Leprevost pede solução urgente para o Hospital de Paranaguá | Fábio Campana

Leprevost pede solução urgente para o Hospital de Paranaguá

ney-leprevost

A morte de duas crianças por falta de médicos e de equipamentos no Hospital Regional de Paranaguá, recém inaugurado pelo governador Requião, levou o deputado Ney Leprevost a pedir, em ofício, providências urgentíssimas para a Secretaria Estadual de Saúde.

Pede a contratação de dois médicos intensivistas para o setor neo natal e a instalação dos equipamentos já comprados e que entraram em funcionamento.


17 comentários

  1. Guardião
    quinta-feira, 16 de abril de 2009 – 18:34 hs

    Que me perdoem os parnanguaras, mas com Ba Baka como prefeito, vcs estam é muito mal das pernas e tentem a ficar ainda mais!!!!!

  2. BIGCRAB
    quinta-feira, 16 de abril de 2009 – 19:36 hs

    INFORMO AO DISTINTO “QUARDIÃO” QUE
    A RESPONSABILIDADE DO HOSPITAL REGIONAL É DO GOVERNO ESTADUAL.
    O ESTADO INAUGUROU O PREDIO E ESQUECEU DO RESTO . POR EXEMPLO A SITUAÇÃO FUNCIONAL DOS SEUS SERVIDORES É TOTALMENTE IMPROVISADA, INDO DESDE UM TESTE SELETIVO ILEGAL ATÉ PAGAMENTO DE PROFISSIONAIS POR R.P.A.
    NÃO EXISTE CORPO CLÍNICO, DIRETOR CLINICO,MUITO MENOS DIRETOR TÉCNICO . RESUMINDO TODO MUNDO FAZ O QUE BEM ENTENDE . É UMA CASA SEM MANDO. PARABÉNS AO DEPUTADO LEPREVOST ,PORQUE NO LITORAL MUITA GENTE, ATÉ DA IMPRENSA NÃO TEM CORAGEM DE DIZER NADA . OS POLÍTICOS E A SOCIEDADE TEM QUE EXIGIR
    QUE O GOVERNO ESTADUAL ASSUMA O SEU COMPROMISSO COM A POPULAÇÃO.

  3. Anônimo
    quinta-feira, 16 de abril de 2009 – 19:45 hs

    sou presidente do sindicato de saude de paranagua tecnico de enfermagem e de segurança.tambem trabalho no hospital regional do litoral e sou funcionario do municipio tambem,o povo vem sendo engando tamto pelo governo do estado quanto pelo municipal.e da saude de paranagua eu entendo por que ja estou a mais de dez anos atuando na area,e digo que o povo esta pagando com a vida por falta de tudo um pouco.

  4. jaime
    quinta-feira, 16 de abril de 2009 – 19:52 hs

    e uma vergonha oque aconteçe no hospital reginal e tambem no municipio.as pessoas estao morrendo por falta de atendimento de qualidade,esta faltando tudo no regional.no municipio nao e diferente tambem,o povo esta sendo enganado dos dois lados.e uma vergonha para nos trabalhadores da saude. mas vou deixar para enumerar amanha todas as falhas tanto do governo municipal quanto estadual.

  5. jaime
    quinta-feira, 16 de abril de 2009 – 19:54 hs

    e uam vergonha total com o povo de paranagua,pessoas estao morrendo sem atendimento no hospital regional do litoral.por favor alguem pode ajudar?? eu sei por trabalho la…

  6. Vigilante do Portão
    quinta-feira, 16 de abril de 2009 – 20:39 hs

    O irresponsável do Requião inaugurou o hospital sem que tivesse condições de operar. A mesma coisa ocorreu em outras unidades, tidas como “inauguradas”. Faltam equipamentos e profissionais, não há verba para manutenção. A propaganda mostra hospitais modernos e funcionando, mesmo o dito mais moderno hospital de reabilitação, tem apenas uma ala em atividade; A promessa era de ter um hospital melhor do que o de Brasília, considerado referencia em recuperação de acidentados ou com problemas de locomoção.
    Promessas, promessas. Tudo mentira do Requião.

  7. Tarso de Castro
    quinta-feira, 16 de abril de 2009 – 22:06 hs

    Nossa! Agora sim o pessoal da secretaria de saúde deve ter saído correndo de meda do leprevost! Afinal a câmara de deputados é uma instituição respeitada e o leprevost é respeitado pelos seus pares. Requião,põe a moçada pra trabalhar! O cara já criou a lei da mamografia, a linha inter-hospitais e agora quer ver aquela joça funcionando!!!!

  8. Caiçara
    sexta-feira, 17 de abril de 2009 – 9:05 hs

    Até que enfim apareceu um daqueles entre os que vevem dizendo que vão luita pelo povo…
    O ‘” CARANGUEJÃO ‘” já disse tudo, A “Santa Córdia de Misericasa” é mazela desta equipe liderada pelo DESGOVERNO ESTADUAL ATUAL…..
    Alguém axuda nosso litoral por fafor… se não os ‘LOBOS” vão mata mais criancinhas e vovozinhas por aí…….

  9. Ricardo
    sexta-feira, 17 de abril de 2009 – 10:04 hs

    Para o “Guardião”.

