Casal de estudantes paulistas acusa Guarda Municipal de tortura | Fábio Campana

Casal de estudantes paulistas acusa Guarda Municipal de tortura

Da Gazeta do Povo:

A Corregedoria da Polícia Civil do Paraná irá investigar a denúncia de um casal de estudantes do interior de São Paulo que afirma que foi vítima de agressão por parte de membros da Guarda Municipal de Curitiba e da própria Polícia Civil. Eles dizem que foram torturados e humilhados pelos guardas e que, quando foram levados a uma delegacia, também sofreram agressões de um policial.

Leia Mais »


18 comentários

  1. Fred
    sábado, 11 de outubro de 2008 – 20:34 hs

    Não é a primeira vez que a Guarda Municipal comete abuso de poder. Acho que eles se inspiram no Coronel Itamar e nos Coronéis que ficam na mordomia na Guarda. Eles abusam do poder até com nepotismo do Coronel Itamar. Triste para Curitiba.

  2. Eduardo moreno
    sábado, 11 de outubro de 2008 – 21:49 hs

    Isso é que eles se acham policias sempre foi assim nesta guarda municipal, abusam de autoridade que eles não tem isso é falta de comando esse diretor da guarda é um incopetente e esta ali porque tem padrinho que segura as pontas pra ele, que pena que só o prefeito na ve isso.Quem paga é o povo.

  3. Henrique
    sábado, 11 de outubro de 2008 – 22:10 hs

    Tomem atitudes urgentes não vamos esperar acontecer tragédias na nossa cidade. Sou eleitor do Beto Richa e acho que ele nem tem informação do que está acontecendo na Guarda Municipal de Curitiba. Temos lá dois extremos, ou tem guardas que não fazem nada estão só de conversa mesmo quando estão nas ruas, nem prestam atenção no que devem fazer, ou ficam abusando do poder.
    Falta postura nos comandantes da Secretaria responsável. Beto, tenha coragem e faça uma limpa geral. Mão é porque fizeram campanha que tem aue estar no comando.

  4. Zebrão
    sábado, 11 de outubro de 2008 – 22:27 hs

    Salve Curitiba, a melhor capital do País. Com a palavra o prefeito ou o chato do vice.

  5. Lais
    sábado, 11 de outubro de 2008 – 22:28 hs

    POR FAVOR AVISEM PRA O PREFEITO SOBRE TUDO ISSO. QUEREMOS SABER DAS PROVIDÊNCIAS

  6. Leoni
    domingo, 12 de outubro de 2008 – 1:28 hs

    E enquanto isso a segurança em Curitiba tá uma porcaria. Mudem toda a direção da Guarda Municipal antes que a gente se antecipe e mude de prefeito.

  7. Amanda do Gus
    domingo, 12 de outubro de 2008 – 6:08 hs

    Eta historinha mal contada!!!!

  8. Mirosmar da Paixão
    domingo, 12 de outubro de 2008 – 8:28 hs

    Fica Beto Richa, fica…. Ficou! Ficou a fila nos postos de saúde, o congestionamento no trânsito, as arbitrariedades da Guarda Municipal, os fantasmas da prefeitura….

  9. Nagibão
    domingo, 12 de outubro de 2008 – 9:04 hs

    Que isso – tudo invencionice – temos a melhor segurança publica do planeta capitaneada pelo melhor prefeito do Universo reeleito com uma votação de fazer inveja a jesus cristo….

  10. Ricardo
    domingo, 12 de outubro de 2008 – 10:52 hs

    Pergunte pra qualquer mendigo da Catedral, qualquer um dos meninos que ficam nos sinaleiros ou mesmo os carrinheiros que atravessam o centro o que eles acham da Guarda Municipal.
    Essa é a Cidade Maravilhosa em que nós vivemos.
    FICA BETO!

  11. alvaro
    domingo, 12 de outubro de 2008 – 12:20 hs

    com bandido eles não tem esta coragem toda. São uns verdadeiros covardes estes seres da guarda municipal. E afinal, para que serve mesmo esta tal guarda municipal???? definitivamente uns m…

  12. Lionel
    domingo, 12 de outubro de 2008 – 19:04 hs

    E aonde eles devem estar protegendo as pessoas eles não estão. Estive hoje na praça do Japão, tinha uma briga de pequenas gangues e a Guarda não estava lá. E o Secretário Coronel, onde estava. È melhor tirar esse sujeito e colocar o Francesquini.
    Beto Richa dê atenção prá nossa cidade.

  13. Gerson
    domingo, 12 de outubro de 2008 – 21:13 hs

    A GUARDA MUNICIPAL tem que ser a segurança do morador da cidade. Se ela age com violência é sinal que não teme a sua chefia. A GUARDA é para PROTEGER e está inserida na DEFESA SOCIAL. Será só no nome? Esperamos solução para esse impasse.

  14. irene
    segunda-feira, 13 de outubro de 2008 – 11:31 hs

    a gazeta do povo, munida de contratos milionários de propaganda com o governo federal do PT, está numa campanha declarada de criar factóides contra a prefeitura de Curitiba. Prefiro não julgar antes dos fatos serem averiguados. Se for verdadeiro o que se fala da guarda, que sejam punidos e exonerados. A questão é que, se for falso, a gazeta JAMAIS irá informar seus leitores de que lançou uma notícia falsa.

  15. segunda-feira, 13 de outubro de 2008 – 12:11 hs

    Ouvi o relato do casal pelo rádio e, também, o comentário do comandante da Guarda Municipal. Fiquei estarecido com ambos. O casal pela humilhação e tortura sofridos. O comandante disse que os guardas teriam sido agredidos pelo casal (?). Não especifica que tipo de agressão os guardas sofreram, provocando a reação tão brutal sofrida, como consequência.
    Êta cidade de primeiro mundo!

  16. Guardalupe
    segunda-feira, 13 de outubro de 2008 – 14:36 hs

    O comandante da Guarda Municipal é um assessor de bosta…sua guarda não é patrimonial comandante? Tenha vergonha na cara comandante e coloque estes fascistas e torturadores na rua, pois só prestam mesmo é pra torturar ou recomendar q a gente ligue pro 190!!!

  17. segunda-feira, 13 de outubro de 2008 – 15:00 hs

    Se o fato ver verdadeiro, é uma vergonha. Mas também é um reflexo da impunidade reinante neste país.
    Já testemunhei a violência e o despreparo da guarda municipal, assim como já fui bem atendido em outros casos.
    Acho que temos uma parcela de culpa por deixar a situação chegar nisso. Se não exigirmos nossos direitos a tendência é piorar.

  18. domingo, 19 de outubro de 2008 – 21:51 hs

    O que me choca não é o fato em si, mas a acefalia reinante em nossa cidade como mostram algumas mensagens acima. Vcs não perceberam que houve uma certo exagero na denúncia? Não acham que a história está mal contada? E aproveitam para expressar seu descontentamento com a política em geral em cima de profissionais que fazem bem o seu trabalho, mesmo não tendo condições.

    A história é MENTIROSA, esses dois são falsas testemunhas e iso será provado pelos guardas acusados em juízo. Se querem conhecer o outro lado da história leiam:

    http://oguardamunicipal.blogspot.com/2008/10/casal-acusa-guardas-municipais-de.html

    Ah, e eu tenho certeza que todos os que se manifestaram acima ficariam muito felizes em ter um guarda por perto quando em risco. ninguém fala das situações que tive que encarar sozinho depois do trabalho quando me dirigia para a faculdade, isso porque não quis me omitir, mesmo podendo e eu sei que muitos fazem assim.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*