Requião e o lixo | Fábio Campana

Requião e o lixo

Requião gastou uma fortuna para realizar um seminário sobre a crise mundial que daria soluções para todos os problemas do planeta e que ele sugere que Barak Obama adote como fórmula na condução dos Estados Unidos, ainda a maior potência do planeta.

Tudo bem, quem pode controlar a presunção do Duce? O que fica mal para Requião é perceber que enquanto ele sonha papéis de estadista disposto a salvar o planeta, não consegue realizar tarefas tão simples como a de realizar a coleta de lixo nas praias do Paraná durante a temporada.


23 comentários

  1. Zé do Coco
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 8:27 hs

    Tenho uma sugestão para o inquinado cidadão: recolha o lixo para dentro de sua honorável casa e utilize o papel higiênico usado na churrasqueira do Canguiri para assar os intermináveis churrascos…

  2. EDEVALDO
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 8:32 hs

    Vamos realizar um seminário para resolver o problema do lixo. Pronto… Mandem outro problema que nada que um seminário não resolve!!!

  3. gigi
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 10:47 hs

    Hospício nele! Será necessária desde já uma campanha anti louco para as próximas eleições par que essa maldição sai de uma vez do nosaso Estado combalido pelas maracutaias desse déspota.Será necessário um movimento sério e elucidativo para que os paranaenses nao se deixem enganar mais uma vez pelas promessas falsas,já que se encheu de dinheiro para tentar refazer a imagem,sobrecarregando o povo de mais impostos.Foi o pior governo que o Paraná ja teve.Cortemos esse mal pela raíz,povo do Paraná!Deixemos ele sem o manto da impunidade parlamentar para que possa responder por todo mal que causou.

  4. jango
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 11:16 hs

    Para Requião o lixo são os outros.

  5. CLOVIS PENA
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 11:28 hs

    alvez o setor se acostumou com a demanda de coleta fora de temporada, quando pagamos sem precisar do atendimento diário.
    Como em Guaratuba proliferam bandos de urubus, alguém eventualmente pode pensar que as aves higienizadoras resolvam o assunto naturalmente.

  6. Professores
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 13:13 hs

    Requião…lixo…taí duas palavrinhas que combinam!!!

  7. Lidia
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 15:25 hs

    Esse Rasca é um sujeito de pouca qualificação. É um fuleiro, coo dizia meu avô.

  8. Luis Carlos (break)
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 16:56 hs

    O correto seria Requião é o lixo na Politica Nacional.

  9. sábado, 3 de janeiro de 2009 – 19:37 hs

    Uma sugestão:

    Que tal o Sr. Todo Poderoso Governandor, passar uns dias nos nosso litoral , como um pobre mortal, sujeito a todos os incomodos que nos veranistas, e proprietarios de imoveis no litoral passamos, nessa época do ano?
    Manda ele lá, ficar convivendo com toneladas de lixo se decompondo nas calçadas, alem do mau cheiro que temos que aguentar, das infinitas enchentes, dos buracos enormes das ruas, da falta de toda e qualquer estrutura.
    Será que o convite será aceito?
    Duvidoooo….o Todo Poderoso, tem a seu dispor, toda a mordomia, que o nosso dinheiro paga!!!
    Indignação total…

  10. Ir@d@
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 19:48 hs

    Mais to aqui querendo entender uma
    coisita só.
    Quando as praias estava sob a responsa d Paranaguá, se não me
    falha a memoria, a coleta andava a mil.
    Dias desses ouvi esse comentario na
    Globo, foram atras d respostas.o por q
    do abandono.
    hahahahaa fala serio, a resposta
    foi nada mais nada menos q:
    ” NÃO ESTAVAM COLETANDO POR Q TINHA MUITO MOVIMENTO
    NAS ESTRADAS, PELA TEMPORADA.”
    Afffffffffffffffffffff, Quando Paranaguá se
    deslocava todos os dias pela PR.
    Tinha disso nao…..eiiita q morro e
    não vejo tudo.Isto é Brasilllllll

  11. O Bocudo
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 20:52 hs

    Se eu nao estou enganado o “grande” secretario Rasca na tinha anunciado em Dezembro ainda… q tudo estava resolvido… ate passou o numero do seu celular para a imprensa…. q vergonha!!!

    Governo requiao, o Rei dos Escandalos!!!!

  12. Sandro Feitosa
    sábado, 3 de janeiro de 2009 – 22:18 hs

    Pior do que tudo isso é o gasto absurdo que o governo tem com as atividades do Viva o Verão desenvolvidas pela Paraná Esporte, primeiro que tem mais de 500 funcionário públicos do Estado lá no litoral com diária do Estado de 120,00 por dia, depois tem só cupincha e gente do mais baixo escalão do Diretor de Lazer da Paraná Esporte Claudio Ribeiro o gângster número 1 e sua turma chulé entre eles Jewan Antunes o Henrique Faustino, Getúltio Guerra, enfim a galera do PC do B tá toda lá mamando mamando nas tetas do Estado…
    E o lixo? Bom lixo é a especialidade do nosso governo!

  13. Zezinho
    domingo, 4 de janeiro de 2009 – 2:31 hs

    Mas o BETO RICHA tambem não consegue reformar a rua 24horas…Não consegue licitar o transporte coletivo…e o lixo de curitiba se formos mexer…la se vão quase uma década de CAVO sem licitação…qual lixo é pior afinal?

