Rombo da Paraná Previdência ultrapassa R$ 120 milhões | Fábio Campana

Rombo da Paraná Previdência ultrapassa R$ 120 milhões

heron_arzua
Basta consultar a ata do Conselho de Administração da Paraná Previdência, do mês de janeiro, para entender de onde vem o desespero do secretário de Finanças de Requião, Heron Arzua (foto), para acabar com o fundo de aposentadoria e pensões dos servidores públicos estaduais.

Só em dezembro do ano passado, a Paraná Previdência já acumulava um déficit de R$ 123.517.737,72. Mais fácil empurrar tudo para baixo de um imenso tapete chamado cofre público.

Fácil também entender por que Arzua considera desnecessária a estrutura atual para administrar os recursos que cobrem os benefícios dos servidores.


33 comentários

  1. jango
    sexta-feira, 20 de março de 2009 – 18:49 hs

    O inusitado Secretário da Fazenda parece ser partidário de se jogar a criança – todo o patrimônio do funcionalismo – junto com a água suja da bacia – os apaniguados do governo que levaram o fundo ao fundo.

  2. Cap. Nascimento
    sexta-feira, 20 de março de 2009 – 18:50 hs

    Cadeia para esta corja do nepotão de mello e silva. Acabaram com o Paraná e com o futuro dos Servidores Públicos (coisa que esta corja não sabe o que é).
    Ei reiquejão, pede prá sair e vai pra…

  3. ALÔ CID CAMPELLO
    sexta-feira, 20 de março de 2009 – 19:03 hs

    Prato cheio para o Cid Campelo.
    Vamos ver.
    Clovis Pena

  4. CLOVIS PENA
    sexta-feira, 20 de março de 2009 – 19:30 hs

    É bom esclarecer melhor. Penso que o Governo do Estado não tem autonomia para decidir sobre o fim do Paraná Previdência com tanta facilidade. Primeiro que cada parte mostre e prove que cumpriu seus compromissos.
    Veja o caso dos precatórios em São Paulo. Os credores de verbas alimentícias embargaram o dinheiro resultante da venda da Nossa Caixa. Uma vergonha.
    Vamos ver.

  5. sexta-feira, 20 de março de 2009 – 20:55 hs

    JUSTIÇA JÁ, até o ano passado a PARANÁ PREVIDÊNCIA era a instituição previdenciária com um dos maiores valores capitalizados do país,então heis apenas algumas perguntas:
    “Com que direito estes senhores utilizam os recursos financeiros, tirados,cobrados,extraidos dos salários dos servidores públicos,mensalmente,para tapar buracos de uma administração lastimável ,que não fez e não faz nada.Somente fala e nada é feito, qual foi o buraco que está sendo tapado com estes recursos financeiros que não lhes pertencem???”
    Srs. Promotores de Justiça, se o cidadão comum utilizar o dinheiro de outra pessoa sem o seu consentimento o que é????
    Qual é o crime praticado????
    Sim , crime, pois, o dinheiro foi tirado,extraido,cobrado do salário dos servidores para compor um fundo previdenciário,prevendo suas aposentadorias, que rombo é este????
    Este ato já foi cometido pelo mesmo governo no passado(1991 a 1994).
    Agora , como ninguém intercedeu,e, como não coube a manifestação dos legítimos donos do dinheiro, o Fundo Previdenciário foi utilizado, e diga-se, sem autorização de seus legítimos donos, para outras aplicações e interesses que não os dos servidores…
    Então MP-Pr, em qual crime se enquadra qualquer cidadão que se utiliza de dinheiro que não lhe pertence?????
    Lembrem-se em 2010 nem pra guardião de rua, JUSTIÇA JÁ….

  6. jango
    sexta-feira, 20 de março de 2009 – 21:00 hs

    Clovis Pena – é isso aí, mas tem de haver uma reação. Os sindicatos e associações dos funcionários públicos devem se unir e ir à luta. Os precatários alimentares no Paraná estão parados no ano de 1997, graças ao compadrio executivo/judiciário – um não paga ou paga o que bem entende e o outro faz que não sei nem quero saber se existe uma Constituição a cumprir. Mas em São Paulo houve uma reação e foi a OAB que mostrou a cara. Mostrou lá e não mostra aqui. Porque será ? Será que é porque vão ganhar um estacionamento novo ?

