Delegado Newton Rocha defende currículo da Escola de Polícia | Fábio Campana

Delegado Newton Rocha defende currículo da Escola de Polícia

newton-tadeu-rocha

O diretor da Escola de Polícia, delegado Newton Tadeu Rocha, diz que compreende a resistência de alguns policiais ao currículo que inclui aulas de etiqueta e ioga. Ele explica que a idéia é fazer da escola um instrumento capaz de formar o policial mais bem preparado, pronto para atender a população da melhor forma possível.

O seu sonho está próximo de se realizar, a pós-graduação na Escola de Polícia, a primeira do país. Para o delegado Newton Tadeu Rocha, que antes era delegado-chefe da Divisão de Polícia Metropolitana, a Escola de Polícia é um desafio. “Além da qualificação profissional, vamos intensificar o aprendizado voltado para a excelência de atendimento à comunidade. Uma nova filosofia de trabalho aliado à eficiência científica”, disse o delegado.

Ouça a entrevista de Newton Rocha à repórter Aline Castro, da Band News FM:

Ou clique aqui para baixar o arquivo em formato mp3.


4 comentários

  1. Sérvolo
    segunda-feira, 26 de janeiro de 2009 – 16:58 hs

    Etiqueta !! Para doutor, fala sério …..

  2. HUSSEIN
    segunda-feira, 26 de janeiro de 2009 – 17:01 hs

    Certíssimo o Newton Rocha
    Além dos bons costumes, nossos policiais devem também cuidar da aparência para não serem confundidos com bandidos. A não ser quando em serviço secreto infiltrados no sub-mundo.
    A comunidade merece ser atendida com qualificação profissional. Afinal, ela é quem arca com o ônus.

  3. Rafael
    segunda-feira, 26 de janeiro de 2009 – 17:27 hs

    Em 1999 trabalhei com o Newton Rocha e se ele está fazendo isso agora na Escola Superior de Polícia Civil, está mais do que certo, mas não é só de Bons Modos que se vive um policial, acho que o governo deveria dar olhos para um aumento bem pompozo nos salários de todas as carrereiras.

  4. Ricardo Crovador
    segunda-feira, 26 de janeiro de 2009 – 22:48 hs

    Neste caso, palmas para o delegado!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*