Cheida defende aposentadoria dos deputados | Fábio Campana

Cheida defende aposentadoria dos deputados

cheida_

O deputado Luiz Eduardo Cheida (foto), do PMDB, defendeu hoje a aposentadoria dos deputados estaduais de R$ 10 mil por mês, de acordo com o projeto aprovado ontem de madrugada. “É justo que o deputado tenha a sua aposentadoria como qualquer outro trabalhador. Por isso votei a favor do projeto”, disse Cheida em entrevista à CBN.

O deputado só não concordou com a votação durante a madrugada. “Não pegou bem. É errado. Deveria ter sido feito em horário normal. Também fui pego de surpresa”, disse o deputado do PMDB.


28 comentários

  1. bimbo
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 15:35 hs

    O nobre deputado esquece que “qualquer outro” trabalhador trabalha 3 vezes mais que um deputado e se aposenta com milão pormês.

  2. advogado do povo
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 15:50 hs

    o Cheida até prova em contrário é um sujeito decente e honesto não deve manchar irrmediávelmente a sua biografia defendendo uma sinecura ilegal , imoral e inconstitucional . Deputado não é profissão é mandato , quem quiser aposentar-se deve filiar-se ao regime geral de previdência através do INSS , pagar suas contribuições mensais e vestir o pijama quando completar o tempo de 35 anos de contribuição como qualquer brasileiro, a aposentadoria dos deputados paga com recursos públicos é inaceitável sob qualquer ponto de vista. Além , existe à disposição dos Deputados que ganham altos salários a previdência privada à venda em qualquer banco . pisou na bola feio Cheida , arrependa-se e caia fora desta o quanto antes .

  3. Mano da Vila
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 15:57 hs

    O Cheida tem que provar que deputado é como qualquer outro trabalhador. Provando, tem que ter os mesmos direitos e obrigações, ou seja, trabalhar muito (pelo menos 40 por semana), ter salário rídiculo e e viver com aposentadoria medíocre.
    Eta corporativismo desgraçado que o povão vão ter que sustentar.

    Fora Cheida! Vai trabalhar!

    Cheida é mais um para a minha lista de “persnona non grata” nas próximas eleiçoes,

  4. carabina
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 16:05 hs

    O Sr. Cheida devia é ter votado contra o aumento de impostos, que vai na bunda do povo. DEMAGOGO BARATO!

  5. Gustavo
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 16:16 hs

    Estar deputado ou vereador ou qualquer outra porcaria politica nao é emprego.

  6. Dá-lhe
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 16:39 hs

    Está aí um pensamento errado. O mandato parlamentar pressupõe a vontade de servir em determinado espaço de tempo e não forma de carreira. É por isso que muitos defendem o fim da reeleição em todos os níveis só assim não estaria-se discutindo, nesse momento, essa excrescência que foi aprovada. Com o fim da reeleição seria muito dificil, quase impossível, um sujeito alcançar os vinte anos na carreira o que lhe possibilitaria uma aposentadoria quase integral. Enfim, NÃO À REELEIÇÃO EM QUALQUER NÍVEL. Chega do carreirismo.

  7. Zé da Assembléia
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 16:50 hs

    Pensei que o Cheida já tivesse garantido a aposentadoria dele quando estava na Secretaria de Meio Ambiente, com a compra superfaturada do parque Aníbal Khoury, com a compra superfaturada do terreno dos Maristas em Londrina, com o cancelamento das multas do pool de combustíveis, da milenia, da sadia, da ALL e outras mais, com a festa superfaturada da Mata Ciliar, com as licitações dirigidas do recolhimento de lixo na operação verão, com os consertos virtuais de veículos oficiais em oficinas mecânicas de compadres, com as medidas ambientais compensatórias que obrigavam a contratação do escritório de arquitetura do sócio de Forte Netto, com a compra de R$ 800.000 sem licitação em móveis e material de escritório que os funcionários da SEMA jamais viram e tantos outros escândalos que marcaram a desastrosa administração do Cheida no Poder Executivo Estadual…

  8. sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 17:19 hs

    Não acredito em política como carreira.
    Não gosto da forma como os políticos – um bom número deles – se conduz e conduz o panorama de nosso estado.
    Não…não “pegou mal”, não!
    Foi horrível!
    Foi tudo vergonhoso, desde a idéia em si até a forma como tudo foi feito, passando pelo fato de que eles recebem dinheiro demais!!!!
    .