  7. Cara de Pau
    sexta-feira, 20 de março de 2009 – 21:47 hs

    A Paraná Previdência, junto com a industrialização do Paraná, são as maiores heranças do Governo de Jaime Lerner. A Paraná Previdência foi idealizada para que o Estado pudesse contratar por concurso público os servidores e suas aposentadorias e pensões não onerassem os cofres do Estado, bem como, funcionar como um investidor que auxiliasse o desenvolvimento econômico do Paraná. Definitivamente, o Jaime Lerner pegou um governo quebrado e entregou um governo viável e com garantia de arrecadação. Não foi compreendido na época.
    Agora, repete-se o passado, quebra-se o Estado. Requião nunca construiu. Sempre fez a carreira governando distribuindo migalhas (agora é leite) para os pobres e os mantendo nesta condição. Nunca foi estadista mas ganhou eleições, quase nunca de maneira ética. Eleito pelos grotões e para os grotões governa, mas os eterniza como grotões. Vai quebrar o Estado, mas se elege Senador. Queria saber a posição dos Sindicatos dos Servidores, se vão tomar atitudes efetivas ou os cargos do PT pagam a conta e ficam fazendo apenas algum barulho burocrático.

  8. LEAD
    sexta-feira, 20 de março de 2009 – 21:59 hs

    Afanar o dinheiro da Previdência dos funcionários o Requião já fez se não me engano no início dos anos 90. É lum gatuno!

  9. Pedro Vigário Neto
    sábado, 21 de março de 2009 – 1:30 hs

    – Se não me engano, no ano passado, um dos diretores foi demitido porque não concordava com a aplicação de grande parte dos recursos na Bovespa. Decisão esta que contrariava as normas internas, que indicava que as aplicações deveriam ser realizadas sem riscos. Afinal o dinheiro é dos servidores;
    – Será que parte da perda foi em função da quebra da Bovespa ?
    – Se for o caso, quem tomou a decisão deve pagar por ela;
    – Ter um prejuízo deste porte, neste tipo de administração, é preciso ser muito incompetente ou o dinheiro está saindo pelo ralo.

    Abraço.

  10. CLOVIS PENA
    sábado, 21 de março de 2009 – 6:38 hs

    Sim Jango.
    Pouco caso com as familias que ficam sem o que lhes é devido. Mesmo garantidos por decisões judiciais, muitos morrem sem que o Estado lhes pague.
    Agora, mais uma “solução mágica” está sendo preparada no Pr. Previdência.
    Falta “alguém” para corrigir, pois instituições com competência para tal existem. Por isto, lembrei de citar o Dr. Cid Campelo, que sozinho, mostrou o que dá para fazer, a exemplo do caso do TC.

  11. Vigilante do POrtão
    sábado, 21 de março de 2009 – 8:14 hs

    Está sobrando R$1BILHÃO no tesouro do estado.
    MENTIRA, mais uma mentira do Requião e do Arzua. É claro que o dinheiro só existe no papel.
    Contabilmente é fácil fazer dar saldo positivo ou negativo.
    Não pagam dívidas, como por exemplo: Paranaprevidência, precatórios e Fornecedores, apontado como dinheiro em caixa o valor da dívida.
    Para os leigos parece verdade.
    Não digo nada se amanhã ou depois a Secretaria da Fazenda não seja obrigada a publicar outro Balanço, aliás no exercício anterior, 2007, foram 3 publicações, uma vergonha, até parece que o Contador Geral do Estado não sabe nada de Contabilidade.

  12. Ex-funcionário
    sábado, 21 de março de 2009 – 8:31 hs

    Se um administrador público não fizer os recolhimentos retidos do INSS, responde por apropriação indébita! E no caso da Paraná Previdência???? Porque esse rombo? Quem vai responder? Ou será que foi caixa de campanha?

