Alvaro Dias condena repasse de verbas públicas para o MST | Fábio Campana

Alvaro Dias condena repasse de verbas públicas para o MST

Alvaro Dias, foto: Denis Ferreira Netto

O senador Alvaro Dias (foto) condenou hoje, em Plenário, o uso político do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e tachou de ilegal o repasse de verbas pelo governo federal à entidade, anunciado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

– Não sei se pode existir alguém contra um programa de reforma agrária inteligente, mas é preciso dizer que aquele MST não existe mais, aquele MST foi invadido, houve uma invasão do movimento por pseudolíderes que na verdade não representam as aspirações de quem vive no campo. Transformaram o MST numa ferramenta política. O movimento transformou-se num aparelho com outros objetivos – disse o senador, acusando o governo de manter relações promíscuas com a organização.


13 comentários

  1. SYLVIO SEBASTIANI
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 21:25 hs

    Senador, depois que ví ontem no Fantastico quatro municipio do norte e nordeste, com gente, crianças , idosos, passando fome e o Governo dar dinheiro para o MST, e estes ficarem deitados nas redes, em pleno dia sem trabalhar. só posso dizer uma coisa : É REVOLTANTE!

  2. augustopt
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 22:53 hs

    Esse senador, se não me engano, quer ser candidato a governador e vai buscar agradar seu eleitorado, neste caso o latifúndio do Estado. O latifúndio estadual também tem o Osmar Dias ou o Beto Richa para fazer este mesmo embate político. Este e outro temas não se resolvem com estas ações espalhafatosas e temporais de algum político ou por um defensor de grileiros no judiciário. Se a sociedade quer solução deve aceitar as situações e achar soluções para ele. Uma ação concreta na solução deste gargalo da sociedade brasileira e aplicar a lei por exemplo nas terras com trabalho escravo que estão sendo descobertas aos montes e não vejo ninguém dizer aplique-se a lei e se coloque esta área para a reforma agraria. Chega de preconceito contra os que organizam os miseráveis para lutar pelos direitos.

  3. APOSENTADO
    segunda-feira, 2 de março de 2009 – 23:07 hs

    Mais uma vez o Alvaro Acerta na mosca e chama atenção das bandalheiras, desmandos e crimes do MST. Mas para ser Governador do Paraná não pode fazer como o Beto, ter por companhia o tal Klaus. Abra o olho Alvaro, o povão sabe distinguir e interpretar o velho refrão: DIGA-ME COM QUEM ANDAS QUE DIRTE-EI QUEM ÉS”

  4. terça-feira, 3 de março de 2009 – 1:02 hs

    Eita malabarismo, será que é preciso desenhar para que se entenda que o governo não repassa nenhum centavo para o MST?

    Fabio, o governo repassa algum recurso para o MST?

  5. CLOVIS PENA
    terça-feira, 3 de março de 2009 – 6:38 hs

    Muito certo o posicionamento do Álvaro.
    É possível notar o uso político de organizações que se convertem em meio de vida para alguns oportunistas.
    Com relação ao caso específico, Álvaro deve ter agradado bastante o outro lado, onde está o DEM, de Lupion.

  6. Anônimo
    terça-feira, 3 de março de 2009 – 8:02 hs

    Chega dos mesmos. Salve o Dr. Jamil Nakade.

  7. Tenorio Cavalcante
    terça-feira, 3 de março de 2009 – 8:28 hs

    Alvaro Dias – condena o repasse ao MST mas aplaude os repasses a UDR – Esse é o principal problema desse michael jackson da politica paranaense. Se ele ou irmão forem governador, irão acabar com o MST e privilegiar os latifundiarios…essa gente nao é democratica – não consegue equilibrio nas ações….portanto merecem ser rejeitadas nas urnas!!!

  8. SYLVIO SEBASTIANI
    terça-feira, 3 de março de 2009 – 11:20 hs

    Já comentei acima. Tem gente que gosta de ladrões, ou são, tem gente que gosta de desonesto , ou são, pois não é possivel, quando um homem público combate a corrupção,os ladrões do nosso dinheiro, é atacado e não estimulado. Assim o nosso Brasil não toma geito, se alguns defendem os corruptos, os ladrões do dinheiro do povo, então temos que : ‘SE GRITAR PEGA LADRÃO, NÃO FICA UM MEU IRMÃO”.