  9. O POVO
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 18:12 hs

    Para mim farinha do mesmo saco

  10. vovô sacudo
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 19:04 hs

    até tú Cheida ? Voce é médico , tem profissão, já recolhe o INSS , médico ganha muito bem , nada te impede de clinicar durante a manhã , as sessões são à tarde , nada te impede de atender à noite , nada justifica que voce queira locupletar-se com uma aposentadoria imoral como esta , faça como os vereadores de Curitiba que já acabaram com estas aposentadorias ilegais hà vinte anos atrás .

  11. Lead
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 19:26 hs

    Hipócrita, isso sim. Lobo em pelo de carneiro.

  12. Carlão
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 20:02 hs

    Folgados, malandros e safados !!!

  13. Carlão
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 20:06 hs

    Isto não se faz, isto não pesa na cabeça de vocês ?
    Que teus filhos, pais e esposas, acham disto ?
    Correto e honesto ?
    ah, um dia vai vai pesar , ah vai …..

  14. SYLVIO SEBASTIANI
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 22:33 hs

    O DEPUTADO NÃO RECEBE APOSENTADORIA DE EX-PREFEITO? TEM DEPUTADO QUE VOTOU A FAVOR DA APOSENTADORIA QUE JÁ É APOSENTADO COMO DEPUTADO ESTADUAL, FEDERAL E PROCURADOR DA PROPRIA ILUSTRE ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO PARANÁ, AINDA VAI RECEBER MAIS? QUE PARANÁ É ESTE?

  15. Julio Cesar Caldas
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 22:46 hs

    Covardes, traiçoeiros, ratos de esgoto!!!

  16. Lelo
    sexta-feira, 19 de dezembro de 2008 – 23:51 hs

    Meu Deus! É muita cara de pau…O povo tem que se manifestar! R$ 10 mil reais? É piada? Tão tirando uma com a cara do povo? Cambada de vagabundos…

  17. Themis
    sábado, 20 de dezembro de 2008 – 2:01 hs

    Concordo com o Vovô Sacudo e o Advogado do Povo. Deputado exerce apenas um mandato, o qual espero que estes deputados que votaram neste projeto não voltem nunca mais a exercer! SHAME ON YOU!!!

  18. divo juruna
    sábado, 20 de dezembro de 2008 – 10:50 hs

    Carlão, essa gente é tão safada que os filhos já nascem safados. Eles devem achar tudo isso lindo.

  19. SYLVIO SEBASTIANI
    sábado, 20 de dezembro de 2008 – 20:33 hs

    NÃO FIGUEM ZANGADOS, FORAM DISTRIBUIDOS CESTA DE NATAL AOS FUNCIONÁRIOS DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA, UM “CALA BOCA”. OS FUNCIONÁRIOS INATIVOS NÃO RECEBERAM, BEM, MAS OS DEPUTADOS NÃO PRECISAM MAIS DELES, EMBORA SAIBAM DE MUITA COISA SOBRE OS FANTASMAS , GAFANHOTOS, ASSOCIAÇÃO DAS SENHORAS DOS DEPUTADOS,OS 22 MÉDICOS EFETIVOS MAS FANTASMAS, AS NOMEAÇÕES FRIAS E OUTRAS COISAS MAIS.ETA! DEPUTADOS DO PARANÁ QUE IRAÕ SE APOSENTAR COM R$10 MIL POR MÊS!.

