Requião e Delazari não comentam denúncias de superlotação | Fábio Campana

Requião e Delazari não comentam denúncias de superlotação

requiao-e-delazari

O governador Requião e o secretário da Segurança Pública do Paraná, Luiz Fernando Delazari, cumpriram o protocolo hoje de manhã durante a passagem de comando da Academia Policial Militar do Guatupê, em São José dos Pinhais. Mas nem um, nem outro, quis responder sobre o problema da superlotação nas cadeias do Paraná.

Quando os repórteres perguntaram a Delazari sobre a recente fuga de presas no 9º Distrito Policial de Curitiba, ele se limitou a dizer que está tomando providências. Mais nada.

Quanto ao afastamento de dois funcionários do IML, acusados de receber propinas de funerárias, Requião disse que o caso está sendo investigado.


8 comentários

  1. ronaldo
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 15:26 hs

    Êles não comentam esse assunto porque não tem o que falar, eu não comento esse assunto porque cansei de falar.

  2. Geraldo Medeiros
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 15:27 hs

    Então o Sr. Gerúndio estava com a dupla dinâmica hoje pela manhã!

    “Delazari….se limitou a dizer que está tomando providências.”

    “…do IML, acusados de receber propinas de funerárias, Requião disse que o caso está sendo investigado.”

    Que maravilha! Parece que ambos estão indo para o ocaso.

  3. O Povo
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 15:45 hs

    O Povo já está também tomando providências, a primeira será não eleger o Sr. Roberto Requião para cargo algum nas próximas eleições!

  4. BREAK
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 16:09 hs

    Isto só comprova de que os dois estão brincando um de Governante de Estado e o outro Secretário da Segurança Publica Estadual sabe o que é pior eles nem sabem brincar estão estragando o brinquedinho. Juntando os dois não da um homem de caráter se quer.

  5. BREAK
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 16:10 hs

    Parabenizo aqui o amigo que se intitula O Povo. Vamos dar a ele o que é dele um fora Requião.

  6. Mano da Vila
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 16:20 hs

    Requi é o verdadeiro midas lusitano, onde coloca a mão virá merreca!

    Fora Requião e Rambinho!

  7. Hmmm
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 16:21 hs

    Tem release sobre novas penitenciárias e sobre o caso do IML em http://www.aenoticias.pr.gov.br …Mas acho que o comentário sequer será publicado. Um agradecimento ao “Geraldo” por defender a inculta, bela e última flor do Lácio (ou Latium ou Lazio, como queiram).

  8. Pedro Rosario Neto
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 18:43 hs

    – O governador deixou de priorizar a educação em todos estes anos que governa o Paraná. Está aí a consequência natural : Superlotação das cadeias do Paraná;
    – É tão básico, pensar que é necessário PRIORIZAR a educação, mas parece que deixar o povão cada vez mais burro é o que interessa para as próximas eleições. Cabresto neles ….
    – Campana : é preciso pensar em uma estratégia para que cada vez mais pessoas leiam suas informações e os nossos comentários. Não tem sentido estas informações ficarem sendo lidas e comentadas pelos mesmos formadores de opinião…

    Abraço.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*