Alvaro Dias diz que encontro com Pessuti e Doático foi casual | Fábio Campana

Alvaro Dias diz que encontro com Pessuti e Doático foi casual

alvaro-e-pessuti2102b

O senador Alvaro Dias assustou-se com a repercussão negativa de seu encontro com os peemedebistas Orlando Pessuti e Doático Santos em festa pública na praia de Caiobá (foto). Garante que foi convidado para uma homenagem e nem sabia que lá estariam o vice governador Pessuti e o fiel escudeiro de Requião, Doático.

Alvaro diz que tudo o mais é fruto de especulação e maledicência. Boa parte do publicado teve origem nas declarações de Orlando Pessuti.


25 comentários

  1. Juçara de Lima
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 15:43 hs

    Ué, mas não é o pessoal do Beto Richa e do Osmar Dias que fica dizendo que o Pessuti e o Álvaro não são nada? Porque agora estão com a pulga atrás da orelha. Ainda acho que esta dupla vai emplacar junto na campanha de 2010 e o senador Barbudão vai ter que cuidar dos boizinhos no Tocantins e o Beto vai ter que tocar a prefeitura de Curitiba, prá não ficar de mal com os eleitores, viu.

  2. bimbo
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 15:48 hs

    O Álvaro é louco de aparecer do lado do doático Guaipéca.

  3. OBSERVADOR
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 15:54 hs

    Dos pretensos candidatos a governador Alvaro Dias é o único que tem apartamento na praia de Caioba. Intriga dos adversários pretenderem dizer que algo que tenha acontecido na areia da praia de Caioba, seja articulação do Alvaro. Mesmo antes de ser governador do Paraná, já era proprietário do apartamento e sempre fez temporada em Caiobá. Quantas e quantas vezes ele participou de eventos nas praias do Parana, e não como outros que preferem Santa Catarina, por exemplo. Fuxico e intriga dos que não se conformam com a popularidade do Alvaro, que anda sem segurança e sem ninguem para monitorá-lo como outros fazem e presiçam para sentirem-se seguros. Alavro é povo.

  4. Luiz Maciel
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 15:55 hs

    A thurma do PMDB ficou plantando notas em jornais e blogs nos feriados anunciando o fato como grande encontro. E o Alvaro no seu blog matou os plantadores de falsas noticias….

  5. Tinga
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 15:57 hs

    Peruca Dias continua o mesmo de sempre!
    Olhem bem a cara deles.
    Ninguém está com cara de assustado.
    Encontro casual? Fala sério!
    Nem criança acredita.

  6. O Povo
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 16:06 hs

    Que coisa terrível, melhor o Álvaro não andar mais sozinho! rsrsrsrsr…..

  7. MARLUS
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 16:32 hs

    O PROBLEMA PARA OS ADVERSÁRIOS É QUE O ALVARO E O PESSUTÃO JUNTOS SERÃO IMBATÍVEIS NESTA PRÓXIMA ELEIÇÃO. POR ESSA RAZÃO, ESTÃO QUERENDO JOGAR LAMA NA ALIANÇA DOS DOIS. DUVIDO QUE CONSIGAM.

  8. martina regis
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 16:57 hs

    A ATRAÇÃO FOI O ‘PERFUME’ DA POCILGA!
    ESSE PESSOAL ‘DIAS’ E ‘REQUIÃO’ NÃO TEM LIMITES, SUGAM O PARANÁ HÁ MUITOS ANOS. ELES E SEUS ÁULICOS
    (DOATICO/PESSUTTI/E DEMAIS QUADRILHEIROS) devem ir para a cadeia
    o mais breve possível.

  9. Professor Jaquim
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 17:02 hs

    Caro Fábio, segundo informações que chegaram do litoral, o encontro de ontem no início da noite de Alváro com o Pessuti bem como o encontro no ínicio da tarde de Paulo Bernardo com o Pessuti, não foram nada casuais e sim bem programados e agendados por parte de ambos visitantes, que estiveram no Balneário Marajó no Condomínio Ilhas do Caribe compartilhando um excelente suco orgânico com Pessuti. Veja que isto sim politicamente foi uma verdadeira Terça-Feira Gorda !!

  10. Olegário M Dias
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 17:29 hs

    Mas e a foto dois?
    Ele explica também?
    Aquela que ele(a) está ao lado do Beto Pugliese.
    Será o efeito MILK. A voz da igualdade?

  11. quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 18:24 hs

    Esse encontro pode até ser casual, mas foi bem providencial ao Alvaro. Infelizmente o Alvaro representa exatamente a politica desses dois: ultrapassadas e populistas. Como Alvaro não conta com apoio nenhum, já percebeu que sua candidatura está à deriva, talvez numa última tentativa de gerar algum impacto, vai pro lado do vice-governador e do Doático 1500 votos. Depois ainda querem ele como governador do estado!!! pra atrasar o Paraná por mais 4 anos???. Depois dessa foto, já está bem claro quem deve ser o candidato ao governo de 2010 pelo PSDB, tá na hora de por essa turma na rua ( Pessuti, Requiões, Doáticos e também esse Alvaro Dias). São tudo farinha do mesmo saco….

  12. Geraldo
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 19:15 hs

    Bimbo, vc tá de elogios de chamar o Don Ático de guaipéca… “Aquilo” é um Jaguara com J MAIÚSCULO!!!

  13. LEAD
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 19:40 hs

    Gostava muito do Álvaro Dias, assim como gostava muito do Pessuti. Mas depois que eles começaram a pactuar entre si e com o Requião por perto, melhor deixar pra lá. São tudo farinha do mesmo saco.

