, como o pulmão, passam a ser afetados. Devido à contínua exposição com a fumaça tóxica da droga, o sistema respiratório do usuário começa a apresentar problemas como bronquite e perda da capacidade respiratória. Além disso, por absorver uma quantidade considerável de alcatrão presente na fumaça de maconha”DROGA”, os usuários da droga estão mais sujeitos a desenvolver o câncer de pulmão. O consumo da maconha também diminui a produção de testosterona.

  29. raulzito
    sábado, 9 de maio de 2009 – 23:13 hs

    como ia meu avo:”tão tudo maconhado”, …só pode ser. pra querer a liberação.

  30. Royal leibol
    domingo, 10 de maio de 2009 – 1:02 hs

    Sra Cris, com todo respeito, estou bem informado sim e sei muito bem o que estou dizendo. Respeito sua preferência. Quanto a Holanda é fechado alguns espaços para fumarem com supervisão policial, chega a ser cômico, mas eles não podem sair daquele espaço, mas isso não acabou com o tráfico e apareceu novas drogas por que o “BARATO” sai caro.

  31. Justiceiro
    domingo, 10 de maio de 2009 – 4:47 hs

    Maconha é dorga SIIIIIIIIMMMMM!!! E leva sim, ao consumo de outras drogas mais ‘pesadas’. Aos maconheiros de plantão, consultem psicólogos, psqiquiatras, neurologistas, enfim PROFISSIONAIS e perguntem… Vamos liberar a maconha, depois crack,m cocaína, etc… Vamos liberar e aumentar a onda de assaltos, sim, pq a grande maioria dos assaltos é para comprar droga. Quem usa crack, cocaína e outras drogas começou fumando ‘só um baseado’. Maconheiro tem que ir em cana, sim!
    Aliás, Concordo inteiramente com o DOM QUIXOTE: deixa fazerem a passeata, filma, fotografa e prende todos…

  32. cibele
    terça-feira, 12 de maio de 2009 – 10:39 hs

    Entao…. veja MEUS APLAUSOS PARA ESSE JUIZ QUE CATEGORICAMENTE MOSTROU QUE a LEI é CLARA.
    Aonde já se viu.. querer legalizar uma porcaria dessas que nao agrega nada.. só traz desgraça nas familias.. o maconheiro se acha expertao… fudidao… mas é um otário! egoista que nao pensa no pai e na mae em casa chorando lagrimas de sangue pelo desgosto que tem em casa…
    Tudo que é ilegal tem q ser vetado… TUDO.. seja drogas, seja beneficios a politicos, seja qq acao considerada CRIME… imagina que lindo pra um pai ver seu filho fora da escola pq ta em uma passeata dos MACONHEIROS… que isso poca vergonha vao fazer passeata para combater a PEDOFILIA, AO ABUSO DO PODER PUBLICO de direitos que o cidadao tem e .. que estao dentro da constituicao..

    ATTS…

  33. hemp
    sábado, 30 de janeiro de 2010 – 18:29 hs

    legalize jah

  34. Carlos Henrique
    quarta-feira, 12 de maio de 2010 – 21:27 hs

    Já vi PM fazendo tráfico na favela!!!! Não era nem CIVIL… era esses merdinhas de PM!!! Tinha uma boca deles!!! Tem que legalizar a maconha sim! Pra quê deixar os lucros apenas para os traficantes?! Todo dinheiro arrecado tinha q ser investido em educação, esporte, lazer, para que os jovens de hoje tenham uma base, uma estrutura… Tô cansado de ver esses comentarios ridiculos q falam q maconheiro não presta, essas pessoas nunca estiveram na favela!!! Não conhece a maioria não assalariada, e não é por vagabundice, é por falta de planejamento governamental e da tirania burguesa… Vejo aqui muleque de 14 anos passando cocaína na rua, faturam bem, enche o nariz da playboyzaiada… e acreditem, muitos aviãozinhos ajudam em casa!!! Agora, maconha faz mal?! Faz! Mas a si próprio!!! hahahahha nunca vi um maconheiro brigando feito esses bebados fdp de balada…
    O morro tem q descer! Já que é visto como um ninho de marginais, marginais deveriam ser… roubar , matar, cagar e andar encima desses bixo grilo que só falam merda pq se baseiam em estatísticas e estudo de livro… bando de otário que não conhece nem se quer a diferença entre as drogas…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*