  13. Zé do Coco
    sábado, 21 de março de 2009 – 10:15 hs

    Tem muita graça: eles depredam patrimônio dos servidores do Paraná e agora querem dissolver a entidade para quê? Para ocultar os crimes cometidos? E por acaso enterrar o cadáver vai extinguir o assassinato?

  14. sábado, 21 de março de 2009 – 12:26 hs

    Com a proximidade do fim do ” governo” Requião, vai se tornar impossível esconder as lambanças feitas por esses incompetentes. É porto com problemas, PAC estadual que nunca existiu, rodovias recuperadas inexistentes, hospitais nunca construidos, falta de obras do PAC federal por incompetencia, econômia encolhendo, falta de investimentos industriais no estado enfim uma quantidade enorme de atitudes prejudiciais ao estado. Requião é o maior aproveitador que se tem noticias, Enquanto Lerner idealizou e tomou atitudes pra desenvolver o estado esse desqualifcado apenas se aproveitou de tudo de bom que vinha sendo feito. Agora tá ai, usando dinheiro gerado pelo ICMS das industrias que Lerner trouxe, se fazendo de bonzinho com empregos gerados por cadeias produtivas feitas pelo Lerner. Pra terminar ” por baixo” , pegou um exemplo de previdência e afundou ela, mas claro, vendo sua forma de ” governar” seria uma surpresa pra todos que isso não ocorresse. Nota-se que o atual governo não tem competência pra tentar fazer nada de útil, apenas e tão somente tentou desfazer as boas ações do governo anterior. Que a aliança da desgraça ( PMDB e PT) sejá responsbilizada por todo o dano que fizeram ao estado pois lembrados pela história pela sua incapacidade, já serão. E veja bem Beto, ponha essa turma no lixo e mande pra caximba, nada de aproximação com esses desqualificados…..

  15. press 2
    sábado, 21 de março de 2009 – 12:45 hs

    SÓ PARA LEMBRAR NO CONSELHO DA PRPRPEV TEM CADEIRA:REPRESENTATES DOS SINDICATOS DOS SERVIDORES,MINISTERIO PUBLICO,T.J.ASSEMBLEIA,T.CONTAS,P.MILITAR,PODER EXECUTIVO,PROCURADORIA DO ESTADO.A MOCINHA DEVE SER MAIS UMA A BUSCA DE SUCESSO FÁCIL,
    QUEM TEM QUE SE EXPLICAR É O SECRETÁRIO HERON QUE PELO JEITO DESCONHECE O ASSUNTO(SEU DIRETOR GERAL PRESIDE O CONSELHO FISCAL)E FEZ DECLARAÇÕES EM FORUM INADEQUADOS,INCLUSIVE DE FORMA INFANTIL DEU MUNIÇÃO PARA O BLOCO DOS ROSSONI,PELO MENOS MIDIA GRATUITA.HJE GRAÇAS AO SECRETÁRIO TEMOS UMA COMUNIDADE DE SERVIDORES MINIMAMENTE PREOCUPADOS,ISTO É UM DESRESPEITO.
    AO JORNALISTA NOSSOS PARABENS PELO ESPAÇO DEMOCRATICO,APESAR DE MAL USADO POR ALGUNS.
    A TEMPO É O UNICO ORGÃO QUE TEM PERMANENTEMENTE UMA EQUIPE DE INSPETORES INSTALADOS EM SUA SEDE.
    TBEM É FISCALIZDO PELO MINISTERIO DA PREVIDENCIA,BCO CENTRAL,2 CONSELHOS E MAIS SEUS MEMBROS,E SÓ NESTA INSTITUIÇAÕ RESPONDEM COM SEU PATRIMONIO.
    BOM FINAL DE SEMNA.

  16. Geraldo Medeiros
    sábado, 21 de março de 2009 – 12:58 hs

    Até a Paraná Previdêcia essa turma conseguiu detonar… Nós e as próximas gerações pagaremos caro por essa praga de gafanhotos.