  9. J charuh
    terça-feira, 3 de março de 2009 – 11:26 hs

    Esse é meu Senador e meu futuro Governador e embora discorde dele em termos, acho que ele tem o direito de se manifestar.
    Em 2010 ÁLVARO DIAS Governador
    VOTE 45 !!!!!!!
    REQUIÃO Senador 151 !!!!!!!

  10. joão kassab
    terça-feira, 3 de março de 2009 – 15:19 hs

    AUGUSTOPT E TENÓRIO. OU VOCÊS SÃO AS MESMAS PESSÔAS OU FREQUENTARAM A MESMA ESCÓLA. A ESCÓLA DA CORRUPÇÃO DO PT DO LULA. ENTÃO VOCÊS ACHAM QUE O SENADOR ESTÁ SENDO IRRESPONSÁVEL POR DEFENDER A LEI? TALVEZ ELE NÃO TENHA SIDO ELEITO COM OS VÓTOS DE VOCÊS DOIS MAS A MAIORIA DO POVO PARANAENSE DEPOSITOU NELE A SUA CONFIANÇA E TÊM PARA SÍ QUE ESTÁ BEM REPRESENTADO NO SENADO FEDERAL. ACABAR CM O MST? NÃO TENÓRIO, NÃO O MST VERDADEIRO, QUE TEVE A SUA FORMAÇÃO PRIMEIRA COMO UM GRUPO QUE LEGALMENTE LUTAVA PARA A IMPLANTAÇÃO DA REFÓRMA AGRÁRIA MAS, O MST BANDIDO, QUADRILHEIRO, QUE DESVIRTUOU O MOVIMENTO PARA ORGANIZAR INVASÕES DE TERRAS PRODUTIVAS, ROUBAR GADO, ASSALTAR AS CASAS DE FAZENDAS , AMEDRONTAR PESSÔAS NO CAMPO, DESTRUIR O PATRIMÔNEO ALHEIO E SE MANTER NA CLANDESTINIDADE, NÃO SE ORGANIZANDO COMO UMA ENTIDADE DE DIREITO PARA NÃO SEREM ALCANÇADOS PELA LEGALIDADE. ESSE SIM É O MST QUE PRECISA ACABAR POIS ELE É UM FATÔR DE CONTAMINAÇÃO DAS IDÉIAS PROPÓSTAS DO PRIMEIRO MOMENTO DO SEU SURGIMENTO. E É ASSIM QUE SERÁ, QUER VOCÊS QUEIRAM OU NÃO, POIS A SOCIEDADE SE PROTEGERÁ POR SÍ, ATÉ PARA A MANTER A SUA PRÓPRIA SOBREVIVÊNCIA.

  11. Anônimo
    terça-feira, 3 de março de 2009 – 17:13 hs

    concordo em genero nùmero e grau com o sr. kassab.o movimento do MST è nada mais que bandidos reunidos p/ se apossar de bens alheios, com a conivência dos dirigentes principalmente do PT. ÀLVARO DIAS, UM SENADOR ESCLARECIDO, ATUANTE E RESPONSÀVEL, PRECISAMOS DELE P/ GOVERNADOR DO NOSSO ESTADO. QUE ELE CONTINUE COM O TRABALHO DELE EM BRASÌLIA, ESCLARECENDO AS PESSOAS E LUTANDO PELO BEM DAS PESSOAS DE BEM. PARABÈNS ÀLVARO PELA CORAGEM E A POSIÇÃO ACERTADA EM RELAÇÃO AO ASSUNTO.

  12. Cidadao F
    terça-feira, 3 de março de 2009 – 19:17 hs

    Qualquer pessoa que defende INVASOR, só pode ser DESONESTO e BANDIDO.
    Quem ‘e trabalhador e honesto, paga suas contas em dia e educa os seus para cumprir a lei e respeitar o direito dos outros, pode ser conivente sob qualquer bandeira com movimentos que invadem, saqueiam, roubam e ate matam em nome de um causa.
    Estes que devendem estes movimentos so podem morar em baixa da ponte ou vivem nas costas de alguem, porque concordar com invasao e um absurdo sem tamanho.

  13. sonia
    segunda-feira, 14 de setembro de 2009 – 12:09 hs

    e um absurdo o governo alimentar um movimento baderneiro como esse. Ninguem pode fazer nada contra isso? temos que ver nosso dinheiro ir pro ralo e tantas outras coisas de mais necessidade? a população nao tem conhecimento das verdadeiras atitudes de nosso governo federal. absurdo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*