Bovespa cai 10% e fecha no menor nível em 2 anos | Fábio Campana

Bovespa cai 10% e fecha no menor nível em 2 anos

O pessimismo dominou as bolsas e a crescente certeza de uma recessão prolongada comandou mais um dia de perdas profundas nos mercados internacionais. O movimento contaminou a Bolsa de Valores de São Paulo. O Ibovespa fechou em queda de 10,18%, aos 35.069 pontos, no menor nível desde setembro de 2006.

Na última hora do pregão, os negócios chegaram a ser mais uma vez suspensos pelo circuit breaker, depois de o índice ter ultrapassado 10% de baixa. O giro financeiro da sessão foi de R$ 4,2 bilhões.

O circuit breaker não havia sido usado por quase dez anos até o início da crise. Agora entrou de vez no nosso vocabulário: é a sexta vez nas últimas semanas que a Bovespa precisa parar para esfriar por 30 minutos .

Gato morto

Os brasileiros começam a se familiarizar com outros termos do jargão financeiro, como o dead cat bounce, algo como “o pulo do gato morto”, termo figurativo usado na indústria financeira para descrever a alta temporária de ações logo após uma queda extraordinária.

“Até um gato morto pode quicar uma vez se cair de uma grande altura” é uma das frases míticas de quem trabalha no chão das bolsas de valores. Quando todo mundo começa a vender na baixa, alguns espertos começam a comprar. Os indíces sobem, mas não por muito tempo. É apenas um espasmo.

Com as ações chegando ao fundo do poço, veremos nas próximas semanas esse gato morto dar ainda vários pulos para cima. Mas não se deixe tomar pelo otimismo. O gato ainda está morto.

Sugestões de leitura

“China deve ser a grande vencedora” — Professor de Yale afirma que Brasil pode se beneficiar de expansão do mercado doméstico chinês.

Entrevista com Slavoj Zizek — “O século americano terminou”, diz Zizek. No lugar, teremos a formação de diversos centros de capitalismo global, inclusive na América Latina.

Como curiosidade, o Panamá, um lugar abençoado que não tem banco central, continua próspero (texto em inglês).


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*