  17. LINEU TOMASS
    sábado, 21 de março de 2009 – 14:29 hs

    ROMBO. O QUE É ISSO ?

    Só dizer que houve rombo, não vale.
    Tem que auditar a Paraná Previdência, com seriedade, e depois destrinchar como E ONDE FOI O ROMBRO, suas causas, e quem foi o gestor e o culpado (s) DO ROMBRO, QUE É UM ASSOMBRO.

    Essa de dizer….”houve um rombo”, de modo isolado, como se não tivesse aconbtecido nada, sem uma séria investigação, NÃO VALE, POIS SE TRATA DE DINHEIRO PÚBLICO, E ISTO NÃO PODE PASSAR EM BRANCO. TEM QUE SER PRETO NO BRANCO, TIM-TIM POR TIM-TIM.

    “Quem não deve não treme. Pode, se dever, temer.”

    LINEU TOMASS.

  18. Manoel Silva Castro
    sábado, 21 de março de 2009 – 17:47 hs

    Quanta besteira dita ! Quem começou a falar bobagem foi o despreparado Heron que nada mas nada mesmo entende de questão previdenciária ! Falar em extinção é idiotice , outra idiotice é falar em rombo , ser rombo exitisse os conseheiros dos tres poderes que tem assento na ParanaPrev já teriam denunciado , vamos fazer jornalismo começando por entrevistar o Presidente Desembargador Munir Karam e os Conselheiros que representam os servidores , o procurador de justiça Arion Pereira , o Professor Cagaino Vice Reitor da Uel . Auditorias são feitas mensalmente , o balanço é publicado anualmente o Min. da`Previdência e o Tc fiscalizam e depois disso tudo gente que é absolutamente ignorante no assunto e nunca leu nada ou informou-se mínimamente sobre a instituição , tipo esses Lineu Tomass da vida vem falar em rombo , responsabilidade de gestores e outra imbecilidades . é dose para cavalo.

  19. LINEU TOMASS
    sábado, 21 de março de 2009 – 21:16 hs

    AO MANOEL.

    Manoel. A nota do blog, é que fala em ROMBO, ou DÉFICIT, de R$ mais de R$ 120 milhões.

    O que é necessário, sem dúvida alguma , é que se esclareça ao público, como é que siurgiu este ROMBO ou DÉFICIT, voce não acha ?

    Se tem alguma informação errada na nota, cobre do Heron Arzua, (homem de confiança do Requião), ou do Fábio Campana.

    Agora, se eles têm razão, aceitre nossa opinião, e ajude a cobrar esclarecimnentos sobre a orígem deste DÉFICIT ou ROMBO.

    LINEU TOMASS.

  20. João Miguel-Ctda
    sábado, 21 de março de 2009 – 23:23 hs

    ESTE ROMBO JÁ FOI ANUNCIADO DIVERSAS VEZES E TODO MUNDA SABE, SEJA TJ, TCE, ASSEMBL.LEGISL, E TANTOS OUTROS ADULADORES DO REI….

  21. Sindicalista
    sábado, 21 de março de 2009 – 23:42 hs

    Os blogs são um espaço extraordinário mas também se prestam a manifestações desqualificadas em termos de debate sério. Vejam só todos os Estados do Brasil desenvolveram um esforço gigantesco para criar instituições iguais a PRPREV. Vamos citar só tres em 2008 Santa Catarina, Rio Grande do Sul e São Paulo,/ Amazonas, Tocantins Pernambuco e Rio de Janeiro já haviam criado. O Paraná foi o primeiro.Graças a PRPREV e aos royalties da Itaipu os servidores públicos do Paraná tem um fundo que passa de cinco bilhões de reais , um dos maiores do mundo . O modelo é ótimo , para ser perfeito basta que o Estado mantenha as contribuições e os aportes em dia.
    Aresponsabilidade é do Sr. Heron Arzua que estranhamente por constatar que o Fundo precisa de mais capitalização ainda para cumprir as suas metas propõe a sua extinção , puro nonsense e falta de visão e respeito com o patrimônio dos servidores . Os diretores da instituição seguem as diretrizes dos tres Conselhos como alguém já explicou , o fundo nunca deu prejuízo só lucro então pergunta-se quem deveria perder o cargo os que administram e geram lucros conforme os balanços ou quem não envia os repasses , Heron Arzua ? Perguntem a quem entende como Renato Folador . Proponho que se comparem as despesas do gabinete do Rossoni com a soma dos salarios dos gestores da Prprev , auditoria já existe o que falta é uma discussão mais técnica , isso sim a Asssembleia tem obrigação de fazer , que o faça o quanto antes com a participação de todos os interessados .