  14. napoleao
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 19:56 hs

    Tudo a ver

    Assunto: Um fato duas versões

    Judy Wallman é uma pesquisadora de genealogia e histórico de famílias no sul da Califórnia. Recentemente ela resolveu conduzir uma pesquisa em sua própria árvore genealógica e descobriu o seu tio-bisavô, Remus Reid era o ancestral comum entre ela e o atual Senador pelo Estado de Nevada, Harry Reid. Ela e o Senador Reid tinham em Remus um ancestral comum.
    Ela descobriu também que seu tio-bisavô Remus Reid havia morrido enforcado, condenado por roubo de cavalos e roubo de trem no Estado de Montana, em 1889.
    A única fotografia disponível de Remus Reid mostra seu enforcamento, no Território de Montana, em 1889.
    No verso da fotografia de Remus Reid obtida por Judy durante sua pesquisa, estava a seguinte anotação: ‘Remus Reid, ladrão de cavalos, encarcerado na Prisão do Território de Montana em 1885, fugiu em 1887, roubou o trem Montana Flyer por seis vezes. Foi preso pelos detetives da Agência Pinkerton, foi condenado e enforcado em 1889.
    Judy então enviou um e-mail ao Senador Harry Reid solicitando informações sobre seu ancestral comum, Remus Reid, sem mencionar o que já sabia.
    Os assessores de Harry Reid enviaram-lhe o seguinte resumo bibliográfico sobre Remus, para ser inserido em sua pesquisa genealógica:
    “Remus Reid foi um famoso vaqueiro e cowboy no Território de Montana. Seu império comercial cresceu a ponto de incluir a aquisição de valiosos exemplares de cavalos de raça, bem como um íntimo e profícuo relacionamento com a Ferrovia de Montana. A partir de 1883 ele dedicou vários anos de sua vida ao serviço do governo estadual. Após isso ele licenciou-se para reiniciar seu relacionamento com a Ferrovia. Em 1887 ele foi o elemento fundamental em uma importante investigação conduzida pela famosa Agência de Detetives Pinkerton. Em 1889 ele veio a falecer durante uma importante cerimônia cívica realizada em sua homenagem, quando a plataforma sobre a qual ele estava cedeu logo após seu discurso.”

    Isso é política.
    Isso é saber apresentar os fatos sem mentir (muito).

  15. rque
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 20:18 hs

    sem comentarios

  16. Carlão
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 20:32 hs

    Alvaro, quando este Doático aparecer, chuta que é macumba !

  17. Luis
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 20:52 hs

    Francamente Senador Alvaro Dias, eu como seu eleitor fiquei muito decepcionado . Andar a tira colo com o Doatico é pra acabar, Me arrependi pelas vezes que votei no senhor.Por favor senador tenha postura.

  18. além do imaginario
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 20:54 hs

    Como assim…o senador com 40 anos
    anos de carreira politica, tem a desfaçatez, de chamar de maledicencia se falar em acordo com o Pessuti, de chama-lo de aliado.Tenha dó…Se nesse pais existissem partidos, ainda vá lá…Pondere…pondere, pois tanto um quanto o outro são bons de voto. O problema é levar o Requião e seu sequito para um proximo governo…Aí doí.

  19. OSVALDO ALCARAZ
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009 – 22:03 hs

    Eu acho que o Alvaro fez uma ótima troca. Trocou o Klaus pelo Doático.

  20. ISAAK
    quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009 – 7:51 hs

    Julgamento precipitado de alguns.
    Encontrar-se com Pessuti em qualquer circunstância é muito bom.

    Agora, o Doático é uma praga….está em todos lugares só pra complicar a vida dos politicos. Ele (Doático), sempre procura levar vantagem.

    Acredito mesmo que não foi intenção do Alvaro e Pessuti esse encontro.

    Depois, como diz o velho adágio, “amor de praia não sobe a serra”

  21. MARIA LUCIA
    quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009 – 8:44 hs

    POAEM EAPERNEAR A VONTADA. DISTORÇAM OS FATOS COMO DESEJAREM, MAS NÃO CONSEGUIRAM APAGAS AS OBRAS E REALIZAÇOES DE
    QUEM FOI O MELHOR GOVERNADOR DO PARANÁ E É O MELHOR SENADOR DO BRASIL. DIGNO, RESPEITADOR, EDUCADO E HONESTO. ORGULH0-ME DE SER SUA ELEITORA

  22. ATENTO
    quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009 – 9:26 hs

    ALCARAZ, na veia, veia mesmo e não véia. Com sintese voce conseguiu reduzir o marginal a pó de traque, colocou embaixo do c..da cobra.

  23. SYLVIO SEBASTIANI
    quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009 – 10:25 hs

    o Senador Alavro Dias sofreu muitas criticas por ter uma fotografia ao lado do Doático. Imaginaram se fosse ao lado do Requião?

  24. Fábio Max
    quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009 – 10:27 hs

    O AD já não teria o meu voto dentro de uma normalidade.

    Agora, fotografado ao lado do Doático, é que perdeu de vez!

    O Paraná precisa varrer o Requianismo! E isso inclui não reeleger o próprio Requião, o Romanelli, o Curinho, o Kielse e outros, e se livrar desse Doático, que não serve nem para suplente de vereador.

  25. quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009 – 10:27 hs

    Pessuti e Alvaro contra Osmar e Beto ? Com certeza é segundo turno.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*