Confusão na Câmara entre evangélicos e militantes gays | Fábio Campana

Confusão na Câmara entre evangélicos e militantes gays

andrielly2

Neste momento, uma grande confusão toma conta do plenário da Câmara de Curitiba. A Casa está dividida. De um lado, representantes do movimentos gays em defesa da cessão de título de utilidade pública para a Associação Paranaense da Parada da Diversidade (APPD). Do outro, não menos exaltados, fiéis de igrejas evangélicas contra o projeto da vereadora Josete, do PT.

O vereador Algaci Túlio, que defende o projeto, foi vaiado pelos evangélicos quatro vezes durante seu discurso. Quando o vereador Pastor Valdemir Dias falou, o tumulto também foi grande. O presidente João Cláudio Derosso ameaça interromper a sessão.

A ex-candidata a verereadora pelo PT, Andrielly Vogue (foto), reclama da discriminação. “Isso é puro preconceito. Onde está a tolerância? Tem que haver o debate e os evangélicos sequer admitem isso”, protesta.


20 comentários

  1. Anônimo
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 17:44 hs

    Taí uma briga complicadíssima. Bom não entrar, pois o risco de sair “torrado” é grande demais. Agora, ficar de “camarote” esperando o fim (jamais haverá o fim dessa briga) pode ser muito instrutivo, pois alguns golpes baixos serão desferidos de parte a parte.

  2. ender love
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 17:46 hs

    todos com as mãos para o céu PASTOR VALDENIR ele que cordena a entrada no céu!!!!! preconceito barato esse o dele!!!!!!!

  3. Jacques de Andrade
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 18:05 hs

    Olha, não sou homossexual nem evangélico, mas acho ridícula a posição dos babadores de bíblia. Que bando de preconceituosos mais ridículos. fora

  4. Theo
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 18:08 hs

    Que bom que a Cidade não tem assuntos mais serios, para serem tratados por vereadores bem mediocres como esses.

  5. QUE TRABALHO HEIN?
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 18:19 hs

    INFELIZMENTE ESSE É O TIPO DE SERVIÇO QUE OS VEREADORES DA CÂMARA ESTÃO SE PRESTANDO ULTIMAMENTE QUE É SÓ PROPOR TÍTULO DE CIDADÃO HONORÁRIO E COISAS DESSE TIPO COMO HOMENAGENS A ASSOCIAÇÕES.
    FORAM ELEITOS PARA TRABALHAR EM FAVOR DO POVO E PARA FISCALIZAR O EXECUTIVO MUNICIPAL.
    DEVERÍAM ESTAR FISCALIZANDO AS OBRAS NA CIDADE E FAZENDO COISAS MAIS ÚTEIS ISSO SIM.
    ESSE GALDINO MESMO É UM QUE JÁ COMEÇOU AGITANDO E TRABALHAR QUE É BOM NADA.
    VAMOS TRABALHAR CAMBADA.

  6. Thidylicious
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 18:46 hs

    Realmente,os evangélicos deveriam ser um pouco menos hipócritas e se preocupar muito mais com outros problemas do que com uma lei que por ventura acabe com o preconceito…

    O Pastor Valdemir Dias tem que olhar mais pra dentro da igreja dele que com certeza tem muita gente que frequentam a própria igreja e vive se esbaldando em boates de curitiba…

  7. Geraldo
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 18:50 hs

    Está conversa de discriminção é puura conversa fiada. Esta bicharada que se aquetem, pois não deveriam ficar aparecendo por aí. É mau exemplo pra crianças e não vejo necessidade alguma de ter associação com utilidade pública, afinal é mais uma forma de arrancar dinheiro dos orgãos públicos que, provavelmente, será usado pra troca de sexo, pago com dinheiro do contribuinte.

  8. Carlão
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 18:53 hs

    Algaci Tulio e Andrielly, força e união nesta hora, desejo felicidades no projeto de voces !

