P2 faz gravações do pessoal do governo para Requião | Fábio Campana

P2 faz gravações do pessoal do governo para Requião

Deu na Ruth Bolognese, no Paraná Online

No fim da semana passada, Victor Hugo Burko, presidente do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), fez um circuito por quatro cidades do interior – Maringá, Cascavel, Guarapuava e Irati. Foi explicar a milhares de produtores rurais que a Força Verde, encarregada de fiscalizar o meio ambiente, não vai mais agir com truculência e as eventuais multas terão direito a questionamento. Burko falou bonito e foi muito aplaudido, mantendo um discurso de bom senso para a convivência entre a produção de alimentos e o meio ambiente.

Vigilância

Na segunda-feira, Burko foi ao Palácio “Provisório” das Araucárias, ansioso para relatar o circuito “gauchês-germânico” a Requião. E, qual não foi a surpresa, ao ser informado pelo pessoal da Casa Militar que não havia necessidade de relato nenhum. A “P2”, serviço reservado da Polícia Militar, havia gravado todos os discursos, que já estavam nas mãos do governador Requião.


9 comentários

  1. O Povo
    quinta-feira, 26 de março de 2009 – 12:05 hs

    Será que o Razera voltou a “fala que te escuto” para seu patrão Requião?

  2. jango
    quinta-feira, 26 de março de 2009 – 14:16 hs

    Em época de proximidade de eleições, nada como juntar amarelo com o verde, para ficar “tudo azul” …

  3. Ferreira
    quinta-feira, 26 de março de 2009 – 14:49 hs

    Essa Ruth é aquela da reportagem medíocre que desrespeitou a Itala Nandie sua geração? Pelo visto ela tem bons informantes….dá pra confiar??

  4. Anônimo
    quinta-feira, 26 de março de 2009 – 14:55 hs

    Será que a tal de P-2 (agente 46?) tem reportado ao Excelentíssimo Senhor Governador do Estado do Paraná os crimes cometidos pelo MST nos últimos tempos? E se reportou, quais os termos usados (condescendentes?)? Os “arapongas” falaram a verdade? Existem dúvidas, pois o Governador não toma qualquer medida e provavelmente orienta a sua STASI a não agir em defesa de lei! E a imprensa, onde está a valente, que sequer noticia os crimes e desmandos cometidos pelos famigerados “sem-terras”, que, ao ouvirem as palavras “cabo do guatambu” ficam bravos? PS.: Notei, prezado jornalista Fábio Campana, que as notícias referentes à (in)sergurança pública no Paraná são pouco comentadas e rapidamente esquecidas. Nem os oficiais se dão ao luxo de contesta-las, pois estão satisfeitos com as suas cornucópias, preocupados apenas com aposentadorias precoces, depois de poucos anos dedicados à causa da segurança. É importante notar que existem exceções, poucas, infelizmente.

  5. Orelhudo
    quinta-feira, 26 de março de 2009 – 14:58 hs

    O governador Roberto Requião e o Daniel Dantas deveriam travar conhecimento, trocar impressões, conversar mais amiúde. São os dois maiores orelhudos do país. São siameses, almas irmãs, vão se amar se se conhecerem.

  6. Jose Carlos
    quinta-feira, 26 de março de 2009 – 16:02 hs

    É o estilo Gestapo/Nkvd que possui o governo da comarca que afinal é admirador de um defensor destes métodos e que compõe a galeria dos maiores assassinos da humanidade: Fidel Castro… é o cangaço, a roça, o atraso que domina a quinta comarca…

  7. Orquídea
    quinta-feira, 26 de março de 2009 – 17:18 hs

    Isso não é nenhuma surpresa, quando os alunos do estadual fizeram a paralização no ano de 2007 para afastar a diretora Madselva e solicitar eleições no colégio, a P2 estava presente(obviamente a paisana), o que me surpreende é o que se faz com a verdade quando se detém o poder!!

  8. Antonio W
    quinta-feira, 26 de março de 2009 – 17:24 hs

    São coisas tais que esse (des)governo autoritário e déspota sabe fazer. Em verdade, no Paraná não tem democracia. Porque democracia pressupõe governo e oposição. O governo governa e a oposição fiscaliza. No Paraná não tem governo. No Paraná não tem oposição. No Paraná tem um corrrupto que lidera vários outros corruptos. Auditoria já nas contas públicas!

  9. juvenal antena
    sexta-feira, 27 de março de 2009 – 8:15 hs

    O presidente do IAP, madeireiro e caçador…tem que ser investigado mesmo!!!!
    -Eitah!!! governo sem pé nem cabeça….O dito cujo quer se eleger deputado às custas da modificação do código florestal e ainda…..sendo benevolente com os infratores.
    Com a palavra o Duce……no país das maravilhas!!!!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*