    Bem informado o Sr. hein??!!
    É seu patrão o responsável por este hospital.
    Essa turma que não mora no litoral vem aqui e só fala abobrinhas.
    REQUIÃO, FORA!!!!!!
    VC ESTA BRINCANDO COM VIDAS HUMANAS

  10. Negui
    sexta-feira, 17 de abril de 2009 – 11:34 hs

    De qualquer forma, todos sabemos que Paranaguá, por causa da Administração Municipal, está indo no RUMO CERTO ao abismo.

  11. sexta-feira, 17 de abril de 2009 – 11:43 hs

    O HOSPITAL REGIONAL DO LITORAL CONTINUA SEM GINECO-OBSTETRA DE PLANTÃO . A REGIÃO ESTA A DESCOBERTO!
    QUEM ESTÁ FAZENDO OS PARTOS E OUTROS PROCEDIMENTOS DE EMÊRGENCIA NETA ÁREA ?
    ONDE ESTÁ A DENUNCIANTE OU PUSILANIME IMPRENSA PARNANGUARA ?
    ONDE ESTÁ A ZELOSA PROMOTORIA PÚBLICA?

  12. emerson Boettcher
    sexta-feira, 17 de abril de 2009 – 13:27 hs

    lamentavel a situacao do hospital regional, trabalhei na antiga Santa Casa por 24 anos, e com todas as dificuldades o atendimento era muito mais digno, construiram um hospital moderno no que diz respeito a estrutura mas nao se lembram de atendimento humanitario, qualidade no atendimento das pessoas que sofrem.falta treinamento do pessoal. sera que Alguem sabe o que atendimento humanizado

  13. carlos imperial
    sexta-feira, 17 de abril de 2009 – 15:36 hs

    O problema de Paranaguá e parecido com o de Foz do Iguaçu: muitos anos nas mãos da pior bandidagem que se possa imaginar, em todos os setores do poder local. Talvez um dia, se a situação nos dois municípios chegar a um ponto insuportável, ao caos total e absoluto, o povo resolva mudar. Mas, enquanto isso não se espere nada que preste dos dois extremos do PR.

  14. jaimenativo
    domingo, 26 de abril de 2009 – 10:02 hs

    ja esta terminando o mes de abril e nada da secretaria do estado resolver a situaçao do hrl do litoral.os partos estao sendo feitos no pronto socorro.que vergonha par um hospital do porte do hrl.mas do jeito que vem sendo administrado ainda vai piorar mais.por que os sabem tudo dos diretores pau mandado dizem que isso e normal,e ainda arrumam desculpa para tudo isso.os obstetras pediram demiçao por que nao querem compactuar com esta vergonha. e o sindicato ja vem a muito tempo denunciando tudo isso.cade o tomografo que nao funciona.o rx que e mais antigo que andar para frente.o laboratorio que nao funciona direito dos assedio moralque todos sofrem la dentro? isso e uma vergonha diria boris casio.

  15. Esther Mattar
    segunda-feira, 18 de maio de 2009 – 11:50 hs

    Eu sou a mãe do bebê que faleceu no hospital por falta de médicos especializados e medicamentos,é uma vergonha isso que acontece aqui,o governador esta brincando com o povo e ninguém enxerga.Por favor façam alguma coisa pq senão vai continuar tudo como esta.A dor de perder um filho é horrivel,só eu sei o que estou passando.Por isso quero justiça pelo meu filho e por outros pais .E para que isso não venha mais acontecer..Parabéns ao Deputado Ney que está lutando por melhoras,espero que tudo isso mude e logooo.Justiça é só o que quero.

  16. Cristiane dos Santos
    segunda-feira, 18 de maio de 2009 – 12:59 hs

    Eu espero que o governador faça e logo alguma coisa pela população,é uma vergonha tudo isso que vem acontecendo nesse hospital,um pouco de culpa é do povo tbm que se cala e não vai procurar os seus direitos.Quantas pessoas ja morreram e seus familiares não podem fazer nada,pois não temos força para lutar contra essa máfia de governantes.Os Lobos estão acabando com todas as criancinhas aqui por favor façam alguma coisa URGENTE…

  17. Marcos A. Cordeiro
    segunda-feira, 1 de junho de 2009 – 16:54 hs

    No dia 21/05/2009, minha esposa teve que ser transferida para o hospital São Lucas em Campo Largo – Pr; para poder ter nosso filho, por falta de um profissional na àrea de obstetricia no Regional aqui em Paranaguá -Pr
    É lamentável que a população tenha que pagar o ônus do descaso, da incompetência, da falta de ética. Espero que a entrevista dada a TV SERRA DO MAR, tenha tido o impacto esperado, pois oque aconteceu foi um absurdo, além de ter um acompanhante infartado dentro da ambulância com crises continuadas, sofremos uma colisão lateral por veículo em sentido contrário. Eu Presidente do PP/Paranaguá-Pr parabenizo o Deputado Ney Leprevost por essa iniciativa e espero que de resultados, pois já perdi um filho e sei oque a Ester Mattar está passando, e não podemos nos calar. ACORDAAA…PARANAGUÁÁÁÁÁÁÁÁ´…!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*