Dez cidades podem ter que voltar às urnas | Fábio Campana

Dez cidades podem ter que voltar às urnas

Da Folha de Londrina

Em dez cidades do Paraná a indefinição do candidato que irá assumir a Prefeitura é preocupante para os eleitores. Nestes locais, o candidato que recebeu mais de 50% dos votos válidos tem pedido de impugnação de sua candidatura sendo analisado pelo Tribunal Superior Eleitoral. Neste caso, uma decisão desfavorável ao candidato por parte do TSE pode gerar a convocação de novas eleições, o que é previsto na legislação eleitoral nos casos em que mais da metade dos votos sejam anulados.

Em Ramilândia (81 km a oeste de Cascavel), os dois candidatos – Rui Spagnol (PDT) e Antônio dos Reis (PMDB) – tiveram seus registros de candidatura impugnados na primeira instância e aguardam decisão sobre o recurso no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Mesmo se as decisões do TRE forem desfavoráveis aos candidatos, eles ainda poderão recorrer ao TSE. Caso a candidatura dos dois seja impugnada em última instância, ou se for indeferido o registro do candidato mais votado, Rui Spagnol, que teve 53.04% dos votos, a cidade deverá realizar um novo pleito para a escolha do representante.

Em Três Barras do Paraná (85 km ao sul de Cascavel) o registro de candidatura do único concorrente à Prefeitura, Gerso Gusso, está sendo contestado. Embora uma decisão monocrática do TSE tenha dado provimento ao recurso do candidato e deferido seu registro, essa situação ainda pode mudar, caso haja recurso. Se a decisão final for pela impugnação, haverá novo prazo para registro de candidatos e outro processo eleitoral ocorrerá na cidade.

Nesta mesma situação no Estado ainda estão Almirante Tamandaré (Região Metropolitana de Curitiba), Bela Vista da Caroba (67 km a oeste de Francisco Beltrão), Boa Vista da Aparecida (65 km ao sul de Cascavel), Curiúva (154 km ao sul de Jacarezinho), Ibiporã (14 km a leste de Londrina), Manoel Ribas (146 km ao sul de Apucarana), Novo Itacolomi (52 km ao sul de Apucarana) e Roncador (100 km ao sul de Campo Mourão). (K.L.M.)


Um comentário

  1. segunda-feira, 20 de outubro de 2008 – 13:47 hs

    A matéria que fala de possíveis novas eleições em Municipios do Paraná não cita RIO AZUL, onde o candidato impugnado e que aguarda decisão do TSE, obteve mais de 60% dos votos válidos.
    Nestes 60% ( para ser mais preciso 61,99% ) já estão computados os votos nulos de fato.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*