  20. Damaceno
    sábado, 20 de dezembro de 2008 – 21:15 hs

    JUSTO, deputado
    Cheida??? Você acha JUSTO esta mamata de se aposentar com 10 mil reais/mês? O que dizer então de uma grande parcela dos brasileiros, que rala durante 35 anos pra se aposentar com um mísero salário mínimo??? DESJUMANO né? Sinceramente, como disse o Mano da Vila, vc também caiu no meu descrédito, assim como os demais que votaram a favor desta porcaria de lei! Queria poder soltar o verbo em cima de voces, mas acho que o Campana não publicaria. TÔ BRABO MESMO, indignado como a grande maioria do povo parananense!
    Feliz Natal pra vc com seu novo presentão!!!

  21. ANALFABETO
    sábado, 20 de dezembro de 2008 – 22:51 hs

    ANALFABETO, é isso mesmo. O nosso eleitor é o responsavel de tudo isso.
    É ele que elege esta gente. Somos um POVO DE ANALFABETOS POLITICOS, Vejam os indices de aprovação do LULA para ver que não existe consciencia politica e somos todos alienados. Aposentadoria parlamentar existe no mundo inteiro. Sejamos honestos com os bons deputados, que abrem mão de suas profissões e se dedicam por uma vida, muitas vezes sofrendo represálias e retaliações por suas atitudes e posições. Aposto que muito destes que aqui desfilam ataques imbecis não sabem dizer em que deputado votaram nas ultimas eleições e se duvidar nem mais lembram em que vereador votaram e eles nem ainda tomaram posse.
    A aposentadoria de um juiz, promotor ou quem exerça algum cargo de relevancia é uma garantia para o exercicio digno de uma atividade publica. Porque tem juiz safado que vende sentença vamos tirar a aposentadoria de todos ou vamos aprimorar o nosso sistema, para que apenas os honestos e competentes possam exercer o PODER. Então, senhores criticos continuem criticando os deputados, eles errarram em votar na calada da noite, mas utilizem este poder de argumentação para conscientizar o POVO a não votar mais em picaretas, fariseus que exploram as religiões, radialistas demagogos que se aproveitam do ridiculo para aliciarem o povão a lhes dar o voto alienado e com ele serem instrumentos de exploração do proprio povo. O instituto da aposentadoria paralamentar não é invenção brasileira. Os paizes desenvolvidos e cultos adotam. Vejam os fundos de pensão do Banco do Brasil o o PREVI ou da PETROBRAS, mesmo aqui da nossa COPEL, que paga aposentadorias substanciais. Em todos estes fundos a aposentadoria é proporcional ao tempo do serviço prestados, assim como é na PREVIDENCIA PÚBLICA. Analfabetismo politico é apenas CRITICAR, falar mal, engrossar o coro dos descontentes sem saber as verdadeiras razões desta posição e da critica. Bertold Brecht bem dizia que o analfabeto politico não sabe que é da politica que sai o preço do pão e da carne. Demagogicamente o LULA enganou o povão com o bolsa familia e o fome zero e hoje é um heroi do povão. Somos ou não somos um bando de analfas politicos? E não é só povão não, quantos destes pseudos intelectuais que desfilam suas idioices ou fazem suas catarses nos comentários do blogs, não são verdadeiras amebas em matéria de consciencia poltica.

  22. dilmar
    domingo, 21 de dezembro de 2008 – 13:37 hs

    vamos comprar JIMO CUPIM para os deputados, como presente de natal. Eu sugiro iniciar esse movimento. Compramos JIMO CUPIM e levamos para eles no primeiro dia de “trabalho” em 2009. Porque agora os VAGABUNDOS estão de férias.

