CRM vai investigar o Hospital Evangélico no caso Ribas Carli | Fábio Campana

CRM vai investigar o Hospital Evangélico no caso Ribas Carli

yared_casal450
Foto de Lineu Filho

Deu no Jornale:

O Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR) declarou oficialmente hoje que vai investigar possíveis infrações ao código de ética médica por parte dos profissionais que atenderam o deputado Fernando Ribas Carli Filho, durante o período que ele esteve internado no Hospital Evangélico, em Curitiba.

As investigações serão realizadas mesmo após a nota divulgada pelo hospital confirmando a veracidade dos boletins médicos. O presidente do CRM-PR, Dr. Miguel Ibraim Hanna Sobrinho recebeu nesta terça-feira na sede do conselho Gilmar Yared e sua mulher Cristhiane Souza Yared, pais de Gilmar Rafael Yared, uma das vítimas do crime de trânsito cometido por Carli Filho para prestar esclarecimentos sobre os procedimentos de investigação.

Segundo o advogado Elias Mattar Assad, a serviço da família de Gilmar Rafael Yared, os familiares solicitaram as investigações pois tem duvidas sobre as informações a respeito do estado de saúde de Carli Filho fornecida nos boletins médicos emitidos pelo Hospital Evangélico. “Recebíamos ligações de dentro do próprio hospital contradizendo o que estava afirmado nos boletins médicos”, disse Assad sem precisar quais foram estas contradições.

O Dr. Miguel Ibraim informou que desde a última sexta-feira (15) já foram solicitados os prontuários de atendimento de Carli Filho ao Hospital Evangélico e também os do Hospital Albert Einstein de São Paulo. “Esta investigação servirá para esclarecer se o que foi informado nos boletins médicos foi o que realmente aconteceu”, disse o Dr. Miguel Ibraim.

Ele declarou que a investigação foi motivada pela duvida popular quanto ao que realmente aconteceu dentro do hospital. “Ficou claro o surgimento de questionamentos quanto à postura dos profissionais do hospital. A reunião com a família foi para informá-la de que estamos trabalhando para descobrir a verdade, mas mesmo antes de sermos contatados por ela já havíamos solicitado ao hospital informações para abertura de uma sindicância”.

Cristhiane Yared, mãe de Gilmar Rafael Yared, declarou que ela e seu esposo foram muito bem recebidos pela presidência do CRM-PR e que saíram da reunião com uma imagem de ética profissionalismo. “Gostaria de publicamente agradecer o CRM-PR e dizer que ficamos mais seguros sabendo que estes profissionais estão comprometidos com a verdade e que esta vai vir a tona”, disse Cristhiane.

O Dr. Miguel Ibraim disse que ainda não tem idéia de quanto tempo seja necessário para a conclusão das investigações, mas garantiu que todas as pessoas que atenderam o deputado Carli Filho durante o tempo que ele esteve no Hospital Evangélico serão ouvidas, o que pode levar tempo devido ao grande número de testemunhos.

Se alguma irregularidade por parte de qualquer profissional foi detectada será aberto um processo ético profissional. Caso haja alguma infração ética profissional, o acusado poderá sofrer penalidades públicas ou sigilosas, como advertência, censura ou até mesmo suspensão temporária do exercício da profissão e em um eventual caso mais grave, uma cassação. “Como a dúvida se tornou pública precisamos tomar estas providências para garantir a imagem ética dos profissionais de saúde do Paraná”, finalizou o Dr. Miguel Ibraim.


