Delegado atropela e mata três pessoas na BR 277 | Fábio Campana

Delegado atropela e mata três pessoas na BR 277

Um delegado da Polícia Civil atropelou e matou três pessoas da mesma família na BR-277. O acidente foi ontem à noite, em São Luis do Purunã, a 90 km de Curitiba. Entre as vítimas, uma criança de apenas um ano.

Marli Camargo, 30 anos, e o irmão dela Matheus Camargo, 14, tinham levado o filho de Marli, de 1 ano, ao hospital. Na volta, logo depois que desceram do ônibus e tentavam atravessar a rodovia para encontrar com o marido de Marli do outro lado da estrada, foram atropelados por um carro da Polícia Civil dirigido pelo delegado Benedito Gonçalves Neto.

Segundo a Polícia Rodoviária, chovia no local na hora do acidente. O delegado fez o teste de dosagem alcoólica e o resultado deve sair em 20 dias.


Um comentário

  1. Indignado
    quinta-feira, 16 de outubro de 2008 – 8:57 hs

    Por que irá demorar vinte dias para sair o resultado? Só por que o envolvido é um delegado da Civil? Então se tivessem mais pessoas que precisassem passar pelo bafômetro, não poderiam utilizá-lo, para não cobrir o “bafo” do Dele??? Brincadeira isso…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*