  22. LINEU TOMASS
    domingo, 22 de março de 2009 – 8:53 hs

    SINDICALISTA.

    Voce diz que falta o Governo repassar os valores que deve ao fundo ? É esta a causa do déficit ?

    A verdade é que se fala em déficit, e não se revela qual a orígem deste déficit, ou rombo. ´

    Se existe auditoria mensal, eles devem explicitar a orígem deste déficit, MESMO QUE SEJA CULPA DO GOVERNO, em não fazer seus repasses de lei.

    O que não pode é se falar em déficit, sem explicar em detalhes, QUAL FOI A ORÍGEM DESTE FURO.

    LINEU TOMASS.

  23. Jaferrer
    domingo, 22 de março de 2009 – 12:01 hs

    Concordo com o Lineu. Se existe défict ele não aconteceu sozinho. Ou foi desvio ou foi má administração. Nos dois casos é imprescindível a punição dos culpados, afinal é dinheiro dos trabalhadores sendo usado para esconder as mazelas do governo.

  24. Sindicalista
    domingo, 22 de março de 2009 – 13:25 hs

    Tres aulinhas tipo Mobral para o sr. Lineu.
    1) as auditorias de fato existem do Min. da Previd, e as internas e externas seus resultados são públicados e distribuidos aos conselhos e aos que se interessarem portanto não diga mais que as auditorias devem esclarecer , está tudo esclarecido.

    2) Para dar palpites sobre o que IGNORA , primeiro dirija-se a PRPREV ou ao Min. da Previd. e LEIA os relatórios de auditoria , ali estão todas as explicações que voce pede mas nunca procurou ou teve interesse em ler e aquilo que voce em linguagem leiga chama de detalhes .

    3) Deficit anual não representa nenhuma calamidade , cento e vinte e um milhões em um fundo de mais de quatro bilhões . o déficit pode ser corrigido no exercício seguinte e é causado eventualmente quando o fundo teve o pagamento de benefícios maior do que o previsto inicialmente , o que pode ocorrer quando o governo concede reajustes aos servidores aposentados e pensionistas ou quando ingressam novas categorias .

    Finalmente o que os servidores sabem é que o importante é que o Paraná é o único Estado que tem um fundo previdenciário exponencial que jamais acusou perdas ou más aplicações e que deve ser mantido. Não vi qualquer comentário sobre o Previ o maior do país dos funcionários do B.do Brasil que perdeu DEZ BILHÕES em 2008 , uma ParanaPrevidência inteira enquanto esta nda perdeu em investimentos todos feitos em títulos públicos federais (100%) . É a velha autofagia dos paranaenses a PRPREv é louvada em prosa e verso em todo o Brasil só para alguns iconoclastas locais não é boa .Hare Baba !

  25. LINEU TOMASS
    domingo, 22 de março de 2009 – 15:35 hs

    AO SINDICALISTA.

    Dê esta explicação “mobralística-econômica” para o Heron Arzua, (homem da extremíssima confiança do Requião), pois foi ele que levantou a tese de que a PR/PREV. tem DÉFICIT e que por isto precisa enxugar seu quadro diretivo, por ter apresentado este déficit, pelo que se denota na notícia.

    É gente do Governo dando tiro no Governo.

    Tudo está mal explicado, inclusive a tua tese de “déficit” recuperável no exercício seguinte. O Heron, deu recado de que tem algo errado aí, e pelo geito ele quer enxugar a máquina administrativa, sabe para que ? PARA BAIXAR O CUSTO OPERACIONAL DO FUNDO. PARA ECONIMIZAR, CORTAR CUSTOS.