19 comentários

  1. Anônimo
    terça-feira, 19 de maio de 2009 – 18:59 hs

    Ainda bem que o Dr. Miguel é uma pessoa extremamente calma e educada, pq ninguém merece ficar aguentando todos os pitis dessa Cristiane Yared

  2. JAIMENATIVO
    terça-feira, 19 de maio de 2009 – 19:03 hs

    EU JA SEI O QUE VAI DAR,NAO VAI DAR NADA,MEDICO CASSADO E IGUAL INTERRO DE ANÃO NINGUEM VE UM,E SO PRA APARECER E ABRIR UM PROCOSSO ADIMINISTRATIVO.E NAO PODE DAR NADA MESMO.SO ESTAO FAZENDO ALGUMA COISA POR CAUSA DA MIDIA,POR QUE TEM COISA PIOR ACONTECENDO POR AI QUE O CONSELHO NEM LIGA,VOU MANDAR UMA PIZZA DE PARANAGUA FEITO COM CAMARAO A MODA DA CASA.

  3. JAIMENATIVO
    terça-feira, 19 de maio de 2009 – 19:08 hs

    DAQUI A POUCO ELES ACHAM UM CULPADO,NA FALTA ARRUMAM UMA ENFREMEREIRA UM TECNCO UM AUXILIAR DE ENFREMAGEM PARA BOTAR A CLPA E FICA TUDO CERTO CERTO, E SEMPRE ASSIM QUE FUNCIONA,A CORDA ARREBENTA SEMPRE NO MAIS FRACO.EU JA VI ESTA HISTORIA.

  4. JOÃO
    terça-feira, 19 de maio de 2009 – 21:42 hs

    PARABÉNS PARA A FAMÍLIA YARED!!!!!! SE TODOS OS BRASILEIROS FOSSEM ASSIM, COM CERTEZA SERIA UM PAÍS DIFERENTE, TEMOS UMA LIÇÃO A APRENDER! A MAIORIA ESTÃO COM VOCÊS.

  5. JOÃO
    terça-feira, 19 de maio de 2009 – 21:44 hs

    E PARA QUEM NÃO ACREDITA!!! FAÇAM UMA ENQUETE NAS RUAS!!!! NÃO VEJO DEFENDEREM, SOMENTE AQUI APAREÇEM FALSOS MORALISTAS E INTERESSEIROS DO DINHEIRO E CARGOS PÚBLICOS.

  6. Joana D'arc
    terça-feira, 19 de maio de 2009 – 23:45 hs

    MEU DEUS….QUANTA GENTE NEGATIVISTA….VÃO ASSISTIR NOVELA E DEIXEM A LUTA PARA QUEM ACREDITA!
    FORA CARLI!!!!!!

  7. Kika
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 1:00 hs

    Anônimo você deve ser da turma do Carli! Talvez se a cabeça do seu filho, pai ou irmão tivesse sido decepada por um deputado moleque, irresponsável você entenderia a mãe do Gilmar! Pense antes de falar!

  8. Vigilante do Portão
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 4:23 hs

    Não sei, está faltando peça nessa história toda.
    Pessoas afirmam que o Deputado chegou a cair no caminho entre o restaurante e o carro. Fico imaginando: se fossem meus amigos que estivessem comigo no restaurante, certamente não me deixariam dirigir naquelas condições ou, no mínimo, ligariam para minha casa para ver se cheguei bem.
    Os familiares afirmam que souberam do acidente às 10:00 da manhã do dia do acidente (01:00), o Hospital diz que o deputado chegou “sem identificação”, tenho lá minhas dúvidas sobre as duas coisas.

  9. Oliveira
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 7:54 hs

    Ei gente , e aquele catador de papel , que luta pela sua sobrevivencia, que foi atropelado e morto em algum dia , quem esta lutando por ele ??? eim . a briga é realmente pelo poder, as autoridades ja sabia do comportamento do Dep. sabe o que vai acontecer NADA X NADA, nao se envolva em carniça…

  10. tarso de castro
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 10:19 hs

    Anônimo, o Dr. Miguel deveria, além de ter paciência, ter tido da coragem de desafiar a turma do abafa.