  23. o letrista
    domingo, 21 de dezembro de 2008 – 15:17 hs

    ” RESPOSTA AO ANALFABETO”oi cara,vc faz uma defesa incondicional desses políticos que na calada da noite votaram suas próprias aposentadorias,só que vc deveria explicar em seu comentário que qq trabalhador tem que tabalhar 35 anos com carga horária de 40 horas semanais p/se aposentar.mas os teu nobres deputados vão se aposentar c/ quantos anos.Por favor reponda.é 35 anos???

  24. o letrista
    domingo, 21 de dezembro de 2008 – 23:23 hs

    Sr Fábio campana,VS deveria comentar o porquê que nas praias do município de Pontal do Paraná,não estão fazendo a coleta do lixo,faz mais de uma semana,estive em Praia de Leste e os lixos estão acumulados e gogados ao léo,é uma vergonha.dizem que foi feito um acordo com a prefeitura referente a data básica de aumento e a mesma não honrror o compromisso firmado,enquanto isto a população sofre c/ o descaso do prefeito reeleito do velho pmdb de guerra.

  25. Damaceno
    segunda-feira, 22 de dezembro de 2008 – 0:03 hs

    Escuta aqui, “Senhor Letrado”: eu posso dizer que pertenço a essa categoria que você, com desdém, chama de POVÃO. E tenho orgulho de pertencer a essa classe, essa classe que trabalha mais dignamente que muitos desses que voce defende, que rala, que toma ônibus, que enfrenta fila de INSS, fila de hospitais. etc. Classe que nesse governo Lula tem sido mais assistida, porque Lula sim governa mais para os pobres. Rico não precisa de governo, não precisa das suas benesses! Quem esperneia é porque viu as tetas secarem! Voce diz que o povão é analfabeto, então quando o povão elegeu FHC ele era INTELIGENTE??? Quaquaquá! Que nada, meu caro, o povão acordou, tá mais maduro agora! Prova disso é que o “povão” não foi na onda da imprensa golpista, que tentou de tudo derrubar o “analfabeto”! E olha que tem muitos “letrados” apoiando este governo agora! Engraçado, eu não vejo mais manifestações de empresários, dos grandes agricultores, de banqueiros, etc. Sinal que eles estão contentes né? Mas como diz o ditado, não dá pra agradar a gregos e troianos! Tá ligado, mano!!!
    Passar bem!

  26. JULIO CESAR
    segunda-feira, 22 de dezembro de 2008 – 8:28 hs

    Nós mesmos, somos os culpados, em época de eleições, eles conseguem fazer a cabeça do povo, é por isso que anulo meu voto a muitos anos., a política é podre.

  27. LEAD
    sábado, 2 de maio de 2009 – 2:09 hs

    O Cheida deveria requerer APOSENTADORIA da MILÊNIA de Londrina, fabricante de AGROGTÓXICOS, a sua financiadora predileta de campanha e deixar de posar de ambientalista falso.