    Os dados atuais da economia, não indicam esta felicidade futura, de até possíveis sueprávites em fundos de pensão. Todos os fundos de pensão, inclusive os gigantescos, PREVI etc. estão com problemas semelhantes decorrentes da DESVALORIZAÇÃO NO MERCADO DE AÇÕES. Voce lembra-se da crise de 1929 ? É só dar uma olhada na Internet e nos jornais recentes.

    Se auditorias oficialistas, tivessem sempre esta credibilidade e confiança, como a que voce pretende passar, o mundo nunca iria falir, como faliu agora pela segunda vez.

    Os relatórios das maiores empresas de auditagem do mundo, SEMPRE RESULTARAM EM INFORMAÇÕES FALSAS E MASCARADAS, e deu no que deu.

    Ainda sem resposta.
    O Governo do Paraná, está em dia com seus repasses obrigatórios ao fundo da PR/PREV ?

    LINEU TOMASS.

  26. José Vigário Net0
    domingo, 22 de março de 2009 – 15:39 hs

    – SINDICALISTA ??? Pago para ver !!!
    – O negócio está tão bom que o próprio governo quer fechá-lo. Além da auditoria que já está sendo solicitada. Aí tem ….
    – Acorda povão;

    Abraço.

  27. Sindicalista
    domingo, 22 de março de 2009 – 19:12 hs

    Quarta lição do MOBRAL para o apedeuta Lineu Tomass :Sr. Lineu,  não existem aplicações do Fundo Previdenciário do Paraná no mercado de ações ( voce queria dizer Bolsa de Valores)A Parana Previdencia só tem investimentos em Títulos Públicos Federais , por isso nunca perdeu ou teve prejuízo ao contrário da PREVI .Lineu seja coerente ao menos uma vez e admita que voce nada sabe sobre estas questões de Fundos Previdenciários Públicos e Regimes proprios .Não queira também desqualificar o resultado de auditorias externas que voce não conhece , não viu e só ouviu falar na Boca Maldita , aliás acho que nem isso ouviu. Os conceituados auditores concursados dos Ministérios e dos órgãos fiscalizadores , os Conselheiros dos tres poderes Economistas , Juízes, Procuradores e a Diretoria assim como os atuários , advogados , analistas e servidores da PRPREV para voce defensor da extinção são todos despreparados ou sob suspeição como voce sugere e insinua sempre sobre todos , apesar de todo o conceito nacional da PRPREV . É fácil sentar comodamente em frente a um monitor e por falta de ocupação passar a deitar análises sem compromisso e fundamento , opiniões e aleivosias sobre o trabalho duro de toda uma comunidade de servidores . Acho que voce nem sabe onde fica a PRPREV nem quais as suas atividades .  O Fundo Previdenciário é uma garantia para os servidores públicos nada tem a ver com o que ocorreu nos EUA em 1929 ,na prática é  estatal e não privado. Seu raciocínio cada vez mais segue caminhos tortuosos , para discutir essa questão há necessidade de um mínimo de informação , não apenas leitura de uma ou outra nota de blog ou opinião isolada de um gestor. o Heron para voce passou a ser um oráculo agora por pura conveniência de argumentação vazia. Sua única preocupação é aparecer , se assim não for compareça a PRPREV e solicite todas as informações que desejar para depois sim opinar.

  28. De olho
    domingo, 22 de março de 2009 – 20:52 hs

    Que ninguem se engane, pois o que está se pretendendo com essa “notícias” é tão somente desviar atenção do povo, leia-se eleitores, para que prestem atenção em algo menor que o rombo maior a ser efetuado, com o desvio de recursos para custear esses FDP na sua tentativa de reeleição. Que o povo observe bem, para colocar os envolvidos atualmente no governo na cadeia, e se não for possível, pelo menos sem mandato. Quanto ao Sr. Arzua, que é um vagabundo, pois ao mesmo tempo que atua como secretario da fazenda, seu escritorio aciona o estado defendendo seus clientes. Mais ainda, chamou para si a liquidação dos precatorios. Isso é um puta negocio, não é mesmo….