  11. July
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 10:21 hs

    Oliveira: se nois calarmos, isso vai acontecer cada vez mais… Vai virar um pandemônio, bem pior do que já está…
    Se a situação está com está, é poruqe muita gente se cala, por medo, pro comodismo, por acreditar que ‘não vai dar em nada’. A vida do catador de papel sem dúvidas não é menos importante do que a deses meninos, a única diferença é os Yared, pelo que pidemos perceber, são mais ‘politizados’, e têm ciência dos seus direitos… Está na hora de todos conhecerem seus direitos e lutarem por eles… Em nossa sociedade, de cada 10 pessoas, 9 desconhecem seus direitos e um é advogado…
    Família Yared: não esmoreça, não se cale… A esmagadora maioria da população está com vcs!
    JAIMENTATIVO: se vc acha que não existe cassação de médico, vc está bastante desinformado. Só pq não fazem escândalo não quer dizer que não aconteça. O CRM é um instituto muito sério, e à frente dele existem pessaoas ainda mais sérias…

  12. Povo
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 10:30 hs

    O Povo elege, o Povo tem direito de tirar!!!!

  13. ARIADNA
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 10:32 hs

    JÁ QUE O CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA ESTÁ NESSA..PODIA APROVEITAR E AVERIGUAR O CASO DE GUARAPUAVA, QUANDO UM PLAYBOIZINHO ” MATOU” UM DEFICIENTE FÍSICO COVARDEMENTE, FICOU ALGUNS DIAS PRESO..SAIU DA CADEIA..FOI ARRUMAR BRIGA, LEVOU UNS PETELECOS E O MÉDICO DELE INVENTOU QUE ELE HAVIA SOFRIDO : TRAUMATISMO CRANIANO..MENTIRA.!!!!!!! .O CARA FOI ENCAMINHADO PARA CURITIBA E INTERNADO LÁ SEM TEM SOFRIDO NEHUM ARRANHÃO…VAI LÁ CONSELHO DE MEDICINA..AINDA DÁ TEMPO DE FAZER JUSTIÇA COM ESTE CASO DE GUARAPUAVA TAMBÉM E PUNIR ESTE MÉDICO QUE TEVE A CARA DE PAU DE FAZER ISSO E PRENDER O PLAYBOIZINHO..QUE AINDA ESTÁ SOLTO POR AÍ.DANDO RISADA DE TODOS.

  14. Nina
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 10:51 hs

    Oliveira, eh para defender aquele catador de papel que aconteceu o acidente com alguem de poder, para ter quem lute por eles (os menos favorecidos), Para que alguem acorde e faca alguma coisa, por todos nos.
    Em frente Cristiane, forca, estamos aqui para ajuda-la

  15. O Povo
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 11:14 hs

    A luta da Família Yared é digna, e serve de exemplo para que jamais quem se sentir lesado ou vítima de injustiça se cale, seja quem for o causador da barbárie!
    O Gilmarzinho com toda certeza tem muito orgulho de ter sido criado por pais tão zelosos e responsáveis como o são o Gilmar e a Cristhiane Yared.

  16. quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 11:38 hs

    Eu ainda confio na justiça, o que tem de ser feito será dentro das leis do Brasil,,,,,,,,,,,,,ou não???????

  17. Jaiminho
    quarta-feira, 20 de maio de 2009 – 15:25 hs

    Quanta asneira eu vejo aqui…

    muita gente querendo passar a imagem de moralista e outros que estão defendendo o deputado playboyzinho…

  18. joao
    sexta-feira, 22 de maio de 2009 – 12:59 hs

    Só podia ser anonimo mesmo: Provavelmente seja o proprio deputado teclando de sua suite presidencial em São Paulo tomando um vinho californiano de quase duzentos reais a nossas custas !!!!!!!!!

  19. ESQUEMA
    segunda-feira, 4 de março de 2013 – 18:06 hs

    Esse é o mesmo advogado que representa a doutra Virgínia, o Dr Elias Mattar Assad, naquele caso do hospital Evangélico. Que cheiro hein?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*