  14. JoãoMariaDeAgostinho
    domingo, 4 de janeiro de 2009 – 10:49 hs

    Na verdade tudo depende de como a gente recebe as coisas, Campana.

    Você pode receber, por exemplo, as propostas do governador como faria Mao Tsé-Tung: “devemos apoiar tudo que o inimigo combate, e combater tudo o que o inimigo apóia”.

    Requião não quer dar conselhos a Obama, isso é você quem está dizendo. Os conselhos seriam dados pelos participantes que estiveram no evento, ecomistas de todas as partes do mundo. Entre eles, até mesmo o economista que é o mais viável presidenciável do nosso país. Acha pouco?

  15. Silvia
    domingo, 4 de janeiro de 2009 – 12:12 hs

    Pois então, aqui em Guaratuba, no começo da semana eu usei o celular divulgado do Secretário Rasca, que fez a empresa contratada ligar pra minha casa na mesma hora. Funcionou, porque no mesmo dia a coleta regularizou, todo o lixo foi retirado e continua sendo retirado regularmente. Se quiserem só criticar, espaço e papel aceitam tudo. Mas se quiserem ajudar, que tal recomendar aos VERANISTAS CURITIBANOS que embalem o lixo com mais cuidado, que recolham diariamente a porqueira que aprontam por aqui e que deixem tudo em ordem como encontraram? Falar é fácil, quero ver fazer….

  16. Furaca
    domingo, 4 de janeiro de 2009 – 12:32 hs

    O Zezinho só pode ser comediante!!! Abre o olho Zezinho!!!ahaha

  17. jango
    domingo, 4 de janeiro de 2009 – 17:08 hs

    Amigos/amigas do blog – lendo os comentários aduzo mais um. A grande verdade é que a sociedade precisa repensar os poderes públicos. Talvez seja uma ilusão, mas o descalabro nos levará a isto ou a coisa pior. Com algumas exceções, os governantes, políticos e autoridasdes de controle público constituem uma “elite” que se apoderou dos cargos públicos e das instituições para si próprios. De mandatários ou representantes da sociedade para atuarem em prol do interesse público e social formaram, em nosso país, e em especial em nosso Estado, uma “nomenklatura” de compadrio e troca de interesses pessoais e corporativo, quando não personalísimos, à custa do dinheiro público e do patromônio do Estado. Não existe no país posições com mais prerrogativas de poder, com os mais régios salários pagos pelo povo e com tais calhamaços de leis e normas para atuar em benefício das necessidades da sociedade que representam, e no entanto, com toda esta gente no poder, a sociedade não tem sequer satisfatóriamente atendidas as carências de educação, segurança, saúde e infraestrutura públicas. Ad exemplum: qual o diretor ou presidente de empresa no país que ganhe 24 mil reais/mes, com férias ao exterior, à custa do cofre da empresa, a cada 76 dias e ainda vai deixar um prejuízo de mais de 200 milhões ao seu sucessor, sem nenhuma responsabilização à vista ? Pois, o governador está nesta situação, a respeito do pedágio, e as ditas autoridades de controle público se fazem de desentendidas. E a sociedade, que vai pagar o prejuízo, também não reage. A coisa está falida, só que a sociedade, reduzida à anomia geral, está sustentando este esquema que não representa seus interesses. A quem aproveita esta situação ? Precisamos pensar nisto.

  18. rozane
    domingo, 4 de janeiro de 2009 – 17:22 hs

    E o lixo está dando mesmo muita dor de cabeça prá “prefeitada”. Aqui em Colombo, a população recebeu como presente de Natal muito lixo esquecido nas ruas, que só depois de muito barulho e contribuinte jogando lixo no patio da secretaria de administração, ouvimos do sr. Osni Mendes que em março tudo estará regularizado. Que LIXO. ~Cidadão Colombense, vc sabequem é esse moço ai?, e vc sabia que os vereadores reuniram-se dia desses p/votar projeto do prefeito para que a cobrança da taxa de coleta de lixo fosse juntada à conta de agua e esgoto da Sanepar? Sabe porquê? Inadimplência do IPTU, ou seja o povão não está mais PAGAAAAAAANO, ou melhor não está mais conseguindo pagar.

  19. herasmo braga
    domingo, 4 de janeiro de 2009 – 17:35 hs

    COMBINA COM O GOVERNO REQUIÃO,
    A CARA DO GOVERNO É O LIXO.

  20. Geraldo Medeiros
    segunda-feira, 5 de janeiro de 2009 – 10:08 hs

    Acho que o Fabio já entrou na reforma ortográfica pensando que o ‘é’ do verbo ser tambem perdeu o acento… A manchete correta seria “REQUIÃO É O LIXO”

  21. segunda-feira, 5 de janeiro de 2009 – 12:30 hs

    DE LIXO CHEGA O REQUIÃO.

  22. Robertão
    segunda-feira, 5 de janeiro de 2009 – 12:55 hs

    humffffffff….Tudo que vem do gov,é
    enganação.
    Falaram ai a cima de isenção
    do IPTU.
    E quem paga direitinho,e não ve o
    serviço feito.Deve amar kakakaka

  23. Caca
    segunda-feira, 5 de janeiro de 2009 – 20:24 hs

    É certo que temos sérios problemas com a coleta no litoral. Agora, também é importante perguntar: Este lixo está sendo destinado aonde? A destinação está correta, ou é em um lixão?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*