  29. LINEU TOMASS
    domingo, 22 de março de 2009 – 23:57 hs

    AO SINDICALISTA – ÚLTIMA.

    Caro especialista em previdência.
    Entre na internet, google, e clique “Paraná Previdencia”.

    Depois, clique no título:
    BEM PARANÁ – PARANÁ PREVIDÊNCIA QUEBRA EM QUATRO ANOS.

    Veja o que consta lá em detalhes, dos quais dou só uns tópicos:

    1-Denúncia do ex-diretor jurídico da Paraná previdência, (aí de voces), FEITA EM 04-062008, pelo advogado Francisco Alpendre, garantiu qye a Paraná Previdência, como está sendoadministrada, QUEBRA EM QUATRO ANOS.

    2-Esta denúncia ele fez como DIRETOR DA PARANÁ PREVIDÊNCIA, e por iso foi DEMITIDO PELO REQUIÃO.

    3-Ele alegou que tem mais de 5 mil processos contra a PR/PREV. sendo claro que istosignifica contas a pagar.

    4-Denunciou o ex-diretor da PR/PREV o dr. Alpendre no texto, que o Governo Requião, DEVIA (NA ÉPOCA), À PR/PREV. R$ 2,9 BILHÕES DE REAIS, por ter deixado de repassar esta grana ao fundo, conta esta de obrigação do Est. do Paraná, parcela do empregador. Alega que esta grana está retida (?). Como e onde ?

    4-Denunciou ainda existência de irregularidade na ADMINISTRAÇÃO DA PR/PREV.

    5-Alegou ainda que a SEFA deveria

  30. LINEU TOMASS
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 0:08 hs

    COMPLETANDO SINDICALISTA.

    5-Alegou ainda que a SEFA, deixou de repassar na época (por seis meses), R$ 1,5 um milhão e meio por mês, à PR/PREV.

    Veja “sindicalista”, que parece ser um dos (É DIRETOR ?), defensores desta situação aí relatada.

    Estou tão somente comentando, dentro de meu direito constitucional de cidadão,os fatos que JÁ FORAM PUBLICADOS NA IMPRENSA, PELAS PESSOAS DA PRÓPRIA PR/PREV., tanto o Heron como o Alpendre.

    Não queria focar estas denúncias, mas devido sua insistência, inconsistente, aí foi.

    FINAL.
    NÃO VOU MAIS RESPONDÊ-LO.
    A RESPOSTA VOCE DEVE AGORA AO POVO DO PARANÁ, QUE PAGA TODA ESTA CONTA E AOS FUNCIONÁRIOS DO GOV. DO PARANÁ

    “FALTAM MAIS TRES ANOS”. UM JÁ FOI.

    LINEU TOMASS

  31. LINEU TOMASS
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 0:17 hs

    ADENDO AO SINDICALISTA.

    No final do texto da “google”, ref. a denúncia do Alpendre, tem mais dois títulos:

    1-LOBO FILHO TERIA FALSIFICADO INFORMAÇÕES.

    2-REQUIÃO BARROU INVESTIGAÇÃO GERAL.

    Leia e complete suas informações.

    LINEU TOMASS.

  32. LINEU TOMASS
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 12:05 hs

    ALÔ, ZÉ.

    Aguardo sua resposta.

    LINEU TOMASS.

  33. Carlos
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 13:53 hs

    PARANÁPREVIDENCIA AINDA CONTINUA COM A MAIORIA DOS FUNCIONÁRIOS IRREGULARES(SEM CONCURSO). MESMO TENDO CONCURSO HOMOLOGADO E COM APROVADOS(INCLUSIVE DENTRO DO Nº DE VAGAS) AGUARDANDO CONVOCAÇÃO, SENDO QUE O CONCURSO EXPIRA AGORA EM 05/2009. A PRPREVI É UM VERDADEIRO “OBA OBA”.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*