  28. Alcione Carlos Solin
    segunda-feira, 4 de maio de 2009 – 20:23 hs

    Que patifaria (pra não dizer p-t-r-a)
    Cambada de vagabundos aproveitadores. Cargo público exercido por mandato não e emprego seus patifes. É sim uma oportunidade que se dá a qualquer cidadão de exercer um cargo importante durante um determinado tempo e apresentar projetos e aprová-los para melhorar a vida das pessoas através de comércio e indústrias mais lucrativas e folgadas de impostos com poder de fogo para pagar bem seus funcionários ou terceirizados com um mínimo de encargos fiscais. E depois disso voltar as atividades normais e lucrativas (que deveriam ser) e gozar das benesses dos projetos que aprovou quando em mandato voltando ao estado de eleitor.
    E de forma nenhuma estes anos de mandato poderiam ser contados para efeito de aposentadoria.
    Podendo voltar sim em outra oportunidade para novo mandato, mas não ser reeleito. E tem mais um detalhe, o mandato deveria ser sem remuneração, tendo apenas uma verba mínima para subsistência não superior a média dos salários percebidos pelos trabalhadôres das classes que defenderam, ou seja cada mandatário teria um salário diferente em cada cidade ou estado ou país de forma a ser incentivado a fazer grandes feitos para quando voltar a produzir, aí sim fazer jús a um cargo melhor e recuperar o que investiu.
    Mas… O que fazem hoje esses vadios?
    Eles só querem ser eleitos nem que seja na marra pra chegarem lá só pensando no rimeiro pagamento polpudo livre limpo sem descontos de nada + as verbas de represenrtação, fazer negociatas milionárias com empresários vendendo leis que já estão prontas na lojinha aguardando apenas uma boa oferta e daí elas saem da prateleira com alguns ajustes ao gosto do freguês e são apresentadas para serem homologadas através do conluio que as aprovam na madrugada onde os eleitôres não estão presentes para protestar a patifaria a festa que fazem com o dinheiro público sem se importar com quem vai pagar a conta se o estado vai quebrar ou não, se o povo vai se estrepar ou não. Eles não querem nem saber. Eles querem sim e meter a mão na grana.
    E teem ainda a cara de pau de votar leis de mandato de carreira, exigir aposentadoria como se fossem empregados. É um malcaratismo a toda prova que se revela a cada vez que surge uma notícia como esta (aprovado R$ 10.000,00 de aposentadoria para deputados) dizendo que tem os mesmos direitos de um trabalhador comum. Claro que tem os mesmos direitos mas lá na cadeia produtiva onde voces devem voltar para trabalharem e usufruir das coisas boas que aprovaram quando estavam no mandato que é público e é um cargo ocupado temporáriamente por alguem que se apresenta como voluntário para ajudar as coisa andarem na cidade no estado e na nação. Seus aproveitadôres sem vergonha na cara, não ficam nem vermelhos quando falam tais disparates. Parem e pensem, se é que ainda tem capacidade de raciocínio limpo que não seja defender o bolso cheio as custas daqueles que como eu ralam o dia todo a procura de algo pra fazer e não acha porque voces aprovaram as privatizações que a exemplo das teles quebraram todos os lojistas que vendiam celulares, pabx, telefones rurais, concentraram tudo em suas mãos dispensaram funcionários e terceirizaram tudo a preços de banana capando o mercado que está cheio de profissionais desocupados tentando defender o pão de cada dia pedindo um favor de cada vez e devendo até as calças pra mãe pra sogra. E cada um que trabalha hoje e tem a felicidade de ganhar seus 3 ou 4 mil reais por mês, vive apertado porque tem no mínimo um irmão um pai e uma mãe pra ajudar a sustentar porque foram sucateados pelo sistema que voces ajudaram a criar. Sem falar do crea que a mando de não sem quem (quem será em?!!!) impede qualquer atividade que por mais remota seja a possibilidade de se tornar um concorrente desses citados o crea esta caido de pau com uma prepotência desmedida lascando multa em cima de multa ao livre arbítrio sem aceitar negociação, explicação e nem sequer ter conhecimento de qualquer obra executada para basear um processo e se recusa a receber qualquer pessoa barrando já na entrada. A vida ficou muito difícil, isso é apenas uma das complicações que esses nobres ajudaram a criar. E o que voces acham do porque que o crime organizado, o tráfico, o contrabando, os sacoleiros, os biscaterios, os jogos ilegais e outras atividades paralelas se desenvolvem tanto? Em?!!! Digam!!! Não conseguiram adivinhar porque né…
    Posso ajudar?!!! Será que é porque não existe políticos? Será que os que existem são incompetentes?!!! Hã?!!! Talves eles não saibam que isso existe, estão tão preocupados com seus polpudos salários que não dá tempo pra pensar nisso né. Tudo bem. A prioridade de voces é outra maior que o estado que o pais que a do povo que passa necessidade.
    Pergunto. C a d ê o m é r i t o do salário de voces. Cadê?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*