Mulheres da Via Campesina invadem Ministério de Stephanes | Fábio Campana

Mulheres da Via Campesina invadem Ministério de Stephanes

mst
Foto: Agência Estado

Centenas de mulheres ligadas ao MST invadiram hoje o saguão do Ministério da Agricultura. Elas aproveitaram o Dia Internacional da Mulher, comemorado ontem, para protestar contra o modelo agrícola e reclamar da decisão do Ministério Público do Rio Grande do Sul de fechar as escolas itinerantes em acampamentos do Movimento no Estado.

O objetivo não era falar com o ministro, apenas fazer barulho. E fizeram. Elas quebraram uma porta de vidro e feriram um dos seguranças no momento da invasão.

As manifestantes deixaram o Ministério no começo da tarde.


8 comentários

  1. Anônimo
    segunda-feira, 9 de março de 2009 – 16:25 hs

    Mulheres são perigosas como os homens,especialmente quando fazem parte de um bando de criminosos como o MST e outros grupelhos. Até quando os brasileiros que trabalham (ops., falar em trabalho aos membros do MST, em pegar no “cabo do guatambu”, causa irritação e brabeza inauditas, até com graves ameaças) serão obrigados a aceitar, goela abaixo, os crimes e desmandos dessa gente? Invadir prédio público é crime, invadir propriedade privada é crime, e então, como fica? E aqui no Paraná, onde existe um contubérnio entre o MST e o Governo, para quem sobra? Sobra para cidadãos de bem, trabalhadores que deram muito de si e de seus familiares para construir este belo Estado, e que, hoje, simplesmente são esquecidos. Já se viu o MST abrir estradas, derrubar florestas a machado com as mãos nuas, enfrentar geadas, enfim todas as dificuldades que foram antepostas nos últimos sessenta anos aos cidadãos de bem? Não, eles querem se apropriar de tudo aquilo que é bom, que já está feito e realizado, e que produz frutos. “Cabo do guatambu”, jamais! Vade retro! Não! Nein! Not! Finalmente a pergunta: Quando o governo estadual estará do lado da lei, da ordem, reconhecendo e dando a cada um aquilo que realmente merece (meritocracia), sem demagogia barata, e o que é pior, apoiando criminosos! PS.: Há semanas, a gloriosa PM do Paraná realizou um curso objetivando a desocupação de terras, e quem foi o convidado de honra, para ensinar os oficiais? Pedro Stédile!!!!! Ó Chico Buarque, chame o ladrão, chame o ladrão….

  2. AK47
    segunda-feira, 9 de março de 2009 – 16:31 hs

    ESSES PAÍS ESTÁ VIRANDO UMA BALBÚRDIA. AGÓRA OS MARGINAIS DO MST, COLOCARAM AS MULHERES PARA ESCUDÁ-LOS. ALÉM DE TUDO SÃO UNS COVARDES. D’AQUI A POUCO COMEÇAM A COLOCAR AS CRIANÇAS.

  3. ZORRA
    segunda-feira, 9 de março de 2009 – 16:42 hs

    A bandidagem do MST e Via Campesina faz o que bem quer no governo do Lula. Aqui no Paraná é a mesma coisa com este governador conivente, que acoberta toda essa bandidagem. Cade o Ministério Público, Federal e Estadual, “tão zelosos” pela defesa do patrimônio público e da legalidade dos convênios? Cade o Dr. Olímpio para apurar os crimes do MST e da Campesina no Paraná? ou tem rabo preso com o Governador? O que será que ele prometeu ao rei do nepotismo para ser nomeado Procurador Geral do Estado?

  4. Teodoro
    segunda-feira, 9 de março de 2009 – 17:04 hs

    Bandidos transvestidos de “mulheres do MST”, financiadas por dinheiro público(ONG’s) para fazerem bagunça, desestabilizar ambientes, criar clima de horor no campo e na cidade, agora invadir prédios públicos em nome da reforma agrária…. (Polícia, prisão e borracha em quem desobedece a Lei, antes que mais vítimas inocentes paguem pela loucuras de líderes despreparados e radicais).

  5. SYLVIO SEBASTIANI
    segunda-feira, 9 de março de 2009 – 18:07 hs

    Essas mulheres do MST não podem afrontar o Ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, afinal ele é um “Velhos Companheiro”!

  6. Rudimar
    segunda-feira, 9 de março de 2009 – 18:11 hs

    “Elas quebraram uma porta de vidro e feriram um dos seguranças no momento da invasão.” E ninguém será punido…

  7. new
    segunda-feira, 9 de março de 2009 – 18:22 hs

    NÃO ADIANTA O ALEMÃO É SÉRIO E CASADO ,E BEM CASADO.

  8. Carlão
    segunda-feira, 9 de março de 2009 – 18:51 hs

    O Ministro Stephanes vai atender bem e beijar as sem terras ele é do governo PT é povo !

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*