  9. Mané
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 19:41 hs

    Quem diria Sr Algaci Tulio, da falecida Radio Clube B2, que teve 4.080 votos, com certeza maioria do seu eleitorado são o publico mais velhos, deve estar muito feliz com a posição do nobre vereador, ahhhé só falar pelo gabinete dele, já podemos ter um noção de como será o seu trabalho nesses 4 anos ou 2 anos, se conseguir se eleger para deputado, oque achamos dificil …

    ACORDA ALGACI TULIO

  10. O Povo
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 19:52 hs

    Falta de vergonha, e de trabalho sério para com a comunidade carente, estes são alguns de nossos vereadores relapsos.

  11. Marcos Lacerda
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 19:57 hs

    CURITIBA ESTÁ SEM PROBLEMAS OU DENUNCIAS DE CORRUPÇÃO MESMO PARA OS NOBRES EDIS PERDEREM TEMPO COM UM ASSUNTO DE TAMANHA RELEVÂNCIA.

    MESMO PQ UTILIDADE PÚBLICA NÃO MUDA MUITA COISA PARA A ENTIDADE.

    ASSINEM A CPI DAS LICITAÇÕES E HONREM O MANDATO.

  12. Pedro Paulo
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 22:33 hs

    Fico pasma com a postura desses vereadores travestidos de falsa moralidade. Atrás de um defensor da moral e bons costumes está um gay enrustido, doidinho pra soltar a franga. Ou melhor. As vezes até solta, só que ele não conta nem pra ele mesmo.

  13. segunda-feira, 23 de março de 2009 – 23:19 hs

    Cade os Catolicos nesta hora para dar respaldo relegioso!……………………..
    Cade os principios Blibicos!………

  14. Josue Monteiro
    segunda-feira, 23 de março de 2009 – 23:52 hs

    Foram muito bem o Algaci e a Renata Bueno…falas pertinentes e esclarecedoras.

    Em Tempo:

    CHUTAR A SANTA PODE ?

  15. Leite Quente
    terça-feira, 24 de março de 2009 – 0:45 hs

    Parabens aos 19 vereadores que votaram contra essa imoralidade. Era só o que faltava, votar coisa de viado. É o fim dos tempos.

  16. Wilson
    terça-feira, 24 de março de 2009 – 9:16 hs

    HA! HA! HA!

    Só bibas e bíblias voando!

  17. HELLO BIBAS
    terça-feira, 24 de março de 2009 – 13:40 hs

    AS BIBAS UNIDAS JAMAIS SERÃO VENCIDAS!!!!

    VEREADORESssss SAIAM DO ARMÁRIO!!!!

    O MUST NA VEDADE …..SERIA UM BEIJO GAY DO PROFESSOR GALDINO E O MARIO CELSO – UMA COISA DANTESCA.

  18. Marechal
    terça-feira, 24 de março de 2009 – 15:33 hs

    Quando o Estado será laico ?

  19. Tai
    terça-feira, 24 de março de 2009 – 19:33 hs

    Enrustidos que tem medo de sair do armário dá nisso, ficam escondidos atrás da bíblia e do falso moralismo!! Tentam rebaixar cidadãos que lutam pelos seus direitos alegando perversão, enquanto padres e pastores abusam sexualmente de crianças dentro da própria igreja!! O que NÓS vamos dizer para nossos filhos??!!!!

  20. samantha
    quarta-feira, 25 de março de 2009 – 17:17 hs

    Estamos juntas nesta luta,pois sabemos que o preconceito e a discriminação existem,mas não esperava encontra-los dentro de uma casa de leis…muito menos nma boca de um pastor que diz pregar a palavra de DEUS….foi uma grande descepção,mas perdemos uma batalha,mas não perdemos a guerra,pois a luta continua,e acredito SIMMM que chegara o dia que este tipo de preconceito será banido do nosso mundo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*